Arquivo da categoria: música

Felicidades para aquela criança que todos trazemos dentro de nós

BOLA DE MEIA, BOLA DE GUDE

Há um menino, há um moleque
Orando sempre no meu coração
Toda vez que o adulto balança
Ele vem pra me dar a mão

Há um passado no meu presente
O sol bem quente lá no meu quintal
Toda vez que a bruxa me assombra
O menino me dá a mão

Ele fala de coisas bonitas que
Eu acredito que não deixarão de existir
Amizade, palavra, respeito
Caráter, bondade, alegria e amor

Pois não posso, não devo
Não quero viver como toda essa gente insiste em viver
Não posso aceitar sossegado
Qualquer sacanagem ser coisa normal

Bola de meia, bola de gude
O solidário não quer solidão
Toda vez que a tristeza me
Alcança o menino me dá a mão

children-135
Foto: A2ua

Fernando Brant e Milton Nascimento

Anúncios

Música para o dia de hoje: Perfeição – Legião Urbana

Vamos celebrar a estupidez humana
A estupidez de todas as nações
O meu país e sua corja de assassinos covardes
Estupradores e ladrões

Vamos celebrar a estupidez do povo
Nossa polícia e televisão
Vamos celebrar nosso governo
E nosso estado que não é nação

Celebrar a juventude sem escola, as crianças mortas
Celebrar nossa desunião
Vamos celebrar Eros e Thanatos
Persephone e Hades
Vamos celebrar nossa tristeza
Vamos celebrar nossa vaidade

Vamos comemorar como idiotas
A cada fevereiro e feriado
Todos os mortos nas estradas
Os mortos por falta de hospitais

Vamos celebrar nossa justiça
A ganância e a difamação
Vamos celebrar os preconceitos
O voto dos analfabetos

Comemorar a água podre e todos os impostos
Queimadas, mentiras e sequestros
Nosso castelo de cartas marcadas
O trabalho escravo, nosso pequeno universo
Toda a hipocrisia e toda a afetação
Todo roubo e toda indiferença
Vamos celebrar epidemias
É a festa da torcida campeã

Vamos celebrar a fome
Não ter a quem ouvir, não se ter a quem amar
Vamos alimentar o que é maldade
Vamos machucar o coração

Vamos celebrar nossa bandeira
Nosso passado de absurdos gloriosos
Tudo que é gratuito e feio
Tudo o que é normal
Vamos cantar juntos o hino nacional
A lágrima é verdadeira
Vamos celebrar nossa saudade
E comemorar a nossa solidão

Vamos festejar a inveja
A intolerância, a incompreensão
Vamos festejar a violência
E esquecer a nossa gente
Que trabalhou honestamente a vida inteira
E agora não tem mais direito a nada

Vamos celebrar a aberração
De toda a nossa falta de bom senso
Nosso descaso por educação
Vamos celebrar o horror de tudo isto
Com festa, velório e caixão
Está tudo morto e enterrado agora
Já que também podemos celebrar
A estupidez de quem cantou essa canção

Venha!
Meu coração está com pressa
Quando a esperança está dispersa
Só a verdade me liberta
Chega de maldade e ilusão

Venha!
O amor tem sempre a porta aberta
E vem chegando a primavera
Nosso futuro recomeça
Venha que o que vem é perfeição

musica-perfeicao-legiao-urbana-og.jpg

P.S.: Renato Russo faz uma falta imensa!

Parque Buenos Aires recebe segunda edição do Music in the Park

Projeto consiste em apresentações musicais de jazz em parques municipais para reunir núcleos familiares e proporcionar momentos de felicidade e descontração

Aqueles que apreciam boa música e gostam de curtir o dia com a família e amigos já tem um compromisso marcado. A segunda edição do Music in the Park, projeto que consiste em criar momentos que fazem da cidade um lugar feliz, chega a São Paulo no domingo (30) das 10h30 às 16h no Parque Buenos Aires. No line-up, o público poderá se divertir ao som de grandes e importantes nomes da cena do jazz, como Felipe Garcia Quarteto (10h30 às 12h), Karine Aguiar (12h30 às 14h) e Jorginho Neto (14h30 às 16h).

Jorginho Neto, Guilherme Berenguer, Karine Aguiar, Anuar Tacach e Felipe Garcia
Jorginho Neto, Guilherme Berenguer, Karine Aguiar, Anuar Tacach e Felipe Garcia Foto Ali Karakas

A proposta dos eventos consiste em apresentações musicais em parques municipais para reunir núcleos familiares levando momentos de felicidade e descontração em ambiente acolhedor. Sob curadoria dos sócios Guilherme Berenguer e Anuar Tacach, em sua primeira edição, no Parque do Povo, o projeto reuniu mais de 10 mil pessoas e proporcionou aos frequentadores momentos de entretenimento aliados a um conteúdo musical de qualidade.

De acordo com dados da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente, 90% das pessoas que frequentam parques municipais são moradores da região. “O nosso objetivo é levar o jazz até às pessoas. Queremos fazer com que esqueçam os problemas e curtam sua família numa trilha musical de altíssimo nível”, pontua Anuar Tacach. Para 2019, o projeto será realizado trimestralmente em quatro novos parques na cidade de São Paulo.

Com patrocínio de marcas como Shopping Pátio Higienópolis e Omint Saúde e apoio da Cyrela, Marsh e Gin Plymouth, a organização do evento visa realizar benfeitorias nos parques após os festivais.

“Nosso objetivo é proporcionar momentos felizes e agradáveis aos frequentadores dos parques e aos fãs deste estilo musical. A cena do jazz no Brasil está um pouco apagada e, justamente por isso, resolvemos inovar dando um tom mais fun na linguagem dos eventos de música instrumental, focando sua concepção mais na família e em ambientes acolhedores e agradáveis”, explica Guilherme Berenguer.

Jorginho Neto, Karine Aguiar, Felipe Garcia, Guilherme Berenguer e Anuar Tacach
Jorginho Neto, Karine Aguiar, Felipe Garcia, Guilherme Berenguer e Anuar Tacach – Foto: Ali Karakas

Vale citar que o evento é gratuito e aberto ao público.

Music in the Park
Data: 30/09/2018
Horário: 10h30 às 16h
Local: Parque Buenos Aires
Endereço: Av. Angélica, s/n – Higienópolis
Entrada: Gratuita

Para comemorar chegada da primavera, Vila 567 cria drinque e promove festa

Casa na Vila Madalena prepara bebida especial para embalar a mudança da estação que mescla sol quente e brisa fresca e que combina com ambientes abertos, como o rooftop da casa que receberá festa temática

Com cores vibrantes, sol e flores, a primavera chegou. E o Vila 567, casa da Vila Madalena com maior infraestrutura dedicada à música sertaneja, preparou uma programação especial para a chegada da estação.

Feito à base de vodka, xarope de tangerina, suco de limão siciliano, manjericão e sprite, o bar traz ao cardápio o coquetel exclusivo e refrescante, o Vila Spring. Boa pedida para o Happy Hour com os amigos, balada e para provar em um fim de tarde. O drink harmoniza com o ambiente descontraído que a casa proporciona e é ideal para consumo no rooftop com vista privilegiada para o bairro boêmio.

A partir desta quarta-feira, 26 de setembro, o Vila promove a Primavera Party, começando com o Happy Hour, das 18 até às 21 horas. É possível curtir shows ao vivo e aproveitar as mesas de boteco para colocar o papo em dia. Depois desse horário, o DJ da casa assume o posto com playlist inspirada em brasilidades. Para aqueles que preferem as comodidades de bar, a casa conta com dois bares independentes e um telhado acústico que mantém o equilíbrio do som — para que a música não atrapalhe o bate papo.

drinque 567 vila.JPG

Programação
27/09 – Flavia Ventura e Luana Marques
28/09 – Flavia Ventura e Ale Vieira
29/09 – Júlio Borges, Anna Luiza e Felipe Grani
30/09 – Júlio Borges e Nando & Ricky

vila 567 1

Vila 567 – Rua Aspicuelta, 567, Vila Madalena – SP. Horários: Quartas-feiras – das 18h às 3h. Quintas e sextas-feiras – das 18h às 4h. Sábados – das 13h às 4h. Domingo – das 16h às 2h

Shopping Anália Franco: festa e programação especial para receber a primavera

O Shopping Anália Franco celebrará a chegada da primavera na próxima quarta-feira, 26, com um dia inteiro de atrações especiais para todas as idades e estilos. Na data, o centro de compras recebe a Party at the Mall, uma festa que mostra as tendências de moda da nova estação e ainda garante diversão para toda a família com aulas e experiências nas lojas e também nos espaços de convivência do empreendimento.

Programação gratuita para crianças e adultos

Entre os destaques da programação gratuita para as crianças estão as oficinas de slime, pulseiras e maquiagem, das 14 às 20 horas. Para os adultos, haverá temas que prometem agradar todos os perfis: workshops para a confecção de terrários (14h às 15h30) e ecobags personalizadas (16h às 17h30); aulas abertas de modalidades como ioga, acroyoga e danças (14h30, 15h30 e 16h30); palestra e degustação de vinhos da Costa do Pacífico (às 16h), entre outros.

Desfile em todos os pisos do Shopping

Um grande desfile com looks primavera/verão das marcas do Shopping Anália Franco está programado para às 18, 19 e 20 horas, visitando todos os pisos do mall com trilha sonora ao vivo do grupo de percussão Groove Samba. O público verá tendências como peças leves, com tecidos tecnológicos e também naturais, como linho e algodão, além de roupas esportivas usadas em diversas situações do cotidiano. Entre as cores que são destaques para a estação estão o amarelo, o lilás, o vermelho e as candy colors. Para animar ainda mais o ambiente, um trio de jazz, parceiros da loja Made in Brazil, fará apresentações às 15 e às 19 horas na praça de alimentação.

Atrações especiais nas lojas

Durante o dia, as marcas do empreendimento também terão diversas ações especiais, como coquetéis, personalizações, brindes e experiências. A Calvin Klein, por exemplo, terá degustação de cervejas artesanais; já na PB Kids, as crianças serão surpreendidas com shows de mágica das 15h às 18h. Além disso, os clientes que passarem pela Marlene poderão ver uma vitrine viva com modelos usando pijamas e degustar um café da tarde das 17h às 20h. Quem passar pela Quem disse, Berenice? vai aprender a fazer uma maquiagem express das 12h às 19h.

Promoção comprou ganhou

Os clientes que fizerem compras durante a Party at the Mall, em qualquer loja do Shopping, poderão trocar suas notas fiscais por um kit exclusivo com quatro taças para espumante de acrílico colorido. R$150,00 = 1 kit para brindar a chegada da nova estação.

analia franco.png

O roteiro completo e lojas participantes pode ser conferido clicando aqui.

Você gosta de ouvir Bach? Os porcos também

Música diminuiu brigas entre os suínos em experimento; animais também consumiram menos ração mantendo ganho de peso normal
Por Ane Cristina – Editorias: Ciências Agrárias, Ciências Biológicas
porcos FotoHeribert Duling via Wikimedia Commons
A música foi escolhida com base em referencial teórico, o que era necessário por ser validação de um novo método – Foto:Heribert Duling via Wikimedia Commons / CC BY-SA 3.0 de

Suínos tiveram uma melhoria em seu bem-estar, algumas mudanças de comportamento e até apresentaram alterações alimentares ao ouvir música clássica. Esses foram os resultados da tese de doutorado Enriquecimento sensorial do ambiente buscando o bem-estar de suínos, realizada por Érica Harue Ito, com orientação de Késia Oliveira da Silva Miranda, na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP, em Piracicaba.

Segundo a zootecnista, houve uma diminuição dos comportamentos agonísticos (brigas e perseguições) e um aumento nos comportamentos lúdicos (brincadeiras e interações entre eles) nos animais que ouviram o prelúdio da Suíte nº1 em Sol Maior para Violoncelo (BWV 1007), composta pelo alemão Johann Sebastian Bach (1685-1750). Você pode ouvir a versão tocada para os porquinhos clicando aqui.

Outro fator observado pela pesquisadora foi o consumo de ração e ganho de peso. Érica diz que ficou surpresa em perceber que os porcos que ouviram música tiveram o mesmo ganho de peso consumindo uma quantidade menor de ração. Ela ressalta a importância dessa descoberta para o produtor de suínos: “50% do custo da produção de suínos é a ração. A melhora de 1% disso faz uma diferença muito grande para produtores de animais, que ganham em centavos.”

50% do custo da produção de suínos é a ração. A melhora de 1% disso faz uma diferença muito grande para produtores de animais, que ganham em centavos.

O estudo buscou validar o uso em campo aberto do método conhecido como enriquecimento sonoro. Em ambiente fechado, essa técnica já é melhor pesquisada e oferece a possibilidade de controlar fatores como temperatura e umidade. Em um campo aberto, esses fatores podem apenas ser monitorados. A música foi escolhida com base em referencial teórico, o que era necessário por ser validação de um novo método. “Como eu estava validando uma metodologia em instalações abertas, eu tinha que seguir alguma coisa que já existia na literatura. Pesquisei sobre rock, pagode, mas não encontrei nada. Por mim, eu colocaria”, comenta a pesquisadora.

A pesquisa foi feita com os porcos divididos em duas baias, que ficavam lado a lado, separadas por uma parede. A baia tratamento ouvia música, enquanto a baia controle não. A intensidade e a frequência do som foram monitoradas e a temperatura dos animais também, para garantir que não estavam com nenhuma doença. Os suínos ouviram a música durante um mês e a pesquisadora coletava dados a cada hora.

Segundo a zootecnista, para entender o mecanismo que levou a música a influenciar no consumo de ração e consequente ganho de peso dos animais, seria necessária uma pesquisa multidisciplinar, com psicólogos e neurocientistas. “Nós sabemos como é que a música influencia os seres humanos. Mas como influencia os animais? Será que ativa as mesmas regiões cerebrais que ativa em nós? Não há pesquisas sobre isso.”

porcos_suinos FotoAlexas_FotosCC0 Creative Commons via Flickr
Porcos que ouviram música tiveram o mesmo ganho de peso consumindo uma quantidade menor de ração. Essa é uma importante descoberta para os produtores de suínos – Foto: Alexas_Fotos/CC0 Creative Commons via Flickr

Érica comenta que o estudo é apenas parte de um quebra-cabeça, pois além de faltar entender como a música afeta os animais, há também a possibilidade de se testar outros gêneros musicais e avaliar se possuem o mesmo efeito. Ela pretende continuar pesquisando, mas ressalta que provavelmente será mais difícil agora, por ser bolsista da Capes (Conselho Superior da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior), que, no início deste mês anunciou uma possível suspensão no pagamento de bolsas e a interrupção de programas de fomento à pós-graduação no País. “É um pouco difícil, ainda mais agora, com os problemas de bolsa e financiamento. Então os recursos vão ser prioritários para a área de saúde, para o que é ‘considerado importante’. Eu sei que vai ficar mais difícil agora, mas o intuito é continuar”, avalia a pesquisadora.

A aplicação direta da pesquisa seria para os produtores de animais, que podem utilizar a música, um recurso barato, ao qual todo mundo tem acesso, e se mostrou eficiente. Para além disso, fica a reflexão para a sociedade: “É muito fácil alguém que é leigo no assunto ter um cachorro ou um gato de estimação e entender que aquele animal sofre, sente fome, precisa de carinho e tem sentimentos. Mas é muito difícil ainda, para a grande maioria das pessoas, entender que a vaca que dá leite, o porco que dá carne, a galinha que dá ovo, também têm esses mesmos sentimentos”, afirma Érica. Sendo assim, nada mais justo do que buscar situações que proporcionem aos bichos viverem, se reproduzirem e crescerem de maneira agradável e de forma ética.

Você pode ter acesso à versão simplificada da tese Enriquecimento sensorial do ambiente buscando o bem-estar de suínos clicando aqui.

Mais informações: e-mail ericaito@usp.br com Érica Harue Ito

Fonte: Jornal da USP

 

Happy Wine no Trabuca Bar tem noites de jazz e seleção de vinhos em dobro

Até o final do ano, o happy hour das terças-feiras tem ação para o cliente que, na compra de uma garrafa dos vinhos selecionados Grand Cru, ganha a segunda.

O Trabuca Bar realiza todas as terças-feiras o Happy Wine, projeto que fica até o final do ano e celebra grandes vinhos de diferentes países. Nestes dias, a trilha sonora da casa ganha o jazz do Strasbourg Trio, acompanhada por uma seleção especial de rótulos da importadora Grand Cru – na compra de uma garrafa, o cliente ganha a segunda – e que podem ser apreciados com sugestões do chef inspiradas em cada região.

A partir de hoje (28) será a vez do Chile ser representado por seis rótulos selecionados, entre eles, a carta inclui o Errazuriz Max Reserva Cabernet Sauvignon, da região do Vale do Aconcágua e o Leyda Reserva Pinot Noir, do Vale do Leyda. Até o dia 18 de setembro, os vinhos poderão ser harmonizados com uma variedade de comidas típicas chilenas, como as Empanadas (duo nos sabores carne picante e queijo e cebola – R$ 25,00), o Ceviche (de Saint Peter com cebola roxa, tomate, milho crocante, dedo de moça, batata roxa doce e rabanete – R$ 22,00) e outras delícias locais, além da clássica Seleção de queijos Trabuca (manchego, grana padano, brie e chevrotin, acompanhados com uva e geleias de pimenta caseira – R$ 40,00).

Os próximos países homenageados serão França, Espanha, EUA e África do Sul. Confira a programação abaixo e a lista completas de vinhos e menu do Chile.

trabuca vinhos

Happy Wine 2018:
24/09 até 16/10 – França
23/10 até 13/11 – Espanha
20/11 até 11/12 – EUA e África do Sul

Vinhos e menu Chile – de 28/08 a 18/09

Carta de Vinhos
Vinho Errazuriz 1870 Carmenere 2017 (R$ 110,00)
Vinho Errazuriz 1870 Chardonnay 2016 (R$ 110,00)
Vinho Leyda Reserva Pinot Noir 2016 (R$ 120,00)
Vinho Leyda Reserva Sauvignon Blanc (R$ 120,00)
Vinho Errazuriz Max Reserva Cabernet Sauvignon 2015 (R$ 160,00)
Vinho Errazuriz Max Reserva Cabernet Sauvignon 2014 (R$ 140,00)

Menu
Empanadas: Duo de típicas empanadas chilenas nos sabores carne picante e queijo e cebola (R$25,00).
Ceviche: Saint Peter, cebola roxa, tomate, milho crocante, dedo de moça, batata roxa doce e rabanete (R$ 22,00).
Seleção de queijos Trabuca: Manchego, grana padano, brie e chevrotin, acompanhados com uva e geleias de pimenta caseira (R$ 40,00).
Tostada: Salmão defumado, avocado e dill. (R$ 32,00).

trabuca bar

Trabuca Bar: Av. Juscelino Kubitschek, 1.444 – Itaim Bibi – São Paulo. Horários de funcionamento: terça-feira a quarta-feira, das 18h à 1h

Madonna faz 60 anos e o Spotify comemora a rainha do pop

São Paulo é a quarta cidade onde mais se ouve Madonna no mundo e “Like a Prayer” é o hit mais ouvido do planeta

madonna-rebel-heart

Uma vez rainha, sempre rainha! Madonna está completando 60 anos hoje, dia 16 de agosto, e nada mais justo que provarmos que uma das maiores estrelas do pop mundial de todos os tempos segue brilhando como nunca nos palcos e, principalmente, no universo do streaming de música. Atualmente a diva pop possui nada mais nada menos que 9 milhões de ouvintes mensais (262º do mundo) no Spotify em todo planeta, com 2.4 milhões de seguidores na plataforma.

Mais uma prova de sua presença marcante ao longo dos anos e de se reinventar na música a cada ano é que Madonna está presente em playlists como “All Out 80s”, “All Out 90s” e “All Out 00s” no Spotify, mostrando que sua música e seu talento é totalmente atemporal. Os grandes sucessos de Madonna você ouve no Spotify na playlist This Is Madonna.

Confira também outros dados interessantes da rainha do pop no Spotify.

– Top 10 músicas mais ouvidas de todos os tempos no Spotify:

like a prayer.jpg

Like A Prayer
Material Girl
Like a Virgin
4 minutes (feat. Justin Timberlake & Timbaland)
Vogue
La Isla Bonita
Hung Up
Bitch I’m Madonna
Holiday
Into the Groove

– Top 10 álbuns mais ouvidos de todos os tempos no Spotify:

Rebel Heart
Confessions On A Dance Floor
Like A Virgin
MDNA
True Blue
Ray Of Light
Hard Candy
Like A Prayer
Music
Madonna

– Top 10 cidades que mais ouvem Madonna no Spotify:

Cidade do México
Londres
Santiago
São Paulo
Los Angeles
Paris
Estocolmo
Chicago
Buenos Aires
Nova York

madonna-mert-marcus-2012-billboard-650

– Top 10 países que mais ouvem Madonna no Spotify:

Estados Unidos
Reino Unido
México
Brasil
Alemanha
Austrália
Argentina
Espanha
Canadá
Suécia

Fonte: Spotify

 

 

Dia do Rock: Spotify relaciona os rocks mais ouvidos do momento

O jargão é velho, mas nunca sai de moda…assim como o bom e velho rock and roll, sempre atual e moderno. É por isso que no Dia Mundial do Rock, comemorado nesta sexta-feira, 13 (data bastante emblemática, não?), o Spotify selecionou as bandas, artistas e músicas mais ouvidas do gênero na plataforma no momento.

No Brasil, os americanos do Imagine Dragons dominam as paradas do rock, assim como Coldplay e Red Hot Chili Peppers, que completam o pódio dos três artistas de rock mais ouvidos do Spotify no país.

Eu, que amor rock, fico triste ao ver que o Brasil está no 13º lugar entre os países que mais ouvem esse estilo musical. Gostaria que estivesse entre os três primeiros.

Top 10 rocks do mundo no Spotify

  1. Kygo & Imagine Dragons – Born To Be Yours
    2. OneRepublic – Start Again (feat. Logic)
    3. John Mayer – New Light
    4. Imagine Dragons – Believer
    5. Imagine Dragons – Thunder
    6. Panic! At The Disco – High Hopes
    7. Portugal. The Man – Feel It Still
    8. The Chainsmokers – Something Just Like This
    9. Jason Mraz – I’m Yours
    10. Toto – Africa

Top 10 rocks no Brasil

  1. Imagine Dragons – Believer
    2. Imagine Dragons – Thunder
    3. Kygo & Imagine Dragons – Born To Be Yours
    4. John Mayer – New Light
    5. Oasis – Wonderwall – Remastered
    6. The Chainsmokers – Something Just Like This
    7. Coldplay – The Scientist
    8. The Neighbourhood – Sweater Weather
    9. Red Hot Chili Peppers – Californication
    10. Linkin Park – In The End
imagine_dragons
A banda Imagine Dragons

Top 10 artistas de rock no Brasil

  1. Imagine Dragons
    2. Coldplay
    3. Red Hot Chili Peppers
    4. Linkin Park
    5. Arctic Monkeys
    6. The Beatles
    7. John Mayer
    8. Guns N’ Roses
    9. AC/DC
    10. Queen

Top 20 países que mais ouvem rock

  1. Finlândia
    2. Turquia
    3. Hungria
    4. República Tcheca
    5. Filipinas
    6. Argentina
    7. Israel
    8. Portugal
    9. Bulgária
    10. Chile
    11. México
    12. Japão
    13. Brasil
    14. Nova Zelândia
    15. Eslováquia
    16. Uruguai
    17. Austrália
    18. Peru
    19. Islândia
    20. Irlanda

Fonte: Spotify