Nutricionista explica a importância das leguminosas na alimentação

Segundo Alessandra Luglio, incluir este grupo na alimentação auxilia no bom funcionamento do corpo e da saúde

Aliar uma alimentação equilibrada com exercícios físicos é uma forma de manter um estilo de vida saudável e de diminuir riscos de doenças e outros problemas de saúde. Dentro de um cardápio semanal, é fundamental garantir a oferta de todos os nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo, como proteínas, vitaminas e minerais.

E, para isso, variar a alimentação é importante não só para não enjoar dos alimentos, mas também para aumentar a gama de nutrientes consumidos. As leguminosas, por exemplo, são uma opção de alimento que ajuda a variar os sabores e as cores das proteínas que entram no seu prato. Além disso, elas possuem fibras que colaboram para um bom trabalho intestinal e contribuem para o controle dos níveis de colesterol no sangue.

A nutricionista Alessandra Luglio, da P4B, explica que a ingestão diária de uma porção desses alimentos é importante numa dieta balanceada. “As leguminosas são pobres em gordura saturada, ricas em fibra e possuem proteínas importantes para o corpo humano. Além disso, este grupo alimentar tem baixo índice glicêmico, o que indica mais saciedade”, finaliza a nutricionista.

Confira algumas leguminosas para incluir no cardápio:

Ervilhas

ervilha dmedina
Foto: D.Medina/Morguefile

A ervilha é fonte de fibras solúveis, que auxiliam a lentificar a absorção de gorduras e açúcares e a regular o intestino, além de serem ricas em vitaminas e minerais.

Feijão

feijãoooo
Além de ser rico em proteínas e fibras, contém minerais como fósforo, que está presente na membrana das células; magnésio, que além de estar envolvido na estrutura de ossos e dentes, também é importante no funcionamento do sistema nervoso e dos músculos, e ferro, que atua na formação das células vermelhas do sangue e no transporte de oxigênio para todas as células do organismo. Para melhorar a absorção do ferro presente nele, consuma um alimento fonte de vitamina C na mesma refeição, como um suco de acerola ou um limão espremido na salada, por exemplo.

Lentilha

lentilha alvimann
Foto: Alvimann/Morguefile

Ricas em zinco, que ajudam a fortalecer o sistema imunológico. Além disso, sua alta quantidade de fibras melhora o trânsito intestinal e alivia a prisão de ventre e o inchaço da barriga. Na mistura com arroz, tem um perfil de proteínas mais completo, pois une os aminoácidos destes dois alimentos.

Soja

soja.jpg
Rica em fibras e gorduras poli-insaturadas. Tem seu destaque maior pela sua proteína, que é considerada biodisponível e com alta digestibilidade. Ou seja, é considerada a mais completa dentre as proteínas vegetais. Além do consumo da sua cozida em saladas e refogados, é possível variar com outros produtos à base dela, como tofu e bebidas de soja.

Fonte: AdeS

Anúncios

Um comentário sobre “Nutricionista explica a importância das leguminosas na alimentação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s