Arquivo mensal: agosto 2018

Festa do Vinho conta a história de tradição centenária na Ilha da Madeira

Destino português produz um dos vinhos mais famosos do mundo há 500 anos

Reconhecido e apreciado no mundo todo, o vinho Madeira tem uma história de cinco séculos. E é em razão disso que, anualmente, a Ilha da Madeira, onde é produzido, promove a tradicional Festa do Vinho. Este ano, o evento começou dia 26 de agosto e vai até 9 de setembro, mesmo período em que são realizadas as vindimas (colheita das uvas).

É nesta época do ano que a bebida começa realmente a tomar forma. Depois do cultivo das mais de 30 castas de uvas, que é feito à mão, o ritual da colheita é o próximo passo para transformar os frutos em alguns dos melhores vinhos conhecidos. Recriando hábitos ancestrais da ilha, são feitas vindimas ao vivo e, posteriormente, a pisa das uvas, em que qualquer um pode participar, tudo em um lagar tradicional, com clima de festa.

Passeio Vinicolas - Credito Turismo da Madeira
Passeio Vinícolas – Foto: Turismo da Madeira
Vinhas - Ilha da Madeira - Credito Turismo da Madeira
Vinhas – Ilha da Madeira – Foto: Turismo da Madeira
Madeira Wine Festival_Funchal1©Sara_Discovering Madeira
Madeira Wine Madeira
Wine Festival - Funchal
Wine Festival, Funchal

Além das vindimas, também fazem parte da programação degustações de diversos rótulos diferentes, exposições de artesanato, shows de música, apresentações de folclore e jantares com harmonização de vinhos e pratos. O centro da cidade de Funchal, capital deste destino português, fica todo decorado de acordo com o tema.

Os cenários impressionantes da Madeira são uma paisagem improvável para o cultivo das uvas, mas isso não impediu que os colonizadores portugueses, há mais de 500 anos, investissem na atividade no litoral ou em encostas vulcânicas, em lugares, muitas vezes, de difícil acesso. A riqueza do solo e a diversidade do clima se mostrou favorável para a criação de uma bebida que, com seus processos de produção de alta qualidade, se tornou única e uma das favoritas dos enófilos.

Historicamente, o vinho Madeira foi escolhido por George Washington para celebrar a independência dos Estados Unidos, elogiado por Shakespeare na peça Hamlet e muito apreciado por Sir Winston Churchill, personalidades de peso que atestam o renome da bebida.

Garrafas - Vinho Madeira - Credito Turismo da Madeira
Garrafas – Vinho Madeira – Foto: Turismo da Madeira
Caves - Vinho Madeira - Turismo da Madeira
Caves – Vinho Madeira – Foto: Turismo da Madeira
Blandy's Wine em Funchal - Credito Greg Snell
Blandy’s Wine em Funchal – Credito Greg Snell
Madeira-Blandys Funchal-Turismo da Madeira
Madeira-Blandys Funchal-Foto: Turismo da Madeira
Vinho Madeira 2 - Credito IBVAM
Vinho Madeira 2 – Credito IBVAM
Barbeiro Estate Winery - Credito GregSnell
Barbeiro Estate Winery – Foto: Greg Snell
Vinho Madeira - Credito IBVAM
Crédito: IBVAM

Sobre a Ilha da Madeira

Considerado o melhor destino insular do mundo, a Ilha da Madeira é um pequeno paraíso português situado em meio à imensidão do Oceano Atlântico. De origem vulcânica, sua localização privilegiada proporciona clima ameno e mar com temperatura agradável o ano inteiro, além de impressionantes cenários de montanhas, vales e penhascos, todos cobertos pela exuberante vegetação Laurissilva, nomeada Patrimônio Natural da Humanidade pela Unesco. O arquipélago é formado por um conjunto de ilhas, sendo as principais e únicas habitadas Madeira e Porto Santo. Há excelentes opções em balneários, monumentos históricos e ótimos hotéis e restaurantes, onde se pode provar a deliciosa gastronomia e os premiados vinhos madeirenses.

Informações: Madeira All Year 

Anúncios

Varanda: feijoada é destaque do cardápio aos sábados

Uma feijoada típica mineira é o destaque do cardápio do restaurante Varanda, aos sábados. Servida somente no horário do almoço (entre 12 e 17 horas), nas unidades Jardins e Faria Lima, o prato leva ingredientes típicos e tem como acompanhamentos couve na manteiga, farofa de banana, arroz branco e farinha branca baiana.

Entradas_Feijoada

Para deixar a experiência ainda mais brasileira, o Varanda oferece uma caipirinha de frutas e a oportunidade do cliente escolher as carnes que irão compor o prato. Entre as opções estão paio, linguiças calabresa e portuguesa, costelinha suína, carne seca, lombo, orelha, pé, rabo e língua.

O menu, que sai por R$ 109,00  (por pessoa), inclui ainda entradas como leitão assado ao forno, bisteca e costelinha suínas grelhadas, mandioca frita, linguiça de aperitivo, caldo de feijão e torresmos à pururuca. Entre as sobremesas, as opções são frutas tropicais, salada de frutas ou doces caseiros da fazenda.

Feijoada_3

A feijoada do Varanda é servida aos sábados, apenas no almoço.

Varanda
– Unidade Jardins: Rua General Mena Barreto, 793
– Unidade Faria Lima: Rua Prudente Correia, 432 (Travessa da Av. Brig. Faria Lima)

 

Le biscuit comemora 50 anos com promoções e descontos

Presente em 13 estados, as mais de 100 lojas da marca oferecem grande variedade de produtos e ofertas com até 50% de desconto no “Maior Aniversário da História”

Para celebrar os 50 anos da Le biscuit, a comemoração será em grande estilo. A rede de lojas de departamento oferece várias vantagens: ofertas imperdíveis com até 50% de desconto, parcelamento em até 15 vezes sem juros no cartão Le biscuit e, nas compras acima de R$ 190,00, o consumidor poderá ganhar um dos 50 mil cupons de R$ 50,00 de desconto, para ser utilizado em uma nova compra no mesmo valor.

Estrelada por Ivete Sangalo, embaixadora da marca, a campanha conta com jingle especial e será veiculada na TV, rádio e internet. Até o dia 17 de setembro, “O Maior Aniversário da História” leva ao consumidor um mix exclusivo de produtos a preços competitivos.

“Todas as nossas lojas estão em clima de festa! É a maior comemoração de toda nossa história. Queremos celebrar nosso meio século de empresa, reconhecendo os nossos clientes, que contribuíram para nossa trajetória e força varejista. Para isso, reunimos muitas vantagens, ofertas exclusivas e formas de pagamento especiais” afirma Roberto Rangel, diretor comercial e de marketing da rede.

Entre os destaques do mês de aniversário, estão os produtos decorativos exclusivos da linha LE: vasos, tapetes, porta-retratos e espelhos, por R$ 9,99 cada. Já na feirinha de potes e acessórios, é possível encontrar todos os tipos de utilidades domésticas, de medidores para culinária às forminhas de gelo, por R$ 2,99 cada. A linha de vidro, organizadores e potes também são destaques na comemoração.

Grandes promoções também nos eletrodomésticos, com itens que tornam o dia a dia mais fácil: para fazer o suco de laranja fresquinho e natural no café da manhã, o espremedor da Ultra, por R$ 39,99. Na hora do almoço em família, a dica é a Churrasqueira CH05, da Mondial, que sai por R$ 99,90. E para deixar qualquer noite de cinema em casa mais gostosa, a sugestão é a Pipoqueira Pop210, da Cadence, que está à venda por R$ 79,99 cada.

Confira alguns destaques:

le biscui 1le biscuitle biscuit 2

 
O regulamento completo da promoção está disponível clicando aqui.

Confira dicas da Salon Line para manter os fios saudáveis durante o inverno

O inverno é uma das estações em que os fios, de todas as curvaturas, mais sofrem, seja pela diminuição da temperatura, da umidade ou dos hábitos realizados durante a estação mais fria do ano. Confira dicas e produtinhos da Salon Line, marca de cosméticos capilares com mais de 20 anos no mercado, para que os fios fiquem sempre belos e saudáveis independentes da estação do ano:

1. Fios mais ressecados

Os cabelos cacheados, crespos e crespíssimos tendem a ficar mais secos durante o frio, muito dessa sensação de ressecamento está ligada, principalmente, aos banhos mais quentes e demorados. A água quente abre a cutícula dos fios e os deixa mais ressecados, além de retirar todo o seu brilho. O ideal é investir em produtos mais hidratantes à base de óleo, além de lavar os cabelos com água morna à fria.

Máscara de Hidratação Concentrada Turbinada 1Kg Tô Podendo – Preço: R$ 23,90

mascara turbinada

A Máscara de Hidratação Concentrada Turbinada da linha Tô Podendo é ideal para cuidar dos fios de nível 3 de ressecamento, ou seja, extremamente ressecados. Além disso, ela não possui parabenos. Indicada para os cabelos, lisos, crespos, cacheados ou ondulados.

Máscara Concentrada Creme De Castanhas– Amêndoa, Karité e Macadâmia Maria Natureza – 300g- Preço: R$ 23,00

maria natureza mascara

Um verdadeiro creme de castanhas, a Máscara Concentrada Poder das Castanhas promete um tratamento profundo e extremamente nutritivopara fios ainda mais resistentes. Produto vegano.

2. Fios mais Oleosos

Diferentemente dos cabelos com mais curvatura, os cabelos lisos e ondulados tendem a ficar mais oleosos e com caspas durante o inverno. Com as temperaturas mais baixas, as pessoas lavam os fios em dias mais alternados durante a semana e, quando realizam a higiene dos fios com a água mais quente, costume mais presente nesta época do ano, as glândulas sebáceas são estimuladas, deixando assim os fios mais oleosos e com caspas. O ideal é o uso de produtos que promovam uma limpeza mais profunda.

Shampoo S.O.S Bomba Detox – 300ml – Preço R$ 17,90

sos bomba shampoo

S.O.S Bomba Detox reduz a oleosidade, revitaliza, hidrata e garante crescimento forte e saudável aos fios. Os produtos da sublinha Detox conta com Carvão Ativado na formulação, o que faz com que o cosmético seja preto, uma cor diferenciada dos demais da linha S. O. S Bomba.

Shampoo a seco Meu Liso #semioleosiade – 200ml – Preço R$ 29,90

shampoo a seco

O Shampoo a seco Meu Liso #semioleosiade, absorve a oleosidade dos fios e ainda garante fios mais volumosos e encorpados. Indicado para uma lavagem a seco, é a salvação para a mulher moderna que tem a agenda pra lá de movimentada durante o dia.

3. Umectação Capilar

A umectação capilar, técnica conhecida por quem realiza o cronograma capilar, é excelente para repor a oleosidade natural dos fios, promovendo brilho e maciez. O processo consiste na aplicação de óleos nos fios, quando eles estão secos ou sujos, antes da lavagem, pois mesmo os fios mais oleosos precisam de nutrição, principalmente no frio.

Óleo de Umectação EBAAA! Blend de Óleos de Argan, Coco e Manga! -100ml
Preço R$ 13,90

to de cacho ebaaa

O Óleo de Umectação que faltava. Um blend de óleos vegetais com argan, coco e manga que proporcionam uma umectação mais que perfeita para deixar seus cabelos nutridos, macios, definidos e com brilho.

Mega Ampola de Nutrição – Sopa de Letrinhas {N de Nutrição} #todecacho
Preço R$ 16,90

mega ampola

São só 2 minutos para devolver a vida que seus cachos precisam. Afinal, não dá mais pra sair com esse cabelo desnutrido. Para curvaturas 2ABC, 3ABC e 4 ABC.

S.O.S Cachos – Oleocreme Multifuncional Rícino e Queratina Reparação – 100ml
Preço R$ 10,90

oleocreme.jpg

O Oleocreme de Umectação Rícino e Queratina Reparação Extrema 5 em 1 S.O.S Cachos é uma poderosa combinação de um creme ultradesembaraçante, aliado aos óleos vegetais, que hidrata, nutre e devolve o brilho e luminosidade dos cabelos. Ideal para curvaturas 3ABC e 4ABC.

Informações: Salon Line

 

Schutz apresenta modelos de colecionador de icônica handbag

Por meio do styling aspiracional, que impulsiona a busca por modelos desejados da Schutz, a marca lança a segunda série de itens colecionáveis, Lorena Addiction – a primeira, intitulada 7 Days 7 Schutz, teve lançamento em julho e comunicava mules exclusivas, em edição limitada.

Em Lorena Addiction, a ação visa satisfazer o anseio pela icônica handbag da marca, Lorena, reinventando o clássico por meio de uma inovadora proposta no estilo Do It Yourself. Disponível em diversas opções de cores, com alça removível e corpo funcional, as combinações personalizadas podem ser inúmeras e altamente colecionáveis.

As bolsas Lorena carregam uma história particular e, a partir de tags exclusivas com número de série, agregam uma personalidade única a cada modelo.

A ação Lorena Addiction está disponível em lojas selecionadas da Schutz, em São Paulo, Rio de Janeiro, Fortaleza, Florianópolis, Belo Horizonte, Porto Alegre e Brasília.

Informações: Schutz

Aprenda a fazer bolo de aniversário para cães e gatos

A Petz criou duas receitas especiais para os peludos se divertirem nas festas sem prejudicar a saúde

A Petz faz 16 anos e para comemorar criou duas receitas simples e práticas de bolo para cães e gatos, que podem ser feitas também nas festas de aniversário deles. Todos os ingredientes utilizados são exclusivos para dos bichinhos de estimação. A quantidade recomendada é de 2 gramas do bolo por quilo do pet, caso as demais refeições do dia terem ocorrido normalmente.

Porém, se o bolo for substituir uma refeição, a porção deve ser equivalente à quantidade habitual de ração. A rede de pet shop também lançou um vídeo que mostra como preparar o quitute.

“Festinha de aniversário para os pets promove uma interação muito positiva entre os bichinhos de estimação. O ideal é deixar que os ‘cãonvidados’ tenham toda a liberdade possível para brincar uns com os outros e aproveitar o momento de socialização”, afirma a veterinária Karina Mussolino, gerente de clínicas da Petz.

“É importante consultar o veterinário para entender se não há nenhum tipo de restrição na dieta dos pets. Caso contrário, só precisa ficar atento para não deixá-los exagerar no bolo e nos petiscos”, completa.

Receita de bolo para cães (assista ao vídeo aqui)Petz bolo cachorro 2

Ingredientes
Ração úmida
Ração úmida de frango
Chocolate para cachorro
Biscoito pequeno em forma de osso para decoração
Biscoito pequeno em forma de osso para colocar ao redor

Modo de preparo
– Misture 360 g de ração úmida com 30 ml de água morna.
– Coloque 195g de patê de frango para cães em uma forma circular sem fundo e leve à geladeira por 1h.
– Derreta 225g de chocolate para cachorro no micro-ondas.
– Tire o patê de frango da geladeira. Tire da forma e decore em volta com biscoitos caninos. Use o chocolate derretido como se fosse cola. Depois cubra com restante do chocolate.
– Termine de decorar com biscoitos caninos menores.

Receita de bolo para gatos (assista ao vídeo aqui)

Petz bolo gato 1

Ingredientes
Ração úmida patê de frango
Ração úmida

Modo de preparo
– Misture 290 g de ração úmida com 30 ml de água.
– Coloque metade da mistura numa travessa redonda. Cubra com 70g de ração úmida de peito de frango. Depois, cubra tudo com a outra metade de ração. O resultado final é parecido com um biscoito recheado.
– Leve à geladeira por 1h30
– Use mais 70 g de ração úmida dentro uma forminha e ponha sobre papel manteiga. Leve à geladeira por 1h30.
– Depois de 1h30, desenforme o bolo e ponha em um prato. Cubra com mais 70g de ração úmida sabor peito de frango.
– Tire a ração úmida da forminha e ponha por cima de tudo.

Fonte: Petz

Inauguração da Petz em Campo Grande terá festa e palestra de Alexandre Rossi

Festa de inauguração da rede de pet shop em Campo Grande será neste domingo, dia 2 de setembro, das 13 às 17 horas

Para comemorar a abertura de sua primeira loja em Campo Grande, a Petz vai promover neste domingo, 2 de setembro, uma festa com várias atrações gratuitas para o público e seus bichinhos de estimação.

As atrações começam às 13 horas, com workshop sobre como montar uma horta caseira, apresentado pelo gerente comercial de garden da Petz, Márcio Alexandre, conhecido como Dr. Planta. Em seguida, às 14 horas, uma ‘aula’ de tosa e banho, com o groomer premiado e gerente de estética da Petz, William Galharde.

alexandre rossi e estopinha1

E das 15 às 17 horas, o especialista em comportamento animal Alexandre Rossi dará uma palestra e participará com sua mascote Estopinha de sessão de fotos. Além disso, durante toda a festa haverá “welcome drink” e distribuição de brindes.

Nova loja

Petz Campo Grande estéticaPetz Campo Grande fachadaPetz Campo Grande fachada2Petz Campo Grande foto internaPetz Campo Grande foto interna2

Com um investimento de R$ 5 milhões e 900 metros quadrados de área construída, a nova unidade fica na Avenida Afonso Pena. Oferece clínica veterinária completa para atender desde cães e gatos a roedores, peixes e aves, centro de estética, setor de filhotes, jardinagem e um mix variado de mais de 20 mil itens nacionais e importados, tudo para o bem-estar e qualidade de vida do pet em um só lugar.

Evento de inauguração
Data: 2/9
Horário: das 13h às 17h
Endereço: Av. Afonso Pena, 5.420, Chácara Cachoeira
Telefone: (67) 3222-6097
Estacionamento: gratuito, com 55 vagas de carros, 8 vagas de motos e bicicletário
Programação:
Das 13h às 14h: workshop como montar uma horta caseira com o Dr. Planta
Das 14h às 15h: dicas de tosa com William Galharde
Das 15h às 17h: palestra com Alexandre Rossi e sessão de fotos com Estopinha

Psiquiatra explica o papel do cérebro na síndrome do intestino irritável

Buscando respostas para a síndrome do intestino irritável, entrevistei o médico psiquiatra Eduardo Humes, Chefe da Seção Técnica de Psiquiatria do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo. Ele explicou a ligação entre a SII e o cérebro, o porquê de o tratamento do problema englobar outras áreas da saúde para ter sucesso e deu dicas de como lidar com o estigma de uma patologia ainda pouco conhecida. Confira:

Pergunta: Explique a ligação da SII com o cérebro.
Resposta: Os mecanismos envolvidos nos sintomas da SII não são claros. Ela é uma síndrome funcional, o que significa dizer que o problema não é uma questão de uma alteração que podemos ver como uma úlcera ou um tumor, por exemplo, mas uma mudança do funcionamento normal de um sistema. O sistema nervoso central modula o funcionamento geral do organismo, fazendo com que, no caso do intestino, ele possa funcionar de maneira mais rápida (maior quantidade de movimentos peristálticos) ou mais lento (menor quantidade).

No alerta de maneira crônica, o intestino deve receber informações do cérebro de maneira que possamos nos liberar de maior peso, por meio de um aumento dos movimentos peristálticos. Quando estamos no pico, a sinalização é para reduzir esses movimentos. Já na ausência do estímulo, funcionaria normalmente. Uma das teorias, talvez a principal, para explicar a oscilação do funcionamento intestinal na SII é que esta se daria por uma exacerbação da resposta a esses mecanismos. E o cérebro teria um papel essencial nesta modulação.

mulher-comendo-saladaactivelife

P – As pessoas costumam ligar o problema à alimentação. Como convencê-las do contrário?
R – As síndromes funcionais são como grandes elefantes, se você estiver muito perto você só vai conseguir ver um pedaço. Alguns alimentos podem, sim, causar gatilhos mais exacerbados, o que facilita às pessoas a realizarem essas associações. Mas nem todos têm as mesmas reações aos alimentos. O convencimento, que é a parte mais “difícil”, passa por uma única estratégia, que é a educação. Por isso a necessidade de se ocupar as mídias com essa agenda.

P – Claro que há dias em que passamos por situações estressantes, mas como explicar que o problema surja mesmo naqueles dias considerados “normais”?
R – Esta questão tem que ser vista caso a caso, mas uma explicação frequente é que pessoas com síndromes funcionais podem ter o que chamamos de alexitimia, que é um termo para falar da dificuldade em entrar em contato ou descrever emoções, sentimentos e sensações corporais. Assim, muitas vezes a pessoa pode estar passando por uma situação mais “estressante”, por exemplo, e não se percebe assim.

médico consulta

P– Há muita resistência das pessoas em aceitar o diagnóstico?
R – As pessoas, de maneira geral, apresentam um grande estigma com diagnósticos de saúde mental, seja de síndromes psiquiátricas ou de sintomas psíquicos em geral. Quando falamos que um sintoma físico pode estar relacionado a um funcionamento psíquico, muitas pessoas interpretam como fraqueza ou falha de caráter, por exemplo, e não aceitam o diagnóstico. Mas, em geral, quando procuram um profissional de saúde mental, a parte mais difícil do convencimento já foi feita por outra pessoa, profissional ou familiar.

P – O tratamento psicológico tem de correr em paralelo ao feito com gastroenterologistas e nutricionistas. Só assim se consegue melhora?
R – Gosto de fazer uma comparação com meus pacientes, pergunto se eles tivessem uma fratura na perna eles só iriam ser operados e tomar remédios ou se fariam fisioterapia também. A ideia de não fazer fisioterapia é muito similar à de não fazer psicoterapia para SII. Você pode melhorar, sim, mas talvez parte do potencial seja perdido.

depositphotos-mulher-cama-celular

P – Como evitar estresse e ansiedade nos dias de hoje? Cidades grandes pioram o quadro, mas isso de se estar sempre conectado na internet e redes sociais também amplia o problema?
R – Esta é uma importante pergunta, talvez a pergunta do Prêmio Nobel… Mesmo a afirmação de que as grandes cidades pioram o quadro é controversa, elas com certeza aglutinam pessoas que são mais ansiosas, mas será que as pessoas mais ansiosas não buscam também por esses ambientes? Um problema que vemos frequentemente é que as pessoas estão cada vez mais inseridas em realidades virtuais em detrimento do contato humano.

Contato humano, um abraço de fato (não aqueles que nos acostumamos e duram menos de dois segundos), olhar nos olhos das pessoas, apresenta, sim, um efeito importante na maneira que nos sentimos. Já as redes sociais, que são excelentes em muitos aspectos, como dar voz a muitas pessoas que não conseguiriam se comunicar efetivamente, ao mesmo tempo criam situações nas quais a agressividade das pessoas sai por não terem o filtro do olho no olho.

P – A maioria das pessoas com este problema tem de tomar antidepressivos, por exemplo?
R – A decisão deve ser feita caso a caso, muitas vezes para aquele momento. Uma parcela importante poderá, sim, se beneficiar do uso de medicações, mas não a maioria e nem todos os que tiverem indicação usarão em longo prazo (mais que dois anos).

acupuntura-pixabay1

P – Terapias complementares ajudam? Quais?
R – Sim, em especial meditação, atividade física e também acupuntura mostram efeitos importantes.

P – Pode citar algum caso em que o paciente teve uma melhor significativa?
R – Não, pela ética médica não posso citar um caso, mas, sim, muitos pacientes se beneficiam, em especial do seguimento psicoterápico, que pode ser feito por psicólogos ou psiquiatras.

P – Como agir no emprego? Falar abertamente com os superiores? Li depoimentos de pessoas que pararam de trabalhar, especialmente as que têm SII-D, porque passaram por experiências constrangedoras, até no caminho ao trabalho, no transporte público etc.
R – Os constrangimentos podem ocorrer em especial nas formas que apresentam quadros diarreicos (SII-D e SII-M). A maneira que cada um vai lidar com o impacto da SII depende inicialmente de como a própria pessoa lida com os sintomas. Se não conversamos abertamente, não haverá a redução do estigma. Antigamente, a epilepsia (e as convulsões) era associada a importante estigma, com a abertura no diálogo, hoje é tratada de maneira mais natural. O estigma é real, mas deve ser combatido dentro das possibilidades de cada um.

P – Como agir com a família, já que sempre haverá alguém achando que o problema é “frescura”, “nada sério”, “pode comer isso que não te fará mal…” etc.
R – O estigma é resultado do desconhecimento. Ajudar as pessoas a melhorar sua capacidade de compreender os fenômenos é a melhor forma de ajudá-las a sair do ciclo de preconceito.

mulher-meditac3a7c3a3o-pixabay-33

P – SII não tem cura, então, conselhos para se viver com ela, mas sem muitas manifestações. Ou isso é impossível.
R – Como todas as síndromes funcionais é essencial para o melhor controle o manejo do quadro, isso envolve o cuidado multiprofissional em diversas frentes, incluindo: gastroenterologia, nutricional, saúde mental, atividade física, meditação (como mindfulness), com adesão aos cuidados propostos.

Fonte: Eduardo de Castro Humes é médico psiquiatra, formado e residência pela Faculdade de Medicina da USP. Chefe da Seção Técnica de Psiquiatria do HU/USP, Coordenador Médico do Grapal/FMUSP, Colaborador do Escritório de Saúde Mental da USP, Diretoria Executiva do Forsa-Abem, Representante Internacional da Association for Colege Psychiatry, Doutorando do Departamento de Psiquiatria da FMUSP. Autor de artigos científicos e capítulos de livros, além de organizador de livros científicos em psiquiatria

Açaí natural agora na Galeria Jardins

De toda a produção de açaí no Brasil, 70% é destinada para o sudeste do país, segundo levantamento da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). Não à toa, 96% das franquias da Oakberry Açaí Bowls estão concentradas nas cidades dessa região.

A novidade é que agora, uma das ruas mais luxuosas do mundo, localizada em São Paulo, também conta com o atendimento fast food da iguaria, que já soma 65 operações nas principais capitais brasileiras. A rede de franquia que nasceu para suprir uma demanda pouco atendida e explorada, o fast food saudável, inaugurou uma loja na Galeria Jardins, na rua Oscar Freire em julho.

oakberry açaibowl

Por meio de sua fórmula exclusiva, com um produto de qualidade, natural, sem adição de corantes, agrotóxicos e zero gordura trans e colesterol, a Oakberry oferece aos clientes três tamanhos de copo (pequeno, médio e grande – 350ml, 500ml e 700ml), por valores de R$ 13,90, R$ 19,90 e R$ 25,90. Além disso, podem ser adicionados até 15 toppings à vontade, como banana, granola, coco, semente de chia, leite em pó, mel, entre outros. O fast food busca entregar o copo em até dois minutos após a realização do pedido.

São Paulo é o estado em que a marca está mais presente, com 50 lojas. Além da terra da garoa, os produtos da Oakberry estão presentes nos estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo e Mato Grosso do Sul. O mercado internacional também conta com uma unidade da marca, em Orlando, nos EUA.

oak berry.jpeg

Oakberry Galeria Jardins: Rua Oscar Freire, 526 – Jardim Paulista – São Paulo – SP
Horário de funcionamento: 10h às 20h

Como manter a boa forma no inverno

Responsável pelo shape de Paloma Bernardi e Gloria Maria, nutróloga Cristiane Coelho dá dicas de como se manter saudável no inverno

Com as baixas temperaturas, o metabolismo trabalha mais rápido para manter o corpo aquecido e, devido à perda energética, sentimos mais fome. No inverno, acabamos optando por alimentos mais gordurosos, como chocolate quente, e hambúrgueres, que, por mais que tragam conforto e calor para o corpo, são ricos em gorduras “ruins”. A farinha refinada e os açúcares em geral podem favorecer o aumento do consumo alimentar.

E nesse período, tendemos a descuidar da alimentação e dos exercícios físicos. Acontece que, como o organismo fica mais acelerado, é o melhor momento para praticar atividades físicas e continuar fortalecendo o corpo.

De acordo com a nutróloga Cristiane Coelho, o importante no inverno é, além de saber distribuir adequadamente as refeições ao longo do dia, se manter saciado. “Quando estamos satisfeitos não exageramos. Isto não significa que precisamos comer demais. Basta escolher quais os melhores alimentos que vão ajudar nesse sentido, o que também ajudará muito no processo de emagrecimento”, afirma.

Os alimentos que mais promovem a saciedade, são aqueles que contem fibras e gorduras de “boa qualidade”, como a do abacate. Segundo Cristiane, as melhores opções estão entre os carboidratos integrais (pães, massas, arroz, quinoa), as oleaginosas (amêndoas, nozes, castanhas), as sementes como chia e linhaça (principalmente quando hidratadas) e as proteínas em geral.

shake morango e banana hiamag
Foto meramente ilustrativa —  Hiamag

Para tornar a refeição ainda mais atrativa, a nutróloga dá a dica de combinar esses alimentos à uma receita, preparando um shake proteico de banana com morangos: proteína vegetal + leite de castanhas + morangos congelados + banana + 1 colher (sopa) de sementes de chia hidratada.

Fonte: Cristiane Coelho