Dia Mundial da Hipertensão: cardiologista esclarece dúvidas

Hoje, 17 de maio, comemora-se o Dia Mundial da Hipertensão que tem como o objetivo mostrar à população a importância de aferir a pressão arterial com regularidade e incentivar hábitos de vida saudáveis.

Segundo a Sociedade Brasileira de Hipertensão (SBH), a doença acomete uma em cada quatro pessoas adultas. Estima-se que a doença atinja em torno de 25% da população brasileira adulta, chegando a mais de 50% após os 60 anos, e 5% das crianças e adolescentes no Brasil. A doença é responsável por 40% dos infartos, 80% dos derrames e 25% dos casos de insuficiência renal terminal.

De acordo com o cardiologista e diretor médico do Hospital Santa Paula, Otavio Gebara, a pressão arterial se eleva por vários motivos, mas principalmente pela contração dos vasos sanguíneos. “A pressão alta compromete os vasos sanguíneos, coração, rins e cérebro. A doença atinge pessoas de qualquer idade ou peso, mas prevalece em adultos”, explica.

A pesquisa Vigitel divulgada recentemente pelo Ministério da Saúde fez um levantamento com mais de 53 mil pessoas que vivem nas capitais e mostrou um aumento de 60% nos casos de obesidade entre 2006 e 2016. De acordo com a pesquisa, o Brasil viveu nos últimos dez anos uma transição de desnutrição para obesidade que contribuiu para o crescimento de 61% de incidência do diabetes e de 14% nos diagnósticos de hipertensão. Para conter esses números, uma das metas do Ministério da Saúde é a retirada de 14 mil toneladas de sódio dos alimentos industrializados em quatro anos.

Quando um indivíduo apresenta hipertensão arterial e não tem acompanhamento médico pode apresentar dores de cabeça, vômito, dispneia (falta de ar, dificuldade para respirar), agitação e visão borrada. A pressão alta não tem cura, mas deve ser tratada para evitar complicações. O tratamento engloba medidas gerais de reeducação no estilo de vida, como alimentação, prática de exercícios físicos e medicamentos.

Veja a seguir 10 dicas do cardiologista:

1) Reduza a quantidade de sal. Use no máximo 1 colher de chá para toda a alimentação diária. Não utilize saleiro à mesa e não acrescente sal no alimento depois de pronto. Dê preferência aos temperos naturais como limão, ervas, alho, cebola, salsa e cebolinha.

sal

2) Diminua drasticamente o consumo de açúcar.

sugar

3) Mantenha um peso saudável. Também é importante avaliar a medida da circunferência abdominal (cintura). O homem não deve ultrapassar 102 cm e a mulher 88 cm. Uma pesquisa recente do Ministério da Saúde aponta que a obesidade atinge 18,1% da população da capital de São Paulo. A obesidade é um fator que predispõe a hipertensão. A perda de peso ajuda a controlar os níveis.

peso-fita-metrica-balanca

4) Pratique atividades físicas pelo menos 5 dias por semana entre 30 e 50 minutos. Faça caminhadas, substitua o elevador pela escada, ande de bicicleta, nade, dance etc.

exercicio academia ginastica

5) Evite o consumo de bebidas alcoólicas.

cerveja

6) Não fume.

cigarro2

7) Procure manter a mente tranquila para controlar o estresse.

estresse__cansaco__tristeza

8) Preste atenção: a pressão ideal é 12 x 8. Abaixo de 14 x 9 é aceitável. Se existe a presença de diabetes ou doença renal esse nível é mais baixo. Em idades acima de 70 anos pode-se aceitar níveis até 15 x 8.

hipertensão pressão

9) A hipertensão é uma doença com herança genética. Quem tem pais hipertensos deve se atentar para as medidas desde jovem.

familia pixabay lumpi
Lumpi/Pixabay

10) A Síndrome da Apneia do Sono (despertares noturnos, ronco e sonolência durante o dia), predispõe a hipertensão. Se a apneia for tratada, a pressão pode normalizar.

Snoring man, upset woman covering ears, cant sleep.
Depositphotos

Fonte: Hospital Santa Paula

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s