Atividades físicas para pets: benefícios e como incentivar a prática

Além de combater a obesidade, a atividade física melhora o condicionamento cardiovascular e respiratório, fortalece ossos, articulações e músculos, e aumenta principalmente o bem-estar do animal.

Os exercícios também beneficiam animais estressados e/ou com problemas de comportamento, diminuindo os sintomas de transtornos comportamentais, como os hábitos de destruição de objetos e do ambiente. Ao gastarem sua energia nos exercícios, os pets se tornam mais calmos, menos ansiosos, e assim, melhores companheiros. A socialização do pet também é muito favorecida pela prática regular de exercícios.

De olho no bem-estar e na saúde dos pets, a Farmina Pet Foods, empresa de origem italiana especializada no desenvolvimento de soluções nutricionais que respeitam a natureza alimentar de cães e gatos, sugere dicas de como o dono pode incentivar a atividade física.

Cães e o passeio diário

cachorro correndo taliesin
Foto: Taliesin

Cães são animais que por natureza gostam de caminhar. Seus ancestrais, os lobos, são conhecidos por terem hábitos migratórios, andando por muitos quilômetros na busca de novas áreas de caça ou seguindo suas presas. Os cães domésticos herdaram essa disposição e gosto pela caminhada. Por isso, para a boa saúde física e emocional do cão e respeitando a natureza desse animal, é fundamental levá-lo para passear.

Gatos e a exploração do território

gato brincando

Os exercícios dos gatos são mais ‘solitários’ e menos interativos com os donos que os dos cães. Isso se deve a personalidade mais independente destes animais. Não é comum, por exemplo, conseguirmos levar um gato para passear. Os gatos são caçadores e exploradores natos e têm o hábito de fazer rondas e passeios em seu território, fator importante para a manutenção de seu peso ideal e do seu bem-estar. Por isso, é importante incentivar esse hábito.

Sabe quando o gato sai correndo feito um doido pela casa, perseguindo um inseto, ou quando ele repentinamente ataca o seu pé? Pois é, isso é o instinto de caçador dele aparecendo dentro de casa, e não precisa ser coibido. Devemos estimular e participar destas atividades. Prover a sua casa de brinquedos e instalações que estimulem esses comportamentos de caça, de escalada, de se esconder e de arranhar é uma boa forma de incentivo.

Cuidados necessários

cachorro correndo

Com cães: quando os cães colocam a língua para fora e ficam muito ofegantes, eles estão te dando uma dica: ‘é hora de descansar’! Também vale ficar de olho no chão: pisos muito abrasivos ou muito quentes vão machucar e ferir as patinhas dele. Prefira horários com a temperatura mais amena para os passeios e não se esqueça de levar água, um potinho para ofertá-la e os sacos plásticos para recolher as fezes.

Com gatos: a oferta de brinquedos e atividades de qualidade já possibilita que eles possam se exercitar. Cabe a nós estimulá-los e curtir essas ‘gatices’, que podem ser muito divertidas e relaxantes.

Fonte: Farmina

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s