Cuidados para quem pretende pegar a estrada no próximo feriado

O primeiro semestre está sendo generoso para o brasileiro. Depois de dois feriados emendáveis (Páscoa e Tiradentes), mais uma ponte com o final de semana se aproxima: é o Dia do Trabalho, em primeiro de maio, que desta vez cai numa segunda-feira.

Para quem quiser aproveitar a folga para viajar de carro, a plataforma de caronas BlaBlaCar alerta: não é só o automóvel que necessita de revisão e cuidados. É importante estarmos atentos à saúde também, principalmente no caso de quem assume o volante. Horas de viagem incessantes, dirigindo na mesma posição, podem trazer problemas sérios ao corpo, como dores musculares, cansaço, dor nas costas, na cabeça e até nos braços.

Segundo o ortopedista do Hospital Santa Paula, Fabiano Cunha, o simples ato de dirigir em uma estrada gera estresse e tensão. É importante conhecer os limites do corpo, estar descansado, alimentado e hidratado para enfrentar horas de estrada.

Entre os sintomas mais comuns para quem dirige por mais de duas horas, por exemplo, estão as dores no pescoço, que podem irradiar para a cabeça ou para os braços, e a dormência nas mãos. Quando o condutor enfrenta chuva na estrada, o risco de estresse e dor é ainda maior, já que aumenta a tensão e o receio de cruzar com motoristas imprudentes.

Cunha lembra aos condutores a importância de reconhecer os limites do corpo e dá algumas recomendações para quem costuma pegar a estrada por longas horas ou pretende viajar nos próximos dias:

Caminhada e alongamento

road-trip-exercise-art
Foto: Thetravellingsaleswoman

· Se o condutor estiver dirigindo por mais de duas horas, é necessária uma pausa para caminhar por 5 minutos e melhorar a circulação sanguínea nas pernas e relaxar a coluna. “Quando sentamos, o peso fica todo na coluna, o que é muito prejudicial. Essa parada também permitirá respirar mais calmamente, melhorando a oxigenação cerebral e dos órgãos”, afirma o médico;

· Durante a caminhada, o doutor aconselha fazer um alongamento, movimentando o joelho na altura do quadril, como se fosse marchar. Depois, com as mãos na cintura, fazer movimentos para a esquerda e direita com o tronco, para alongar a coluna. Por último, movimentos circulares do pescoço, cabeça, braços e punhos.

Líquidos e alimentos

mulher-bebendo-agua-sol-calor-pixabay
Pixabay

· Evitar comer muito e dirigir logo em seguida, pois aumenta a chance de o condutor sentir sono no caminho;

· Ingerir líquidos como água ou suco durante a viagem melhora a circulação sanguínea e reduz o sono. A ingestão de alimentos leves também é importante porque dirigir consome energia, principalmente cerebral.

Posição na direção

blabla.jpg

· A posição normal de dirigir deve ser a mesma de sentar em uma cadeira, no ângulo de 90 graus. Porém, muitos carros têm bancos que colocam o joelho em uma posição mais alta do que o quadril, o que pode comprimir as veias na parte anterior do banco. Nesses casos, a recomendação é colocar uma pequena almofada no assento, na parte de trás, e sentar em cima dela de forma a manter a mesma altura entre quadril e joelho.

Fonte: BlaBlaCar

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s