Chocolate: aliado da saúde e da beleza da mulher

Toda mulher sabe: alguns dias do mês pedem por um chocolate. Mesmo que seja um singelo bombom. Claro, algumas não se contêm e comem um caixa. Mas o chocolate é um aliado ou um vilão na vida da mulher?

Marisa Patriarca, professora de Ginecologia da pós-graduação da UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo), orienta que o chocolate pode ser muito mais herói do que bandido.  “O chocolate é, sim, um bom aliado em um determinado período do mês. O cacau causa sensações de bem-estar e melhora o humor, principalmente na fase da Tensão Pré-Menstrual, a terrível TPM”, confirma a médica.

Marisa recomenda o consumo daqueles que têm 70% ou mais de cacau na sua fórmula, e pouca gordura, isso porque as substâncias do chocolate elevam os índices de serotonina, neurotransmissor ligado à sensação de prazer, daí melhoram os níveis de sono, a ansiedade e a depressão que acometem muitas mulheres no período pré-menstrual. Também na TPM, o organismo feminino apresenta mudança hormonal e tem o metabolismo alterado, o que impede a absorção de alguns nutrientes. Quando o corpo sente falta de algum nutriente, tende a querer buscá-lo. Por isso, ter vontade de comer um chocolate naquele período é quase um pedido de socorro do organismo.

pascoa

Além disso, o chocolate reduz o apetite por doces e ajuda a combater o colesterol ruim (LDL). Por ter antioxidantes, os flavonoides e os polifenóis na sua composição, ajuda a prevenir doenças cardiovasculares. O chocolate também serve como anti-inflamatório, diminui o risco de diabetes e atenua os danos oxidativos da radiação ultravioleta sobre a pele. Ou seja, deixa a mulher mais bonita.

Porém, a ginecologista recomenda moderação para evitar ganho excessivo de peso e todos os efeitos adversos causados pelo mal consumo. Aliás, como tudo na vida. Então, nessa Páscoa, Marisa Patriarca recomenda: “Bora lá, ser feliz. Você merece!!”

bombom.png

Fonte: Marisa Patriarca é ginecologista e obstetra , professora de ginecologia do curso de pós-graduação da Unifesp. Tem mestrado e doutorado pela Unifesp. É médica assistente doutora e coordenadora do Setor Multidisciplinar de Pesquisa em Patologia da pele feminina do Departamento de Ginecologia da Unifesp. Chefe do Setor de Climatério do Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo ( IAMSPE).

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s