Arquivo da categoria: Festa Junina

Arraial Tattoo You & Raro Comida de Rua

Tattoo You estará de portas abertas para receber todos na unidade New Tattoo You amanhã, domingo (9), das 11 às 20 horas, para curtir uma festa de São João, será um evento com toda originalidade do estúdio e estilo típico do tema ao som da banda 4ACORDES, e do DJ Baileiros.

As comidas típicas e outras delícias, como pinhão, churros, hot dog maçaricado, pipoca e hambúrguer, ficarão a cargo do Raro Comida de Rua. Também haverá quentão rolando no Pub e promoções oferecidas por nossos parceiros Jägermeister e Paulaner, com welcome shot e as promoções na compra de um shot ganha outro, e na compra de três cervejas ganha um copo exclusivo.

paulaner

O encontro será o dia de sorte para quem quer tatuar e/ou colocar seu piercing, os profissionais estarão com a agenda aberta, o Tattoo You conta com a presença de todos que desejaram um tempinho na agenda desses criativos e talentosos profissionais.

Vão rolar sorteios exclusivos, por exemplo, a Chilli Beans sorteará dois kits e o Raro Comida de Rua dois open food (válido pra duas pessoas cada). Para participar, basta seguir os perfis do Tattoo You e Raro Comida de Rua nas redes sociais e a foto divulgação do Arraial com a #arraialtattooyouraro. E os ganhadores serão informados via direct/mensagem, dia 10 de julho.

arraial tattoo you

Serviço
Arraial do Tattoo You
Dia: 09 de Julho de 2017
Horário: das 11h até as 20h
Local: New Tattoo You -Av. Doutor Cardoso de melo, nº320 – Vila Olímpia, SP

Domingo tem arraial do Adote um Gatinho

A ONG Adote um Gatinho irá fazer um evento neste domingo. Veja o convite que as fundadoras estão fazendo:

“Há 14 anos nós formamos o Adote Um Gatinho e o trabalho não é fácil. Estamos sempre sem $, sem espaço para abrigar mais gatinhos e recebendo uma quantidade imensa de pedidos de ajuda. Afinal, estamos nada menos do que em São Paulo e a cidade é tomada por animais abandonados.

newsarraial

Somos uma ONG formada por pessoas que se uniram por conta de uma coisa em comum: o amor aos gatinhos. Mesmo com todas as dificuldades, a gente dá um jeito de continuar o trabalho por eles. E como vale a pena…

Já encaminhamos 10.293 gatinhos para adoção e, enquanto este post está sendo escrito, outros tantos estão recebendo formulários pelo nosso site.

Fazemos dois eventos para nos ajudar a arrecadar uma graninha extra, o Arraial e o Bazar de Natal. Para fazer esses eventos acontecerem, a gente se arrisca financeiramente gastando o que não temos e torcendo para que as pessoas apareçam e nos ajudem. Desde o nosso primeiro bazar, em um salão de festas de um condomínio, vocês sempre aparecem.

Cada voluntário, oficial ou extra, que já trabalhou em um dos nossos eventos sabe o quanto é desgastante trabalhar até as pernas bambearem e o corpo implorar por descanso. Ainda assim, lá estão eles evento após evento. Nesse Arraial teremos 120 voluntários nos ajudando a fazer a festa acontecer. 120 pessoas que abriram mão do seu domingo, clássico dia de descanso, para trabalhar incansavelmente pelos nossos gatinhos.

Neste Arraial vamos ter 15 parceiros vendendo seus produtos e 3 patrocinadores que sempre nos dão uma força, Royal Canin, Bayer e Provet.

O Arraial será neste domingo, das 12 às 19h, e a gente vai estar lá mais uma vez desde às 7h arrumando tudo e morrendo de ansiedade para ver as pessoas entrando no salão quando os portões de abrirem. Contamos com a presença de vocês.

Obrigado e até domingo!
Susan, Juliana e voluntários do Adote um Gatinho”

cabecalho-arraial2017.jpg

Informações: Adote Um Gatinho

Nissin Lámen com sabor caipira

Uma das épocas mais saborosas no ano é aquela em que são realizadas as festas juninas e julinas. Para entrar no clima, a Nissin preparou a receita Nissin Miojo Lámen Caipira. Prática e saborosa, leva milho verde, ingrediente indispensável nos festejos. Confira e saboreie:

Ingredientes

· 1 Nissin Miojo – Lámen Galinha Caipira;
· 1/2 xícara de milho verde em conserva;
· 2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado;
· 1 colher (chá) de salsa picada.

Modo de preparo

· Prepare o Nissin Miojo – Lámen conforme as instruções da embalagem;
· Junte o milho verde e o queijo ralado.
· Misture bem e salpique a salsa. Sirva a seguir.

nissin

Fonte: Nissin

Domingo tem Arraial canino e felino da Ampara Animal com adoções

A Ampara Animal e a Unimed Seguros convidam para entrar na quadrilha do arraiar mais fofa de São Paulo. No dia 2 de julho, domingo, as pessoas poderão pescar o coração vira-lata de um cãozinho ou gatinho na barraca da adoção e para acompanhar, muitas comidinhas e bebidas juninas. O evento acontecerá na Praça Vinícius de Moraes, Av. Giovanni Gronchi, 3393, das 10 até as 15 horas.

A barraquinha da ONG terá produtos com renda 100% revertida para os animais
Importante: para adotar, o adotante deve ter mais de 18 anos, apresentar o comprovante de residência e o RG, ter uma forma segura de transportar o animal e passar pela triagem, que avalia questões ligadas ao perfil familiar,
rotina do adotante, histórico com animais, segurança e necessidades do animal.

Eita que o Domingo vai ser bão demais, sô!

28_06-18h-unimed

Arraial da Ampara Animal
Dia: 02 de julho
Local: Praça Vinícius de Moraes
Endereço: Av. Giovanni Gronchi, 3393 – Morumbi – São Paulo
Horário:  das 10 até as 15 horas
Entrada: gratuita. 

Projeto Cão Sem Fome faz arraial beneficente

O Projeto Cão Sem Fome, de São Paulo, realiza festa beneficente amanhã (1º), no Dog School Ipiranga. A intenção é arrecadar doações e, assim, ajudar cães e gatos sem tutores. Haverá bingos, comidas típicas, cãodrilha com sorteios e lojas com artigos pets.

Sobre o projeto

O objetivo do “Projeto Cão Sem Fome” é apoiar o trabalho de “protetores independentes” de São Paulo, pessoas que lidam com o abandono de animais e assumem seus cuidados com seus próprios recursos. Os protetores parceiros do projeto recebem suporte com a saúde e alimentação dos seus animais. Não recebem nenhum tipo de auxílio governamental e sobrevivem de doações e da venda de produtos doados por pessoas que se sensibilizam com a causa.

cão sem fome.png

Arraiau Cão Sem Fome – Sábado – 1º de julho
Local: Dog School
Endereço: Av. Dr. Ricardo Jafet, 308 – Ipiranga – São Pauo
Horário: 11 às 17 horas
Entrada: 1 kg de ração

 

Receitas de bolos para festas juninas: Milho Verde Orgânico e Batata Doce

Junho está acabando, mas o clima de festa junina continua forte! Época de alegria e danças, com fogueiras, bolos quentinhos e muitas comidas gostosas para aquecer o frio do inverno. Além das tradicionais comidas como canjica, pé de moleque, milho cozido, pamonha etc, os bolos também marcam presença na festa e conquistam o paladar dos “caipirinhas”.

Pensando nisso,  que tal mudar e fazer um bolo de batata doce? A receita é de Cecília Victório, sócia fundadora da rede de franchising Bolos da Cecília. Abaixo, o passo a passo, simples e rápido, de como fazer um bolo delicioso e levar o clima junino para casa.

Bolo de Batata Doce por Cecília Victório, da Bolos da Cecília

Ingredientes

500 g batata doce
240 g  ovos (ligeiramente batidos)
50 g margarina
25 g açúcar refinado
200 g de leite condensado
40 g de coco ralado
40 g fermento em pó

Preparação da forma:
8 g margarina
8 g de farinha de trigo

• Reserve uma forma de aproximadamente 20cm
• Passe a margarina com pincel no fundo da forma. As laterais deverão ser untadas somente até a metade.
• Polvilhe com a farinha de trigo de maneira que cubra toda a parte amanteigada das formas

Modo de fazer

• Coloque as batatas com casca numa panela com água e leve para cozinhar
• Quando estiverem cozidas, escorra a água
• Retire a casca delicadamente com a faca e amasse grosseiramente as batatas ainda quentes deixando pequenos pedaços sem amassar
• Deixe esfriar

bolo de bata doce

Preparo da Massa
• Acrescente às batatas amassadas, os ovos, a manteiga, o açúcar, o leite condensado e mexa com o fuê sem bater todos os ingredientes até obter uma mistura homogênea
• Se na massa forem encontrados pequenos pedaços de batata, deixe-a assim
• Junte o coco ralado e mexa novamente até incorporá-lo
• Por último, acrescente o fermento em pó e mexa delicadamente sem bater
• Despeje a massa na forma já untada e enfarinhada
• Leve ao forno pré-aquecido a 180° por 35 minutos. Para saber o ponto certo, fure o bolo com um palito. Se sair limpo, está assado
• Retire do forno e deixe o bolo esfriar totalmente
• Passe levemente uma faca nas laterais para que elas se desprendam
• Use um disco ao desenformar o bolo e deixe-o na posição virado para cima. E pronto!

 

Bolo de Milho Verde Orgânico Sem Glúten

Que tal aprender uma receita de bolo de milho diferente? A Ghee Banqueteria criou um cardápio especial para as festividades juninas. Entre todas as opções de comidinhas, docinhos e bebidas típicas, como muffin de milho com ragu de frango caipira e requeijão, miniarepa com pernil desfiado, canjica, bombocado, entre outros, destaque para uma opção sem glúten, como o Bolo de Milho Verde Orgânico.

Bolo de Milho Verde Orgânico Sem Glúten

Ingredientes
250g. de milho cozido
100ml. de água do cozimento
200g. de leite de coco
5 ovos
90g. de milharina
400g. de açúcar
14g. de fermento em pó

Modo de preparo
Cozinhe as espigas de milho retire os grãos.
Coloque todos ingredientes no liquidificador e bata até ficar homogêneo.
Em uma forma untada despeje a massa e leve ao forno médio pré aquecido e deixe assar por aproximadamente 40 min.

bolo de milho

 

 

 

Arraial Étnico na Casa-Museu Ema Klabin reúne sabores de diversos países

Além das comidas típicas juninas, o público conhecerá a culinária, costumes e objetos de arte dos expositores do Instituto de Reintegração do Refugiado Brasil. Durante o evento é possível visitar a casa-museu e seu acervo com mais de 1500 obras de arte

Fundação Ema Klabin em parceria com ONG ADUS (Instituto de Reintegração do Refugiado Brasil) promove no próximo sábado, 1º de julho, das 12 às 18 horas, o primeiro Arraial Étnico.

“Vamos integrar saberes , fazeres e sabores de diversas culturas tendo como ponto de partida a tradicional Festa Junina”, explica a coordenadora do setor Educativo da casa-museu Ema Klabin, Cristiane Alves.

Além dos tradicionais doces juninos como arroz doce, canjica, pipoca, o público poderá conhecer a culinária africana, colombiana e síria, e alguns costumes e produtos desses países como perfumes, objetos de arte, turbantes e tatuagem de henna. Tudo isso regado a muita música. Às 17 horas, uma quadrilha unirá os diversos povos. Entrada franca.

ema klabin 2
Festa integra cultura tradicional junina com culinária e costumes de diversos povos – Foto: Cristina Aguilera

Casa-Museu Ema Klabin

Durante o evento, será possível visitar a casa-museu Ema Klabin que reúne mais de 1.500 obras, entre pinturas do russo Marc Chagall e do holandês Frans Post, dos modernistas brasileiros Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, Portinari e Lasar Segal; talhas do mineiro Mestre Valentim, mobiliário de época, peças arqueológicas e decorativas.

A Fundação Ema Klabin comemora em 2017 dez anos. O espaço cultural abre de quarta a domingo, das 14 às 17 horas (com permanência até às 18 horas), sem agendamento. Aos finais de semana e feriados a visita tem entrada franca. Nos outros dias, o ingresso custa R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia).

De 3 a 14 de julho a instituição estará fechada para a manutenção anual do imóvel e higienização do acervo. A casa-museu reabre dia 15 de julho com uma intensa programação cultural.

ema klabin
Inspirada no Palácio de Sanssouci, em Potsdam, Alemanha, museu abriga mais de 1500 obras de grandes mestres da arte. Jardim da casa leva assinatura de Burle Marx – Foto: Divulgação

Serviço:
Arraial Étnico – ONG ADUS – Instituto de Reintegração do Refugiado Brasil
Fundação Ema Klabin – Rua Portugal, 43 – Bairro Jd. Europa – Fone: 11 3897 – 3232
Data: 1/07 – sábado
Horário: 12h às 18h
Gratuito
Livre

Receita de Arroz Doce com café para as festas juninas

Um dos pratos típicos das festas juninas no Brasil é o Arroz Doce. E, para inovar a tradicional receita do prato, que tal acrescentar um bom café – também brasileiríssimo – aos ingredientes? O Café Brasileiro criou uma receita especial e ensina como preparar.

Ingredientes

1 xícara de chá (14 g) de arroz;
1 litro de leite;
1 xícara de chá (100 ml) de Café Brasileiro Tradicional coado;
1 lata de leite condensado,
Canela em pó a gosto.

Modo de preparo

Primeiro passo é cozinhar o arroz de modo diferente, no leite. Quando estiver quase seco, acrescente o leite condensado e o café coado. Cozinhe mexendo de vez em quando até engrossar um pouco. E finalize com canela em pó por cima.

arroz doce com café.jpg

Fonte: Café Brasileiro

Mais dicas de pratos saudáveis para as festas juninas

Estamos em uma época de muitas delícias típicas: as festas juninas. Mas, será que é possível aproveitar todas as opções sem sobrecarregar o organismo ou prejudicar o comportamento gastrointestinal? A resposta é sim.

Seja milho verde, amendoim, arroz doce ou bolos, é possível aproveitar a ocasião e se cuidar ao mesmo tempo. “Neste período é comum muita gente consumir alimentos diferentes dos que ingere no dia a dia. Isto é ótimo, pois com equilíbrio pode-se aproveitar a grande diversidade culinária dessa festa”, afirma Karin Sedó Sarkis, nutricionista do Fleury Medicina e Saúde. No entanto, vale seguir algumas recomendações para preparar a culinária típica do festejo sem deixar a saúde de lado.

– Milho: cozido, assado ou grelhado é uma boa pedida. Aproveite para fazer um sal de ervas misturando a mesma proporção de sal com uma ou mais de ervas que te agradam, por exemplo, sal com orégano, e salpique sobre o milho. Outra opção é usar somente as ervas, também fica uma delícia. Se quiser dê um toque com manteiga e aproveite!

Corn on the cob

– Pamonha ou curau de milho verde? Preparações com milho, o curau pode ser feito com leite desnatado. Caso haja necessidade ambos podem ser adoçados com menos açúcar ou pode-se utilizar o açúcar light ou adoçante culinário para diabéticos.

pamonha

– Pipoca: lembre que é hora de cozinhar, use a panela e não o micro-ondas. A pipoca não precisa de muito óleo ou manteiga para estourar. Se interessar dá até pra fazer a pipoca sem nenhum tipo de gordura. Para isto você deve esquentar muito bem a panela, colocar o milho e mexer bem para que ela estoure sem grudar. Outra dica é maneirar no uso do sal, aqui também vale fazer uso do sal de ervas e/ou das ervas propriamente ditas, bem como de especiarias (curry, cúrcuma, páprica picante, pimenta do reino, dentre outras).

pipoca xandert
Foto: Xandert/Morguefile

– Mungunzá e outros doces: nesses preparos também podemos substituir o leite integral por leite desnatado. Dê preferência às versões light de creme de leite e leite condensado. O arroz doce, por exemplo, pode ser feito com o grão integral. As dicas em relação ao açúcar se adequam aqui também.

arroz doce tape

– Bolos: além das dicas acima, tire proveito de ingredientes naturais, como a mandioca e o milho, de preferência o natural. Com ingredientes in natura eles ficam mais saudáveis e saborosos.

Bolo de mandioca

– Amendoim: cozido, assado ou como base no preparo de outros pratos. É rico em gordura de boa qualidade, sendo ótimo para quem quer repor a energia após as danças juninas. Caso opte pela versão cozida, uma preparação tradicional, tenha atenção para o modo de conservação. Certifique-se da qualidade da água usada para cozinhar o amendoim. Depois, conserve em geladeira por no máximo três dias. Tenha atenção na procedência do amendoim, pois caso haja umidade na pós-colheita ou dependendo da forma de armazenamento, pode haver a formação de um fungo que produz uma substância chamada aflatoxina, que é maléfica ao organismo.

Paçoca-659x371

– Cuscuz: vale adicionar legumes, como cenoura ralada e abobrinha, e deixar de lado ervilha e milho enlatados, bem como outros produtos industrializados. Prefira os legumes e vegetais frescos. Dessa forma, adicionamos fibras e reduzimos a quantidade de sódio e conservantes.

minicuscuz

– Licores: quer seguir a tradição e degustar um licor de jenipapo? Apenas fique atento à quantidade, devido ao alto teor alcoólico e grande concentração de açúcar. Por isso, devem ser consumidos com moderação.

licor
Foto: jenipapodo7c.blogspot.com.br

Fonte: Fleury Medicina e Saúde

Tomatinhos do amor, uma delícia em forma de coração para a festa junina

Estamos em junho, um dos meses mais gostosos do ano! Afinal, o clima de festa junina traz muitas delícias. A nutricionista Indianara Coimbra, da Trebeschi (uma das principais produtoras de tomates do Brasil), separou uma sugestão especial para essa época: tomatinhos do amor, em forma de coração. Confira, abaixo, como produzir esse prato delicioso e encantador.

Tomatinhos do amor

Ingredientes
500g de tomate sweet grape Trebeschi
500g de açúcar
100ml de agua
1 colher de sopa de vinagre de álcool
Palitinhos para espetar e montar os tomatinhos
Placar de isopor para secarem

Modo de preparo

Tomatinhos
Separe os tomatinhos em pares, mesmo tamanho e formato, pois são necessários 2 frutos para fazer um coração. Corte-os na diagonal, deixando a extremidade mais arredondada para a parte superior do coração. Inicie o corte, aproximadamente, no segundo terço do tomatinho e finalize na ponta oposta. Retire as sementes e descarte-as juntamente com as partes menores. Junte os pares, formando o coração (com auxílio do palito) e reserve-os sob gelo.

tomatinho3.png

Calda
Coloque todos os ingredientes dentro da panela. Misture sem ajuda de colher, só com movimentos circulares feitos com a própria panela. Até a fervura pode-se usar chama alta. Depois mude para médio, por aproximadamente 25 minutos. Para testar o ponto da calda, pingue uma gota em um copo com água fria. Se fizer barulho e for para o fundo, pode desligar e começar glaçar, mergulhando um a um os tomatinhos na calda e espetando-os na placa de isopor para secarem. Caso a calda endureça, volte para o fogo até adquirir novamente o ponto.

tomatinhos333

Fonte: Trebeschi