Arquivo mensal: julho 2018

Eno Cultura ministra curso introdutório de vinhos em São Paulo

Para os apaixonados por vinho que tenham interesse em se aprofundar sobre o assunto, a Eno Cultura – instituição de vinhos eleita à educadora do ano 2017, pela WSET (Wine & Spirit Education Trust) -, ministra no próximo dia 4 de agosto, na Casa do Porto, o curso WSET – Nível 1. Destinado a quem inicia a sua formação em vinhos e consumidores entusiastas.

enocultura.jpg

Os principais assuntos abordados no curso são:

=As castas mais comuns utilizadas na produção de vinho e suas características;
=Princípios de harmonização;
=Serviço de vinho;
=Como descrever o vinho utilizando a Técnica Sistemática de Prova de Vinho WSET® (SAT) – Nível 1;
=Mais de 10 vinhos degustados.

As inscrições podem ser realizadas pelo site, clicando aqui.

enocultura 33.jpg

Data: 4 de agosto
Local: Casa do Porto – Alameda Fanca, 1.225 – Jardins
Horário: 9h às 17:30h
Professor: Thiago Mendes e Gabi Frizon
Investimento: R$ 1.080,00 parcelado no cartão em 4x ou R$ 1.020,00 à vista
Inscrição: sujeito à disponibilidade de vagas

Anúncios

Olive Garden lança promoção para mulheres em seu happy hour

Toda quarta-feira o tradicional horário das 17 às 20 horas será estendido, para elas, até o fechamento do restaurante

Bater papo com as amigas, petiscar, fazer happy hour ou até mesmo desfrutar de um delicioso jantar. Seja qual for a intenção, se reunir com as companheiras é um dos programas favoritos das mulheres. Pensando nisso, a rede de restaurantes Olive Garden traz mais uma novidade, dessa vez voltada para elas.

Sob o nome “Quarta Delas”, até outubro, a casa estenderá sua oferta de happy hour (double chopp, double sangria e double drinks) para as mesas predominantemente de mulheres toda quarta-feira, das 17 horas até o seu horário de fechamento.

A rede, que busca oferecer por meio de pratos muito bem servidos e também da típica hospitalidade italiana uma experiência única e que garanta total satisfação ao público que frequenta a casa, está presente no MorumbiShopping, Shopping Center Norte, Aeroporto Internacional de Guarulhos, e no início de agosto inaugura a sua unidade no Parque D. Pedro Shopping, em Campinas.

sangria_08.jpg

Entre as opções de bebidas que possuem oferta “leve 2 pague 1” no horário, os destaques ficam por conta da Sangria (R$ 23,00), Clericot (R$ 23,00), Caipirinha Premium (R$ 22,00), Aperol Spritz (R$ 25,00), Gin Tanqueray Tônica (R$ 25,00), além do chopp Stella Artois em dois tamanhos: 473ml (R$ 14,90) e 290ml (R$ 9,90).

chicken_parmigianasteakgorganzolaalfredo_2697

Já nas receitas mais pedidas estão o Chicken Parmigiana (R$ 56,00) – filé de frango à milanesa coberto com queijo mozzarella gratinado, servido com spaghetti Marinara; Steak Gorgonzola Alfredo (R$ 67,00) – escalopes de filé mignon grelhados, regados com redução de aceto balsâmico, servido sobre fettucine Alfredo, acrescido de espinafre, queijo gorgonzola e tomate seco.

fettuccine alfredo

A casa também oferece opções vegetarianas, como o clássico Fettuccine Alfredo (R$ 49,00) e o Asparagus Risotto (R$ 61,00).

Todos os pratos acompanham free refil de salada ou sopas, além dos tradicionais pãezinhos breadsticks ilimitados.

create_your_sampler__appetizer_.jpg

Já entre os aperitivos, perfeitos para compartilhar em um happy hour, o destaque fica por conta do “Create Your Sampler”, no qual o cliente pode montar seu prato com duas opções de aperitivos (R$ 47,00) ou três (R$ 51,00). Entre as opções disponíveis estão: Lasagna Fritta, Calamari, Fried Mozzarella, Risotto Bites e Shrimp Scampi Fritta.

* A promoção não é válida na unidade do aeroporto.
** Preços descritos acima valem somente nas unidades localizadas em shopping.

Informações: Olive Garden

Oficinas ensinam a fazer acessórios com materiais acessíveis ou reaproveitados

Projeto “Fazer Render!” acontece em agosto no Sesc Pompeia e é aberto ao público geral. Para participar das oficinas, basta retirar senhas com 30 minutos de antecedência. Inscrição para o curso pode ser feita a partir de 1º de agosto, na Central de Atendimento da unidade

Durante o mês de agosto, acontece no Sesc Pompeia o projeto Fazer Render!, composto por oficinas e um curso gratuitos de curta duração de artes manuais com materiais acessíveis e/ou de reaproveitamento.

A programação visa ao desenvolvimento técnico e criativo dos participantes e, com foco na geração de renda extra, estimulam a confecção de objetos e acessórios que podem ser comercializados.

Proposto pelo Núcleo de Oficinas do Sesc Pompeia, o projeto inclui cursos de artesanato com uma “pegada” moderna; de tear alternativo para o desenvolvimento de acessórios diferenciados; e de pintura e customização de jeans, por exemplo.

“A programação proposta tem como mote a democratização, a troca e a multiplicação de conhecimento por meio do fazer artístico e da ampliação das discussões sobre novos formatos de atividades artísticas do fazer manual”, explica Gabriela Carraro supervisora do núcleo das Oficinas.

As atividades são voltadas para um público diverso, interessado em artes manuais e na produção de pequenas peças para comercialização. “Por serem atividades artísticas, as ações estimulam o pensamento criativo por meio das manualidades. Além disso, serão utilizados materiais excedentes de projetos anteriores, disponíveis no almoxarifado das oficinas e de valor acessível no mercado, tais como fio de malha, miçangas, algodão cru, tinta para tecido, novelos já começados de lãs e linhas para tecelagem e sobras de tecido variadas”, conta a supervisora.

Confira a programação completa:

Fazer render! Projeto de oficinas e cursos de curta duração de artes manuais, com foco na geração de renda extra, pelo desenvolvimento técnico e criativo dos participantes para a confecção de objetos e acessórios para comercialização.

Oficinas

Retirada de senha com 30 minutos de antecedência, na Loja Sesc.

Acessórios em tear alternativo
Orientação: Sarah Lopes
De 1º a 29 de agosto, quartas, às 14h30
Capacidade: 15 vagas

Nesta oficina, os participantes aprendem a criar pequenas tramas tecidas em um tear alternativo, para confeccionar acessórios diferenciados. Sarah Lopes é artista têxtil. Formada em Design de Moda pela Uniban e Tecelagem pela Escola Senai, trabalhou com confecção de roupas, e atualmente dedica-se ao trabalho manual. Atua como professora de tear manual e bordado em cursos livres em unidades do Sesc, ateliês particulares e universidades, além de realizar intervenções têxteis urbanas.

Artesanato moderno
Orientação: Vivian Braga
De 2 a 30 de agosto, quintas, às 14h30
Capacidade: 15 vagas

Oficinas de artes manuais com materiais simples e acessíveis, porém com um olhar criativo e moderno, voltadas para quem deseja criar acessórios e objetos para vender. A cada oficina será feito um objeto diferente a partir dos materiais disponíveis: pintura em tecido, bijuterias com miçangas, luminárias de papel, estamparia com carimbos, entre outros.
Vivian Braga é artesã. Com 33 anos de profissão tem como foco o manuseio e a transformação de diferentes materiais, incentivando alunos ao reaproveitamento com o objetivo de fazer com que a arte contribua para o desenvolvimento do sentido de cidadania.

Crochê com fio de malha: utilitários
Orientação: Paty Nakamura
De 4 de agosto a 8 de setembro, sábados, às 10h30
Capacidade: 15 vagas

croche

Oficina de técnicas de crochê com fio de malha para confecção de objetos utilitários, como cestos organizadores e suportes de planta. São ensinados os pontos básicos para crochetar uma base circular, que pode ser replicada na feitura de outras peças, como tapete e jogo de mesa. Além de ser um material acessível, o fio de malha é fácil de ser utilizado com a técnica do crochê, e tem sido muito valorizado comercialmente.

Patricia Nakamura é artesã há 10 anos. Especializada em crochê e criação de amigurumis. Orienta oficinas em bazares e feiras de artesanato, e ministra aulas no Canal Artesanato desde 2014. Desenvolve o projeto Crochedermia, que trabalha os conceitos de taxidermia com a técnica do crochê. Seus trabalhos já foram publicados na revista Make, referência no universo do artesanato contemporâneo.

Pintura em tecido: jeans moderno & descolado
Orientação: Céu Handmade (Celina Spolaor e Danielle Hansen)
Dias 4 e 18/8, sábados, das 14h30 às 17h30
Capacidade: 20 vagas

Uma peça de jeans leva em média 10 litros de água para ser fabricada. Que tal repensar o destino daquele jeans usado? Nessa oficina, as designers ensinam técnicas fáceis para criar desenhos – sem precisar “saber desenhar” – pintar e dar cara nova para aquela peça de jeans que seria descartada. Em paralelo à prática, serão apresentadas referências visuais para ampliar o repertório criativo dos participantes.

Celina Spolaor é formada em publicidade e propaganda e pós-graduada em moda, criadora da Céu Handmade. Danielle Hansen é formada em administração de empresas com ênfase em comércio exterior, entrou para a marca em 2016 para contribuir com a sua experiência na área de gestão e trabalhar com o que sempre sonhou: moda e customização. A Céu Handmade é muito mais que uma marca de roupas: uma marca de incentivo ao reaproveitamento de moda que atua em várias frentes para fazer com que as pessoas consumam de forma mais consciente, comprando peças produzidas de forma ética.

Curso

Inscrição: a partir de 1º de agosto, na Central de Atendimento do Sesc Pompeia

Upcycling & customização: criação com roupas reaproveitadas
Orientação: Céu Handmade (Celina Spolaor e Danielle Hansen)
De 7 a 23 de agosto, terças e quintas, das 11h às 13h
Capacidade: 20 vagas

Curso teórico e prático com base nas ferramentas de pesquisa e métodos que a Céu Handmade usa para criar coleções com customizações e upcycling; ida a um brechó para garimpar peças; teoria sobre moda sustentável, aulas práticas de customização e transformação de roupas com estamparia manual, pintura e bordado. Ao final, cada aluno cria três novas peças a partir de roupas já existente.

Celina Spolaor é formada em publicidade e propaganda e pós graduada em moda, criadora da Céu Handmade. Danielle Hansen é formada em administração de empresas com ênfase em comércio exterior, entrou para a marca em 2016 para contribuir com a sua experiência na área de gestão e trabalhar com o que sempre sonhou: moda e customização. A Céu Handmade é muito mais que uma marca de roupas: uma marca de incentivo ao reaproveitamento de moda que atua em várias frentes para fazer com que as pessoas consumam de forma mais consciente, comprando peças produzidas de forma ética.

Informações: Sesc Pompeia – Rua Clélia, 93

Dia do Orgasmo: Miss Scarlet traz vibrador em formato de joia para o Brasil

Disponível na loja virtual, Vesper conta com modelos em prata, ouro rosa e ouro 24k

Hoje, 31 de julho, é comemorado o Dia Internacional do Orgasmo. Aproveitando a data, vale registrar que a Miss Scarlet está trazendo para o Brasil o primeiro brinquedo sexual vestível: Vesper, uma joia elegante e, ao mesmo tempo, um poderoso e discreto vibrador. Bonito e elegante, permite às pessoas exibir seu desejo pelo prazer sem medo de julgamento, estigma ou vergonha.

Sua beleza começa pelo design: um delicado pingente de aço inoxidável, com acabamento em prata, ouro 24k e ouro rosa, que traz glamour a qualquer pretinho básico. O botão liga/desliga é surpreendentemente sutil, o que significa que pode ser usado no pescoço em público e as únicas pessoas que entenderão seu verdadeiro propósito são aquelas que sabem o que ele realmente é.

Vesper recebeu críticas excelentes nos Estados Unidos: a revista Marie Claire o classificou entre os 18 vibradores mais populares. Na Harper’s Bazaar foi selecionado como um dos oito sex toys indicados para mulheres elegantes e descoladas. Já na Women’s Health ficou entre os cinco vibradores que mais proporcionam orgasmos incríveis.

Vesper tem vibrações suaves e fortes, com três velocidades e uma opção pulsante, super-silenciosas. Sua forma é perfeita para transferência vibracional localizada. Isso quer dizer que além do próprio clitóris, ele proporciona prazer para outras zonas erógenas, como ventre e mamilos, por exemplo.

Pode ser recarregado rapidamente via cabo USB. Sem bateria. Uma carga completa oferece 40 minutos de tempo de uso em velocidade máxima. Facilmente limpável, basta usar um pano úmido. O corpo de aço inoxidável é à prova de respingos.

“Além de chique, elegante e discreto, o Vesper permite vestir sua própria sexualidade em volta do pescoço. Esta, sim, é uma experiência incrivelmente poderosa”, afirma Ana Magalhães, sócia da Miss Scarlet.

Os valores são:
Prata – R$ 720,00
Ouro Rosa – R$ 820,00
Ouro 24k – R$ 3.040,00 (depende da disponibilidade em estoque)

Sociedade

As sócias da Miss Scarlet, Ana de Magalhães e Mariana Monné, são profissionais do meio jornalístico/editorial e decidiram lançar-se neste empreendimento ao constatarem que apesar da evolução e inúmeros avanços sociais e culturais das últimas décadas, em pleno século XXI o prazer sexual ainda está sujeito a preconceitos e desinformação dos mais variados tipos e graus.

Essa constatação surgiu da própria experiência das sócias como consumidoras, o que as levou a enfrentar o mau gosto e a vulgaridade predominantes nas lojas físicas e virtuais, além de serem submetidas a uma procura exaustiva ou mesmo frustrante em ambientes de gosto discutível ou mesmo constrangedor, atulhados de produtos de baixa qualidade e até mesmo ofensivos, seja do ponto de vista estético ou funcional.

Os diferenciais de Miss Scarlet são o estilo da loja, a qualidade dos produtos e a garantia de que cada cliente será atendido pelas sócias, para que tenha certeza de que receberá as melhores informações e orientação mais precisa para cada produto, para cada desejo.

vesper_1

Miss Scarlet

Curiosos e consumidores podem acessar e explorar a Miss Scarlet, uma loja online de brinquedos eróticos de alto nível. A loja foi pensada para atingir um público exigente, bem informado, seletivo e com grau consistente de independência, que procura produtos elegantes e eficientes, de acordo com seu estilo e preferência.

Miss Scarlet traz, além da loja virtual, informações, sugestões de música, cinema e comportamento para aumentar o conhecimento, ampliar os horizontes e possibilidades de prazer que o público pode ter. “Afinal, sexo é muito mais do que o corpo em ação, sexo é uma combinação de corpo, imaginação e espírito que proporciona prazer e – por que não? -, amor”, afirma Ana de Magalhães, uma das criadoras de Miss Scarlet. “Somos muito criteriosas na escolha de produtos e fornecedores, na elaboração do conteúdo informativo e, especialmente, na forma de apresentá-los: sem vulgaridade e sem recorrer a apelações de qualquer tipo”, complementa.

Entre os itens mais vendidos da Miss Scarlet estão os vibradores da Fun Factory, uma das maiores fabricantes de brinquedos eróticos da Europa. Além da qualidade do design e da matéria prima utilizada, o grande diferencial da Fun Factory é o toque divertido de seus produtos, com cores vibrantes, alegres e repletos de surpresas eróticas.

Informações: Miss Scarlet

Pele seca e ressecada podem ser confundidas, mas não são a mesma coisa

Dermatologista explica a diferença entre o tipo de pele e a condição em que ela se apresenta em determinado momento, por fatores internos e externos. Em um caso, há falta natural de óleo; no outro, desidratação (falta de água)

Embora tenham nomes parecidos, pele seca não é a mesma coisa que pele ressecada e esta é uma sutil diferença que impacta na escolha de cosméticos. “O clima frio e o ar seco fazem com que a camada mais externa de células da pele encolha e isso ajuda a degradar as reservas de filagrina, uma proteína que colabora com a hidratação natural e barreira cutânea. Com isso, até mesmo a pele oleosa tende a ficar mais ressecada e pode ser confundida com a pele seca”, explica a dermatologista Thais Pepe, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

“Mas é necessário entender uma diferença: existe a denominação quanto ao tipo de pele, ou seja, se é seca, normal, mista ou oleosa; e também há condições, internas e externas, que fazem com que até mesmo a pele oleosa possa ficar desidratada ou ressecada”, acrescenta.

De acordo com a médica, o tipo é a característica natural da pele, enquanto a condição é algo que pode causar a experiência de outros problemas. “E isso pode acontecer a qualquer um, tanto de forma breve e temporária quanto, em alguns casos, de maneira mais longa e persistente”, comenta. A baixa ingestão de água, a poluição, o vento, o clima seco e até hobbies, como por exemplo a natação, estão entre os principais fatores que demandam cuidados especiais com a pele para que ela não fique desidratada. “Em resumo, pele seca representa um tipo específico de pele, enquanto a ressecada é uma preocupação”, sintetiza.

Mas afinal, cientificamente, qual a diferença? “Nossa pele conta com uma membrana hidrolipídica, que é um filme natural de gordura (óleo) e água, com função de proteger a pele. Se você tem pele seca, isso significa uma carência de óleo. É uma característica que também é comum a outras áreas do corpo, como mãos, couro cabeludo e pernas”, explica.

rosto poluição

“Já no caso da pele desidratada, ela está carente de água e isso pode ser proveniente de vários fatores, desde dieta até uso incorreto de cosméticos, que podem ser agressivos e irritantes”. Ela exemplifica: “O álcool desnaturado pode secar a superfície da pele com aspecto desidratado, mas também estimular a produção de óleo em excesso na base do poro, de modo que a pele fica ainda mais oleosa.”

A médica explica que é nesse ponto que pode surgir um problema: “Quando a pele está desidratada, ela produz mais óleo para compensar a falta de água. Isto pode causar produção exacerbada de sebo, irritação, manchas e espinhas”.

Para resolver esse problema, Thais ressalta primeiramente a importância de consultar um dermatologista, que fará um diagnóstico correto do tipo de pele e da condição em que ela se encontra. “Além disso, é importante a ingestão de água e, no caso das peles oleosas que estão desidratadas, é necessário fazer a hidratação facial de preferência com séruns, já que eles têm textura fluida e não deixam a pele oleosa ou “pesada” e com aspecto brilhante em excesso”, garante. O gel também é indicado para esse tipo de pele, mas atenção: cremes mais pesados devem ser evitados.

Já no caso da pele seca, ela tende a sofrer ainda mais no inverno. “Dessa forma, os cremes devem ser enriquecidos, ou seja, as formulações devem ter uma textura mais rica, que realmente forme um filme sobre a pele, uma parede de defesa que consiga repor e segurar água para evitar a perda transepidérmica. Podem ser usados: Hyaxel e DSH CN (ácido hialurônico de baixo e alto peso molecular), Oligomix, Nutriomega 3, 6, 7 e 9, Alistin, proteínas, peptídeos, ácidos graxos essenciais (ômega-3), vitaminas E e C e oligoelementos como zinco, cobre, ferro, selênio e silício”, explica a médica.

Outro ponto de destaque é com relação à higienização dessa pele, de forma que o sabonete líquido não deve ter qualquer agente agressor. “Indico as loções e emulsões de limpeza, os sabonetes cremosos ou os líquidos à base de extratos calmantes como calêndula, camomila, aloe vera”, explica.

De forma geral, a dermatologista sugere, na rotina de limpeza, as seguintes dicas: usar sabonetes de limpeza suaves; evitar esfoliantes agressivos e escovas de limpeza ásperos; usar tônicos que contenham ação hidratante e, no caso da pele oleosa, buscar produtos com álcool em pequena quantidade na formulação; ignorar produtos altamente perfumados (se eles usam fragrâncias sintéticas ou naturais); usar produtos de tratamento, como aqueles à base de ácidos e retinoides, apenas com orientação dermatológica; e procurar ajuda médica em casos de irritação ou ressecamento excessivo.

pele seca poluição mulher.jpg

“Algumas vitaminas orais como FC Oral e Bio-Arct podem ser indicadas para melhorar essa hidratação de dentro para fora”, finaliza a médica.

Fonte: Thais Pepe é dermatologista especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, membro da Sociedade de Cirurgia Dermatológica e da Academia Americana de Dermatologia. Diretora técnica da clínica Thais Pepe, tem publicações em revistas científicas e livros, além de ser palestrante nos principais Congressos de Dermatologia

Korres expande sua linha Wild Rose

A Korres marca grega, famosa mundialmente por seus produtos de beleza naturais, possui em sua bagagem uma das suas linhas de maior sucesso no mundo, a Wild Rose.

A internacional Wild Rose é composta de rosa mosqueta, fonte natural de vitamina C e ácido linoleico, que minimiza linhas finas e distúrbios de pigmentação, garante hidratação e restaura a suavidade da pele. A linha, que já possui em sua gama sérum, creme iluminador para o dia, creme noturno, máscara iluminadora e esfoliante facial, agora recebe também a máscara facial com efeito peeling e o CC Cream com FPS 30.

Máscara Facial com Efeito Peeling –R$ 109,90

rosa mosqueta korres.jpg

Suaviza linhas finas e uniformiza o tom da pele, com 6,38% de alfa-hidroxiácidos (AHAS) em sua fórmula. Os AHAS são um grupo de substâncias naturais que juntas formam uma família de ácidos orgânicos. O diferencial está nas moléculas de menor tamanho, que conseguem maior poder de penetração e são eficazes no tratamento de rugas, desidratação, espessamento e pigmentação irregular da pele. 82,10% conteúdo natural + derivados naturais (porcentagem calculada em base seca, considerando somente água derivada dos ingredientes naturais).

CC Cream FPS 30 – R$ 85,90

cc cream korres.jpg

Creme corretor que cobre imperfeições, linhas finas e descolorações da pele enquanto hidrata e ilumina o rosto. Enriquecido com extrato de rosa mosqueta, uniformiza o tom da pele proporcionando acabamento natural e luminoso, além de oferecer FPS 30.

Onde encontrar: e-commerce da Korres, lojas Sephora e por meio das especialistas de beleza Avon

XIII Festival de Orquídeas e Plantas Ornamentais de São Roque

AOSR – Associação Orquidófila de São Roque promoverá nos dias 3, 4 e 5 de agosto de 2018, das 9 às 18 horas, o XIII Festival de Orquídeas e Plantas Ornamentais de São Roque que, neste ano, terá como tema as espécies que florescem nos meses de inverno. Dentre elas estão cymbidium, coelogyne, dendrobium e paphiopedilum que podem ser cultivadas, dando vida e movimento, em apartamentos, escritórios, consultórios, casas, chácaras entre outros.

No festival, estarão presentes as maiores Associações Orquidófilas do Estado de São Paulo expondo diversas espécies dentre as quais as que são o tema deste ano para que o visitante possa se encantar com sua beleza. Também será encontrado na exposição um pódium, onde estarão os melhores exemplares, que foram premiados.

O visitante ainda poderá adquirir mudas a partir de R$ 10,00, plantas adultas e todo insumo necessário para o cultivo das diversas espécies encontradas nos produtores presentes. Haverá também cursos gratuitos no sábado às 15 horas e no domingo às 13 horas. E a novidade deste ano será a presença de técnicos especializados em fertilização.

“Após essa oficina cada um poderá fazer o plantio sozinho, em sua casa, apartamento, escritório e até em chácara. Além das orquídeas valorizamos a natureza e procuramos sempre protegê-la”, explica Lucia Tonhamillen, produtora e diretora da associação.

Haverá também o SOS Orquídea, um espaço onde as pessoas podem tirar suas dúvidas sobre o cultivo das flores, doenças, formas de imunização entre outros.

Orquídea Coelogyne
Orquídea Coelogyne
Orquídea Cymbidium
Orquídea Cymbidium
Orquídea Dendrobium
Orquídea Dendrobium
Orquídea Paphiopedilum
Orquídea Paphiopedilum

Sobre a cidade

Outros atrativos da exposição são os produtos típicos da cidade. Os visitantes desfrutarão das delícias na praça de alimentação. A famosa produção local de alcachofra, estará presente em conserva, patê e até no pastel da deliciosa flor comestível. Além é claro de doces típicos e artesanato local. Para finalizar curtindo o frio serrano, os vinhos e os licores estarão disponíveis para o público.

alcachofra

Curiosidades

Vocês conhecem as peculiaridades inerentes das orquídeas? Será que ela conquista as mais diferentes pessoas justamente por isso? Vocês sabiam que orquídeas são verdadeiras espécies que provam a sua inteligência sendo as únicas que sobrevivem durante séculos. São identificadas plantas desde a época dos dinossauros, já passaram por cultivo na terra, água e até pedra. Elas usam o próprio fungo da natureza para se alimentar, vivendo em perfeita simbiose. A germinação é feita por insetos e cada espécie solta um odor que atrai o inseto específico para a polinização. Desta forma, crescem e florescem. Nada mais justo do que serem as flores queridinhas dos brasileiros.

XIII Festival de Orquídeas e Plantas Ornamentais de São Roque
Data: Dias: 3 (somente vendas) 4 e 5 (exposição e vendas) de agosto de 2018
Local: Recanto da Cascata – Av. Antonio Maria Picena, 34 – São Roque – SP
Horário: das 9 às 18 horas
Entrada: 1 kg de alimento não perecível (opcional)
Estacionamento: R$ 15,00

Pets também precisam de cuidados com a saúde oral

Assim como nós precisamos ter cuidados com a saúde oral, cães e gatos também necessitam de cuidados que incluem higienização bucal e consultas regulares ao odontologista veterinário. Com isso, são evitados problemas como doenças periodontais e mau hálito. Para alertar os tutores sobre os cuidados que devem ser observados, a Virbac, empresa multinacional francesa dedicada exclusivamente à saúde animal, promove uma campanha sobre saúde oral dos pets, durante o mês de maio.

Entre as ações estão a divulgação de vídeos nas redes sociais da marca, como Instagram e Facebook , ciclo de palestras no aplicativo Vetsmart e abordagens específicas da equipe Virbac junto aos médicos veterinários.

O problema bucal mais comum em cães e gatos é a doença periodontal. Definida como a inflamação de estruturas como gengiva, ligamento periodontal, cemento e/ou osso alveolar, apresenta diversos graus de intensidade e tem como principal causa a placa bacteriana.

“No início, a placa pode provocar uma leve inflamação da gengiva, a gengivite que, se não for tratada, pode evoluir para uma periodontite grave, com reabsorção do osso alveolar e perda de dentes. Além disso, o acúmulo de bactérias pode cair na corrente sanguínea e levar a alterações sistêmicas”, alerta Ricardo Cabral, médico veterinário da Virbac. Nesses casos, a doença é irreversível.

Examining mouth and tongue of Red Tabby female cat, Glenda
Warren Photographic

Outro problema comum é o mau hálito, provocado pelo aumento do número de bactérias que causam o cheiro desagradável. Nessas situações, é recomendado o uso de xilitol, um tipo de açúcar que, quando misturado com a água, pode ser consumido pelo pet e ajuda a controlar o crescimento das bactérias.

“Porém, a medida é apenas paliativa, exigindo a adoção de higienização oral mais completa, com escovação e visitas periódicas ao médico veterinário especialista”, afirma Cabral. De acordo com ele, outras causas da halitose, como também o problema é conhecido, são alterações gástricas e endócrinas. Por isso, se o problema persistir, é fundamental procurar a avaliação de um médico veterinário.

Como escovar

Cabral explica que a escovação deve ser diária, pois as bactérias presentes na boca do animal podem se multiplicar e formar uma placa. Mas, como nem sempre isso é possível, ele recomenda que a higienização seja feita, no mínimo, uma vez por semana.

cachorro escova dentes

O mercado oferece diversas opções de escovas de dentes específicas para cães e gatos, com cerdas anatômicas e cabo mais alongado. Podem também ser utilizadas dedeiras de silicone ou gaze e, com os dedos, percorrer toda a superfície dental dos animais. “A pasta dental deve ser exclusivamente de uso veterinário, pois os cremes dentais humanos são ricos em flúor e sabões que, quando engolidos pelos animais, podem provocar problemas de saúde”, alerta.

Muitos tutores substituem a escovação dando petiscos para o seu pet. Segundo Cabral, é preciso ficar atento ao tipo de produto utilizado. “Petiscos resistentes, em formatos específicos, têm abrasividade que ajuda na remoção da placa bacteriana. No entanto, dependendo da textura e do tamanho, ele pode não ser resistente o suficiente para causar esta abrasividade e, o que é pior, acaba se acumulando nos dentes. Além disso, podem ser muito calóricos, prejudicando programas de perda e manutenção de peso de cães obesos”, explica.

O que usar na higiene bucal

aquadent.jpg

A Virbac oferece uma linha completa de produtos para cuidar da saúde bucal dos animais, composta por enxaguante, pasta dental e tiras mastigáveis. O Aquadent é indicado para controlar o mau hálito, dificultando a organização e proliferação das bactérias que formam a placa. A base de xilitol, o produto deve ser misturado com a água que será consumida pelo pet – 5 ml de produto a cada meio litro de água, que deve ser trocada a cada 24 horas.

pasta dental virbac.jpg

Para a escovação, a opção é a CET Pasta Enzimática, que auxilia no controle da placa bacteriana que origina o tártaro.

veggie dent.png

E, para os dias em que não for possível realizar a escovação, o tutor poderá dar ao seu cão as tiras mastigáveis CET Veggie Dent. Especialmente desenhadas para proporcionar ação mecânica de limpeza, são altamente palatáveis e contêm em sua fórmula proteína de soja e farelo de milho, o que torna o produto saudável e saboroso.

Informações: Virbac

Body&Soul: jornadas de autonhecimento, meditação, bem-estar e saúde

A Iguatemi Empresa de Shopping Centers preparou um projeto especial para os shoppings Iguatemi São Paulo e JK Iguatemi, o Body&Soul, que tem como foco jornadas de autoconhecimento, meditação, bem-estar e saúde.

Em parceria com a Dharma Academy, o Body&Soul traz Flavio Passos para abrir o Dharma Talks, no Shopping JK Iguatemi. Para esse primeiro encontro, o fundador e diretor da PuraVida ministrará o painel “Alimentação, Consciência e Longevidade”. Flavio Passos é pesquisador de saúde, nutrição, gastronomia, mentor de mais de 600 eventos presenciais – entre palestras, retiros e cursos, e também criador de treinamentos online “Coma Fora da Caixa” e “Alimentação Essencial” que focam na transformação da saúde por meio da alimentação. ,

“A proposta do Dharma Talks vem ao encontro ao que a nossa sociedade mais precisa neste momento tão crítico: a oportunidade de expandir sua compreensão sobre a vida, ampliar seu conhecimento e, a partir disso, se inspirar para uma transformação verdadeira. Para uma nova forma de viver, com menos ilusões e mais coração”, conta Passos.

dharma.jpg

O Dharma Talks acontecerá uma vez por mês, com duração entre três e quatro horas, com especialistas em temas distintos, tendo sempre como fio condutor a evolução da consciência e vidas com mais propósito.

Body&Soul apresenta DharmaTalks

Período: uma vez por mês, de julho a dezembro de 2018

Programação:
18h30 às 19h30 – Prática corporal (yoga, dança, artes marciais, entre outras)
19h30 às 19h40 – Abertura oficial / Boas-vindas
19h40 às 20h10 – Música
20h10 às 20h30 – Meditação conduzida (mindfulness)
20h30 às 21h45 – Talk com convidado (com tempo para perguntas e respostas)
21h45 às 22h30 – Encerramento com degustação de comidinhas saudáveis

Convidados:
Julho – Flávio Passos (Alimentação, consciência e longevidade)
Agosto – Dr. Ruguê (Sistemas ancestrais de cura e auto-realização)
Setembro – Eduardo Mufarej e outros nomes a confirmar (Consciência e Renovação Política)
Outubro – a confirmar
Novembro – Amit Goswami (Ativismo Quântico)
Dezembro – Sri Prem Baba

Local: Espaço de Eventos JK (3º piso)
Endereço: Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2041 – Vila Olimpia
Informação e ingressos: Dharma Talks 
Capacidade: 500 lugares
Valores e ingresso: R$ 80,00 ou membership para 6 DharmaTalks R$ 420,00 

Casa Santa Luzia inclui bolo numérico ao cardápio

Sempre em busca de novidades e tendências no mundo da gastronomia, a Casa Santa Luzia agora apresenta a nova linha de bolos numéricos disponíveis sob encomenda, que podem representar a idade ou um número significativo para algo ou alguém.

Os bolos tradicionais – ou as versões sem açúcar – podem ser personalizados de acordo com a escolha individual de cada cliente combinando massa, recheio e cobertura com sabores sob consulta com a equipe de atendimento de encomendas da casa.

bolo número.png

Casa Santa Luzia – Alameda Lorena, 1471 – São Paulo. Horário de funcionamento: de segunda a sábado, das 8h às 20h45