Arquivo da tag: metabolismo

Estilo de vida: dicas práticas para acelerar o metabolismo

Nutricionista e personal trainer dão sugestões de hábitos diários que influenciam na perda de gordura e bom funcionamento do corpo

Cada vez mais as pessoas procuram tomar decisões que influenciam no bom funcionamento do corpo e mente, sendo que um dos primeiros passos para atingir esse objetivo é manter o metabolismo equilibrado com a adoção de um estilo de vida saudável.

“Eu sempre digo aos meus pacientes que o peso adequado e a sensação de bem-estar são consequências de hábitos de vida equilibrados, mas é preciso ter alguns cuidados. O metabolismo de cada pessoa funciona de uma determinada maneira, por isso é importante sempre consultar um médico ou nutricionista para determinar qual a melhor conduta para cada um”, explica a Bianca Naves, nutricionista e sócia-diretora da clínica NutriOffice.

E se enganam aqueles que pensam que o ganho de peso é uma consequência. Pesquisadores da Universidade do Colorado¹, nos Estados Unidos, avaliaram 65 mulheres de diferentes idades e concluíram que aquelas que praticavam exercícios físicos conseguiam manter o metabolismo em sua velocidade adequada ao seu peso.

“O metabolismo nada mais é do que a forma como nosso organismo processa as calorias que ingerimos. E esse processo pode mudar ao longo dos anos, principalmente nas mulheres, cujo organismo costuma acumular, de maneira geral, mais gordura. Para não deixar o metabolismo ficar lento com a idade, deve-se estar sempre atento à alimentação e manter a prática de exercícios como rotina”, garante Manuella Rangel, nutricionista e personal trainer.

Descubra a seguir algumas dicas práticas para o bom funcionamento do metabolismo para um estilo de vida mais equilibrado:

Uma xícara de chá verde, por favor

chá verde

A presença natural de cafeína e teanina no chá verde ajuda a regular o metabolismo. “O chá verde pode ser um grande aliado para potencializar a queima de gordura. Ele pode ser consumido antes do treino ou até depois, para manter o metabolismo acelerado e é uma opção interessante para hidratar-se”, explica Manuella. Quem busca praticidade para incluir a bebida no dia a dia pode buscar as versões saborizadas de chá em sachê disponíveis no mercado, como as versões de Chá Verde com Frutas Vermelhas, com Laranja & Maracujá, ou ainda com Menta lançadas este ano no Brasil por Lipton Chá Quente.

Mexa-se

andar caminhar

E isso não quer dizer apenas musculação. “Deixar o carro de lado e fazer as coisas a pé também faz diferença. Além de estimular seu corpo para estar sempre em movimento, o metabolismo continua acelerado e queimando gordura. Aumentar a massa magra também ajuda nesse processo, porque o músculo é o tecido que mais precisa gastar energia para se manter ativo”, complementa Manuella.

Relaxe…

mulher domindo cama sono c_scott pixabay
Foto: C_Scott/Pìxabay

Pesquisadores americanos da Universidade do Estado de Ohio² comprovaram que o metabolismo tende a diminuir quando estamos estressados. “Uma das minhas principais recomendações para meus pacientes é priorizar uma boa noite de sono todos os dias. Quando dormimos bem, a produção de cortisona diminui, reduzindo o estresse e aumentando a taxa metabólica”, explica Bianca.

Coma bem

mulher frutas alimentos FreeGreatPicture 3

Uma alimentação equilibrada é a base para quem procura um estilo de vida mais saudável. Comer a cada três horas é uma forma simples de manter o metabolismo ativo porque, ao comer de forma fracionada. E nada de fazer jejum antes do treino! “Quando praticamos exercícios físicos sem comer, nosso corpo passa a estocar gordura e reduzir a taxa metabólica para reter energia”, alerta Bianca.

¹Artigo The journal of clinical endocrinology & metabolism, Volume 82, Issue 10, 1 October 1997, Pages 3208-3212
¹Artigo Metabolism Syndrome and Related Desorders. March 2005, Vol. 3, No. 1:8-13

Fonte: Lipton

 

 

 

 

Anúncios

Dicas para acelerar o metabolismo e aliviar os exageros de final de ano

A comilança da ceia de Natal e do Ano Novo acabou e, agora, a dica é fazer algumas adaptações na alimentação nos próximos dias para ajudar a acelerar o metabolismo e, assim, colaborar com o processo de queima de calorias.

Confira seis dicas simples do médico fundador da Emagrecentro e membro da sociedade brasileira de nutrologia, Edson Ramuth e, da nutricionista Nathália Borghi, da Green Station, para acelerar o metabolismo.

Não esqueça do café da manhã

café da manhã

Após uma noite de jejum, o corpo precisa de componentes para acelerar o metabolismo. Deixar de lado o café da manhã pode diminuir a capacidade do organismo em queimar gordura, afinal ele vai querer conservar energia. Segundo Ramuth, o ideal é fazer a refeição até uma hora após acordar.

Incremente a salada com peixe

salada-de-salmao

O consumo da salada durante o almoço, ou jantar, é importante porque é rico em fibras e nutrientes. Uma sugestão da Nathália é acrescentar salmão na salada impulsiona bastante o metabolismo. Outra dica é levar mais tempo para mastigar, pois assim o cérebro tem mais tempo para registrar que o corpo está satisfeito.

O estresse atrapalha até na balança

FreeGreatPicture MULHER PESO BALANÇA

O hormônio cortisol do estresse pode causar estragos até na balança. Quando os níveis desse vilão estão muito altos, ele dificulta a desenvoltura do corpo em queimar gordura. “Pratique atividade física. Isso aumenta a longevidade, ameniza o nervoso do dia a dia e, acelera o metabolismo”, diz Ramuth.

Não pule refeições

prato taça talher laurentvalentinjosp pixabay
Foto: LaurentValentinJospi/Pixabay

Engana-se quem acha que irá emagrecer se deixar de jantar, pois pular as refeições pode induzir o corpo a armazenar mais calorias quando é alimentado, porque ele acredita que não está recebendo comida suficiente. Nathália reforça que fazer todas as refeições diariamente mantém os níveis de açúcar no sangue consistentes e, isso favorece que o metabolismo funcione de maneira correta.

Durma tranquilamente

mulher domindo cama sono c_scott pixabay
Foto: C_Scott/Pìxabay

Uma noite de sono de oito horas ajuda a acelerar o metabolismo. Ramuth recomenda que é importante também ficar sem o celular uns 30 minutos antes de dormir, pois a luz emitida do aparelho cria dificuldades para a mente relaxar e ter um sono tranquilo.

Hidrate-se

water

Beber água é importante para o funcionamento do corpo. Segundo a Nathália, além disso, a água otimiza as reações químicas do organismo, o que faz com que o metabolismo seja mais eficiente.

 

Especialista dá dicas para adaptar o corpo ao horário de verão

O horário de verão pode provocar riscos à saúde, ressalta Pedro Genta; privação do sono pode aumentar o risco de doenças cardiovasculares, como hipertensão e infarto agudo do miocárdio

O horário de verão chegou. Se acordar uma hora mais cedo é algo tranquilo para algumas pessoas, adiantar o relógio em uma hora é uma tarefa muito complicada para outras. Para quase 50% da população brasileira, o começo do horário de versão causa algum tipo de desconforto, entre eles a dificuldade de dormir e a consequente sonolência pela manhã.

“A privação do sono pode aumentar o risco de doenças cardiovasculares, como hipertensão e infarto, além de levar ao cansaço e à sonolência”, alerta o pneumologista Pedro Genta, responsável pelo Centro de Medicina do Sono HCor – Hospital do Coração.

Adotar uma rotina bem definida de horários para se deitar e se levantar são importantes para o relógio biológico se ajustar adequadamente. O impacto de adiantar o relógio em uma hora é sentido, sobretudo, por levar à redução do tempo de sono. Crianças e idosos, por terem uma necessidade maior de sono, tendem a sentir mais os efeitos desta mudança de horário.

Confira algumas dicas do médico que podem ajudar na adaptação:

mulher dormindo sofá

· Evite cochilos durante o dia, pois pode dificultar o sono na noite seguinte;

dormir
· Procure manter a rotina de horários de dormir e de acordar;

agenda café caderno
· Evite café, chá ou bebidas cafeinadas, sobretudo após o meio da tarde;

mulher lendo livro
Foto: GaborfromHungary/Morguefile

· Diminua suas atividades próximo ao horário de dormi;

jantar almoço comida vinho mulher
· Faça refeições leves e saudáveis no jantar.

Fonte: Centro de Medicina do Sono HCor

 

Saiba mais sobre o metabolismo e confira algumas dicas para acelerá-lo

Estudos demonstram que o metabolismo não está 100% ligado apenas à idade, mas sim às mudanças na alimentação e atividade física em virtude da fase de vida; sempre ouvimos falar que nosso metabolismo basal fica mais lento com o avanço da idade. Mas afinal, você sabe o que é metabolismo?

Assim chamamos o processo pelo qual o corpo produz energia para manter as funções vitais. Seu funcionamento depende de inúmeros fatores, como genética, alimentação, atividade física, peso, estatura, sexo e, claro, idade. “Em qualquer fase da vida em que haja piora dos hábitos alimentares e de atividade física, há um prejuízo na taxa metabólica e uma tendência ao ganho de peso”, afirma Suemi Marui, endocrinologista que integra o corpo clínico do Alta Excelência Diagnóstica. Entretanto, ela explica que após os 30 anos, este prejuízo é mais percebido – especialmente pelas mulheres.

Estudos demonstram que o metabolismo não está 100% ligado apenas à idade, mas sim à soma das mudanças na alimentação e atividade física em virtude da fase de vida, tais como casamento, vida profissional e a chegada dos filhos. Além disso, a falta de alguns hormônios também leva à lentidão do metabolismo, como tireoidiano, cortisol e o hormônio de crescimento.

“Após os 60 anos, há uma redução importante na taxa de metabolismo basal tanto em homens como em mulheres. Os estudos correlacionam esta queda à redução da massa muscular”, revela a médica do Alta. Suemi reforça que o metabolismo diminui na maioria das vezes como um mecanismo de proteção, para economizar ou conservar a energia para funções importantes, como respirar. “A redução da taxa metabólica nesses termos também acarreta sensação de cansaço, fadiga e indisposição para as atividades físicas. E isso se torna um ciclo vicioso que pode acarretar em ganho de peso”, diz ela.

Geralmente 60% e 70% da energia são utilizadas para a manutenção das funções vitais (respiração, funcionamento do coração, manutenção da temperatura corporal, etc.). Outros 10% a 12% do consumo de energia total são utilizados no processo de digestão e aproveitamento dos alimentos. Os 18 a 30% restantes são utilizados na manutenção do organismo (processos cicatriciais, imunológicos e de crescimento) e nas atividades cotidianas. Toda “sobra” de energia é armazenada sob a forma de gordura ou glicogênio (açúcar) para o uso posterior em eventual necessidade.

Quer saber como acelerar o metabolismo? Seguem algumas dicas da médica:

– Lembre-se que a intensidade e a frequência de atividade física determinam o nível de gasto calórico. Por isso, exercite-se pelo menos 3 vezes por semana;

exercicio em casa

– O exercício aumenta o metabolismo, e quanto maior a atividade aeróbica, maior o metabolismo. Em longo prazo, quanto mais atividade física fizermos, adquirimos maior quantidade de músculos e consequentemente o metabolismo aumenta;

exercicio-cao_20161027161923

– Não existe nenhum alimento que comprovadamente aumente o metabolismo. Cafeína, chá verde e pimenta são conhecidos como termogênicos, mas o aumento é muito leve. Para elevar o metabolismo seria necessário consumi-los em concentrações extremamente altas e inviáveis no dia-a-dia, sob o risco de problemas cardíacos e gastrointestinais.

pimenta

Fonte: Alta Excelência Diagnóstica

Produtos que aceleram o metabolismo e auxiliam no emagrecimento

Apisnutri , empresa paranaense com atuação nos segmentos de Alimentos Funcionais, Suplementos, Nutrição Esportiva e Estética, está ampliando sua linha Femme com lançamentos que, além de promoverem a saúde e bem-estar da mulher, também auxiliam no emagrecimento.

A empresa ingressa no segmento de shakes com o lançamento da Shake Time uma deliciosa bebida cremosa à base de proteínas com alto valor de fibras, vitaminas e minerais. A novidade está no uso da Palatinose, um carboidrato de baixo índice glicêmico e lenta absorção.

shakes.png

Ideal para auxiliar nas dietas com ingestão controlada de açúcares, essa linha é composta pelos sabores coco, morango, baunilha e chocolate produzidos com mix de fibras que ajuda a inibir a fome, prolongando a sensação de saciedade.

Disponível em embalagens de 400g, o Shake Time é de fácil preparo. Basta acrescentar 30 gramas do produto (3 colheres de sopa) em 300 ml de leite desnatado.

thermo_tea_web_.png

Outra novidade da Femme é o Thermo Tea , um chá com delicioso sabor de frutas cítricas, formulado com pimenta vermelha, taurina, café verde em pó e cafeína que auxilia na aceleração do metabolismo. Disponível em embalagem de 250 g, o produto é de fácil preparo. Basta acrescentar 2 scoops (medida que acompanha o produto) em 250 ml de água gelada ou quente.

multifibras_web_.png

Excelente fonte de fibras, o Multifibras Pró tem formulação exclusiva que combina aveia, trigo, cevada, soja e as farinhas de banana verde, berinjela e beterraba. Além de auxiliar na motilidade intestinal, proporciona sensação de saciedade, auxiliando também na perda de peso. O consumo recomendado para o produto é de 3 colheres de sopa misturadas em um copo de leite desnatado ou leite de soja.

Importante lembrar que os produtos contêm trigo, aveia, soja e glúten.

Os lançamentos da marca Femme e toda a linha de produtos da Apisnutri estão disponíveis em lojas de produtos naturais em todo o Brasil.

Informações: Apisnutri

Receitas de sucos para acelerar o metabolismo

A inclusão de ingredientes termogênicos no preparo da bebida é capaz de potencializar a queima calórica

O que canela, gengibre, pimenta vermelha, café e vinagre de maçã têm em comum? Eles possuem propriedades termogênicas. Essa característica faz com que nosso corpo tenha maior dificuldade em digeri-los, logo, mais calorias são consumidas no processo de digestão, ajudando no emagrecimento. “Esse trabalho pode induzir o metabolismo a trabalhar mais acelerado, gastando mais calorias, podendo promover a queimar de gordura e contribuir para o emagrecimento”, explica Michelle Mileto Troitinho, nutricionista do Kurotel – Centro Médico de Longevidade e Spa de Gramado.

Além disso, esses ingredientes proporcionam ao organismo inúmeros benefícios por terem propriedades anti-inflamatórias, controle da glicemia e também são fontes de antioxidantes responsáveis pela defesa imunológica contra os radicais livres que, quando em excesso, causam o envelhecimento.

Confira quatro sugestões de receitas de sucos que podem potencializar a sua queima calórica:

Melancia e Hibisco

melancia-e-hibisco

Ingredientes
2 xícaras de chá de melancia picadas sem sementes
1 xícara de chá de chá de hibisco gelado
Suco de ½ limão
½ colher de café de canela em pó

Modo de Preparo: bater todos os ingredientes no liquidificador.

Rendimento: 4 porções; 125 calorias por porção

Morango e Pimenta Rosa

morango-e-pimenta-rosa

Ingredientes
1 maçã pequena com casca e sem sementes
4 morangos médios
6 pimentas rosas
200ml de água de coco

Modo de Preparo: bater todos os ingredientes no liquidificador.

Rendimento: 4 porções; 153 calorias por porção

Café e Castanha-do-pará

café e castanha do pará.jpg

Ingredientes
1 xícara de chá de café (passado) gelado ou ½ xícara de café expresso gelado
1 banana prata pequena
4 castanhas-do-pará

Modo de Preparo: bater todos os ingredientes no liquidificador.

Rendimento: 2 porções; 188 calorias por porção

Suco Verde

suco-verde

Ingredientes
1 folha de couve
1 maçã ou 2 fatias de abacaxi
1 colher de sobremesa de semente de linhaça
3 folhas de hortelã
1 xícara de chá de água
Suco de meio limão
1 lasca de gengibre

Modo de Fazer: Bata todos os ingredientes no liquidificador e sirva em seguida.

Rendimento: 1 porção; 75 calorias por porção

Sugestões de ingestão
*Tomar o suco de café e castanha-do-pará uma vez ao dia, podendo ser uma boa opção de lanche pré-treino.
*Para adoçar os sucos: adoçante stévia ou açúcar de coco (1 colher de chá – 5g, que corresponde ao aumento de 20 kcal nas receitas).

Fonte: Kurotel

Cinco dicas para acelerar seu metabolismo

Entenda como algumas medidas podem potencializar o funcionamento do organismo

Seja para quem quer emagrecer ou para quem deseja ganhar massa muscular, manter o metabolismo em bom funcionamento é essencial. Afinal, a taxa metabólica está diretamente ligada à queima de gorduras e à absorção de nutrientes pelos músculos, tendo um impacto direto nos resultados obtidos com dietas e exercícios físicos.

Algumas medidas simples podem melhorar o funcionamento do organismo e garantir que ele trabalhe na intensidade necessária para a manutenção da forma física e do bom funcionamento do corpo. Confira as dicas abaixo e saiba como acelerar o seu metabolismo de maneira eficiente.

1 – Pratique exercícios aeróbicos e musculação

mulher correndo - alvimann - morguefile
Atividades físicas em geral são excelentes aliadas do organismo, mas exercícios aeróbicos e musculação proporcionam um gasto calórico alto e uma alta movimentação do corpo, estimulando a circulação sanguínea, a queima de gorduras e a aceleração do metabolismo. De acordo com Eduardo Leite, diretor do e-commerce do setor esportivo Hard Suplementos, é necessário fazer exercícios desse tipo. “A musculação e a aeróbica são atividades que contribuem muito para aumentar a ação metabólica. Suplementos que dão mais energia para os treinos, como a maltodextrina, são indicados para quem quer fazer exercícios de forma mais intensa e potencializar os resultados”, afirma.

2 – Tenha uma boa noite de sono

268605_555127_sono_web_
Dormir por pouco tempo ou acordar muitas vezes faz com que o corpo não tenha o devido descanso, mantendo-se tenso e cansado ao longo do dia. Por isso, ter uma noite tranquila e agradável faz com que o corpo tenha a disposição necessária para manter o metabolismo ativo, acelerando a queima de gorduras e o emagrecimento. A sensação de bem-estar também reduz a ansiedade e a vontade de comer, tornando mais fácil seguir uma dieta equilibrada e saudável.

3 – Não fique muito tempo sem comer

mulher usando sandália
Pular refeições ou passar grandes períodos sem se alimentar faz com que o corpo trabalhe em um ritmo mais lento, já que o metabolismo se adapta à quantidade de energia que é fornecida a ele. Por isso, é preciso fazer lanches e refeições a cada três horas, alternando os alimentos com base no grupo a que pertencem – carboidratos ou proteínas – e a quantidade de calorias que possuem. Entre o almoço e o jantar, por exemplo, coma porções de frutas, queijos magros, iogurtes ou grãos integrais. A disposição ao longo do dia será maior, bem como as taxas de funcionamento do metabolismo.

4 – Consuma grãos integrais

farofa de grãos
Ao contrário do que muitos pensam, os grãos integrais e os produtos derivados deles não possuem menos calorias do que os tradicionais. A diferença está na composição: os grãos integrais têm mais fibras, o que garante que eles sejam digeridos por mais tempo e proporcionem saciedade, fornecendo energia prolongada e facilitando a queima de gorduras. Além disso, eles ajudam a melhorar o funcionamento do intestino e do sistema digestivo em geral.

5 – Café da manhã: sempre!

café da manhã Hilary Clarcq
Foto: Hilary Clarcq/Morguefile

Na correria de ir para o trabalho ou por acordarem atrasadas, muitas pessoas acabam negligenciando o café da manhã. A primeira refeição do dia é uma das mais importantes, já que ela oferece a energia necessária para o funcionamento do organismo. Por isso, aposte em combinações de frutas, grãos integrais e proteínas. Se for praticar exercícios físicos de manhã, insira no cardápio os nutrientes necessários para suprir a carga que será gasta.

Informações: Hard Suplementos