Arquivo da categoria: peixe

Páscoa e vinhos: uma combinação perfeita

Saiba como harmonizar pratos típicos do feriado com vinhos selecionados

Páscoa é um dos feriados favoritos do ano para reunir a família em torno de uma bela mesa para o almoço. Os pratos típicos a base de frutos do mar e o celebrado chocolate pedem bons vinhos para a harmonização perfeita durante a refeição. Cada vez mais difundidos no Brasil, os vinhos passaram a fazer parte das mais variadas comemorações.

A mais famosa e aclamada opção na mesa dos brasileiros durante a Páscoa é o Bacalhau à Gomes de Sá, versão da receita onde o peixe é acompanhado por batatas, ovos e azeitonas. A harmonização perfeita para o prato é um vinho branco, seco e com boa acidez.

Verão_ Vinho branco

Uma excelente escolha é o Pionero Mundi, rótulo espanhol da vinícola Viña Almirante, feito com a emblemática uva Albariño tradicional da região Rías Baixas. “O Pionero Mundi traz complexidade nos aromas e no paladar, e isso é o resultado do contato das cascas da uva com o líquido”, explica Nicole Negrão Gomes, sommelière da Garage Vinhos, loja conceito da Bodegas Wine na cidade de Curitiba.

vinho taça rose.jpg

O Risoto de Camarão é um dos principais acompanhamentos escolhidos para compor a mesa durante o almoço do feriado. A receita prática e saborosa harmoniza muito bem com vinhos brancos e rosé. “O BIS Rosé, rótulo da vinícola portuguesa Encostas de Estremoz, é leve, frutado e com um bom final e acompanha perfeitamente um risoto de camarão, bem como saladas e mariscos”, complementa a especialista.

vinho tinto

Como não poderia faltar, a troca de chocolates é o momento mais aguardado da Páscoa e muito se engana quem acha que bons vinhos não fazem parte desse momento. Para Nicole, o Insensato, vinho tinto da Bodegas D. Mateos, harmoniza perfeitamente com chocolates amargos. “O rótulo é saboroso, com taninos macios, frutado e elegante. Além disso, ele harmoniza muito bem com um mix de queijos curados”, completa a especialista.

Fonte: Garage Vinhos

Especialistas orientam como escolher bem o pescado para a Páscoa

Médicos-veterinários alertam sobre cuidados com temperatura, aparência, conservação e manipulação de peixes e moluscos

O período que antecede a Páscoa é normalmente acompanhado por um aumento na compra e consumo de peixes em todo o país. Devido a essa tendência é importante orientar a população para a adoção de boas práticas para se selecionar, comprar e conservar o peixe ou fruto do mar, tendo em vista que as doenças transmitidas por alimentos (DTA) são uma importante causa de morbidade no Brasil. Em 2018, segundo o Ministério da Saúde (MS), ocorreram 503 surtos com quase 7 mil doentes, 731 hospitalizados e nove óbitos.

Na hora da compra em um mercado ou feira, o consumidor deve se preocupar com a procedência dos produtos, garantindo que só chegue à mesa de Páscoa itens inspecionados por um médico-veterinário. Nas peixarias, a origem dos pescados frescos comercializados deve estar disponível. No caso dos peixes embalados, o selo de inspeção deve estar visível na embalagem.

peixe

“É importante saber se o produto passou pela inspeção oficial, para garantir a segurança do pescado”, ressalta o presidente da Comissão Técnica de Alimentos (CTA) do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo (CRMV-SP), Ricardo Calil.

Segundo o médico-veterinário, o processo de conservação ideal do pescado começa muito antes de chegar ao consumidor final. “A carne do pescado fresco, pela sua constituição, exige temperatura próxima de zero (0°C). E no caso da carne congelada, a dezoito graus negativos (-18°C), para que a durabilidade seja a maior possível”, afirma.

Para avaliar se o peixe fresco está em boas condições, o consumidor precisa fazer uma avaliação criteriosa, conforme orienta Camila Hirai, médica-veterinária integrante da CTA e responsável técnica pela central de distribuição de uma importante rede de supermercados.

“O peixe deve estar com pele, escamas e olhos brilhantes, com tonalidade viva e ausência de muco espesso. As escamas devem estar, ainda, bem aderidas, os olhos ocupando toda a órbita e salientes, as brânquias úmidas e avermelhadas, a carne firme e elástica, e o odor suave e característico.”

Já os peixes congelados devem estar em embalagem íntegra, com data em que foi embalado e, quando comercializados em pedaços, não devem estar em blocos. “Através da embalagem que é possível identificar a origem do produto, a faixa de temperatura para manter o alimento seguro, como também a validade”, destaca Calil.

“O pescado deve ser a última coisa a ser colocada no carrinho de compras”, completa a médica-veterinária.

Bacalhau

Gadus morhua, o tipo mais tradicional e mais consumido_ Créditos Divulgação
Gadus morhua, o tipo mais tradicional e mais consumido – Foto: Banca da Ramon

Tradicional iguaria consumida na Páscoa, o bacalhau tem características particulares a serem observadas pelo consumidor no momento da compra. “O bacalhau deve apresentar a superfície devidamente seca, não pode estar pegajoso e apresentar limosidade ou bolor”, alerta Camila.

Calil orienta os consumidores quanto à procedência do peixe e o cuidado para escolher entre o bacalhau e os peixes salgados secos. “É preciso tomar alguns cuidados para pagar pelo que o bacalhau vale. O verdadeiro é o Gadus morhua (Cod), também denominado Porto. O Gadus macrocephalus tem semelhança com o verdadeiro, porém não se desfaz em lascas e tem uma carne fibrosa, por isso, costuma ter um preço abaixo do morhua. As demais espécies comercializadas, como ling, zarbo ou saithe, não são bacalhau, mas peixes salgados secos, e, portanto, devem ser comercializadas adequadamente”, alerta o presidente da CTA do CRMV-SP.

Fonte: CRMV-SP

 

14ª Santa Feira do Peixe na Ceagesp

Até o dia 18 de abril será realizada a 14ª Santa Feira do Peixe, no Pátio do Pescado da Ceagesp, das 12h às 21h, com produtos a preços promocionais. Por exemplo, o cação será comercializado a R$ 18,90/kg, e a tainha a R$ 11,90/kg. O camarão também será comercializado a um valor mais em conta do que o praticado no varejo. Para este ano, os comerciantes esperam vender cerca de 150 toneladas de pescados e frutos do mar durante o evento.

Além das barracas de pescados, frutos do mar e o tradicional bacalhau – que será vendido tanto em postas como desfiado-, haverá ainda uma grande praça de alimentação, venda de panelas de barro, ovos de Páscoa, doces, licores, de verduras, legumes, frutas e temperos e minifeira de flores.

ceagesp.JPG

A Santa Feira do Peixe é uma festa tradicional que já faz parte do calendário de eventos que antecedem a Páscoa na cidade de São Paulo, atraindo centenas de pessoas durante os quatro dias de comercialização. É uma ótima opção para a preparação do almoço de Páscoa, pois o consumidor poderá encontrar em um único espaço tudo o que ele precisa para comemorar essa data cristã de maneira saudável e saborosa, a preços promocionais e mais em conta do que os praticados no mercado.

ceagesp peixe

Outro atrativo é a praça de alimentação, que este ano contará com barracas de paella e porções de camarão, acarajé, bolinho de bacalhau, pastéis, macarrão com camarão no queijo grana padano, moqueca de cação, comida japonesa, bicicleta de brigadeiro, bicicleta de vinhos e venda de doces como ovo de colher, palha italiana, bolos, coxinhas de morango e pizza brownie, bebidas e um cardápio específico com os produtos em promoção.

Os atacadistas estarão trazendo uma mostra da oferta de pescados que podem ser encontrados diariamente na Feira de Pescados e Frutos do Mar que ocorre no Frigorífico São Paulo, dentro do Entreposto Terminal São Paulo, de terça a sábado, das 2h às 6h, no mesmo espaço onde ocorrerá a Santa Feira do Peixe.

O evento tem entrada gratuita e o estacionamento no local também será gratuito durante todo o evento. Para facilitar os motoristas, a localização já está marcada inclusive no Google Mapas, basta teclar “Santa Feira Do Peixe” que na hora o aplicativo dará as coordenadas e rotas de acesso.

A iniciativa tem apoio da Associação dos Comerciantes Atacadistas de Pescados do Estado de São Paulo (Acapesp), dos permissionários do Frigorífico de São Paulo (Frisp) e da Sampa Foods.

14a santa feira do peixe.jpg

14ª Santa Feira do Peixe da Ceagesp
De 15 a 18 de abril de 2019, das 12h às 21h
Entrada pelo portão 15 da Rua Xavier Kraus (esquina com Avenida Nações Unidas – Marginal Pinheiros).
Entrada e estacionamento gratuitos.

Little Tokyo traz tendências da cozinha japonesa para São Caetano do Sul

Restaurante localizado no ParkShoppingSãoCaetano reformula menu e apresenta pratos com proposta fusion, além de opções vegetarianas

O Little Tokyo traz uma proposta contemporânea de gastronomia japonesa em seu novo menu, já disponível na unidade do ParkShoppingSãoCaetano, em São Caetano do Sul. Inspirado pela cultura de Tóquio e mesclando técnicas orientais e ocidentais, o cardápio revela ingredientes sofisticados, frescos e cheios de novos sabores.

Entre as principais novidades estão o arroz crocante com tartar de salmão e azeite trufado; uramaki de camarão a milanesa e maionese spicy, e o tempurá de folha de shissô, uma erva aromática usada na China e Japão, com tartar de salmão ou atum.

O novo menu conta também com pratos vegetarianos para atender cada vez mais os clientes que não abrem mão da gastronomia japonesa, mas não comem peixes ou carnes. Entre as opções está o domburi vegetariano de moyashi e cogumelo shitake e o uramaki vegetariano, composto por uma fina fatia de avocado, arroz gohan e recheado com shimeji, farinha panko e cream cheese, entre outros pratos, entradas e acompanhamentos.

“Chegamos nesse cardápio para atender com mais qualidade e opções os nossos clientes. O Little Tokyo trabalha apenas no sistema a la carte e traz ingredientes de primeira linha, peixes frescos, muito sabor e opções com valores acessíveis”, conta Chen Rue sócio-proprietário do restaurante. A inspiração da cozinha fusion vem de grandes mestres, como o chef japonês Nobuyuki Matsuhisa, e de pesquisas por restaurantes ao redor do mundo.

Festivais Little Tokyo

www.tbfoto.com.br
LITTLE TOKYO - SP/SP - 16/10/2018
Foto: Tadeuwww.tbfoto.com.br
LITTLE TOKYO - SP/SP - 16/10/2018
Foto: Tadeuwww.tbfoto.com.br
LITTLE TOKYO - SP/SP - 26/03/2018
Foto: Tadeu

Além dos diversos pratos disponíveis, o Little Tokyo oferece três opções de festivais: Individual, Completo e Especial – esse último serve duas pessoas. Na escolha de um dos festivais, o cliente consome os principais pratos da casa, algumas novidades do cardápio, além dos tradicionais shimeji, sushis e temakis. As opções dentro de cada festival são variadas, fartas e servem como ótima opção para quem quer comer muito bem, com variedade e ótimo preço.

Bebidas e Sobremesas

www.tbfoto.com.br
LITTLE TOKYO - SP/SP - 18/10/2018
Foto: Tadeu
O cardápio de bebidas do Little Tokyo é amplo. Os clientes podem escolher entre água, refrigerantes, sucos e o chá verde gelado aromatizado com essências e também frutas frescas, destaque na categoria sem álcool. Cervejas, caipirinhas de frutas com vodka ou saquê (nacionais e importados), ou cachaça, além de doses de diversas variedades de bebidas. Para os clientes que não abrem mão de um doce após a refeição, o restaurante conta com deliciosas sobremesas: o Volcano, Petit Gateau, Harumaki de Nutella e sorvetes completam o cardápio da casa.

Little Tokyo – ParkShoppingSãoCaetano – Alameda Terracota, 545, 1002, 1002 / 1002A / 1003 – Cerâmica, São Caetano do Sul – Horário de funcionamento: de segundas a sexta-feira: almoço das 12h às 15h / jantar 18h às 22h30. Sábados e feriados – das 12h às 23h. Domingo – das 12h às 21h30

Mercado Municipal do Rio celebra Semana Santa com 6º Festival Mesa Santa

Evento reúne lojistas, restaurantes e empórios com menu de peixes, frutos do mar e ofertas especiais no Cadeg

Com a combinação de dois ingredientes de sucesso na gastronomia, peixes e vinhos, o Mercado Municipal do Rio (Cadeg) abre as comemorações da Semana Santa desse ano com a 6ª edição do Festival Mesa Santa, que vai até o dia 21 de abril. Lojas, empórios e restaurantes do mercado promovem ofertas em diversos segmentos e oferecem gastronomia de alta qualidade e atividades para o público nos fins de semana.

Seguindo a tradição do período, os restaurantes apostam no menu com carnes brancas, azeites e vinhos para uma harmonização perfeita. Em alguns estabelecimentos, não haverá cobrança da taxa de rolha, possibilitando o consumo a preços bastante atraentes. Em outros, o cliente ganha até cortesia. O Festival também é uma oportunidade para economizar nas compras para a Páscoa.

Nas lojas, os descontos vão desde os itens mais procurados nessa época do ano como vinhos, bacalhau, cereais, azeites até roupas e calçados. Não faltam motivos para fazer uma visita ao mercado, que conta com mais de 700 lojas e salas, com serviços diversos e estabelecimentos especializados no universo da gastronomia, do vinho e da cerveja.

peixeEspetáculo Restaurante - Churrasco Marítimo - MESA SANTA CADEGBrasas Show Robalo na Manteiga de Ervas MESA SANTA CADEG

Durante o festival, sempre nos fins de semana, o mercado ganha uma programação de palestras, degustações e recreação para as crianças. Uma das presenças já confirmadas é a da apresentadora do canal Shoptime e do canal Tempera, no YouTube, Flavia Bonato, que dá dicas sobre como aproveitar o bacalhau por completo, além do passo a passo de uma receita especial que usa ingredientes encontrados no Mercado Municipal. Os eventos são realizados na Avenida Central, a partir de 13 horas.

Mercado Municipal do Rio – Cadeg – Rua Capitão Félix, 110 – Benfica, Rio de Janeiro – RJ

Confira receita de tilápia no cartucho

A chef Ana Spengler, da Smart, desenvolveu um prato especial e de fácil preparo: Tilápia no cartucho. Além de prática, a receita é extremamente saudável e saborosa, ideal para quem precisa de uma refeição leve e proteica.

Tilápia no cartucho

Ingredientes
– 1 filet de tilápia
– 4 tomates cereja
– 1/2 talo de alho poró
– 1 batata salsa
– azeite
– Tempero para Frutos do Mar Smart
– Sal Marinho Smart

Preparo
Temperar o peixe com tempero para Frutos do Mar Smart e reservar por 15 minutos. Descascar a batata e cortar em cubos. Temperar a batata com o Sal Marinho e cozinhar em água, deixando ao dente. Em uma folha de papel manteiga, coloque as batatas, o alho poró cortado em rodelas e o peixe. Sobre o peixe, coloque os tomatinhos e regue com um fio de azeite. Dobre o papel formando um cartucho e leve ao forno preaquecido em 180°C por 25 minutos. Sirva o cartucho no prato e abra na hora do consumo.

tilapianocartucho.png

Sugestão: servir com limão.

Porção: 1 pessoa.

Fonte: Smart Alimentos

 

Petiscos deliciosos feitos com sardinha

O Carnaval chegou e se você for para a folia, nada melhor do que sempre ter alguns petiscos preparados para quando a fome bater. Para te ajudar a preparar uns petiscos megassaudáveis, a Gomes da Costa separou três receitas deliciosas para você ter sempre em mãos. Bom apetite:

Farofa de Sardinha

farofa-de-sardinha-desktop

Ingredientes:
· 1 lata de Sardinha com Óleo Gomes da Costa (125g)
· 1 colher (sopa) de margarina
· 1 cebola picada
· 1 xícara (chá) farinha de mandioca flocada
· Sal a gosto

Modo de Preparo:
Aqueça o óleo da Sardinha Gomes da Costa e a margarina. Refogue aí a cebola até começar a dourar. Junte a farinha e cozinhe mexendo sempre até ficar totalmente solta. Acrescente as Sardinhas Gomes da Costa e com a ajuda das costas de uma colher de pau, esfarele o produto. Tempere com sal a gosto.

Dica do chef: as sardinhas devem ser esfareladas para que fiquem integradas na farinha, o que dá mais sabor à farofa.

Variação: acrescente cheiro verde ou coentro picado à farofa.

Quadradinhos de Tapioca com Sardinha

quadradinhos-de-tapioca-com-sardinha-desktop

Ingredientes

Quadradinhos:
· 1 xícara (chá) de tapioca granulada (180g)
· 2 xícaras (chá) de queijo meia cura ralado (200g)
· Sal a gosto
· 1 e meia xícara (chá) de leite fervente (360ml)
· 1 lata de Sardinha em Óleo Gomes da Costa (125g)
· Óleo para fritar

Molho para acompanhar:
· 2 colheres (sopa) de açúcar (20g)
· 3 colheres (sopa) de água (60ml)
· 2 colheres (sopa) de vinagre tinto (30ml)
· 2 colheres (sopa) de cachaça (30ml)
· 1 dente de alho (médio) ou meia colher (chá) bem amassado (2g)
· ¼ de pimenta dedo de moça ou meia colher (chá) bem picada (4g)
· 4 cravos da Índia
· 1 colher (chá) de amido de milho (3g)
· Sal a gosto

Modo de Preparo

Quadradinhos:
Em uma tigela junte a tapioca, o queijo e o sal. Misture. Acrescente o leite fervente e mexa bem para que não se forme grumos. Deixe descansar por cerca de 5 minutos ou até que a mistura comece a firmar. Junte a Sardinha Gomes da Costa escorrida e misture novamente. Despeje numa assadeira pequena (com cerca de 18x22cm), forrada com filme plástico. Leve para gelar por no mínimo 4 horas ou até ficar bem firme. Desenforme e corte a massa em quadrados de cerca de 2 cm. Frite aos poucos, em óleo quente até dourar. Sirva quente.

Molho para acompanhar:
Em uma panela pequena derreta o açúcar até ficar cor de caramelo. Junte 2 colheres (sopa) de água, o vinagre, a cachaça, o alho, a pimenta e os cravos. Cozinhe em fogo baixo, até o açúcar desmanchar por completo. Dissolva o amido na água restante e acrescente ao molho, cozinhe mexendo sempre, por cerca de 1 minutos ou até começar a encorpar. Sirva os quadradinhos acompanhados do molho.

Dica do chef: congele os quadradinhos de massa crua em assadeira, deixando espaço entre eles. Depois de congelados, retire da assadeira e coloque-os em um saquinho plástico, feche bem e volte ao congelador/freezer. Use o óleo da Sardinha para temperar saladas.

Variação: substitua o queijo meia cura por queijo coalho.

Delícia Ardente de Sardinha

delicia-ardente-de-sardinha-desktop

 Ingredientes

Massa:
· 1 e meia xícara (chá) de farinha de trigo (225g)
· 4 colheres (sopa) de manteiga (80g)
· Cerca de 5 colheres (sopa) de água (75ml)
· 1 colher (chá) rasa de sal
· 1 colher (sopa) de fermento em pó (10g)

Recheio:
· 1 lata de Sardinha em Óleo Gomes da Costa (125g)
· ¾ xícara (chá) de pimentão verde picado (100g)
· ¾ xícara (chá) de pimentão vermelho picado (100g)
· Meia xícara (chá) de creme de leite, sem soro (130g)
· 1 colher (sopa) de requeijão (18g)
· 2 colheres (sopa) de aguardente (30ml)
· 1 colher (chá) de pimenta dedo de moça picada (5g)
· Sal a gosto

Modo de Preparo

Massa:
Em uma tigela junte a farinha, a manteiga, a água, o sal e o fermento. Trabalhe a massa até não grudar nas mãos. Reserve

Recheio:
Em uma panela aqueça o óleo da Sardinha Gomes da Costa e refogue os pimentões. Junte o creme de leite, o requeijão e a água ardente. Acrescente a Sardinha Gomes da Costa picada grosseiramente. Tempere com sal a gosto.

Montagem:
Separe 10 forminhas de empada com cerca de 7 cm de diâmetro. Porcione a massa entre as forminhas. Abra a massa diretamente nas forminhas, forrando fundo e laterais. Recheie com o refogado de sardinha. Distribua as forminhas numa assadeira e leve ao forno médio (180ºC), preaquecido, por cerca de 15 minutos ou até as empadinhas ficarem ligeiramente douradas e cozidas. Retire as empadas das forminhas e sirva.

Fonte: Gomes da Costa

1º Festival do Fish and Chips de Curitiba

O fish and chips, o prato mais popular da culinária inglesa, é a combinação simples e deliciosa de peixe frito e batata frita enrolados no jornal e geralmente acompanhado de molho tártaro. A receita simples ganhou o paladar dos brasileiros nos últimos anos e se tornou uma grande sensação.

Agora, o preparo ganha seu primeiro evento em Curitiba. A Rua 24 Horas, um dos endereços mais tradicionais da capital paranaense, é palco do 1º Festival do Fish and Chips de Curitiba, que vai até o dia 31 de março.

Durante o período do festival, os restaurantes Bávaro Chopperia & Hamburgueria, James Hill e Prinzen vão servir o prato na sua forma tradicional e, também, deliciosas releituras. Serão mais de 10 opções comercializadas com valores entre R$ 10 e R$ 39,90. Entre os destaques do evento estão a tradicional porção de peixe e batata com molho tártaro; o suculento hambúrguer de tilápia empanado com parmesão; o fish and chips com massa e molho do Prinzen; e o cone de peixe e batata doce frita do James Hill. O festival também terá almoço especial, inclusive com opções mais leves como o prato executivo de tilápia grelhada acompanhada com mix de folhas, tomate, manga e croutons.

Para finalizar a refeição, nada melhor que um docinho não é mesmo? Que tal um petit gateau com sorvete, um brownie artesanal cacau 70% com sorvete ou um milk-shake? As três sobremesas terão o valor único de R$ 15 durante todo o festival.

Confira o cardápio completo de cada operação:

fish and tipsfish and tips 3

Bávaro Chopperia & Hamburgueria: classic fish and chips – 400gr de suculentas iscas de tilápia e batatas fritas (R$ 28,90), Fish and chips quatro queijos – 400gr de suculentas iscas de tilápia e batatas fritas ao molho quatro queijos (R$ 32,90), Fish and chips trufada – 400gr de suculentas iscas de tilápia e batata frita coberta com azeite trufado, queijo parmesão e cebolinha (R$ 32,90), Anéis de cebola and fish – 400gr de anéis de cebola empanados e fritos com lascas de tilápia (R$ 32,90), Fish, camarão e chips – delicioso mix de iscas de tilápia e camarão com batata frita e geleia de pimenta (R$ 39,00), Hambúrguer de tilápia à romana com alface, tomate e molho tártaro (R$ 28,90), Fish and chips Inglaterra – iscas de tilápia empanadas, batata frita com arroz, salada caprese ao molho branco (R$ 28,90), Fish and chips Itália – iscas de tilápia à parmegiana servidas com arroz branco e fritas crocantes (R$ 27,90) e Light Fish – tilápia fresca grelhada servida com um mix de folhas, tomate, manga e croutons (R$ 27,90).

fish and tips 2hamburguer

James Hill: cone de fish and chips (R$ 10,00), Cone de fish and batata doce chips (R$ 10,00) e Fish and chips sandwich – sanduíche com 22 centímetros servido com tilápia empanada crocante, molho tártaro e alface (R$ 15,90).

fish and tip prato

Prinzen: massas com 30 opções de molho e acompanhamento de fish and chips (R$ 19,90).

1º Festival do Fish and Chips de Curitiba
Data:até o dia 31 de março
Local: Rua 24 Horas
Endereço: Rua Visconde de Nácar – sem número, no Centro de Curitiba,
Horário: das 10h às 23h
Informações: Telefone (41) 3078-9777

Receita de salmão grelhado com molho de laranja

Para quem adora salmão, como eu, uma receita deliciosa da rede Divino Fogão. Confira o passo a passo:

Receita de salmão grelhado com molho de laranja

Ingredientes:

1kg de posta de salmão
1 suco de limão
½ xícara de manteiga
Salsa picada a gosto
Endro picado a gosto
1 colher de sopa de amido de milho
1 xícara de suco de laranja
Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de Preparo:

Tempere o salmão com sal, pimenta e o suco de limão. Reserve. Em uma frigideira, aqueça a manteiga e junte a salsa e o endro. Dissolva o amido no suco de laranja e acrescente à frigideira, mexendo até engrossar. Reserve. Em outra frigideira ou uma grelha para fogão, coloque um pouco do molho de laranja já pronto e grelhe o salmão.
Obs.: Sirva regando mais molho e rodelas de laranja.

Salmao_Grelhado_com_Molho_de_Laranja.jpg

Tempo de Preparo: 20 minutos
Rendimento: 6 pessoas

Fonte: Divino Fogão

Aproveite o Réveillon para preparar uma maravilhosa massa com bacalhau

Adria ensina como fazer um delicioso Penne com Bacalhau desfiado ao creme de cebolas e vinho branco

O Réveillon é a festa para renovar as energias, agradecer as conquistas alcançadas e, claro, celebrar com os familiares e amigos mais um ano que vem aí. O momento da virada é repleto de superstição, Afinal, quem não quer uma ajudinha para que o próximo ano seja ainda melhor? Pular as sete ondas, usar branco, guardar sementes de romã e uva ou não consumir carne de animais que ciscam para trás são algumas das muitas estratégias adotadas pelos supersticiosos brasileiros.

Pensando nisso, a Adria sugere o preparo do Penne com Bacalhau Desfiado ao Creme de Cebolas e Vinho Branco. Além de trazer um sabor marcante para o prato, o bacalhau está ligado à tradição de prosperidade.

Já a massa fica por conta do Penne Grano Duro, massa premium feita com um tipo de trigo especial que, após o cozimento, deixa a massa naturalmente al dente, ou seja, soltinha e macia, porém resistente à mordida.

Dica do chef: compre bacalhau demolhado e limpo ou deixe de molho coberto com água por no mínimo 12 horas, trocando cerca de 3 vezes a água (dentro da geladeira). Cozinhe em água nova até ficar macio, depois escorra e desfie. É importante que você faça isso para retirar o excesso de sal do peixe.

Aproveite cada momento e feliz ano novo!

Penne com Bacalhau desfiado ao creme de cebolas e vinho branco

Ingredientes:

Molho Branco:
3 colheres (sopa) de margarina (60g)
2 colheres (sopa) de farinha de trigo (20g)
1 e meia xícara (chá) de leite (360ml)
Meia xícara (chá) de creme de leite (120ml)
Sal e Noz-moscada a gosto

Refogado de bacalhau:
6 colheres (sopa) de azeite (90ml)
3 cebolas grandes cortadas em gomos finos (450g)
650g de bacalhau demolhado, limpo, cozido e desfiado
Meia xícara (chá) de vinho branco seco (120ml)
6 colheres (sopa) de azeitona verde picada grosseiramente (90g)
1 pacote de macarrão tipo Penne Adria Grano Duro (500g)

Modo de Preparo:

Molho Branco:
Derreta a margarina e junte a farinha. Cozinhe, mexendo sempre, até obter uma pasta ligeiramente dourada (cerca de 1 minuto). Abaixe o fogo e acrescente o leite aos poucos, mexendo sempre, até dissolver a pasta completamente. Junte o creme de leite e continue o cozimento até começar a encorpar levemente (o molho não deve ficar encorpado). Tempere com sal e noz-moscada. Reserve.

Refogado de bacalhau:
Refogue a cebola no azeite até começar a dourar (cerca de 10 minutos). Junte o bacalhau e refogue demoradamente. Acrescente o vinho e refogue até evaporar. Junte a azeitona e o molho branco. Tempere com sal se necessário. Reserve. Cozinhe o Penne Adria Grano Duro conforme recomendação da embalagem. Escorra a massa e envolva-a no molho bem quente. Sirva em seguida.

penne com bacalhau.jpg

Rendimento: 5 a 6 porções
Tempo de Preparo: 20 minutos
Tempo de Cozimento: 30 minutos
Variação: Substitua o bacalhau por haddock ou salmão.

Fonte: Adria