Arquivo da categoria: São Paulo

Zona Norte ganha destaque na 22ª Restaurant Week SP

Você sabia que a Zona Norte de São Paulo é uma das regiões que abriga diversos restaurantes conceituados e com boa gastronomia que, muitas vezes, só quem mora nessa região conhece. Por este motivo resolvemos listar as casas participantes da Restaurant Week na área. Esta é a 22ª edição do festival que acontece até o dia 29 de abril e está com boas opções com boa gastronomia.

Neste ano, o maior evento gastronômico de São Paulo, e um dos mais importantes da América Latina, traz como tema a gastronomia internacional. São mais de 200 restaurantes que oferecem menus completos, com entrada, prato principal e sobremesa.

Os restaurantes da Zona Norte irão proporcionar os clientes experiências ricas em cultura e diversidade. “A proposta do Restaurant Week é democratizar a boa culinária na cidade com preços acessíveis. Além disso, também buscamos oferecer opções de restaurantes em diversas regiões de São Paulo para que os moradores possam explorar suas zonas e também outros clientes possam ter o primeiro contato com as casas. A Zona Norte é um bairro surpreendente e de muitas oportunidades, através das nossas plataformas os clientes podem viver sensações únicas”, conta Fernando Reis, idealizador e responsável geral pelo festival no Brasil.

Confira as opções de restaurantes participantes da Zona Norte na 22ª SPRW:

risoto de cogumelo cantina do zé
Risoto de cogumelos da Cantina do Zé Gomes

Cantina Zé Gomes
Que Pankeka
Dona Carmela
America – Shopping Center Norte

A edição manterá a opção de Menu Premium, com restaurantes de chefs renomados para quem quer vivenciar uma experiência gastronômica ainda mais sofisticada, mas também a preços democráticos. Os valores são fixos, para o Menu Tradicional, o almoço é R$ 46,90 e no jantar R$ 58,90. Já para o Menu Premium, que é necessário fazer reserva pelo site do evento, o almoço sai por R$ 68,00 e o jantar por R$ 89,00.

Além disso, os consumidores podem fazer o bem doando R$ 1,00 no valor final da conta e todo dinheiro arrecadado será doado para Fundação Cafu. Outra forma de ajudar é doando as notas fiscais sem CPF para a APAE SP – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, através do aplicativo da Nota Fiscal Paulista. Mais que um evento de gastronomia, a Restaurant Week já se consolidou como evento de transformação na área social.

A cervejaria Petra é a patrocinadora oficial do evento e apresenta um menu de Cervejas Especiais, artesanais puro malte para harmonizar com os pratos. Para não perder a oportunidade de conferir toda essa experiência, as reservas podem ser feitas pelo site oficial.

Serviço:
O que: 22ª edição da São Paulo Restaurant Week
Quando: De 30 de março a 29 de abril
Tema: Gastronomia Internacional

Valores:
Menu Week- R$ 46,90 o almoço e R$ 58,90 o jantar
Menu Premium – R$ 68,00 o almoço e R$ 89,00 o jantar – Somente com reserva

Anúncios

Conheça as casas participantes da 22ª São Paulo Restaurant Week na Zona Oeste

Neste ano, o maior evento gastronômico de São Paulo, e um dos mais importantes da América Latina, traz como tema a gastronomia internacional. São mais de 200 restaurantes que oferecem menus completos, com entrada, prato principal e sobremesa. Esta é a 22ª edição realizada em São Paulo e acontece até o dia 29 de abril.

Na região da Zona Oeste, são mais de 50 casas que prometem surpreender os clientes com sabores que proporcionam experiências ricas em cultura e diversidade. “Estamos muito contentes em poder democratizar a boa culinária na cidade com preços acessíveis e, assim, trazer restaurantes e cardápios variados em todas as regiões da capital”, conta Fernando Reis, idealizador e responsável geral pelo festival no Brasil.

Confira as opções de restaurantes participantes da Zona Oeste na 22ª RW SP:

Huahine Sushi – Vila Leopoldina
Sassá Sushi – Vila Leopoldina
Mamaggiore Cucina Italiana – Vila Leopoldina
Mamaggiore Bistrô Bar – Vila Leopoldina
Ruaa – Vila Madalena
L’Aperô Bistrot – Vila Madalena
Banana Verde – Vila Madalena
América – Bourbon Shopping
Lapin Et Café e Bistrô – Perdizes
Blú Bistrô – Perdizes
Namga – Perdizes
Dibaco – Perdizes
DoRo Gastronomia – Perdizes
La Recoleta Parrilla – Perdizes
San Telmo – Perdizes
QCeviche! – Barra Funda
Barê Cozinha e Bar – Jardim paulista
Mimo – Jardim paulista
Pão com Manteiga – Jardim paulista
Sass Sushi – Jardins
Pecorino – Jardins
Serafina – Jardins
La Pasta Gialla – Jardim paulista
América – – Jardim paulista
Trebbiano – Jardim paulista
Pier Trattoria – Jardim paulista
Capim Santo – Jardim paulista
Pecorino Cucina Mediterrânea – Itaim Bibi
Mellão Trattoria – Itaim Bibi
General Prime Burger- Itaim Bibi
Forneria JK – Itaim Bibi
Serafina – Itaim Bibi
L’Amitié – Itaim Bibi
Cão Veio – Itaim Bibi
BrodoRistorante – Itaim Bibi
Forneria Amauri – Itaim Bibi
Terra Madre Osteria – Itaim Bibi
Pina – Itaim Bibi
Lima Cucina Peruana – Itaim Bibi
Calle 54 – Itaim Bibi
Camden House – Itaim Bibi
Sassá Sushi – Itaim Bibi
ToreroValese – Itaim Bibi
L’Entrecote de Paris – Itaim Bibi
La Pergoletta – Itaim Bibi

pier tratoria a
Medalhão do Pier Trattoria

Menu Premium

La Mar – Itaim Bibi
Le Bife – Itaim Bibi
Tian- Itaim Bibi
Jamie’s Italian- Itaim Bibi
Varanda – JK – Itaim Bibi
Emiliano – Jardim Paulista
Aizomê – Jardim Paulista
L’Entrecôte D’Olivier – Jardim Paulista
Varanda – Jardins – Jardim Paulista

A edição manterá a opção de Menu Premium, com restaurantes de chefs renomados para quem quer vivenciar uma experiência gastronômica ainda mais sofisticada, mas também a preços democráticos. Os valores são fixos, para o Menu Tradicional, o almoço é R$ 46,90 e no jantar R$ 58,90. Já para o Menu Premium, que é necessário fazer reserva pelo site do evento, o almoço sai por R$ 68, e o jantar por R$ 89.

Além disso, os consumidores podem fazer o bem doando R$ 1 no valor final da conta e todo dinheiro arrecadado será doado para Fundação Cafu. Outra forma de ajudar é doando as notas fiscais sem CPF para a APAE SP – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, através do aplicativo da Nota Fiscal Paulista. Mais que um evento de gastronomia, a Restaurant Week já se consolidou como evento de transformação na área social.

A cervejaria Petra é a patrocinadora oficial do evento e apresenta um cardápio de Cervejas Especiais, artesanais puro malte para harmonizar com os pratos. Para não perder a oportunidade de conferir toda essa experiência, as reservas podem ser feitas pelo site.

Serviço:
O que: 22ª edição da São Paulo Restaurant Week
Quando: Até 29 de abril
Tema: Gastronomia Internacional

Valores:
Menu Week- R$ 46,90 o almoço e R$ 58,90 o jantar
Menu Premium – R$ 68,00 o almoço e R$ 89,00 o jantar – Somente com reserva

 

 

 

Vacinação contra febre amarela em estações do Metrô segue nesta quarta e quinta-feira

Ação começou nesta segunda-feira (16) e se estende até esta quinta-feira (19) com o objetivo de ampliar cobertura vacinal na cidade de São Paulo; cerca de 5 mil pessoas foram vacinadas nestes dois dias

Oito estações do Metrô de São Paulo recebem nesta quarta-feira (18) postos volantes para reforçar a campanha de vacinação contra a febre amarela no município. A ação é uma estratégia da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) para ampliar a cobertura vacinal na capital, atualmente em torno de 54,2%.

As equipes de saúde farão atendimento nestas quarta e quinta-feira (19) nas estações Vila Prudente, Sacomã, Penha, Tatuapé, Ana Rosa, Campo Limpo e Capão Redondo do Metropolitano. Nesta quarta, a dose da vacina também estará disponível em posto volante na estação Clínicas (Linha 2-Verde).

Na última segunda-feira (16), nove estações – todas citadas acima e a estação Sé do Metrô – ofereceram a vacinação, com um resultado surpreendente: mais de 4,3 mil pessoas vacinadas. Nesta terça, a vacinação se concentrou nas estações Campo Limpo e Capão Redondo, com um saldo de mais de 630 doses aplicadas.

Vacina tríplice viral - Bernardo Portella - Ascom - Bio-Manguinhos
Vacina tríplice viral – Foto: Bernardo Portella – Ascom – Bio-Manguinhos

“É importante reforçar que a vacina está disponível em mais de 460 pontos. A ação nas estações do Metrô é uma estratégia extra para facilitar ainda mais a adesão da população”, explica o secretário municipal da Saúde, Wilson Pollara. A meta é imunizar 95% da população até 30 de maio, data prevista para o término da campanha de vacinação.

Assim como acontece nos postos de saúde, o usuário precisa levar documento de identificação para receber a dose nos postos volantes no Metrô. Importante: é necessário aguardar ao menos 10 dias após receber a dose para frequentar áreas consideradas de risco para transmissão da doença.

A SMS reforça o pedido para que os munícipes que ainda não receberam a dose procurem uma unidade para se proteger da doença. Até quarta-feira (11), 6.340.952 pessoas foram vacinadas na capital, o que representa 54,2% do público-alvo.

A zona Norte segue a região com a melhor cobertura vacinal, com 85,5% de moradores vacinados. Em seguida, estão as regiões Sul (66,6%), Oeste (52,8%), Leste (37,7%), Sudeste (37%) e, por fim, o Centro, com apenas 17% da meta.

Até o momento, foram confirmados 12 casos autóctones (ou seja, adquiridos no próprio município de residência) de febre amarela na capital paulista, sendo que sete evoluíram para óbito. É importante ressaltar que todos os casos registrados são de febre amarela silvestre. Não há ocorrência de febre amarela urbana no Brasil desde 1942.

É importante lembrar que a vacina contra a febre amarela não é indicada para crianças menores de 9 meses de idade, gestantes, mulheres amamentando crianças com até 6 meses e pacientes com imunodepressão de qualquer natureza, com neoplasia (câncer), com HIV, em tratamento com drogas imunossupressoras (corticosteroides, quimioterapia, radioterapia, imunomoduladores) e submetidos a transplante de órgãos. Em caso de dúvida, é importante consultar o médico antes de se vacinar.

Mulheres amamentando crianças com até seis meses de idade e gestantes que são residentes das áreas de risco devem ser vacinadas, após avaliação do médico do pré-natal. Depois de receber a vacina, a lactante deve suspender a amamentação por 10 dias.

vacina-portal-brasil
Foto: Portal Brasil

Serviço:
Postos volantes em estações do Metrô
Horário: das 10h às 18h
Quarta-feira (18/4): Metrô Clínicas, Vila Prudente, Sacomã, Penha, Tatuapé, Ana Rosa, Campo Limpo, Capão Redondo
Quinta-feira (19/4): Metrô Vila Prudente, Sacomã, Penha, Tatuapé, Ana Rosa, Campo Limpo, Capão Redondo

 

22ª São Paulo Restaurant Week: conheça casas com pratos vegetarianos

São Paulo é a segunda cidade com maior número de restaurantes da América Latina e recebe mais uma edição da São Paulo Restaurant Week. Neste ano, o maior evento gastronômico de São Paulo e um dos mais importantes da América Latina, traz como tema a gastronomia internacional. Está é a 22ª edição realizada em São Paulo e acontece até o dia 22 de abril.

Antenados no gosto de seu público, alguns restaurantes oferecem opções vegetarianas e, até mesmo, veganas no Menu Week. “Estamos muito contentes em poder democratizar a boa culinária na cidade com preços acessíveis e, assim, trazer um cardápio variado e que atenda também esse público vegano e vegetariano, com uma boa culinária, pois a busca por restaurantes com esse tipo de culinária tem crescido cada vez mais”, conta Fernando Reis, idealizador e responsável geral pelo festival no Brasil.

Confira a seleção de restaurantes com opções de vegetarianas e veganas na 22ª RW SP:

• Arabia
• Banana Verde
• Bananeira
• Brado

base bistro bar Figo assado, queijo azul, nozes e folhas baby ao vinagrete de framboesa
Figo assado, queijo azul, nozes e folhas baby ao vinagrete de framboesa do Base Bistrô Bar

• Base Bistrô & Bar
• Bistro da enoteca
• Café Journal
• Cantina Zé Gomes
• DoRo Gastronomia
• Italy – Market Place
• Obá
• Emiliano
• Estação Leopoldina

salada de shitake kony
Salada de Shitake do Kony

• Kony
• La Madre Gourmet
• La Paella express
• La Piadina Cucina Italiana
• Serafina Itaim
• Serafina JK

tantra cheescake chocolate cardamomo e café
Cheesecake de chocolate com cardamomo e café do Tantra Tatuapé

• Tantra Mongolian Grill – Tatuapé
• Tantra Mongolian Grill – Vila Olimpia
• Tantra Mongolian Grill – Pinheiros

A 22ª edição da SP Restaurant Week manterá a opção de Menu Premium, com restaurantes de chefs renomados para quem quer vivenciar uma experiência gastronômica ainda mais sofisticada, mas também a preços democráticos. Os valores são fixos, para o Menu Tradicional, o almoço é R$ 46,90 e no jantar R$ 58,90. Já para o Menu Premium, que é necessário fazer reserva pelo site do evento, o almoço sai por R$ 68, e para o jantar R$ 89.

Além disso, os consumidores podem fazer o bem doando R$ 1 no valor final da conta e todo dinheiro arrecadado será doado para Fundação Cafu. Outra forma de ajudar é doando as notas fiscais sem CPF para a APAE SP – Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, através do aplicativo da Nota Fiscal Paulista. Mais que um evento de gastronomia, a Restaurant Week já se consolidou como evento de transformação na área social.

A cervejaria Petra é a patrocinadora oficial do evento e apresenta um menu de Cerveja Especiais, artesanais puro malte para harmonizar com os pratos. Para não perder a oportunidade de conferir toda essa experiência, as reservas podem ser feitas pelo site.

Serviço:
O que: 22ª edição da São Paulo Restaurant Week
Quando: De 30 de março a 22 de abril
Tema: Gastronomia Internacional
Valores:
Menu Week- R$ 46,90 o almoço e R$ 58,90 o jantar
Menu Premium – R$ 68,00 o almoço e R$ 89,00 o jantar – Somente com reserva

Exposição de Orquídeas e Bromélias começa hoje em São Paulo

De hoje (12) a 15 de abril a capital paulista sedia a 16ª edição da Exposição de Orquídeas e Bromélias. Idealizado e promovido pela rede Shopping Garden, o evento apresentará diversas variedades das flores e trará um colorido especial para o outono

Especiais e que carregam um “não sei quê” tão forte que cativa e encanta profundamente todos aqueles que se aventuram pelo nobre caminho do seu cultivo, as orquídeas também conquistam adeptos pela delicadeza de suas pétalas curvilíneas. Consideradas únicas nas formas e cores que podem assumir, elas se adaptam a casas e apartamentos sendo expostas em jardins verticais ou horizontais.

Fotos: Divulgação

Também consideradas ornamentais, as bromélias são exóticas flores de origem brasileira procuradas para decorar ambientes internos e externos em arranjos e vasos, compondo jardins tropicais e temáticos, além de decorar fontes e cascatas.

Fotos: Pìxabay

São esses os motes para a realização da XVI Exposição de Orquídeas e Bromélias, organizada pelo Shopping Garden Sul e que conta com a colaboração de colecionadores particulares do Círculo Paulista de Orquidófilos (CPO) e da Sociedade Orquidófila de Santo André, além do apoio dos orquidófilos Marcos Campacci, Cavalin e da paisagista do Shopping Garden.

Durante quatro dias centenas de pessoas passarão pelos corredores do Shopping Garden Sul, para conferirem a exposição das flores e a premiação das orquídeas de acordo com as categorias Melhor Espécie Brasileira, Melhor Espécie Estrangeira, Melhor Híbrido, Mérito de Cultivo e Grande Campeã da Mostra.

A Mostra também terá oficinas gratuitas e abertas a todos os visitantes. Ministradas nos dias 14/04 às 11h e às 15h e no dia 15/04 às 11h, por Marcos Campacci e Cavalin – orquidófilos, os cursos visam apresentar de forma mais aprofundada à Familia Orchidaceae, suas características, os principais gêneros e espécies. Marcos Campacci também abordará as técnicas e cuidados básicos para o cultivo das flores, falará sobre as origens das plantas, a escolha da muda, os cuidados iniciais, mostrará as ferramentas e vasos adequados, os tipos de substratos e adubos, além da quantidade de luz necessária e como montar um orquidário de acordo com o espaço disponível.

No evento, Campacci e Cavalin também tirarão dúvidas e analisarão as espécies doentes levadas pelos clientes, dando dicas sobre os cuidados necessários para a recuperação das plantas.

Os visitantes ainda contarão com a possibilidade de levar as flores para casa com preços especiais. A XVI edição da Exposição é gratuita. Para garantir a participação basta comparecer a loja no Shopping Garden Sul, de 12 a 15 de Abril, das 8 às 19 horas.

Para participar da Oficina de Orquídeas é preciso enviar e-mail para marketing@shopgarden.com.br ou ligar no telefone (11) 5591-5555. As vagas são gratuitas e limitadas.

 

 

Mercados e sacolões terão horário de atendimento alterado na Páscoa

A Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional (Cosan), da Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo (SMTE), informa que, os mercados e sacolões municipais terão horário de atendimento diferenciado durante o período da Páscoa.

Na sexta-feira (30), todos os mercados e sacolões estarão abertos ao público, o que mudará é o horário de funcionamento. Por exemplo, o Mercado Municipal de Pinheiros, que opera das 6h às 18h, em dias normais, estará aberto somente das 8h às 15h. O Mercado da Lapa, que funciona das 8h às 19h normalmente, irá abrir das 8h às 13h. No sábado (31), todos os estabelecimentos estarão funcionando e seguirão cronograma normal.

No domingo (1º), o Mercadão estará fechado durante todo o dia, assim como os mercados da Lapa, Pinheiros, Santo Amaro, São Miguel e Kinjo Yamato. Os sacolões de Santo Amaro e São Miguel também não estarão abertos. O atendimento dos mercados e sacolões volta ao normal na segunda-feira (2).

Confira abaixo o horário de atendimento nos dia 30 de março e 1º abril:

Mercados Abre e Fecha 30 de março de 2018 – Sexta-Feira Santa
Central Leste Aberto das 07h00 às 13h00
Guaianases Aberto das 08h30 às 13h00
Ipiranga Aberto das 08h00 às 13h00
Kinjo Yamato Aberto das 03h00 às 15h00
Lapa Aberto das 08h00 às 13h00
Paulistano Aberto das 06h00 às 18h00
Penha Aberto das 08h00 às 16h00
Pinheiros Aberto das 08h00 às 15h00
Pirituba Aberto das 07h00 às 14h00
Santo Amaro Aberto das 08h00 às 16h00
São Miguel Aberto das 08h00 às 14h00
Sapopemba Aberto das 08h00 às 13h00
Teotônio Vilela Aberto das 07h00 às 13h00
Tucuruvi Aberto das 08h00 às 13h00
Vila Formosa Aberto das 08h00 às 13h00
Pátio Pari Aberto das 04h00 às 17h00
Sacolões Abre e Fecha 30 de março de 2018 – Sexta-Feira Santa
Avanhandava Aberto das 07h00 às 17h00
Bela Vista Aberto das 08h00 às 14h00
Brigadeiro Aberto das 07h00 às 13h00
Butantã Aberto das 07h00 às 13h30
COHAB Adventista Aberto das 08h00 às 14h00
Cidade Tiradentes Aberto das 08h00 às 15h00
City Jaraguá Aberto das 08h00 às 14h00
Estrada do Sabão Aberto das 07h00 às 14h00
Freguesia do Ó Aberto das 07h00 às 15h00
Jaguaré Aberto das 07h00 às 13h00
Jaraguá Aberto das 07h00 às 14h00
João Moura Aberto das 07h00 às 13h00
Lapa Aberto das 08h00 às 14h00
Piraporinha Aberto das 07h00 às 14h00
Rio Pequeno Aberto das 07h00 às 14h00
Santo Amaro Aberto das 07h00 às 16h00
São Miguel Aberto das 08h00 às 14h00
mercado-de-pinheiros
Mercado Municipal de Pinheiros

 

Mercados Abre e Fecha 1º de abril de 2018 – Feriado da Páscoa
Central Leste Aberto das 07h00 às 13h00
Guaianases Aberto das 08h30 às 13h00
Ipiranga Aberto das 08h00 às 13h00
Kinjo Yamato FECHADO
Lapa FECHADO
Paulistano FECHADO
Penha Aberto das 08h00 às 13h00
Pinheiros FECHADO
Pirituba Aberto das 07h00 às 14h00
Santo Amaro FECHADO
São Miguel FECHADO
Sapopemba Aberto das 08h00 às 13h00
Teotônio Vilela Aberto das 07h00 às 13h00
Tucuruvi Aberto das 08h00 às 13h00
Vila Formosa Aberto das 08h00 às 13h00
Pátio Pari Aberto das 04h00 às 17h00
Sacolões Abre e Fecha 01 de abril de 2018 – Feriado da Páscoa
Avanhandava Aberto das 07h00 às 17h00
Bela Vista Aberto das 08h00 às 14h00
Brigadeiro Aberto das 07h00 às 13h00
Butantã Aberto das 07h00 às 13h30
COHAB Adventista Aberto das 08h00 às 14h00
Cidade Tiradentes Aberto das 08h00 às 15h00
City Jaraguá Aberto das 08h00 às 14h00
Estrada do Sabão Aberto das 07h00 às 14h00
Freguesia do Ó Aberto das 07h00 às 14h00
Jaguaré Aberto das 07h00 às 13h00
Jaraguá Aberto das 07h00 às 14h00
João Moura Aberto das 07h00 às 13h00
Lapa Aberto das 08h00 às 13h00
Piraporinha Aberto das 07h00 às 14h00
Rio Pequeno Aberto das 07h00 às 14h00
Santo Amaro FECHADO
São Miguel FECHADO

Centro de Apoio ao Trabalhador e Empreendedor:

As 25 unidades do Centro de Apoio ao Trabalhador e Empreendedor estarão fechadas na sexta-feira Santa (30). O atendimento em todas as unidades retorna na segunda-feira (2) a partir das 08h.

Fonte: Prefeitura de São Paulo

 

Natalie Klein apresenta a nova nk

A empresária Natalie Klein inaugurou a nova nk no bairro dos Jardins, em São Paulo, no dia 1º de março. O espaço de mais de 1.000m² fica no mesmo endereço, porém o prédio anterior deu lugar a uma verdadeira casa de moda.

Antes da inauguração, porém, recebeu amigos para um jantar íntimo. Entre eles estavam a apresentadora e atriz Adriane Galisteu e e o marido Alexandre Iódice, a apresentadora Didi Wagner, as jornalistas de moda Gloria Kalil e Lilian Pacce, além do pai de Natalie, Michael Klein, e o marido, o também estilista Tufi Duek.

Fotos: Lu Prezia

O responsável pelo projeto, que traduz uma nk mais sensorial e pessoal, é o arquiteto Aldo Urbinati – sócio do Estúdio Tupi, vencedor da concorrência promovida pela marca entre três grandes profissionais do ramo em meados de 2017.

“Com seus 20 anos recém-completados, a nk se consagrou não apenas como uma loja dentro de uma casa nos Jardins, mas, sim, como uma verdadeira maison, como se costuma chamar, por tradição no meio da moda, as casas onde nascem as grandes marcas. Uma das principais premissas para construir o projeto era não procurar apenas inovações óbvias”, conta Aldo.

O projeto mistura tradições para chegar mais próximo do propósito da nk, permeando entre imaginários de lojas e casas, resultando em ambientes únicos que proporcionam tanto o aconchego do lar, quanto a sofisticação da loja. A nova nk traz espaços intimistas e acolhedores com conforto e leveza.

Com fachada marcante, o prédio fica na Rua Haddock Lobo, coração do bairro dos Jardins. O grande destaque do projeto é a escada de centro em espiral com ar modernista, inspirada no importante símbolo do palácio do Itamaraty projetado por Oscar Niemeyer. Sob a grande escada em concreto há um bar com piso de pedras portuguesas, criado especialmente para as clientes e amigos da marca, com cardápio assinado por Leo Botto.

Do exterior aos ambientes internos, o protagonista é o concreto em seus diferentes estados, seja polido ou bruto. O mobiliário de estantes em pau ferro e araras guardadas por cortinas acolhem as peças cuidadosamente selecionadas.

O projeto alicerça a integração dos diferentes momentos de evolução da marca ao longo desses 20 anos. Durante sua história, a nk passou por diversas mudanças, adaptando sua maneira de perceber o mundo e a forma de se relacionar com o consumo. Assim, a nova nk materializa a transparência e o cuidado que a empresa cultiva com seus colaboradores, fornecedores, clientes e com a cidade.

Essa iniciativa consolida a nk e sua identidade única, forte e genuína, com o propósito de olhar, sentir e cuidar. “Nosso propósito se traduz tanto na atenção que damos às nossas peças e ao processo produtivo quanto no carinho com o qual tratamos todos nossos stakeholders”, detalha Natalie.

Fotos: Yuji Kamizono

A nk se propõe a fazer e cuidar com observação, respeito e sentimento. Através do olhar enxerga além de si, valorizando tudo e todos com sensibilidade e visão para reconhecer a importância de cada detalhe. O sentir traz empatia para fazer com que as pessoas se sintam bem. Tudo isso leva a marca a se preocupar em garantir a melhor experiência, primar pela qualidade do produto, indo além do que é apenas belo. O objetivo é criar peças que transcendem o desejo. O resultado desse conjunto de premissas traz peças, atendimento e atmosfera especiais e únicos para a empresa, colaboradores, fornecedores e cliente.

Seguindo suas premissas do olhar, sentir e cuidar, em parceria com Andrea Schwarz, Presidente da i.Social, a nk chega pioneira mais uma vez no varejo brasileiro, com um projeto que garante 100% de acessibilidade para deficientes físicos e visuais. A i.Social incentiva a inclusão de pessoas com deficiência no mercado e, ao lado de Natalie Klein, Andrea foi a grande entusiasta para que a nova nk trouxesse todos os pilares de acessibilidade que são: garantir conforto, segurança e autonomia.

Tudo foi incorporado ao conceito da loja, sem perder a identidade e estética da marca, criando um espaço aberto para todos, independentemente da sua condição. Provadores mais largos com ganchos em alturas acessíveis; caixa mais baixo; entrada acessível e sinalizada; elevadores; placas em braile; comunicação em campo de visão para todos; banheiros adaptados; capachos embutidos; degraus sinalizados; corrimão; e corredores com largura para cadeirantes são algumas das adaptações.

Abaixo, algumas peças da coleção inverno 2018:

 

nk – Rua Haddock Lobo, 1583 – Jardins – São Paulo

Sem fins lucrativos, espaço em São Paulo quer facilitar acesso a alimentos orgânicos

Baseado na economia solidária, associação de mulheres planeja espaço integrado e democrático, onde seja possível obter produtos orgânicos e veganos a preços acessíveis

Quem disse que alimentos orgânicos e produzidos de forma ética precisam ser restritos apenas à camada da população com melhor poder aquisitivo? Para provar que é possível facilitar o acesso a frutas, verduras, legumes e outros alimentos produzidos sem o uso de agrotóxicos e sem crueldade animal, uma associação sem fins lucrativos de São Paulo quer abrir um espaço onde possa oferecer preços mais baixos do que os cobrados no mercado tradicional.

O espaço, chamado de Projeto Vegânica, está sendo planejado para funcionar próximo ao metrô do Butantã, na região oeste da cidade. No país considerado o maior consumidor mundial de agrotóxicos, além de ser um lugar para se praticar uma forma diferente de consumo, mais consciente, o principal propósito da iniciativa é tornar mais democrático o consumo de produtos orgânicos, ainda inacessíveis para a maioria da população.

Segundo uma pesquisa do Conselho Brasileiro da Produção Orgânica e Sustentável (Organis), realizada entre abril e maio de 2017, apenas 15% da população afirmou consumir alimentos orgânicos regularmente. Dos 85% que não o fazem, 41% citaram os preços como o principal motivo que impede o acesso a esses tipos de alimentos.

“Acreditamos que um mundo melhor, somos nós que fazemos. E queremos fazer a nossa parte. Por isso, estamos montando uma proposta em que todos – nós, os produtores, consumidores, os animais e o meio ambiente – são beneficiados”, explica Stela Silva, uma das idealizadoras da proposta.

Para tornar os preços mais acessíveis, o Projeto Vegânica fará parcerias com pequenos produtores, microempreendedores ou com quem tenha serviços a oferecer. A proposta é cobrar pelos produtos o mesmo preço pago a esses fornecedores (incluindo, quando houver, taxa de frete ou tributos interestaduais), acrescido de um percentual fixo para garantir a manutenção do local.

“Com esse formato, que não visa o lucro, poderemos oferecer um preço menor do que é cobrado no comércio tradicional. Queremos fortalecer a economia local, atuar em um modelo mercadão, com espaços integrados, onde cada um leva sua sacola de compras, as pessoas se encontram, conversam, as crianças brincam, e onde a sustentabilidade seja aplicada em sua totalidade”, acrescenta Stela.

Com experiência no comércio de produtos orgânicos e veganos, a empreendedora se uniu a Ilza Lima e Sílvia Sakuma e, juntas, fundaram uma associação sem fins lucrativos, o Instituto Vegânica. No começo de 2018, elas começaram a movimentar e reunir uma rede de pessoas alinhadas com conceitos como economia solidária, sustentabilidade, alimentação consciente e colaboração. A ideia é somar todo tipo de ajuda, inclusive de consumidores que poderão se beneficiar do Espaço, para colocar o projeto em prática ainda no primeiro semestre de 2018.

“Um negócio baseado apenas no lucro não faz mais sentido em um mundo tão desigual. Queremos criar conexões positivas, envolver produtores, consumidores, microempreendedores e contribuir para inspirar outras pessoas a fazerem o mesmo. Quem sabe, em um futuro próximo, cada região de São Paulo e de outras cidades Brasil afora possam ter um lugar assim”, explica Silvia Sakuma.

11ExpoVegânica_Fev2018_Divulgação

Produtos e serviços em troca de apoio

Para conseguir juntar o investimento inicial necessário para a abertura do espaço, o Projeto está oferecendo cursos, produtos e serviços em troca de apoio. Entre os cursos oferecidos estão o de produção de cosméticos naturais, de manutenção de bicicletas, de tratamento capilar sem o uso de ingredientes químicos, de produção de alimentos em pequenos espaços, de produtos de limpeza naturais, de bordado, de produção de brotos e outros.

Entre os produtos ofertados para quem apoiar o Projeto estão cestas de orgânicos, almoços veganos, kits de produtos de beleza naturais, mapas astrológicos e outros. Também estão sendo oferecidas palestras e aulas sobre alimentação saudável, minimalismo, saúde e medicina homeopática, upcycling, planejamento de uma vida sustentável, empreendedorismo feminino, yoga para adultos, gestantes e crianças, além de outros. Valores e demais informações sobre os cursos, produtos e palestras podem ser conferidos neste link.

Projeto já existe em versão itinerante

O modelo de economia do Projeto Vegânica planejado pelas três mulheres já vem sendo posto em prática com sucesso em um evento itinerante, chamado Expo Vegânica, realizado na capital paulista desde 2016. A última edição ocorreu no último dia 3 de fevereiro, no Centro Cultural Butantã.

Orgânicosdo11Vegânica_divulgação
Foto: Orgânicos vendidos na última edição do ExpoVegânica, em fevereiro de 2018. Foto: Divulgação

“Nesse formato, o Vegânica conseguiu auxiliar microempreendedores a escoarem suas produções de maneira efetiva, possibilitando preços mais acessíveis ao público que passava pelo evento. Nossa proposta é dar continuidade a esse modelo, mas agora em um local fixo, e agregando várias iniciativas voltadas para o fortalecimento de uma rede de economia solidária” destaca Stela Silva.

Além do Expo Vegânica, o Projeto chega para se unir a outras duas iniciativas já instaladas na cidade de São Paulo e que também têm o propósito de democratizar o acesso a alimentos produzidos sem agrotóxicos. São eles: o Instituto Chão, localizado na Vila Madalena, e o Instituto Feira Livre, no centro da cidade.

Informações: Projeto Vegânica

 

 

 

 

TheFork lista os melhores lugares de São Paulo para curtir o verão

Confira as casas com o maior número de avaliações no aplicativo mobile para aproveitar os dias quentes na capital

São Paulo pode até não ter praia, mas tem ótimos lugares para se refrescar ao ar livre, curtir drinques variados e quebrar a rotina com os amigos. Por isso, o TheFork – aplicativo de reservas gastronômicas online do TripAdvisor -, selecionou as casas mais bem avaliadas e pontuadas, segundo as reviews dos usuários da plataforma, que oferecem serviço de excelência a um preço justo.

Confira as sugestões abaixo:

Genuíno Choperia – Vila Mariana

genuino.jpg
A Choperia se tornou o local para encontro de grupos de amigos e famílias. Aos sábados, ao som de chorinho e MPB, a casa recebe seus clientes para a tradicional Feijoada. Além disso, oferece um cardápio com uma variedade de petiscos, pratos e conta também com uma cartela de drinques, caipirinhas e bebidas especiais. O restaurante oferece até 30% de desconto para reservas via TheFork.

Jacarandá – Pinheiros

Jacarandá
Pan de Abuela do Jacarandá – Foto: Elvis Fernandes

Instalado em um belo jardim em Pinheiros, o restaurante teve seu salão construído ao redor um jacarandá, trazendo um ambiente aconchegante, tranquilo e encantador. A casa conta uma cozinha focada no ingrediente e respeito à natureza orgânica do produto. O restaurante oferece até 50% de desconto para reservas pelo TheFork.

Quintal do espeto

tatuapé2
A casa oferece um ambiente amplo, carta de bebidas e uma variedade de espetos. O sistema é de comanda individual e há música ao vivo todos os dias, exceto, segunda quando a casa não abre. Um dos lugares mais indicados para se reunir com os amigos, relaxar e ouvir uma boa música.

Pé de Manga

325369_745772_caipiroska_smirnoff_pe_de_manga__foto_wil_pimentel_
Caipiroskas do Pé de Manga – Foto: Wil Pimentel

O bar é sinônimo de verão e uma ótima pedida ao ar livre. Sob a sombra de três mangueiras centenárias, jardim ao redor e um lago artificial é possível relaxar e desfrutar um pouco da natureza. No cardápio, é possível encontrar opções variadas de petiscos e porções como picanha chapeada com shitake ao molho shoyu, casquinha de siri, e canapés de carpaccio.

Capim Santo

capim santo.jpg

São três espaços especiais para o cliente escolher:, o Jardim Pitanga, o Salão Bistrô e o Jardim Jabuticaba. Um local para passar horas se deliciando com as receitas e curtindo o ambiente, um lindo jardim arborizado, raro de se encontrar nas ruas da cidade.

Coco Bambu (Unidade Anhembi)

coco bambu.jpg
Inspirado na decoração praiana-tropical, aliado às deliciosas combinações, tornou-se sucesso imediato na capital. Possui um amplo cardápio- com frutos do mar, drinque no coco -, receitas feitas com os melhores ingredientes, pratos bem servidos e valores acessíveis.

Ecully

ecully

Dividido em três ambientes, o restaurante traz um clima aconchegante e rústico, rodeado de madeira e plantas. O destaque fica por conta de uma enorme mangueira que sempre atrai passarinhos no final da tarde. O restaurante é pet friendly; e normalmente o ‘Chico’, cãozinho do casal, é visto passeando por lá. A cozinha à vista dos clientes traz um cardápio variável semestralmente e drinques exclusivos.

Marakuthai

marakuthai.jpg

O charme da decoração do ambiente reflete a paixão de Renata pela gastronomia, tanto que há objetos com valor sentimental expostos pelo local. Essencialmente inspirado na culinária tailandesa, o cardápio do Marakuthai traz pratos com toques e perfumes picantes e adocicados, além de inspirações caiçaras.

Para fazer a reserva e aproveitar os benefícios da plataforma, basta baixar o aplicativo do TheFork, que está disponível gratuitamente para Android e iPhone (iOS).

Fonte: TheFork

 

 

Taco Bell tem edição limitada de Burrito em homenagem aos 464 anos de São Paulo

Ontem (25), a cidade de São Paulo comemorou seus 464 anos e o Taco Bell não poderia deixar de homenageá-la. Até dia 27, todas as unidades vão oferecer uma versão comemorativa do XXL Burrito, passando de 430g para 464g.

O burrito traz em sua composição ingredientes saborosos, entre eles tortilla de trigo, arroz mexicano, guacamole, sour cream e queijo, e estará disponível na versão individual e também combo, com as proteínas de steak (tiras de carne), beef (carne moída) e frango. O cardápio da rede é personalizável e é possível trocar a proteína por feijão.

Atendendo a preferência dos brasileiros, também é possível escolher as opções sem pimenta, suave, moderada e forte.

“O burrito é sucesso de vendas no Brasil. Apenas em 2017 foram 800 mil unidades. Por isso apostamos na versão XXL para esta edição limitada em homenagem ao aniversário de São Paulo”, diz Michel Chaim, Gerente Geral do Taco Bell Brasil.

Versão individual

Taco Bell_XXL Burrito

XXL Burrito Steak: R$ 23,50 (foto)
XXL Burrito Frango: R$ 22,50
XXL Burrito Beef: R$ 21,50

Combo 6 (XXL Grilled Stuft Burrito)

O combo inclui Burrito com 464g, Cheesy Nachos ou Cheesy Fries e Refrigerante 500ml.

Taco Bell_Combo XXL Grilled Stuff Burrito

XXL Grilled Stuft Burrito Steak: R$ 32,50 (foto)
XXL Grilled Stuft Burrito Frango: R$ 31,50
XXL Grilled Stuft Burrito Beef: R$ 30,50

Informações: Taco Bell