Arquivo da categoria: Pele

Sol forte acelera preocupações com câncer de pele; saiba fazer autoexame

Dermatologista explica dicas para realizar o autoexame da pele e identificar lesões – caso haja dúvida um médico deve ser consultado imediatamente.

Ainda estamos na primavera, mas as temperaturas estão bem altas e o sol não dá trégua. Diante deste clima, é importante saber que o melanoma é o tipo de câncer de pele com o pior prognóstico e o mais grave com relação à possibilidade de metástase. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), apesar de não ser o mais frequente câncer de pele, no ano de 2016 foram 5670 casos no Brasil. A última estimativa do órgão sobre as mortes é de 2013, com 1547 casos.

Causas

Embora a principal causa do melanoma seja genética, a exposição solar também influencia no aparecimento da doença — principalmente com os elevados índices de radiação que atingem níveis considerados potencialmente cancerígenos, onde ocorre exposição à radiação UVA/UVB E IR (infravermelho).

“O filtro solar deve ser usado diariamente independentemente da estação do ano e de se está num dia nublado, chuvoso ou encoberto; a radiação UV mesmo em um dia 100% encoberto, ela só é barrada em 30% e 70% dessa radiação passa”, alerta a dermatologista Claudia Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Academia Americana de Dermatologia.

Esta fotoexposição, ao longo dos anos, pode gerar lesões novas ou modificar aquelas que já existiam previamente na pele de qualquer pessoa. Com uma exposição solar frequente, seja por lazer ou ocupacional, muitas vezes, as pessoas não percebem a medida da exposição ao sol silencioso no trabalho de campo, no dirigir ou andar na rua.

Diagnóstico Precoce: embora o diagnóstico de melanoma normalmente traga medo e apreensão aos pacientes, as chances de cura são de mais de 90%, quando há detecção precoce da doença, segundo a SBD. “Por isso, a realização do autoexame dermatológico é necessária”, explica a médica.

Autoexame: o autoexame deve ser realizado principalmente nas pessoas de pele clara, aquelas que possuem antecedentes familiares de câncer de pele, têm mais de 50 pintas, tomaram muito sol antes dos trinta anos e sofreram queimaduras. Quem tem lesões em áreas de atrito, como área da peça intima, sutiã, palma das mãos, planta dos pés e área do couro cabeludo, também deve seguir as instruções. A indicação também vale para as pessoas que apresentam muitas sardas e manchas por exposição solar anterior, já retiraram pintas com diagnóstico de atípicas, não se bronzeiam ao sol, e consequentemente acabam adquirindo a cor vermelha com facilidade e apresentam qualquer lesão que esteja se modificando. “Podemos realizar este procedimento com certa regularidade, uma vez por mês, na frente do espelho e de preferência com luz natural, para verificar o surgimento de alguma mancha, relevo ou ferida que não cicatriza”, indica Claudia.

As dicas para o autoexame são:

mulher espelho pele

-Examine seu rosto, principalmente o nariz, lábios, boca e orelhas.
-Para facilitar o exame do couro cabeludo, separe os fios com um pente ou use o secador para melhor visibilidade. Se houver necessidade, peça ajuda a alguém.

mãos birthorderplus
Foto: Birthorderplus

-Preste atenção nas mãos, também entre os dedos.
-Levante os braços, para olhar as axilas, antebraços, cotovelos, virando dos dois lados, com a ajuda de um espelho de alta qualidade.
-Foque no pescoço, peito e tórax. As mulheres também devem levantar os seios para prestar atenção aos sinais onde fica o sutiã. Olhe também a nuca e por trás das orelhas.
-De costas para um espelho de corpo inteiro, use outro para olhar com atenção os ombros, as costas, nádegas e pernas.

veias-pernas
-Sentada(o), olhe a parte interna das coxas, bem como a área genital.
-Na mesma posição, olhe os tornozelos, o espaço entre os dedos, bem como a sola dos pés.

De acordo com a dermatologista, este tipo de cuidado de rotina, principalmente para quem tem a pele muito clara e com muitas pintas, promove consciência e aguça o olhar sobre as lesões, aumentando a percepção de mudança ou seu crescimento. O passo seguinte, ou mesmo em caso de dúvida, é visitar o dermatologista.

Lesões preocupantes

Para saber se uma lesão é mais preocupante, normalmente é usada a regra do ABCD (área, borda, cor e diâmetro) sobre pintas com pigmentação. “Dividimos a lesão em quatro partes iguais e comparamos os quadrantes observando a simetria, avaliamos as bordas identificando irregularidade na forma de desenhos circinados, observamos a presença ou não de várias cores compondo esta figura e observamos se apresenta diâmetro acima de 6 mm”, comenta a dermatologista.

Quanto aos sinais clínicos, qualquer lesão que coce, doa ou sangre e que aumente de tamanho com rapidez ou apresente sensibilidade, precisa ser examinada por um dermatologista, que fará então uma dermatoscopia manual ou de preferência digital avaliando a necessidade da retirada cirúrgica.

Além de prevenir o surgimento do melanona, o autoexame, por ser uma avaliação em que o paciente começa a detectar precocemente lesões que apresentam sinais e sintomas diferentes dos habituais ou que estão crescendo, proporciona visitas precoces ao dermatologista que decidirá sobre o tratamento terapêutico em questão com chances maiores de cura.

medico examinando pele

“Outra lesão que hoje é bastante comum, principalmente após a quinta e sexta década de vida são os carcinomas, tanto provenientes da camada basal, como da camada espinhosa da epiderme, que quando diagnosticados também com rapidez trazem 100% de cura ao paciente”, informa a dermatologista.

A grande maioria destas alterações tem componente genético, pelo tipo de pele herdada, mas tem como gatilho principal a exposição solar crônica sem a proteção solar adequada. “Todos os pacientes devem aplicar FPS diariamente antes de sair de casa, principalmente quando em contato com o meio e precisam reaplicar pelo menos mais uma ou duas vezes ao dia, evitando assim a perda da saúde e da beleza da pele”, recomenda Claudia.

Fonte: Claudia Marçal é dermatologista da Clínica de Dermatologia Espaço Cariz, Membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, Especialização pela AMB, Membro da American Academy of Dermatology e CME na Harvard Medical School.

Anúncios

Korres apresenta opções que não podem faltar na nécessaire de primavera

O período da troca de estações é um dos momentos primordiais para redobrar a atenção, cuidar da beleza e deixar a pele mais hidratada e iluminada durante a temporada que antecipa o verão.

A marca grega de beleza Korres, uma das minhas preferidas, possui produtos com ingredientes orgânicos naturais que são extraídos por meio de técnicas próprias utilizadas na homeopatia, para a criação de produtos de alta tecnologia e com eficácia clinicamente comprovada. Perfeitos para reforçar o seu arsenal de beleza. Confira:

Limpeza

Comece a temporada redobrando os cuidados com a limpeza da pele. Os sabonetes de limpeza facial e corporal são ricos em vitaminas, minerais e propriedades antioxidantes. Limpam suavemente e revigoram a beleza da pele.

sabonete korres

Sabonete facial em barra Pomegranate – R$ 15,90

sabonete liquido korres

Sabonete líquido hidratante Vinhas de Santorini– R$ 29,00

hidratante para o corpo korres

Sabonete líquido hidratante Rosa Japonesa – R$ 29,00

 sabonete maça korres

Sabonete líquido hidratante Maçã – R$ 29,00

Cuidados Especiais

As máscaras faciais e os cremes esfoliantes corporais renovam, melhoram a textura e deixam a pele pós-inverno com uma aparência naturalmente saudável e revitalizada.

mascara facial

Máscara clareadora facial Wild Rose – R$ 39,90

mascara nectarina

Máscara facial iluminadora Nectarina – R$ 34,90

mascara poma

Máscara de limpeza facial Pomegranate – R$ 34,90

locao esfoliante

Loção esfoliante corporal Chá de Menta – R$ 57,00

rosa mosqueta creme

Creme hidratante iluminador Wild Rose – R$ 89,00

gel creme roma

Gel-creme hidratante facial Pomegranate – R$ 79,00

Hidratação

Para manter a pele diariamente hidratada, se entregue aos deliciosos hidratantes com aromas florais para anunciar de uma vez por todas que a estação mais florida e colorida do ano chegou com tudo.

creme corpo cha branco

Creme corporal hidratante Chá Branco – R$ 45,90

creme corporal lirio

Creme corporal hidratante Lírios D’água – R$ 59,00

_81887B79-5930-4CCD-850A-A085B2CC5E36__KR_01_15_460333_CREME_EXTRA_HIDRAT_ROSA_JAPONESA_500px_1.jpg

Creme corporal extra hidratante Rosa Japonesa – R$ 57,00

Informações: Korres Brasil

O segredo da pele radiante de Nicole Kidman

A pele de Nicole Kidman está consistentemente clara, fresca e hidratada, e nos deixa um pouco incrédulas. Como ela faz isso? Ela é mãe, esposa, atriz (premiada) e mais. Então, como ela tem tempo para manter sua pele tão boa?

Felizmente para nós, ela recentemente falou um pouco sobre seus cuidados com a pele para a revista Vogue norte-americana. Ela aplica que usa religiosamente o protetor solar (Neutrogena Sunscreen,  para ser exata), hidrata e sempre tem tempo para se exercitar. Mas qual é o segredo, a joia escondida, a magia engarrafada que ela está escondendo de todos nós?

Na verdade, é uma prática simples que ela faz todos os dias que rejuvenesce e energiza sua aparência.

nicole-kidman-skincare
Getty Images

“Quando acordo de manhã, adoro salpicar água fria no meu rosto ou, às vezes, tomar um banho superfrio”, declarou. “Eu acho que faço isso porque quando eu era jovem, eu ia nadar no oceano na Austrália, então há algo conectado ao começar o dia com água fria. Há algo sobre o oceano – o sal – que é tão bom para você”.

Fonte: Byrdie

Receitas caseiras para ter uma pele linda

Se engana quem pensa que pele hidratada precisa de só de água. Os tecidos precisam de, no mínimo, 30% de gorduras, sendo 15% de saturadas e 15% de insaturadas.

Manter uma pele hidratada vai muito além da questão estética, a pele possui sua barreira de proteção natural que age impedindo a entrada de agentes nocivos em nosso organismo, ou seja, quando desidratada ela fica com fissuras que possibilitam a entrada desses. O farmacêutico homeopata Jamar Tejada, da capital paulista alerta que a alimentação tem papel direto na saúde da pele.

“Quanto mais balanceada dieta, mais hidratada a pele será. E isso não quer dizer apenas ingerir água, que claro, tem seu papel fundamental, mas se as células não estiverem bem nutridas, com vitaminas e sais minerais, elas não conseguirão reter essa água, ou pelo contrário, irão retê-la em excesso, também desiquilibrando a integridade da mesma”, comenta o especialista.

Quando se pensa em pele hidratada, também é preciso pensar nas gorduras. As insaturadas são divididas em monoinsaturadas (“gorduras do bem”), que ajudam na redução do colesterol LDL (colesterol “ruim”) e auxiliam no controle dos triglicerídeos e do colesterol total. Também são importantes transportadores de nutrientes para dentro das células e indispensáveis na formação dos hormônios sexuais e gorduras poliinsaturadas que são os óleos essenciais, aquelas que o organismo não é capaz de produzir, mas extremamente necessárias para o organismo desempenhar diversas funções orgânicas, gorduras como o omega 3, o ômega 6 e o ômega 9 (ácido oleíco).

“É importante salientar que hoje em dia nossa dieta encontra-se com alto consumo de Ômega 6, gordura encontrada nos óleos vegetais utilizada na maioria das frituras de nossos alimentos”, fala Jamar que acrescenta: “O problema maior está na gordura “trans” que é a transformação do óleo vegetal em gordura sólida que acaba com a integridade da pele”.

Uma série de fatores está associada a uma pele bonita, hidratada e equilibrada, não adianta utilizar um creme caríssimo se o organismo está em desiquilíbrio, a qualidade de sua pele vem de dentro para fora, pensando nisso outro fator que deve ser levado em consideração, aliás deve ser muito considerado, é a qualidade da flora intestinal, também chamada microbiota.

“Se a microbiota não está saudável, quando os alimentos chegam no estômago e intestino os nutrientes não são adequadamente distribuídos e metabolizados, prejudicando mais uma vez a integridade da pele que é reflexo da alimentação e das emoções – uma pessoa feliz tem uma pele radiante”, comenta o especialista que deixa algumas dicas e receitas que podem fazem parte da rotina de quem quer uma pela saudável e viscosa.

mulher-comendo-saladaactivelife

-Mantenha uma alimentação à base de frutas, legumes, verduras e carnes brancas, evitando alimentos industrializados;

mulher tomando probiotico foto alamy

-Introduza probióticos à sua rotina de vida;

mulher comendo doce
Foto: Pixabay

-Reduza ao máximo o consumo de açúcar (sacarose) e de açúcar simples, pois quanto mais açúcares, maior a atuação da glicação na célula. Logo, mais acelerado o processo de envelhecimento cutâneo;

pele

-Sempre que fizer uso de sabonetes, retire todo o excesso, pois ele possui agentes químicos que ficarão em contato com sua pele, resultando em irritação e desidratação;

mulher-bebendo-agua-sol-calor-pixabay
Pixabay

-Beber no mínimo 2 litros de água por dia ajuda a hidratar a pele de dentro para fora, além de ajudar na excreção de toxinas de seu organismo, dê preferência à água alcalina;

mulher-bebendo
Foto: Emilysimagery/Morguefile

-Evitar bebidas alcoólicas, assim como qualquer outra droga;

limpeza-de-pele

-Limpar, tonificar e hidratar a pele no mínimo 2 vezes ao dia, mesmo quando sua pele for oleosa, pois ela necessita de hidratação;

protetor-solar-333

– Use filtro solar sempre, mesmo em dias nublados ou chuvosos;

mulher sorriso celular telefone

-Sorria mais!

Receitas caseiras:

Tipo de pele Ingredientes Modo de Preparo Como usar Dicas importantes

Pele oleosa

§  Duas colheres de sopa de iogurte ( esfoliante, por conter ácido lático e hidratante)

§  Uma colher de sopa de suco de limão ou suco de abacaxi ( pela alta quantidade de vitamina C, atuando como anti radical livre, além da acidez resultar leve esfoliação)

§  Uma colher de sopa de mel ( antisséptico e hidratante)

§  Uma colher de sopa de aveia ( hidratante e levemente esfoliante)

§  Meia colher de chá  de cúrcuma. ( alta concentração de anti- radicais livres)

 

Misture todos os ingredientes em um recipiente

 

§  Lave a pele do rosto com agua morna para dilatar os poros;

§  Aplique a máscara fazendo movimentos suaves e circulares

§  Deixe agir por 10 minutos

§  Enxague com água fria (isso fechará seus poros)

§  Repita esse processo pelo menos 3 vezes na semana

 

Máscaras de tratamentos caseiros para pele oleosa, que possui limão ou quaisquer ingredientes muito ácidos, como abacaxi, morango ou laranja em suas fórmulas, requerem algumas precauções. Ao usar essas máscaras, não se exponha ao sol e/ou mormaço e não ultrapasse o tempo indicado á do contrario poderá ocasionar manchas.

 

Pele seca e Pele sensível

  • 1 xícara de coco ralado (o coco além de antisséptico por causa do ácido caprílico da sua composição, tem característica hidratante por conter vitaminas E e K , além disso o coco é construído por 55% de gorduras saturadas);
  • 1 colher de aveia na forma de farinha ou flocos. ( a aveia contem silício que atua como hidratante, além disso a aveia é altamente hidratante e calmante para a pele);
  • 1 colher de sopa de óleo de Macadâmia ou óleo de Rosa Mosqueta, que possui propriedades que nutrem profundamente a pele e ajudam a atenuar estrias, cicatrizes e rugas na pele.

Bata todos os ingredientes no liquidificador até virar uma pasta uniforme e passe em todas as áreas em que a pele esteja bastante seca.

Deixe agir por 15 minutos e enxague a seguir com água fria.

Pele com acne e pele sensível

·         Saquinho de chá verde (rico em polifenóis e catequinas que agem como anti- inflamatório)

·         Saquinho de camomila (contém azuleno que é um potente anti-inflamatório e antisséptico natural, além de ser calmante e hidratante)

·         Mel ( antisséptico e hidratante natural)

Prepare um chá (infusão) com meia xícara de água utilizando um saquinho de chá verde e de camomila, assim que perceber que formou uma coloração forte resultante das tinturas extraídas da planta, retire do fogo. Utilize duas colheres de sopa dessa infusão com uma colher de sopa de mel e misture.

Introduza uma bola de algodão na solução e em movimentos leves espalhe pele área afetada, deixando agir por 15 minutos. Após lavar bem.

Se estiver com a espinha inflamada, pegue esse mesmo saquinho de camomila ou chá verde que foi utilizado para a infusão e coloque no refrigerador, assim que ficar bem gelado faça com o mesmo compressa sobre a área afetada, deixando agir pelo mesmo tempo, em torno de 20 minutos. O poder anti-inflamatório das mesmas agirá diretamente sobre a inflamação acelerando o processo de cicatrização.

Fonte: Jamar Tejada é farmacêutico graduado pela Faculdade de Farmácia e Bioquímica pela Universidade Luterana do Brasil, RS (ULBRA), Pós-Graduação em Gestão em Comunicação Estratégica Organizacional e Relações Públicas pela USP (Universidade de São Paulo), Pós-Graduação em Medicina Esportiva pela (FAPES), Pós-Graduação em Comunicação com o Mercado pela ESPM,  Pós-Graduação em Formação para Dirigentes Industriais com Ênfase em Qualidade Total – Engenharia de Produção pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul-(UFRGS) e Pós-Graduação em Ciências Homeopáticas pelas Faculdades Associadas de Ciências da Saúde. Proprietário e Farmacêutico Responsável da Anjo da Guarda Farmácia de manipulação e homeopatia desde agosto 2008

 

Cuidado: inclinar-se para checar o celular acelera envelhecimento da pele

O ato de inclinar frequentemente a cabeça para baixo a fim de olhar o celular ou outro dispositivo móvel acelera os sinais de envelhecimento em uma área que possui pele delicada. Os movimentos repetitivos formam sulcos como “colares cervicais”

Já parou para pensar quanto tempo do dia você passa olhando para o celular? Pois saiba que o uso de dispositivos técnicos está acelerando o processo de envelhecimento em uma região difícil de tratar: o pescoço. A imprensa especializada americana até apelidou o problema como ruga “tech neck”.

“A pele do pescoço é muito fina, praticamente sem glândulas sebáceas, com espessura próxima a dois milímetros, pouco hidratada e onde há grande movimentação natural pela própria dinâmica da região. A inclinação frequente da cabeça para baixo a fim de olhar o celular, tablet ou outro dispositivo, provoca sinais de envelhecimento mais rápidos”, explica Claudia Marçal, dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia.

De acordo com a dermatologista, os movimentos musculares do pescoço realizados a todo o instante sejam voluntários como a laterização, extensão, inclinação para baixo ou mesmo na mastigação e fala produzem inicialmente pequenas linhas, que com o passar do tempo vão se acentuando. “Elas adquirem o status de rugas e sulcos bastante marcados como verdadeiros colares cervicais horizontais”, afirma.

O termo tem se tornado uma das novas preocupações em skincare, pois o constante dobramento da pele em movimentos repetitivos, característico da era das selfies, tem aumentado a procura por tratamentos preventivos e corretivos das rugas e linhas do pescoço.

A dermatologista acrescenta que a área é quase sempre esquecida, mesmo para quem tem o hábito de cuidar do rosto. “A própria característica local somada às agressões ambientais como água quente, frio, poluição, ar condicionado, sol, vento e o uso de perfumes contendo álcool e bijuterias (que podem causar hipersensibilidade local e alergias), podem provocar ainda mais ressecamento, vermelhidão e mudança da textura da região”, conta.

mulher olhando o celular

Prevenção
De acordo com a dermatologista, uma dica importante é, mesmo quando mexer nos dispositivos, manter a cabeça em um ângulo de 0 grau e a postura alinhada. O celular deve ser erguido na direção dos olhos. Com relação aos cuidados diários, a médica indica sabonetes neutros ou loções de limpeza à base de ativos calmantes.

“As loções tônicas vêm na sequência e vão preparar a pele para receber o sérum tensor que pode conter Hyaxel ácido hialurônico de baixo peso molecular, antioxidantes, vitaminas e glicosaminoglicanas, além de substâncias que recuperem a volumetria da região como Adipofill e Sculptessence”, conta. O protetor solar deve ter FPS 30 no mínimo e ser reaplicado após quatro horas no dia a dia. “À noite, a região, após a higienização, pode receber água termal em jatos e após alguns minutos, usar vitamina C na forma de sérum, emulsão ou espuma associada a outras vitaminas como B5, E, F e alfa hidroxiácidos, alternando com nutritivos”, explica.

Tratamentos

A toxina botulínica figura entre os procedimentos mais utilizados hoje para tratar as linhas de expressão que formam os colares horizontais. “Ela também pode ser usada na porção central para diminuir a projeção das bandas do plasma, em sessões realizadas a cada seis meses”, afirma.

Além disso, tratamentos com lasers também apresentam bons resultados. Segundo a dermatologista, o uso de lasers fracionados ablativos, como Resurfx, com downtime (tempo de recuperação) de 48 horas, promove neocolagênese, ou seja, uma nova formação de colágeno.

“E quando associado ao ácido poli-L-lático, o Sculptra, ele pode ser feito na mesma sessão; começamos com o Sculptra de aplicação profunda em toda a área de tratamento na derme profunda, reticular, e logo a seguir, no mesmo tempo, é feita a aplicação do Erbium Glass 1565, com resultados realmente excepcionais para retração da pele, redensificação, melhora da elasticidade e tratamento da presença das rugas, das manchas e a textura da pele”, comenta.

Outra boa solução é o microagulhamento de ouro com radiofrequência associado a drug delivery com Vitamina C, Fatores de Crescimento, Ácido Hialurônico e Ácido Retinóico. “Aproveitando as portas de entrada que, pela penetração das microagulhas de ouro geram uma zona de coagulação por toda a sua extensão, o tratamento é associado à radiofrequência causando uma injúria indolor local e o aquecimento da derme e hipoderme. Isso remodela todo o colágeno e promove a redensificação e elasticidade do local da aplicação”, explica. As sessões são três em média, com intervalo de trinta dias.

tech_neck mulher checando celular

Fonte: Claudia Marçal é dermatologista da Clínica de Dermatologia Espaço Cariz, com especialização pela Associação Médica Brasileira (AMB), membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e membro da American Academy of Dermatology (AAD), CME (Continuing Medical Education) na Harvard Medical School

 

Moda e proteção solar juntas

Moda com proteção solar. Ao que tudo indica, essa é uma tendência que veio para ficar. Com a proximidade da primavera, as temperaturas se elevarão cada vez mais, e contar apenas com o protetor solar parece não ser a melhor solução. Foi pensando nisso que a Litoraneus, referência nacional na fabricação de roupas e acessórios com proteção UV, desenvolveu um tecido com tecnologia capaz de absorver até 90% dos raios solares.

A ideia surgiu em 2010, quando a família Lima, que trabalhava com confecção de roupas esportivas desde 1986, saía para velejar pelos mares de Recife, Pernambuco e  se preocupava com a exposição ao sol. “Percebemos que só o protetor solar não era suficiente. Como já tínhamos experiência em confecção, resolvemos desenvolver junto aos nossos fornecedores um tecido com FPU 50+ permanente, que não sai com as lavagens”, lembra Neto Lima, diretor comercial da marca.

A preocupação faz todo sentido. O câncer de pele é o mais frequente no Brasil e corresponde a 30% de todos os tumores malignos registrados. Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), são cerca de 176 mil novos casos por ano no país. Entre as principais causas estão a exposição excessiva à radiação ultravioleta do sol, e, em menor escala, até a lâmpadas fluorescentes, em ambientes fechados.

Sabendo disso, a família se dedicou a desenvolver roupas e acessórios com proteção, mas sem abrir mão do gosto pela moda. “Nossos produtos são desenvolvidos pensando no dia a dia das pessoas, e não apenas no momento em que elas estão na praia ou praticando atividades físicas a céu aberto. Unimos os benefícios da proteção UV ao nosso antigo gosto pela confecção”, destaca Neto.

Um dos maiores diferenciais da marca é que todos os produtos possuem laudos e são certificados pela Arpansa, o único órgão no mundo responsável por testar fator UV em roupas e acessórios, que fica na Austrália. Dermatologistas se unem aos estilistas para participar do desenvolvimento das coleções, garantindo uma harmonia perfeita entre as duas áreas.

litoraneus2

Os produtos atingem tanto as classes sociais A e B quanto a C. “O cliente se sente atraído pela beleza das peças e, não se importa em pagar um pouco mais caro pela proteção UV. Ele compra um plus”, confirma Neto. Além disso, há os que compram por necessidade, de acordo com recomendações médicas.

litoraneus3

Todo esse cuidado tem impulsionado fortemente a expansão da rede, que atua por meio da licença de marca. Atualmente, são cerca de 80 unidades espalhadas pelas regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste. Os produtos são encontrados exclusivamente nas lojas da rede.

Informações: Litoraneus

 

 

Antioxidantes naturais: melhores escolhas para combater envelhecimento precoce

O envelhecimento é um processo natural, comum a todas as pessoas. No entanto, algumas podem sofrer mais com os sinais do tempo, aparentando, até mesmo, ter mais idade do que realmente possuem. Por que isso ocorre? Diversos fatores influenciam o envelhecimento, muitos deles fora do nosso alcance, como a genética, por exemplo.

Contudo, dentre os passíveis de mudança, um em especial pode, de fato, deixar o “ponteiro do relógio” a nosso favor, impedindo que os anos corram fora do ritmo: uma alimentação rica em antioxidantes. E é justamente nisso que muitas pessoas pecam. Esses elementos são compostos de vitaminas, minerais e outras substâncias químicas capazes de evitar a oxidação da estrutura celular. Alguns são produzidos pelo nosso organismo, mas outros, como as vitaminas C, E e o betacaroteno, devem ser supridos por meio da alimentação, pois são fundamentais para proteger células saudáveis de danos no DNA.

Já é cientificamente comprovado que uma dieta rica em alguns antioxidantes previne contra doenças cardíacas, derrames e doenças relacionadas ao envelhecimento. Há uma grande variedade de alimentos ricos nessas substâncias, que também podem ser encontrados em suplementos e produtos cosméticos, como vegetais, frutas, legumes, hortaliças e cereais. Porém, quando se trata de combater os efeitos nocivos do envelhecimento, uns se destacam mais do que os outros, como é o caso do Goji Berry, uma fruta originária das montanhas do Tibet, famosa pela sua cor vermelha intensa que tem chamado atenção no mundo inteiro devido aos seu benefícios e, entre os principais deles, está sua ação antioxidante e anti-inflamatória.

Radicais livres X antioxidantes

goji-berry-faz-bem-para-voce
Gojy berry

A oxidação é um processo químico natural que ocorre frequentemente em nossos corpos, esse processo resulta em moléculas instáveis chamadas de radicais livres. Em pequenas quantidades, essas moléculas são úteis para nossa saúde, pois desempenham um papel importante em algumas atividades de nossas células, como transferência de elétrons para atingir a estabilidade. No entanto, quando em excesso, podem ser tóxicas ao nosso organismo e gerar diversos problemas, prejudicando o funcionamento celular – esse processo é conhecido como “estresse oxidativo”.

Elas ainda podem contribuir para o desenvolvimento de doenças crônicas, como a aterosclerose, obesidade, diabetes e hipertensão; ou degenerativas, como o Alzheimer e o Parkinson, além de favorecer o envelhecimento das células. É aí que entra a ação dos antioxidantes, pois eles conseguem proteger nossas células, neutralizando o excesso desses radicais livres e reparando seus danos.

O que aumenta a produção de radicais livre

O nosso corpo, geralmente, produz compostos por meio da dieta e enzimas antioxidantes que regulam o nível dos radicais livres para que não haja um excesso prejudicial ao organismo. Porém, quando a alimentação não acontece de forma adequada e ainda há uma dieta desequilibrada, baseada em produtos industrializados e rica em carboidratos simples e gorduras saturadas e trans, o sistema antioxidante do nosso organismo não dá conta de inibir a ação de todas as moléculas de radicais livres.

A carência de nutrientes, especialmente das vitaminas C e E, favorecem o aumento da produção de radicais livres que atuam na pele. Em consequência disso, a proliferação celular diminui, acelerando o envelhecimento cutâneo.

Mas, não se trata apenas da dieta, várias outras condições também contribuem para elevar os níveis de radicais livres, como questões genéticas, fatores externos – poluição e exposição aos raios solares – e fatores internos – no caso de pessoas fumantes e, até mesmo, o estresse. Outro fator que também resulta nessa falha é prática de atividades físicas, que apesar de trazer inúmeros benefícios para a saúde, quando feita em excesso pode acabar resultando em lesões musculares e, em consequência, debilitar o organismo. Além de liberar mais radicais livres, os exercícios intensos também podem gerar inflamações, fadiga crônica e, até mesmo, o envelhecimento precoce.

Como prevenir e proteger o organismo

legumes

De acordo com a nutricionista Joana Carollo, especializada em nutrição clínica, uma alimentação baseada em frutas, vegetais e grãos integrais, fornece uma boa quantidade e variedade de antioxidantes, contribuindo para fortalecer o sistema imunológico e diminuindo os riscos de desenvolvimento dessas patologias: “Incluir no cardápio diário frutas e vegetais preferencialmente crus, fornece um aporte maior e mais concentrado para que o organismo tenha uma absorção eficaz dos antioxidantes que ele precisa para funcionar corretamente. Também fundamental a ingestão adequada de água, que combate a retenção de líquidos e elimina as toxinas do organismo”.

A profissional da Nova Nutrii afirma que, além de prevenir doenças e manter o funcionamento pleno do corpo, os antioxidantes ainda trazem outros benefícios importantes: “Alguns estudos comprovam que estes nutrientes possuem um poderoso efeito antienvelhecimento capazes de minimizar os danos causados à pele, as substâncias podem, inclusive, amenizar as rugas faciais e promover a renovação celular, melhorando a saúde da cútis e dos cabelos”.

Goji Berry se destaca 

goji berry dry

Goji berry é o nome dos frutos da planta Lycium barbarum, que carregam uma fama milenar em seu país de Origem, a China. Por aqui a novidade chegou apenas há alguns anos e, desde então, já se popularizou quando o assunto é vida saudável. A fruta tem alta concentração de vários nutrientes importantes e benéficos à saúde e à boa forma.

Ela é conhecida, inclusive pela alta concentração de flavonoides, substância com grande poder antioxidante, que combate e reduz os danos causados pelos radicais. “Este é o principal fator que associa o consumo da fruta ao combate contra o envelhecimento precoce e a prevenção de diversas doenças” afirma a nutricionista.

Outro componente do goji berry que merece destaque é o betassitosterol, substância conhecida por seu poder anti-inflamatório, capaz de regular os níveis de colesterol, contribuindo para a saúde cardíaca.

Mas não para por aí, o alto valor nutritivo da fruta também a destaca entre os demais alimentos antioxidantes devido a sua alta concentração de vitaminas, que contribuem para a saúde da pele e desaceleram o envelhecimento celular. A nutricionista explica: “Além de ser uma fonte riquíssima de proteínas, a fruta ainda possui 50 vezes mais vitamina C do que a laranja e é a maior fonte conhecida de carotenoides. Além disso, possui mais betacaroteno do que a cenoura e é rica em fibras. E não podemos esquecer que ela também é composta por sais minerais como magnésio, cálcio, ferro e selênio, que são nutrientes extremamente importantes para o funcionamento pleno do organismo”.

Outras fontes naturais

Apesar do goji berry se destacar, por figurar entre as mais completas fontes de antioxidantes para preservar a saúde da pele e combater o envelhecimento precoce, além dos demais benefícios que ele oferece, ainda há outros alimentos que podem ser combinados em uma dieta saudável para suprir o aporte necessários de antioxidantes e vitaminas que o organismo precisa para inibir a ação nociva dos radicais livres e funcionar corretamente. Segundo Joana é importante ressaltar que para conseguir extrair o efeito benéfico dos antioxidantes é necessário adotar um cardápio que favoreça o conjunto deles e não um ou outro isoladamente.

Confira a seguir o que você pode e deve incluir na dieta segundo a especialista:

Cenoura

Betacaroteno: alimentos de cor alaranjada, como cenouras e damascos, fornecem esse poderoso antioxidante combate o envelhecimento precoce e ainda protege a pele contra os danos causados pelos raios ultravioletas. No organismo ele é convertido em vitamina A e também participa da atividade de genes responsáveis pela síntese de colágeno e elastina, proteínas que dão sustentação e firmeza para pele.

cereal pippalou morguefile
Foto: Pippalou/Morguefile

Vitaminas do complexo B: os cereais integrais e as leguminosas são ótimas fontes dessas vitaminas, que trabalham na produção do colágeno e também contribuem para o funcionamento de enzimas antioxidantes.

cranberry Melodi2
Foto: Melodi2/Morguefile

Polifenóis e flavonoides: podem ser encontrados em grandes quantidades nas frutas vermelhas. Esses antioxidantes combatem os radicais livres, e reparam seus danos causados à pele, como manchas e rugas.

laranjas pixabay

Vitamina C: este nutriente importante para a produção de colágeno, que também atua como antioxidante pode ser encontrado em abundancia em frutas cítricas.

SARDINHAS PORTUGUESAS ORA POIS, POIS!

Ômega-3: boas fontes dessa gordura boa são o salmão e a sardinha. Esse nutriente anti-inflamatório é famoso por sua ação antioxidante e ainda ajuda a manter a hidratação da pele.

Fonte: Nova Nutrii

Hidratantes para cuidar da pele no inverno

As baixas temperaturas e o tempo seco são os principais vilões da pele no inverno, que ainda tem quase um mês para acabar. Por isso, manter a pele hidratada é fundamental. Para ajudar a cuidar da pele e amenizar os danos causados pela exposição ao frio e ao vento, a Mahogany, marca brasileira de cosméticos premium, sugere hidratantes que trazem benefícios à pele do corpo.

Hidratação intensa

emulsao

Elaborada com óleo de amêndoas, a Emulsão Hidratante, da Linha Amêndoa, é especial para peles secas e ressecadas, além de ser um excelente auxiliar na prevenção de estrias. Possui rica formulação, com alta concentração de agentes hidratantes. Por conter ingredientes com maior poder de penetração na pele, proporciona uma rápida absorção. Preço sugerido: R$ 44,00 (350 ml).

keen

O Hidratante Corporal Keen tem fórmula especialmente desenvolvida para deixar a pele macia, suave, hidratada e com deliciosa perfumação floral vanilada.

frangipani

Já o Hidratante Corporal Frangipani Flower é perfumado com extrato de jasmim-da-índia. Deixa a pele hidratada, suave, macia e delicadamente perfumada.
Preço sugerido: R$ 44,00 cada um (350 ml).

Manteigas

manteiga

A Manteiga Hidratante Corporal, da linha Savana Style, possui ingredientes originários da África, como manteiga de karité e extrato de acácia. Possui propriedades antioxidantes e emolientes, que previnem o ressecamento da pele. Sua fórmula é livre de parabenos, óleos minerais e corantes. Deixa a pele naturalmente mais macia e aveludada e melhora a textura das regiões do corpo mais afetadas pelo ressecamento, como cotovelos, mãos, pés e joelhos. Pode ser aplicada no corpo todo, com exceção do rosto. Preço sugerido: R$ 58,00 (200 g).

Óleo em creme

oleo em creme

Óleo em Creme, da Linha Cuidados Especiais, tem ação dois em um. No banho, age como óleo e, na pele já seca, funciona como hidratante. Contém ceramidas, óleo de amêndoas e vitamina E, que deixam a pele macia, fresca, hidratada e delicadamente perfumada. Combate os radicais livres, que provocam o envelhecimento precoce, e ajuda a eliminar o ressecamento superficial (esbranquiçado da pele) de cotovelos, joelhos, pernas e pés. Preço sugerido: R$ 48,00 (350 ml).

Informações: Mahogany – SAC 11 3686-6999

 

 

Balas de colágeno para cuidar da pele

O colágeno desempenha importantes funções em nosso corpo, uma delas é de combater a flacidez da pele. Esta proteína ajuda ainda a dar mais vitalidade aos cabelos e às unhas. Ele é produzido naturalmente pelo nosso organismo por meio dos fibroblastos que, entretanto, diminuem a capacidade de produzi-lo com o passar dos anos.

Para manter a qualidade de vida e prevenir o envelhecimento, a ingestão de colágeno pode ser realizada por meio de produtos alimentícios, como as balas de colágeno da Schraiber. Elas estão disponíveis nos seguintes sabores: Morango; Chá Verde e Chá Vermelho (vendidas em uma embalagem única). A absorção e ação do colágeno por meio das balas ocorre nos primeiros momentos da ingestão. Quando o consumo é associado à atividade física, o colágeno torna-se uma excelente fonte proteica, ajudando na síntese de massa magra. Cada embalagem vem com 25 balas, que não contêm açúcar. Aproveite e cuide da pele com essas gostosuras!

Serviço

Bala de Colágeno Morango

Bala de colágeno Schraiber – sabor morango – Preço: R$ 40,00

Bala chá verde

Bala de colágeno Schraiber – sabores chá verde e chá vermelho (embalagem mista) – Preço: R$ 40,00.

Informações: Schraiber – SAC nacional: 0800124522  – SAC São Paulo: 11 4184 4522

Os perigos da maquiagem vencida

Usar um cosmético cuja validade expirou pode ser perigoso. “No caso da maquiagem, a ameaça é ainda pior, porque a quantidade de corante potencialmente alergênica é maior. Esses cosméticos muitas vezes entram em contato com os lábios, uma área conhecida como epitélio de transição, sendo muito mais fina e delicada e por isso mais sujeita a agressões, irritação e infecção por fungos”, explica Rodrigo Kury, farmacêutico e diretor técnico da Ecenne.

Máscaras de cílios e cosméticos que têm proximidade com mucosas ou olhos são geralmente os mais perigosos e os campeões das queixas nos dermatologistas. “A pele já tem um sistema de defesa e uma microbiota muito eficaz de proteção contra bactérias e ácidos, mas os olhos e as mucosas são mais desprotegidos”. O uso de maquiagens vencidas na região dos olhos pode causar conjuntivite bacteriana.

jdurham olhos maquiados
Foto: J. Durham/MorgueFile

Outra ameaça é a do uso do lápis de olho vencido, segundo o especialista. “Ele pode causar uma hipersensibilidade local que pode irritar a região e fazer com que a glândula tente se livrar daquele depósito de pigmento. Além disso, o lápis pode provocar um processo inflamatório pela presença da sujidade que obstrui o ducto de saída da glândula, criando uma inflamação como o terçol”, explica.

“Posteriormente, as bactérias da nossa própria pele podem contaminar a área e fazer o terçol propriamente dito, com um nódulo que inicialmente é inflamatório, mas pode vir a ser infeccioso”, completa.

Os perigos

“Quimicamente falando, as maquiagens vencidas podem, além de oxidar (começa a escurecer), separar a fase oleosa da aquosa, talhar, alguns ativos podem se depositar no fundo do recipiente e não se misturarem mais, formando uma placa sólida; o pH pode alterar drasticamente, queimando o local de aplicação; ou pode também haver contaminação bacteriana que, por sua vez, contamina o usuário. E tudo pode acontecer ao mesmo tempo”, alerta. Os processos alérgicos, acne, dermatites e até infecções graves podem acontecer quando se usa um cosmético vencido.

Nem sempre esse processo de contaminação é visível, pois quando é recente não altera cor nem odor do produto. “Mas, pode contaminar o usuário, mesmo com poucas colônias formadas. Deve-se lembrar que bactéria é microscópica! Quando o produto mudou de cor, o odor está bem alterado, então, é contaminação na certa. Por isso, não confie naquele blush lindo e com cara de novinho, ainda depois de vários meses”, explica.

alergia mulher coceira.jpg

Como armazenar sua maquiagem

Algumas questões de armazenamento também são importantes para que o cosmético tenha eficácia durante o período de validade. O farmacêutico lista algumas:

*Não armazenar no banheiro: “Este é o pior lugar por causa da umidade. Maquiagem tem que ser guardada em lugar seco. Coloque em uma caixa ou frasqueira no closet ou armário, e leve para o banheiro quando for maquiar-se”.

maquiagerm

*Cole as datas de validade dos produtos para não esquecer de conferir periodicamente.

*Use sempre sua maquiagem, para quando chegar o dia de jogá-la fora você saber que aproveitou bem. Hoje em dia, as maquiagens de boa qualidade protegem e tratam a pele como se fossem bons cremes.

*Escolha tons apropriados para sua pele e seu estilo de vida. E não compre em excesso. Assim você usará constantemente e quase até o fim do produto.”

*Lave seus pincéis de quinze em quinze dias e seque-os com secador de cabelos. Muitas vezes são eles que contaminam a maquiagem.

pinceis

*A cada mês, passe aspirador de pó na gaveta ou necessaire de maquiagem. Note como ficam sujas de pó. Isto é uma grande fonte de alimentação para bactérias e ácaros.

*Anote as médias das datas de validade e guarde no fundo da sua gaveta ou na tampa da sua caixa de maquiagens:

* Rímel: 3 meses
* Base: 6 meses
* Corretivo: 8 meses
* Pó de rosto: 12 meses
* Sombras: 12 meses
* Gloss e batom: 12 meses
* Blush em creme: 12 meses
* Lápis de olhos, sobrancelhas e lábios: 12 meses
* Blush em pó: 24 meses
* Pó bronzeador: 24 meses
* Creme de olhos: 3 meses
* Cremes de rosto hidratantes, de limpeza e demaquilantes: 6 meses
* Tônicos de rosto: 12 meses
* Filtro solar: 12 meses
* Cosméticos naturais: duram muito menos tempo do que os cosméticos tradicionais

Fonte: Ecenne