Arquivo da tag: bebidas

(evino) divulga Top 4 apostas para Black November

Serão disponibilizados cerca de 200 rótulos com descontos que variam de 35% a 70%

(evino), uma das maiores plataformas de venda de rótulos de vinho do país, está com o estoque a postos para a Black November 2017. A preparação da companhia começou seis meses antes com a curadoria dos rótulos e início das importações, que levam cerca de três meses para chegar ao Brasil. Serão disponibilizados cerca de 200 rótulos com descontos que variam de 35% a 70% durante todo o mês de novembro.

A companhia acaba de divulgar suas Top4 apostas de venda para o período de 1 de novembro a 30 de novembro. Vale lembrar que todos os rótulos estão sujeitos à disponibilidade em estoque.

Para conhecer mais opções e aproveitar as promoções da (evino) acesse o site.

anciano

Anciano Gran Reserva 10 years Valdepeñas D.O. 2006
Tinto • Espanha • Valdepeñas • Tempranillo – de R$ 143,00 por R$ 39,90

vias cassia

Via Cassia Primitivo di Puglia 2016
Tinto • Itália • Puglia • Primitivo – de R$ 90,00 por R$ 29,90

marchesi

Marchesi del Salento Primitivo 2016
Tinto • Itália • Puglia • Primitivo – de R$ 90,00 por R$ 29,90

catur

Catur Bordeaux AOC 2016Tinto • França • Bordeaux • Várias uvas
de R$ 80,00 por R$ 29,90

Informações: (evino)

Anúncios

Cinco dicas para se refrescar com vinho no calor

Sommelier do projeto Vinho Mais prova que o vinho é a bebida perfeita para qualquer estação

Enquanto tanta gente associa o vinho aos dias mais frios do inverno, quem ama a bebida acaba buscando formas diferentes de bebê-la, especialmente em um país tão quente como o Brasil. “Quem gosta de vinho pode seguir alguns truques para que a bebida fique mais refrescante”, ensina Rodrigo Bertin, sommelier internacional e criador do projeto Vinho Mais.

Segundo o especialista, nem todo vinho é próprio para ser consumido em temperaturas baixas. “Os vinhos mais encorpados, que geralmente são os mais caros, precisam ficar no armário até o próximo inverno, mas os mais leves e de menos gradação alcoólica funcionam”, explica, antes de listar 5 dicas importantes.

1- Deixe o vinho ter de 6ºC a 15ºC

vinho rose kaboompics pixabay
Foto: Kaboompics/Pixabay

Rodrigo Bertin conta que os vinhos brancos ou rosés podem ser mais gelados. “Você pode consumi-los a seis graus de temperatura”. No entanto, o vinho tinto deve ser consumido com a temperatura próxima de 15ºC. “Ele mantém o sabor e vai ajudar a se refrescar com essa temperatura amena”, conta.

2- Mantenha a garrafa geladinha

BALDE_RESFRIADOR_VINHO_SEM_GELO_VACUVIN_PRETO160530_143253

O sommelier sugere um balde de gelo para manter a temperatura baixa da garrafa. “Deixe a garrafa no balde para evitar que ela esquente, ou então gele um pouco mais, deixando a garrafa na geladeira antes de consumir”, ensina. “Se a garrafa ficar gelada demais, espere o vinho recuperar um pouco da temperatura antes do primeiro gole”, sugere.

3- Aposte nos espumantes

espumante praia verão pixabay
Foto: Holgi/Pixabay

Bertin também conta que é possível apostar nos espumantes. “Eles são refrescantes e ainda combinam com a maioria dos petiscos e porções da praia, por exemplo”, explica. “O espumante ainda tem a vantagem de ajudar na digestão”, conta o especialista que quer desmistificar a ideia de que espumante e vinhos são caros. “Tem opções para todos os bolsos”.

4- Faça coquetéis

sangria

Aperol Spritz, Sangria e Clericot são apenas alguns dos coquetéis mais famosos que podem ser feitos com vinho. “As receitas são fáceis de encontrar e rendem drinques gelados”, conta o sommelier, que destaca que essas opções combinam com qualquer festa, até mesmo churrasco.

5- Economize e escolha as uvas certas

uvas vinho pinot pixabay
Uvas Pinot Noir – Pixabay

Por fim, Rodrigo Bertin ensina que os tipos de vinho que combinam com o verão são os mais baratos. “Os mais caros, que são geralmente os mais encorpados, pedem por temperaturas mais quentes, então aposte nos mais simples”, conta, sugerindo as uvas mais leves e com menos tanino, como Pinot Noir, Merlot e Gamay.

Fonte: Rodrigo Bertin/Vinho Mais

 

Martini promove Terrazza para celebrar a F1

A Martini, uma das marcas de bebidas mais icônicas do mundo, promove a sua segunda Terrazza Martini, desta vez, em torno de um dos seus pilares, a velocidade. O evento tem como mote a Fórmula 1 e a Williams Martini Racing, escuderia do piloto brasileiro Felipe Massa. A celebração acontece no restaurante Brace, do Eataly.

Neste ano, a loja italiana será a embaixada da marca no Brasil. Durante todo o final de semana da corrida, uma série de ativações serão realizadas nos restaurantes. A experiência se iniciou com uma press conference com o Felipe Massa. Na sexta-feira e no sábado (10 e 11/11, respectivamente), bartenders e mixologistas prepararão uma carta especial de drinks tradicionais MARTINI em celebração à Fórmula 1. No domingo, o espaço se veste especialmente para receber a Terrazza Martini, com um mailing VIP de convidados do promoter Fabinho Cal.

martini

Durante o final de semana, quem passar pelo Eataly, receberá um mapa, com todo os pontos de ativação da marca em São Paulo e um voucher Doppio Spumate para saborear à dois uma taça de MARTINI. Além disso, as garrafas dos espumantes serão comercializadas por um valor promocional durante todos os dias da ativação

Além de ser uma marca líder no mercado de vermute, Martini também é reconhecida por produzir o espumante italiano número um do mundo. Por conta disso, replica no Brasil a estratégia de sucesso da Europa, reforçando a presença de espumantes, Prosecco e Rosé, não só nas Terrazzas, como nas principais festas e momentos de celebração de São Paulo.

A marca aproveita para solidificar o Martini & Tonic, drinque do momento na Europa, feito à base de Vermute Martini e água tônica. Uma bebida extremamente refrescante, fácil de preparar, mas ainda assim, sofisticada e com personalidade italiana.

martini2

Receita do Martini & Tonic:

1. Encha uma taça com gelo.
2. Despeje 50% de MARTINI de sua escolha e 50% de água tônica de sua preferência.
3. Decore com uma rodela cítrica.
• Bianco: limão
• Rosso: laranja
Não são necessários mixers ou ferramentas adicionais.

Dia do Trigo: High Line e Pracinha do Seu Justino fazem promoção

O gim é a bebida do momento. Comparada à velha conhecida vodca, se diferencia por ter personalidade mais marcante. A produção é feita a partir de cereais, como o trigo, cevada e milho, que são fermentados, assim como a cerveja, mas depois, destilado para que chegue a um liquido neutro e com alta graduação alcoólica.

E para comemorar o Dia do Trigo, comemorado nesta sexta-feira (10), o High Line promove uma ação com a bebida feita a base desse cereal. Os clientes que forem ao bar das 18h às 21h contam com o double de Classic Tonic (R$ 34,90), que leva Gin Bombay Sapphire, tônica, limão desidratado, zimbro, e é aromatizado com limão siciliano.

A casa ainda conta com uma carta só com opções de drinques com gim, e com releituras de bebidas famosas ao redor do mundo, como o Dry Martini (R$ 32,90), que leva Gin Bombay Sapphire, Noilly Prat e azeitona; e o Negroni (R$ 28,90), com Gin Bombay Sapphire, Martini Bitter e Martini Rosso.

BombaySapphire_DryMartini (2)444

Para acompanhar, o bar possui um cardápio sofisticado com petiscos, aperitivos, pratos principais, hambúrgueres e sanduíches. Destaque para o Giant Squid Crostini (R$ 28,90), crostini com vinagrete de tentáculos de lula gigante, purê de beterraba, maionese de tinta de lula e brotos de manjericão.

Pracinha do Seu Justino comemora  com double Bohemia 14 Weiss

Já a Pracinha do Seu Justino tem uma ação especial: todos os clientes que pedirem a Bohemia 14 Weiss, cerveja artesanal feita à base desse cereal, ganha outra. A promoção vale durante todo o horário de funcionamento da casa, que é das 17 horas até o último cliente.

Cerveja-Bohemia-14-weiss-300-ml

O bar não cobra entrada, conta com telão e música ambiente, além de um cardápio repleto de comidinhas para acompanhar a bebida, como o Bolinho Baião(R$ 30,90), bolinho de arroz inspirado no baião de dois, com feijão fradinho, carne seca e queijo coalho. Acompanha geleia caseira de pimenta; e o Franguinho Agridoce (R$ 30,90), tulipa de frango (400g) frita com molho agridoce picante.

Para quem aprecia cervejas à base de trigo, que são caracterizadas pela leveza e refrescância, a Pracinha ainda disponibiliza em seu cardápio a Colorado Appia e a Franziskaner.

Informações:

High Line Bar Rua Girassol, 144 – Vila Madalena – São Paulo – Funcionamento: terça e quarta-feira, das 18h às 02h. Quinta-feira, das 18h às 03h, sexta-feira, das 18h às 05h. Sábado, das 15h às 05h. Domingo, das 16h à 0h

Pracinha do Seu Justino – Rua Harmonia, 117 – Vila Madalena – São Paulo. Funcionamento: terça a sexta-feira, das 17h às 2h. Sábado e domingo das 12h às 2h30

Smirnoff lança concurso para eleger a melhor caipiroska do Brasil

A marca, que inspirou a invenção do drinque que é paixão nacional, reúne 4 mil bares de todo o país na competição

Smirnoff lança o concurso que vai eleger a melhor caipiroska do país. Este drique surgiu nos anos 70, inspirado pela marca e não demorou a se consolidar como o favorito dos brasileiros.

Agora, Smirnoff homenageia este clássico com a competição que teve início no dia 1º de novembro e conta com a participação de quatro mil bares de todo o Brasil. Nessa competição, o público vai ajudar na escolha do grande vencedor.

325369_745771_ _jordao_bar_caipiro a_de  ult
Caipiroska de Yakult do Jordão Bar

Durante a primeira fase, a votação estará aberta a todos no site da competição e serão avaliados os quesitos originalidade, sabor e apresentação. O uso de ingredientes regionais e que traduzem as raízes de cada Estado brasileiro pode ser valorizado pelos consumidores durante a competição. A receita de cada bar deve utilizar Smirnoff e ir além da combinação de frutas, ousando nos temperos e especiarias locais.

325369_745769_caipiroska_smirnoff__juarez_credito_guga_abreu
Caipiroska Smirnoff do Bar do Juarez – Foto: Guga Abreu

Após essa primeira etapa, que dura pouco mais de um mês, os 200 bares mais votados continuam no páreo e seguem para a próxima fase. Nesse segundo momento, os concorrentes serão avaliados por um júri e também pelo público. A combinação da avaliação dos especialistas e da escolha popular é que vai decidir o grande vencedor em evento especial com os 12 finalistas presentes.

325369_745770_caipiroska_smirnoff__juarez_credito_hilton_de_souza
Caipiroska do Bar do Juarez – Foto: Hilton de Souza

As casas e as receitas que participam da maior disputa de caipiroskas do Brasil podem ser encontradas aqui. O site concentra todas as informações sobre os estabelecimentos, regulamento, receitas e votação.

325369_745772_caipiroska_smirnoff_pe_de_manga__foto_wil_pimentel_
Caipiroskas do Pé de Manga – Foto: Wil Pimentel

 

Vinhos: Expo São Roque apresenta novidades até domingo

Não é à toa que São Roque é conhecida como a Terra do Vinho. Mesmo estando a apenas 60 km de São Paulo, o clima serrano e as temperaturas mais amenas são diferenciais que tornam a cidade uma boa produtora de uvas e, consequentemente, de vinhos. São mais de 15 vinícolas na cidade que se reúnem todos os anos na Expo São Roque.

A feira já é uma tradição no circuito de viagens do estado e recebe dezenas de milhares de turistas a cada ano. Neste ano, na 25ª edição, são esperados cerca de 80 mil visitantes. E todos eles poderão conhecer os produtos e provar as principais novidades da indústria paulista do vinho.

Cada uma das vinícolas têm seu espaço no pavilhão do vinho. Uma das vinícolas participantes, a Góes, está lançando o vinho Pétalas Cabernet Franc, o mais novo rosé da Casa. Feito com uvas 100% produzidas em São Roque, o vinho é agradável para o clima quente e harmoniza com diversos pratos diferentes. “É um vinho que combina com o nosso clima, de fácil harmonização e que pode ser tomado, por exemplo, à beira de uma piscina ou na praia com um baldinho de gelo”, afirma o enólogo Fábio Góes.

lançamento_Petalas-4469lançamento_Petalas-4759

Os espumantes também marcam presença na festa. A vinícola Bella Quinta, por exemplo, expõe na Expo São Roque alguns destaques do Guia Adega de Vinhos Brasil, publicação que reúne os melhores vinhos do país: o Brut Gavia e o Gávia Moscatel. “A Expo São Roque é uma grande divulgação democrática do vinho, na qual todos participam. Todo ano, cerca de 50% do público se renova e novas pessoas que vão à festa acabam por conhecer os nossos produtos. Então a festa é boa para o produtor e para o consumidor”, diz o diretor da Bella Quinta, Gustavo Borges.

vinho_002vinho_001

O vinho Lorena é outra das estrelas da 25ª Expo São Roque. A variedade, de aroma frutados, sabor floral e refrescante, foi especialmente desenvolvida, em parceria com a Embrapa, pelas vinícolas da cidade.

lorena

A uva Lorena é originalmente produzida em solo americano e se adaptou muito bem na cidade. Segundo o presidente do Sindusvinho, Fernando Pereira Leite, o projeto do sindicato é transformar o Vinho Lorena no vinho referência de São Roque.

Conhecendo o Vinho

Além de conhecer as marcas e provar os vinhos, o público tem ainda a opção de participar de workshops, ministradas por Fábio Góes todos os sábados, domingos e feriados, sempre às 15 horas. O enólogo formado em Bento Gonçalves, RS, é responsável pelo controle de qualidade e diretor industrial da Vinícola Góes. O visitante que participar desta palestra vai aprender mais sobre a história da uva, como é feito, como armazenar e como degustar o vinho e ainda vai conhecer curiosidades sobre o universo da enologia.

saoroque vinho

Além disso, a festa terá, todos os dias, às 16h30, a atração da Pisa da Uva, que remete à tradição de pisar nas uvas, um dos primeiros processos para a elaboração e produção do vinho.

A festa conta ainda com atrações musicais, de dança, shows de mágica, de marionetes e muito mais. A Expo São Roque acontece até o domingo, 5 de novembro (sempre às sextas, sábados, domingos), no Recanto da Cascata, em São Roque.

lançamento_Petalas-4559

25ª Expo São Roque – Vinhos e Alcachofras
Data: 06 de outubro a 05 de novembro (todas as sextas, sábados e domingo feriados), das 10 às 20h
Local: Recanto da Cascata – Av. Antônio Maria Picena, 34 – Vila Junqueira, São Roque

Ingressos:
Sextas-feiras: R$ 10,00;
Sábados, domingos: R$ 28,00;
Crianças menores de 8 anos não pagam ingresso;
Adultos acima de 60 anos e estudantes pagam meia entrada, mediante apresentação de comprovante.

 

Bloody Mary: um coquetel inconfundível e repleto de lendas

Este coquetel é conhecido como “curador de ressaca” por causa do suco de tomate, altamente nutritivo. Indianara Coimbra, nutricionista da Trebeschi Tomates, explica que o tradicional Bloody Mary é um dos drinques mais famosos da história. Seu nome dramático (“Maria Sangrenta”, em português) remete ao aspecto da bebida – vermelha, tendo o suco de tomate como o grande responsável pela cor. Salgado e apimentado, este coquetel não agrada a todos, mas traz consigo uma legião de admiradores pelo mundo afora.

Com relação à origem desta bebida, há mais de uma versão sobre quem e onde teria sido criada. Uma das versões é a de que foi criada por Bertin Azimont, do Hôtel Ritz Paris, a pedido do escritor Ernest Hemingway, que queria uma bebida sem odor, para que a esposa dele não percebesse que ele havia bebido.

Uma outra versão é a de que ela foi criado inicialmente nos anos 1920, por Ferdinand Petiot, barman do “Harry’s Bar”, também de Paris, a pedidos de americanos – que queriam levar aos Estados Unidos uma bebida com aparência e fragrância que escondessem o teor alcoólico (já que o país era submetido à Lei Seca).

Ingredientes

1 kg de tomate Longa Vida Trebeschi, maduros
500 ml de água
2 copos, tipo americano, de vodca
Cubos de gelo
Gotas de vinho xerez seco, a gosto
Suco de 1/2 limão Siciliano
Gotas de molho de pimenta a gosto
Gotas de molho inglês, a gosto
1 pitada de sal
1 pitada de pimenta-do-reino
1 ramo de aipo para decorar
1 rodela de limão para decorar

Modo de Preparo
Prepare o suco de tomates liquidificando a polpa dos tomates, sem as sementes, e a água. Coloque o gelo numa coqueteleira ou copo grande. Despeje a vodka e o suco de tomate. Adicione o vinho xerez e o suco de limão por cima. Pingue algumas gotas de molho de pimenta e de molho inglês e, por fim, polvilhe com o sal e a pimenta. Tampe e chacoalhe bem. Coe o coquetel, usando um coador de cozinha, e despeje num copo alto. Decore com o aipo e a rodela de limão antes de servir.

bloody-mary.jpg

Rende: 1600 ml / 8 copos
Calorias: 200 kcals / copo
Dica: Servir em taças com azeitona no fundo como Martini.

Fonte: Trebeschi Tomates

Halloween sertanejo com cenário de faroeste vai agitar a Vila Madalena

Vila Madalena vai virar um cenário de filme de terror inusitado: um faroeste antigo, sombrio e divertido ao mesmo tempo. O Vila 567 vai comemorar o Dia das Bruxas com o halloween sertanejo, no domingo (29). Para completar a festa, o terraço a céu aberto da casa será palco de atrações surpresas para apimentar a brincadeira.

Além disso, quem for fantasiado ganha entrada grátis e irá concorrer a melhor fantasia da festa e ganhar uma garrafa de vodca Ketel One para curtir com o amigos.

vila 567222

O Vila 567 assume o posto de maior infraestrutura de entretenimento da Vila Madalena voltada a música sertaneja. Com dois bares independentes, um palco projetado para ser visto de todos os ambientes, mesas de boteco e som alinhado, permitem que a conversa com os amigos no happy hour não seja um problema.

Para os mais animados, a pista de dança também faz parte da infraestrutura, assim como o cardápio eclético, com drinques tradicionais e autorais, para todos os gostos.

villa

Vila 567-Rua Aspicuelta, 567, Vila Madalena – SP — Horários: quintas e sextas-feiras – das 18h às 04h. Sábados – das 13h às 05h. Domingos – das 13h às 01h

 

Calor: feira de alimentação artesanal reúne pequenos produtores

Evento acontece hoje (28) na Casa das Barcas, no Alto da Boa Vista, com 40 produtores de todo país

Acontece hoje o Calor, Feira de Alimentação Artesanal, na Casa da Barcas, no Alto da Boa Vista, em São Paulo. O evento, gratuito e aberto ao público, chega a sua 6ª edição em um espaço exclusivo com quarenta produtores de várias regiões do Brasil e reúne comidas e bebidas artesanais, como chás, cafés, chocolates, antepastos, mel, azeite, molho de pimenta, geleias, chutneys, pães de fermentação natural, cervejas, tábuas de corte, embutidos, bolos, brownies, granolas e muito mais.

Produtores locais e com produção em pequena escala é a aposta do evento para o crescimento do nicho composto por pequenos empreendedores e que vendem produtos únicos. O processo, quase sempre manual, torna os criadores especialistas no seu ofício, e o resultado, uma alternativa mais interessante ao que se encontra nas prateleiras dos mercados tradicionais.

Em vez de alimentos industrializados, ricos em conservantes, o Calor ressalta a diferença em consumir produtos artesanais, ricos em sabor e saúde, além de incentivar a retomada do hábito de cozinhar em casa, com produtos autênticos e com significado, compartilhando sabores e boas conversas entre amigos e familiares.

queijos

Entre os produtos, destaque para os queijos feitos com tempo e paciência, da Fazenda Santa Luiza, os doces e bolos veganos da Meraki Confeitaria, o doce de leite de mel da Mantega´s, o antepastos da Origebs Grechi, os queijos do Capril do Bosque da Heloisa Collins, o chutney e geleias irresistíveis da La Mitad, a variedade de méis de abelhas nativas brasileiras da MBee e o azeite extra virgem produzido na Serra da Mantiqueira pela Oliq, em sua estreia no Calor.

barbarella

Os visitantes poderão conferir também os vinhos da Vinícola Máximo Boschi , a Cerveja Avós e o Gim da Virga, produzido no interior de São Paulo.

Produtores participantes: Spice Splice, Vestra Panem, Oliq Azeite Extra Virgem, Fazenda Atalaia, Fazenda Santa Luzia, Leiteria Santa Paula, Obaatian, Jais Handmade, O Brownie,Mantega’s, Puro Fuego, Casa Di Zocchio, Cannelle Design, Cancian Embutidos Artesanais, Cerveja Avós, Meraki Confeitaria, Dourado Doces, Senhora Pimenta, Alho Negro do Sítio, Capril do Bosque, La Mitad, Projeto Colibri, Quituteria, Grão Vizir, Origens Grechi, MBee, Taste Me, Nostrovia, Castanharia, Legurmê, Lievitata Kombuchá, Têra Biscoitos, Vinícola Máximo Boschi, Yaco Brasil, Barbarella Biscuiterie, Domus Pepper, Trem Bom de Minas, Virga, Da Pá Virada.

Quem faz o Calor, Feira de Alimentação Artesanal

Com passagens pelas principais agências de publicidade, Julio Dui e Gustavo Santos, ambos designers, são curiosos por vocação e produtores de bebidas artesanais, como o Kombucha, Kefir e Ginger Ale. Aza Pinho, profissional do mercado audiovisual. Denise Niz, empreendedora, jornalista e idealizadora do Pitanga, Curadoria para Criança completa o time que deu vida ao Calor.

Calor Feira de Alimentação Artesanal.png

6ª edição Calor, Feira de Alimentação Artesanal
Data: 28/10, sábado
Horário: das 11h às 18h
Endereço: Rua das Barcas 560, Alto da Boa Vista

Local com acessibilidade a pessoas com deficiência física ou mobilidade reduzida
Pagamento: dinheiro, cartões de crédito e débito, a depender da marca
Entrada Gratuita

 

 

Wine.com.br: descontos em vinhos rosés em campanha Outubro Rosa

Parte das vendas será revertida para combate ao câncer de mama

Em celebração a campanha Outubro Rosa, uma seleção especial de vinhos rosés – feita pela equipe de sommeliers da Wine.com.br – terá parte do lucro das vendas deste mês revertida para a Fundação Laço Rosa em apoio ao combate do câncer de mama. Mais de 15 rótulos dos melhores rosés do mundo participam desta promoção com preços a partir de R$ 28,00 e entrega para todo o Brasil.

A Fundação Laço Rosa nasceu em 2011, no Rio de Janeiro, é um portal que tem como objetivo orientar as pessoas com câncer de mama e transformar essa fase em uma fonte de inspiração para os pacientes e aqueles que estão próximo.

Os rótulos estão disponíveis para compra no e-commerce.