Arquivo da tag: pinhão

Risoto de cordeiro com pinhão

O chef Ulisses Viganó Jr, do Espaço Carmela, de Curitiba (PR), preparou uma receita exclusiva, com ingredientes que têm a cara do Estado do Paraná: Risoto de cordeiro com pinhão. Confira:

Ingredientes

– 500g de arroz Arbóreo ou Carnaroli
– 200g de pinhão cozido e fatiado
– 300g de bananinha de cordeiro
– 50g de uvas passa preta
– 1 cebola média
– 1 talo de alho poró
– 150ml de vinho Sauvignon Blanc
– 1 colher de chá de alecrim fresco e picado
– 1 colher de chá de tomilho fresco e picado
– 1 colher de chá de estragrão fresco
– 1 colher de chá de manjerona
– 1 colher de chá de hortelã picado
– 2 paus de canela
– 2 colheres de manteiga
– 150g de parmesão de boa qualidade ralado grosso
– Salsinha e Cebolinha à gosto
– 1L de caldo de legumes
– Sal e pimenta à gosto

Modo de preparo
Pique as bananinhas de cordeiro, tempere com as ervas e reserve junto com a canela em pau. Pique a cebola e o alho poró. Deixe as passas de molho no vinho branco. Em seguida, em uma caçarola derreta a manteiga e frite as bananinhas até ficarem coradas. Acrescente a cebola e o alho poró até suarem. Coloque o arroz sempre mexendo, em seguida coloque o vinho (no qual estavam as uvas passa) e mexa até evaporar. Vá acrescentando o caldo conforme vai mexendo e cozinhe o arroz até ficar al-dente. Acrescente metade do queijo parmesão, a uva passa e o pinhão, e mexa por dois minutos. Corrija o sal e a pimenta e acrescente a salsinha, a cebolinha, o restante do parmesão e sirva quente. Decore com pinhão, parmesão e tomilho.

Risoto_de_cordeiro_e_pinhão01.JPG

Sugestão de harmonização: Vinho tinto Shiraz Yellow Tail

Fonte: Espaço Carmela

Sopa de Pinhão com Cracóvia e Especiarias

A chef Chef Aline Tomaz, do Centro Europeu, principal escola de gastronomia do Brasil, preparou uma receita especial quer faz muito sucesso no inverno: Sopa de Pinhão com Cracóvia e Especiarias.

Sopa de Pinhão com Cracóvia e Especiarias

Ingredientes
– 300g de pinhão cozido
– 1 litro de caldo de legumes
– 2 dentes de alho picado
– 1 ½ xícara de óleo de girassol
– 200g de cracóvia picada em cubos
– 1 pitada de canela em pó
– 1 pitada de cominho em pó
– 1 pitada de noz-moscada
– 4 folhas de couve fatiada
– Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo
Aqueça o pinhão no caldo de legumes e bata no liquidificador. Reserve. Em uma panela, refogue o alho, acrescente a cracóvia e frite rapidamente. Despeje o pinhão batido, tempere com as especiarias, com o sal e com a pimenta. Em outra panela, aqueça o óleo e frite a couve até ficar crocante. Na sequência, coloque a couve em um papel absorvente e reserve. Sirva a sopa em pratos individuais e, por cima de cada um, coloque a couve crocante.

Sopa de Pinhão

Rendimento 4 porções

Fonte: Centro Europeu

Saiba quais são as alternativas saudáveis para as comidas típicas das festas juninas

As comidas típicas das festas juninas podem ser deliciosas, mas é preciso estar atento ao consumo de sódio, açúcar e gordura. Pensando nisso, a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo recomenda alguns cuidados para consumir as receitas – e aproveitar melhor as festividades.

De acordo com Etelma Maria Mendes Rosa, nutricionista da Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios (Codeagro), o consumo desses pratos típicos deve ser moderado devido à quantidade calórica das preparações. “É preciso fazer uma restrição de consumo ou, se houver possibilidade, preparar as receitas em casa, reduzindo a quantidade de açúcar, de sal ou até mesmo de gordura, dependendo da preparação”, enfatizou.

Alternativas para preparações mais saudáveis e nutritivas:

Milho Verde: cereal fonte de carboidrato contém grande quantidade de fibras, vitaminas e minerais. Procure consumir com pouco sal e pouca manteiga.

milho alvimann
Foto: Alvimann/Morguefile

Pinhão: rico em fibras e minerais como cobre, zinco, manganês, ferro, magnésio, cálcio e fósforo. Possui também ácidos graxos como ômega 6 e 9. Além de ser naturalmente muito saudável, deve ser cozido somente em água.

Pinhao cunha tur
Foto: Cinha Tur

Cuscuz: preparado com farinha de milho, pode ser feito com legumes, ovos, atum, tornando-se um prato bastante nutritivo.

Cuscuz-Paulista2-659x371

Pipoca: cereal integral que, sem excesso de sal ou gordura, é rico em fibras, possui vitaminas E, B1, B2 e os carotenoides, considerados antioxidantes. Além disso, contém minerais como cálcio, sódio, iodo, ferro, zinco, manganês, cobre, selênio, crômio, cobalto, cádmio e fósforo. Em casa, prepare-o no micro-ondas para evitar o uso de óleo; coloque o milho da pipoca dentro de um refratário; leve ao micro-ondas com a tampa própria do aparelho doméstico; deixe de 2 a 4 minutos em potência alta; acrescente pouca quantidade de sal.

PIPOCA

Batata doce: fonte de carboidratos contém magnésio, fósforo, potássio e vitaminas A, B, C, K e E. Pode ser assada no forno, basta embrulhá-la, depois de lavada inteira e com casca, em papel alumínio e levá-la para assar por 50 minutos aproximadamente.

batata doce szafirek
Foto: Szafirek/Morguefile

Arroz doce e Canjica: cereais com fonte de carboidrato. Se preparados com menos açúcar e sem leite condensado, são bem nutritivos. Algumas alternativas para conferir mais sabor são queimar o açúcar no momento do preparo e adicionar raspas de laranja ou canela.

arroz doce tape

Curau e pamonha: fontes de carboidratos. Normalmente levam na composição leite e açúcar. Evite incluir no preparo manteiga, gordura vegetal e leite de coco, pois deixam a preparação ainda mais calórica.

pamonha

Bolo de milho: fonte de carboidrato, leva na composição ingredientes proteicos como leite e ovos. No caso de preparações caseiras, experimente prepará-lo com metade do açúcar da receita e utilize óleos vegetais no lugar da gordura vegetal, da margarina ou mesmo da manteiga.

Receita-Bolo-de-Milho

Vinho quente e quentão: são calóricos por conter álcool e grande quantidade de açúcar, por isso, vale a pena moderar o consumo. Nos preparos caseiros, existem opções sem álcool, utilizando gengibre, casca de laranja, sucos de frutas como laranja, maçã, abacaxi, maracujá, suco de uva integral e as especiarias como, canela e cravo-da-índia.

vinho quente sem vinho

Por Larissa Vidal – Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo 

Receitas criativas com pinhão são excelentes opções para o inverno

O inverno se aproxima e com ele todas as delícias gastronômicas da época: sopa, canjica, e, é claro, pinhão. Consumido tradicionalmente cozido, ele pode ser utilizado em diversas receitas diferentes e deliciosas.

A chef Camila Pazello, coordenadora do Curso de Gastronomia do Grupo Educacional OPET, criou dois pratos deliciosos (um salgado e um doce) com pinhão para aquecer o corpo nesse inverno. Vamos para a cozinha?

Entrevero de Pinhão

entrevero de pinhão denyse porto
Foto: Denyse Porto

Ingredientes
· 150 g Charque
· 150 g Bacon picado
· 50 g Manteiga
· 150 g Lingüiça calabresa
· 150 g Alcatra ou picanha
· 200 g Tomate picado sem pele e sem semente
· 200 g Cebola picada
· 3 dentes de alho
· 200 g pimentão
· 300 g Pinhão cozido e picado
· 200 g Mandioca cozido cortado em cubos
· Salsinha e Cebolinha a gosto
· Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo
1. Dessalgar a carne seca e temperar a carne bovina com sal e pimenta;
2. Frite o bacon com a manteiga e assim que soltar sua gordura retire o excesso;
3. Frite a linguiça e as demais carnes
4. Refogue a cebola, o alho, o tomate e o pimentão. Misture o pinhão e o aipim, acerte o sal e deixe cozinhar por uns 10 minutos;
5. Desligue o fogo e finalize com salsinha e cebolinha a gosto;

Sugestão de acompanhamento: pode servir com arroz e farinha
Brigadeiro de Pinhão

brigadeiro pinhão.png

Ingredientes
· 1 caixa de leite condensado (395g)
· 1/2 caixinha de creme de leite (100g)
· 1 colher (de sopa) de manteiga
· 150 g de pinhão
· 80 g de chocolate branco
· chocolate granulado branco.

Modo de preparo
Primeiro, cozinhe o pinhão por 40 minutos. Descasque e reserve. Em uma panela, coloque o leite condensado, o creme de leite, a manteiga e o chocolate para derreter. Com tudo derretido, acrescente o pinhão. Mantenha no fogo durante três minutos. Bata a mistura no liquidificador até o pinhão ser totalmente processado e virar uma pasta. Depois, leve novamente para a panela e aqueça por mais cinco minutos.
O brigadeiro de pinhão fica com uma textura pesada, diferente do brigadeiro tradicional. Leve para uma travessa e deixe esfriar em temperatura ambiente. Aí, é só enrolar e passar no granulado branco.

 

Hambúrguer de cupim e pinhão faz sucesso em Curitiba

O pinhão é com certeza um dos típicos ingredientes da gastronomia paranaense, adorado, deu origem as mais variadas receitas e pratos. E com o chef curitibano Guilherme De Rosso, do Simples Assim, não foi diferente, ele é o responsável por um dos maiores sucessos da capital paraense nesta época do ano o hambúrguer de cupim com pinhão.

“Meu objetivo como chef é procurar novos sabores, por isso, resolvi utilizar um dos ingredientes preferidos dos curitibanos e um dos preparos mais tradicionais do mundo, foi assim que chegamos ao Hambúrguer de cupim e pinhão, um preparo que se transformou em um fenômeno de vendas do Simples Assim”, comenta o chef.

Por ser um prato sazonal, já que o pinhão não é produzido o ano todo, essa é uma época movimentada no estabelecimento, com todos querendo provar a iguaria. O sanduíche, que custa R$ 38,90, é preparado com hambúrguer artesanal de cupim e pinhão, pão especial, maionese, queijo prato colonial, bacon caramelado com açúcar demerara, guacamole com pimenta baniwa e crisps de abobrinha. Para completar, acompanha batata rústica com lemon pepper.

Hamburguer Cupim e Pinhão

Simples Assim  Rua Ângelo Sampaio nº 1671, Batel. Horário de funcionamento: terça a quinta, das 18 horas às 24h30; sextas e sábados, das 18 horas à 1h30. 

Esta é a última semana do Festival de Sopas Ceagesp

O Festival de Sopas Ceagesp termina no próximo domingo, dia 28, e o cardápio desta última semana (de 23 a 28) foi escolhido pelo público, por meio de votação. As cinco melhores sopas deste ano, eleitas pelo voto popular, foram Creme de Pinhão com Cream Cheese, Caldo de Quenga, Sopa de Costelinha com Barbecue, Sopa de Frutos do Mar e Caldinho de Feijão com Aroma de Cachaça.

Creme de Pinhão - Foto de Zeka Videira
Creme de Pinhão – Foto: Zeka Videira

Todas essas opções acompanham, nestes momentos finais do Festival, a famosa Sopa de Cebola (gratinada e sem gratinar).

Sopa de Cebola Gratinada - credito Eduardo Bacani
Sopa de Cebola Gratinada – Foto: Eduardo Bacani

Hoje, terça-feira, o cardápio é reforçado ainda com Canjica Doce.

Canjica-Doce-1024x683

No domingo, o Festival encerra a temporada 2016 com medalha de ouro, com Sopa de Chocolate com Frutas incluída no cardápio.

Sopa de Chocolate com Frutas

Para tomar todas as sopas, quantas vezes quiser, o preço é de R$ 33,90 por pessoa. As bebidas, as sobremesas e os antepastos são cobrados à parte. Pães, croutons, queijo ralado, pimentas e outros itens estão incluídos no preço. Os antepastos (cobrados à parte por kg) ficam disponíveis numa mesa posicionada bem na entrada do evento, com queijos, patês, frios, entre outras opções.

O festival, na sua oitava edição, é realizado desde 4 de junho, sempre de terça a domingo no Espaço Gastronômico Ceagesp. A entrada é pelo portão 4 da Ceagesp (altura do 1.946 da avenida Dr. Gastão Vidigal, na Vila Leopoldina, zona oeste da capital). O estacionamento, no mesmo local, tem preço fixo de R$ 10. Nesta terça, quarta, quinta e domingo, o horário é das 18h à meia-noite. Na sexta e no sábado, fica aberto até as 2h da manhã.

Cardápio da Última Semana (23 a 28 de agosto) – Terça a domingo

·Creme de Pinhão com Cream Cheese
·Caldo de Quenga
·Sopa de Costelinha com Barbecue
·Sopa de Frutos do Mar
·Caldinho e Feijão com Aroma de Cachaça
·Sopa de Cebola
·Sopa de Cebola Gratinada
·Canjica Doce (apenas na terça)
·Sopa de Chocolate com Frutas (apenas no domingo)

Informações: Festival de Sopas Ceagesp