Arquivo da tag: réveillon

Receita de Ano Novo

Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo
até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?)

Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumadas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.

Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.

semente

Carlos Drummond de Andrade

Ano novo: viva as suas raízes e celebre as tradições brasileiras

O ano chegou ao fim, e este é o momento no qual até os mais céticos dos brasileiros costumam aderir a superstições e simpatias para atrair o que desejam para o novo ano: seja sucesso, amor, sorte ou até mesmo dinheiro!

A Yoki, que compartilha momentos felizes e celebra as diferentes tradições brasileiras, fez uma seleção das formas mais populares e divertidas para celebrar o Ano Novo – sem esquecer, claro, das melhores comidas.

Confira abaixo e entre em 2019 com o pé direito e muita sorte:

praia mar ondas aquilatin pixabay
Foto: Aquilatin/Pixabay

Pular sete ondas: a cada uma das sete ondas puladas você deve fazer um pedido ou agradecimento. Após terminar, não vire as costas para o mar: faça isso apenas quando os seus pés estiverem fora da água.

louro e pimenta monicore pixabay
Foto: Monicore/Pixabay

Folha de louro: na virada do ano, coloca-se uma folha de louro com uma nota de dinheiro dentro da carteira. No dia 31 de dezembro do ano seguinte você deve doar o dinheiro e jogar a folha em água corrente.

lentilha

Lentilha: na hora de consumir a lentilha, deve-se subir em um lugar alto, que pode ser uma cadeira, mesa ou degrau da escada. Feito isso, coma sete garfadas de lentilha. Além de prometer fartura durante o ano inteiro, o alimento, que cresce quando é cozido, é também consumido para atrair crescimento nos diferentes aspectos da vida.

vestido_branco-pixabay
Foto: Pixabay

Roupa branca: no Brasil, o hábito de usar roupas brancas no Ano Novo tem suas origens nas tradições africanas. Assim como as tribos de antigamente, os milhares de brasileiros que escolhem o branco para a virada do ano estão em busca de paz e proteção espiritual.

uvas-famosas-vinho

Uva: no dia 31 de dezembro, coma 12 uvas no momento em que o relógio marcar meia-noite e separe as sementes. Envolva-as em um guardanapo e guarde-as na carteira durante o ano todo, para garantir dinheiro em todos os meses que estão pela frente.

Para viver as suas raízes e deixar seu fim de ano ainda mais completo, a Yoki conta ainda com ampla variedade de receitas salgadas e doces para a sua ceia. Acesse o site e escolha a que mais combina com a sua festa.

Fonte: Yoki

Pets x fogos de artifício: confira dicas para amenizar o medo dos animais

A passagem do ano é marcada por confraternizações com som alto e fogos de artifício. Para alguns, uma forma de celebrar o início de um novo período. Para muitos, um momento de preocupação com seus animais de estimação. A audição dos cães e gatos faz com que eles escutem quatro vezes mais que o homem. Esse fator, associado à não compreensão dos motivos dos fogos, gera medo nos animais e pode trazer consequências graves.

Estresse, traumas emocionais, quedas, fugas e, até mesmo, paradas cardiorrespiratórias são algumas consequências que podem afetar os pets durante a queima de fogos. “O tutor deve observar com antecedência a intensidade do medo do seu pet com sons altos e fogos de artifício e procurar auxílio profissional. O cuidado deve ser ainda maior com animais idosos ou cardiopatas”, aconselha o médico veterinário e responsável técnico do HiperZoo, Adolfo Yoshiaki Sasaki.

Um especialista em comportamento canino pode auxiliar os tutores com técnicas de dessensibilização. “O trabalho consiste em recriar os estímulos que deflagram o comportamento medroso, porém com baixa intensidade, evitando o aparecimento de estresse e medo. Gradativamente o estímulo é aumentado, buscando a não resposta do animal”, explica o comportamentalista canino do Meu Cão Companheiro, Rafael Wisneski. No entanto, essa técnica exige alguns meses de trabalho conjunto entre o profissional e o tutor.

cachorro natal fim de ano

Para o ajudar a amenizar o estresse e ansiedade dos animais no momento dos fogos, o veterinário sugere recursos como manter o animal em local onde se sinta em segurança, preferencialmente dentro de casa com janelas e portas fechadas. Também deve-se evitar deixar o animal acorrentado, já que ele pode se machucar ao tentar fugir ou se esconder com o barulho dos fogos.

“O ambiente fechado ajuda a reduzir o ruído dos fogos e também protege contra eventuais tentativas de fuga. Além disso, nunca devemos esquecer de manter os animais com coleira, placa de identificação e microchip, para que sejam facilmente identificados caso consigam fugir”, alerta Sasaki. Música suave também ajuda a acalmar e disfarçar os ruídos, assim como a utilização de pequenas bolas de algodão nos ouvidos.

No pet center também é possível encontrar diversas opções de produtos como florais, homeopáticos e calmantes naturais, palitos com ingredientes calmantes e feromônios sintetizados que promovem o bem-estar e induzem o animal a relacionar o ambiente a uma área de proteção e conforto. Outra dica é manter o pet distraído com brinquedos que podem ser recheados com petiscos e alimentos úmidos, mantendo a atenção do animal no objetivo de retirar o alimento. Quanto antes esses recursos forem inseridos na rotina dos pets, melhores serão os resultados.

“O ideal é buscar orientação do médico veterinário, que conhece o perfil e saúde do animal, para indicar as melhores alternativas e doses adequadas. E não fazer uso de dicas e medicamentos sugeridos por conhecidos ou na internet sem antes consultar seu veterinário”, alerta Sasaki.

Final do ano: como proteger o cachorro dos fogos de artifício?

Para ajudar pais e mães de cachorro a deixarem os pets mais confortáveis durante as festas, Amanda Peres, veterinária da DogHero, aplicativo de hospedagem e passeios para cães, levantou algumas dicas. Confira:

Como identificar o medo?

A man snuggling and hugging his dog, close friendship loving in studio background

A reação do cãozinho aos sons permite identificar se ele se incomoda ou lida bem com o barulho. Veja como:

=O primeiro sintoma entre os cachorros que têm medo é adotar uma postura mais alerta. Eles evitam fazer coisas que o deixem “vulnerável”, como comer, beber água, dormir, ou mesmo fazer suas necessidades com tanta frequência quanto costuma;

=Cães mais ansiosos podem se esconder ou ficar pedindo colo, pulando e chorando;

=Posturas curvadas, com as orelhas abaixadas, pupilas dilatadas, rabo abaixado ou entre as patas traseiras são sinais de que o cãozinho está assustado, com medo ou estressado;

=Ficar “lambendo o focinho” e mostrando os dentes também representam desconforto;

=Os sintomas mais extremos são salivação excessiva, batimento cardíaco acelerado, respiração ofegante e tentar fugir. Alguns cães podem também ficar agressivos.

Como ajudar o pet?

Algumas atitudes podem ajudar a deixar o cãozinho mais confortável durante a virada do ano. Conheça algumas delas:

=Feche portas e janelas, principalmente de vidro, para evitar fugas e acidentes perto da hora da virada. Muitos cães, quando estão assustados ou se sentem ameaçados, reagem tentando fugir do ambiente.

Dog watching TV
Foto: K9 of Mine

=Coloque algum som no ambiente que consiga ser mais alto ou que seja o suficiente para distrair o cãozinho dos fogos. Pode ser o barulho da TV, de alguma música ou até o barulho do ventilador ligado. O importante é que o volume seja confortável e não cause mais medo a ele;

=Enquanto isso, ofereça petiscos ou brinquedos que ele adora, com animação e sorrindo. É um ótimo jeito de fazê-lo perceber que está seguro, já que cães entendem muito bem nossas expressões faciais;

=Muitos cães em situações de medo procuram esconderijos para se protegerem. Por isso, é válido o preparo de um local seguro e silencioso da casa para eles. Muitas vezes, a própria caixa de transporte, uma caixa de papelão ou até mesmo o espaço debaixo da cama, já basta para ele se sentir protegido. Ofereça comida e água para ele e deixe-o ficar ali até o momento que ele se sinta confortável e seguro para sair.

cao-medo-estrondos

=Não pegue o cãozinho no colo, mesmo que ele peça. Isso é entendido por ele como sinal de insegurança e o nervosismo dele vai continuar ou até piorar;

=Evite posições curvadas. Esse também é visto pelo pet como um sinal de insegurança;

=Lembre-se de mostrar a ele que você está no controle da situação e assegurar que está protegido.

Cuidado: medo e estresse podem gerar trauma

O trauma pode fazer mal para o cãozinho, porque a situação tende a se agravar com o tempo. Se for esse o caso do seu pet, procure um profissional para dar início ao tratamento. A superação de um trauma é quase sempre demorada e envolve recaídas, tentativas, erros e acertos. Por vezes, é necessário o acompanhamento de um adestrador, que pode identificar métodos mais eficientes para cada cãozinho a lidar da melhor forma com esse medo. Enquanto o cãozinho não estiver livre desse medo, é importante evitar que ele passe por uma situação crítica como durante os fogos de final de ano.

Mais dicas para proteger os animais de estimação dos fogos de artifício

Os cães têm uma audição aguçada, por isso detectam sons a longa distância. Durante a queima de fogos os animais ouvem o barulho alto e estridente dos fogos em uma frequência diferente e não conseguem identificar a origem do ruído, por isso, o interpretam como uma ameaça, isso causa pânico e medo. É comum que os cães se escondam, e em casos graves a fobia pode até mesmo provocar a fuga ou acidentes.

Por isso, é necessário investir em medidas que auxiliem os pets a lidarem com o problema. Pensando nisso, a médica-veterinária e Gerente de Produtos da Unidade de Pets da Ceva Saúde Animal, Priscila Brabec, preparou dicas que ajudam a melhorar o bem-estar dos cães durante a queima de fogos.

Não deixe o animal sozinho: é comum que o cão fique agitado. Alguns podem correr pela casa, outros podem tentar se esconder em locais perigosos. O ideal é que o animal não fique sozinho, pois ele pode se machucar ou até mesmo tentar fugir por conta do pânico. É indicado que o tutor deixe o cão em quarto preparado e aconchegante (veja dica 3) fique junto ao pet. Isso evita acidentes e muitas vezes serve como ferramenta para minimizar o medo do animal.

Algodão no ouvido: abafar o som é uma estratégia que pode auxiliar a diminuir o estresse do animal. A medida é simples, basta enrolar um chumaço de algodão e colocar no ouvido do pet. O item deve ficar firme para não cair da orelha durante o momento de agitação, porém é preciso tomar cuidado ao introduzir o algodão para não machucar o animal.

cachorro medo fogos lifewith dogs

Prepare o ambiente: para segurança do pet, prepare um quarto com os acessórios, brinquedos preferidos e comidas/petiscos que ele goste. Mantenha as janelas e portas fechadas (para abafar o barulho) e torne o momento agradável, oferendo o petisco preferido e brincando com ele. Como muitos animais se escondem por conta do barulho e podem acabar buscando abrigo em locais perigosos, a melhor saída é criar um refúgio em um ambiente seguro.

adaptil_difusor_48_ml_410_1_20170224144927

Adaptil difusor é uma opção: trata-se de uma ótima ferramenta para auxiliar os cães a lidarem com o desafio dos artefatos. O produto, um análogo sintético do odor materno canino, auxilia na adaptação dos cães em situações adversas do dia a dia, trazendo a sensação de segurança, conforto e bem-estar. O tutor deve plugar o Adaptil Difusor na tomada no ambiente onde o cão ficará durante a queima de fogos com pelo menos 3 dias de antecedência. O produto é espécie-específico, ou seja, só os cães conseguem identificar o odor no ambiente e tem a duração de 30 dias.

Nota da redação: quer evitar tudo isso? Não solte fogos com sons. O mais bonito são as luzes e as cores. Já há no mercado essa opção. A prefeitura da maior cidade do país, São Paulo, começará a troca neste réveillon. Espero que todas as cidades do país, quiça do mundo, um dia façam isso. Civilidade e respeito com nossos irmãos animais. 

 

Saiba quais alimentos ajudam a curar a ressaca das festas de fim de ano

As festas de fim de ano são pura diversão, mas os exageros do consumo excessivo de bebidas alcoólicas e comidas gordurosas trazem mal-estar e ressaca, principalmente nos dias mais quentes de verão. Se você já sabe que vai beber muito, é bom pegar algumas dicas de como se recuperar.

A nutricionista Leusimar Malta Nunes, da rede de supermercados Prezunic, alerta sobre a importância de escolher os alimentos certos para curar a ressaca e manter a disposição durante todas as festas.

Confira os melhores alimentos para quem está de ressaca:

agua de coco

· Água de coco: além de hidratar, a água de coco repõe os minerais perdidos com o consumo de bebidas alcoólicas.

agua com alecrim feedfeed
Foto: FeedFeed

· Água aromatizada com alecrim: ajuda no alívio da dor de cabeça e aumenta a circulação sanguínea.

sardinha

· Atum e sardinha em lata: ajudam a repor diversos minerais que o corpo perde quando se ingere álcool.

frutas maca uva cesta

· Frutas: são boa fonte de água, carboidratos, vitaminas e minerais. Elas podem ser consumidas como sobremesas e, também, como opção para pequenos lanches entre as refeições principais. Destaque para a banana que é ótima fonte de potássio.

pães

· Massas, bolos e pães: são ricos em carboidratos. Se transformam em açúcar depois de digeridos e fornecem energia para o corpo.

couve

· Couve e espinafre: contêm ácido fólico, vitamina C e enxofre, que colaboram com a limpeza do fígado.

graos integrais everyday health
Foto: Everyday Health

· Grãos integrais: possuem muita vitamina B e ácidos, são aliados do processo de desintoxicação produzido pelo fígado para se livrar dos excessos cometidos.

OVOS

· Ovo: rico em proteína cisteína, que contém glutationa. Quando o corpo detecta a presença de álcool, produz uma substância tóxica denominada acetaldeído. Em seguida, produz glutationa para evitar intoxicação. Portanto, o ovo é um aliado na cura da ressaca.

tomate

· Tomate: é rico em vitamina C, glutationa e potássio. Ele tem propriedades antioxidantes, que ajudam a combater os radicais livres liberados pelo consumo de álcool.

Boldo Tea Health Benefits
Foto: HealthyFitnessTipss

· Chás: boldo e carqueja ajudam a diminuir as toxinas, auxiliam na digestão e diminuem o mal estar.

isotonico_capa-660x330

· Isotônicos caseiro: 500 ml de água, suco natural de frutas (laranja, limão, uva – 50 ml), açúcar (mascavo, demerara ou cristal – 2 colheres de sopa), e sal (1 colher de chá).

Fonte: Supermecados Presunic

Chef executivo do Hilton Barra ensina como preparar seadas italianas

O italiano Moreno Colosimo, Chef Executivo do Hilton Barra Rio de Janeiro, ensina como preparar uma receita de família que trouxe para o Brasil: as seadas, deliciosos raviólis fritos originários da Sardenha.

Doces e de paladar inconfundível, as seadas são sobremesas muito consumidas na Itália e têm de tudo para tornar as ceias de fim de ano brasileiras ainda mais especiais. Para o chef, as seadas são uma excelente opção para surpreender os amigos e a família com uma receita que foge do convencional e é muito saborosa.

moreno colosimo.jpg

Seada

Ingredientes
200g de queijo pecorino romano
350g de farinha de sêmola fina
1 laranja Bahia
1 limão siciliano
100g de mel puro
60g de manteiga
Óleo de milho (para fritar – o suficiente para que a massa mergulhe na panela)
Sal (apenas uma pitada)

Modo de preparo
Preparar a massa com a farinha, manteiga a temperatura ambiente e uma pitada de sal, deixando descansar por meia hora. Enquanto isso, em banho maria, adicione 6 colheres de sopa de água e derreta o queijo pecorino com raspas da casca de laranja e de limão. Quando se tornarem uniformes, deixe resfriar e faça bolinhas com o recheio.
Corte a massa em discos (o ideal é utilizar um cilindro de 3mm ou cortador redondo) que cubram cada bolinha de recheio completamente utilizando duas folhas para cada porção da massa de queijo e raspas. Quando estiverem montadas, é só fritar cada seada em óleo de milho quente até doar.

seada com mel.jpg

Finalização e montagem
Secar o excesso de óleo e consumir ainda frescas, cobertas por mel, canela e/ou açúcar. Para dar um toque especial à cobertura, derreta o mel em banho maria, aí sim cubra os bolinhos e polvilhe os demais ingredientes.

Fonte: Hilton Barra Rio de Janeiro

Lucas Corazza assina Bolo de Chocolate Unique com Caramelo para festa de fim de ano

Sugestão é recheada e coberta com ganache feito com Unique ao Leite 35%, caramelo e flor de sal

O Chef Lucas Corazza criou um bolo super charmoso com chocolate de origem Unique, da Harald, para quem quer preparar uma sobremesa diferente para surpreender os convidados na Ceia de Natal.

Feito com cacau, recheio e cobertura de Ganache de Chocolate Unique ao Leite 35% com Caramelo e flor de sal, é uma sugestão deliciosa para agradar a família e os amigos.

Para deixar esse bolo com ar de festa, o Chef usou bolas de chocolate de diversos tamanhos, mas você pode abusar da criatividade e criar sua própria decoração. Confira a receita:

Bolo de Chocolate Unique com Caramelo

Ingredientes:
Massa de cacau
100g de cacau em pó
½ xícara de leite
340g de manteiga sem sal
450g de açúcar
1 colher de sopa de essência de baunilha
4 ovos grandes
390g de farinha de trigo
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1 pitada de sal
1 xícara de chá de leite integral

Ganache de chocolate com caramelo:
700g de açúcar
520g de glucose
1.300g de creme de leite
450gr de chocolate Unique ao Leite 35%
300g de manteiga
3g de flor de sal

Material:
2 formas de 20 cm de diâmetro e 8 cm de altura
1 forma de 24 cm
batedeira equipada com o globo
mixer
bowls
peneira
papel manteiga
espátula de degrau
espátula de silicone

Preparo:
Preaqueça o forno a 170ºC. Unte as assadeiras com desmoldante ou manteiga e papel manteiga no fundo, sem untar as laterais. Peneire o cacau em um bowl e adicione o leite quente lentamente enquanto mistura com um fuet (batedor). Deixe esfriar por completo. Em uma batedeira equipada com a raquete, realize a cremage: junte a manteiga e o açúcar e bata em velocidade média até obter uma mistura cremosa e esbranquiçada, raspando as laterais eventualmente para que fique homogênea. Adicione os ovos, um a um, sempre parando de bater entre cada etapa e raspando as laterais com uma espátula de silicone. Adicione a baunilha.

Em um bowl, peneire a farinha de trigo com o bicarbonato de sódio e sal. Adicione o leite à mistura de água e cacau. Diminua a velocidade da batedeira para a velocidade baixa e adicione em 3 etapas alternadas, primeiro uma parte dos secos e depois dos líquidos, sempre raspando as laterais da batedeira. Divida igualmente a massa nas formas untadas e leve ao forno por aproximadamente 30 a 45 minutos. Realize o teste do palito se necessário. Remova do forno e deixe esfriar em cima de grades. Remova da forma ainda morno e deixe esfriar na grade. Se tiver o papel, remova o papel e reserve a massa para rechear.

Ganache: em uma panela, coloque o açúcar a glucose, e leve ao fogo para fazer um caramelo claro. Assim que se atingir o caramelo desejado, despeje o caramelo sobre um tapete de silicone. Quando estiver firme, quebre o caramelo e adicione ao creme de leite em temperatura ambiente. Deixe derreter por 40 min a 1h. Leve ao fogo o creme e a manteiga para aquecer. Derreta o chocolate a 40°C. Adicione o creme de leite ao chocolate. Misture com um mixer de mão até que se obtenha uma mistura homogênea. Disponha sobre uma superfície plana e cubra com plástico filme em contato até esfriar.

Montagem: corte os bolos em duas camadas. Em uma forma intercale camadas de bolo e parte do ganache e leve à geladeira para firmar por aproximadamente 10 horas. Desenforme com cuidado e cubra com o restante do ganache.

bolo_harald___lucas_corazza

Rendimento: 1 bolo
Tempo de preparo: 1h30
Validade: 6 dias coberto ou em caixa fechada e refrigeração

Fonte: Harald

Inove na sobremesa com uma nova versão de pavê

As sobremesas são indispensáveis nas comemorações de fim de ano. Pensando nisso, a Black+Decker, em parceria com o Curso Técnico de Cozinha da Etec Júlio de Mesquita, apresenta uma releitura da tradicional receita de pavê. A combinação entre a mousse, ganache e geleia de frutas vermelhas vai surpreender a todos. Veja como é fácil fazer:

Pavê

Ingredientes:
1 caixa de leite condensado
2 caixas de creme de leite
Suco de ½ laranja
1 envelope de gelatina incolor sem sabor
250g de chocolate meio amargo
100g de farinha de trigo
600g de açúcar
100g de manteiga gelada
500g de morango
500g de amora
1 maçã
½ copo de água

Modo de preparo

Mousse
No liquidificador L600V da Black+Decker, bata um caixa de creme de leite com o leite condensado até ficar uniforme. Derreta a gelatina e adicione a mistura até incorporar aos demais ingredientes. Leve à geladeira por cerca de 4 horas.

Ganache
Na panela P500 Black+Decker, derreta o chocolate meio amargo e, em seguida, acrescente o creme de leite e misture bem até ficar uniforme.

Massa
Em uma tigela, acrescente a farinha, 100g de açúcar e a manteiga. Misture bem os ingredientes até atingir uma massa lisa e uniforme. Embrulhe em um papel filme e deixe esfriar na geladeira por aproximadamente 30 minutos. Abra a massa em um papel manteiga e leve para assar de 30 a 40 minutos em forno preaquecido em 180°C ou até ficar dourada. Deixe esfriar e triture a massa.

Geleia
Na P500 (após lavar), acrescente o morango, a framboesa, a maçã, o açúcar e a água. Misture bem os ingredientes e deixe cozinhar em fogo baixo por cerca de 1 hora ou até a mistura incorporar.

Montagem
Em um copo, coloque em proporções iguais mousse, ganache, mousse, geleia e por último a massa triturada ou frutas frescas se preferir.

mousse-frutas-vermelhas-destaque.jpg

Fonte: Black+Decker

Cinco receitas especiais para servir no Réveillon

O momento de celebrar o início de 2019 está chegando. Para receber a família e amigos em casa e aguardar o ano que está por vir, desejando prosperidade, luz e saúde para todos, nada melhor do que aproveitar para se deliciar com os pratos típicos dessa época.

No menu não podem faltar ingredientes que trazem ainda mais sorte para o novo ano, como lentilha, frutas cristalizadas e as famosas entradas servidas antes do jantar. Para tornar a festa uma ocasião inesquecível, a Yoki selecionou cinco receitas saborosas para servir na ceia de Réveillon. Confira abaixo:

Arroz com Frutas Secas e Lentilha

arroz com lentilha e frutas secas.jpg

Ingredientes:
1 xícara (chá) de Lentilha Yoki
3 xícaras (chá) de água
1 cubo de Caldo de Legumes Kitano
4 Cravos-da-Índia Kitano
1 casca de Canela-da-China em Casca Kitano
Sal a gosto
3 colheres (sopa) de manteiga
1 cebola inteira picada em cubos pequenos
1 pitada de Gengibre em Pó Kitano
1 ½ xícara (chá) de arroz
3 colheres (sopa) de vinho branco seco
3 xícaras (chá) de água fervente
Sal a gosto
¼ xícara (chá) de nozes picadas
½ xícara (chá) de damascos picados
½ xícara (chá) de uvas passas
¼ xícara (chá) Castanhas de Caju Yoki picadas
¼ xícara (chá) de amêndoas em lascas
½ pimentão vermelho pequeno picado

Modo de preparo:
Leve ao fogo uma panela com a lentilha, água, caldo de legumes, cravos, a canela e o sal. Cozinhe por 12 minutos. Retire do fogo, escorra, remova os cravos e a canela, deixe esfriar e reserve. Em outra panela, leve ao fogo a manteiga, a cebola, o gengibre e refogue até a cebola murchar. Acrescente o arroz, o vinho, misture bem e refogue por mais 3 minutos. Adicione a água e o sal, abaixe o fogo e cozinhe até secar toda a água.
Retire do fogo e deixe esfriar. Em um recipiente, misture o arroz com a lentilha.
Adicione a mistura seca (nozes, damascos, uvas passas, castanhas, amêndoas e o pimentão). Acerte o sal, se necessário. Sirva frio.

Tempo de preparo: 55 minutos
Rendimento: 8 pessoas

Brusquetas de polenta com calabresa

brusqueta de polenta.jpg

Ingredientes:
3 colheres (sopa) de azeite
1 1/2 cebola picada em cubos
6 dentes de alho amassados
1 1/2 gomo calabresa ralada
6 colheres (sopa) de vinho tinto suave
6 colheres (sopa) de molho de tomate pronto
Manjericão Desidratado Kitano a gosto
Azeitonas sem caroço picadas para decorar
1 Polenta Pronta Yoki (cortada em fatias de 1cm e dividas ao meio)

Modo de preparo:
Em uma panela, aqueça o azeite e refogue a cebola, o alho e a calabresa, até dourar.
Acrescente o vinho, deixe evaporar um pouco, junte o molho de tomate e o manjericão e aqueça até ferver. Retire do fogo e reserve. Em uma frigideira antiaderente, grelhe as fatias de polenta com um fio de azeite até ficarem douradas dos dois lados.
Reserve.

Montagem: Em cada polenta espalhe uma porção do recheio e decore com azeitona picada. Sirva a seguir

Tempo de preparo: 1 hora
Rendimento: 30 pessoas

Suflê de Batata com Molho Branco

sufle de batata.jpg

Ingredientes:
2 colheres (sopa) de margarina
1 cebola picada
2 dentes de alho picados
2 colheres (sopa) de farinha de trigo
2 xícaras (chá) de leite
2 xícaras (chá) de água
1 xícara (chá) de Purê de Batata Yoki
Sal e pimenta do reino preta a gosto
1 pitada de Noz-Moscada Moída Kitano
3 ovos
Queijo mussarela para polvilhar

Passo a Passo:
Em uma panela, frite a margarina e a cebola, até a cebola murchar. Acrescente o alho e refogue um pouco mais (até o alho dourar). Adicione a farinha e mexa até ficar uma mistura homogênea. Aos poucos, vá adicionamento o leite e a água, mexendo sempre (para não empelotar). Quando ferver, apague o fogo e acrescente o Purê de Batata.
Tempere com o sal, a pimenta e a noz-moscada. Espere esfriar. Separe as claras das gemas, acrescente as gemas no purê e misture bem. Bata as claras em neve e junte delicadamente no purê. Unte uma forma com a margarina e coloque o suflê.
Salpique com o queijo e leve ao forno pré-aquecido à 160°C por 30 minutos ou até gratinar. Sirva a seguir.

Tempo de preparo: 1 hora
Rendimento: 8 pessoas

Purê com Cebola Caramelizada

purê cebola caramelizada.jpg

Ingredientes:
1 cebola fatiada em anéis
2 colheres (sopa) de margarina
2 colheres (sopa) de Açúcar Mascavo Yoki Mais Vita
200 ml de água
150 ml de leite
1 xícara (chá) de Purê de Batata Yoki

Modo de preparo:
Em uma frigideira, derreta metade da margarina e acrescente o açúcar.
Quando começar a caramelizar (consistência de calda), acrescente a cebola.
Mexa até a cebola murchar e absorver a calda. Reserve. Para o preparo do purê, siga as instruções da embalagem. Sirva o purê com a cebola por cima.

Tempo de preparo: 20 minutos
Rendimento: 3 pessoas

Sorvetone

sorvetone.jpg

Ingredientes:
1 panetone de 500g
1 Pacote de Mistura para Sorvete Sabor Creme Yoki
1 xícara (chá) de vinho tinto seco

Modo de preparo:
Bata a mistura para sorvete conforme instruções da embalagem. Reserve. Corte a tampa do panetone e reserve. Retire o miolo do panetone. Em um recipiente a parte, esfarele o miolo e misture com metade do sorvete batido. Recheie o panetone com essa mistura e feche com a tampa reservada. Cubra com filme plástico e leve ao freezer por, no mínimo, 4 horas. Leve o restante do sorvete batido também ao freezer por 4 horas.
Na hora de servir, aqueça o vinho numa panela (para evaporar o álcool). Bata o sorvete com o vinho no liquidificador até obter uma mistura homogênea. Sirva o panetone com a calda de sorvete e vinho.

Tempo de preparo: 4h30 minutos
Rendimento: 8 pessoas

Crédito: receitas elaboradas pelo time de especialistas Yoki

Aproveite o Réveillon para preparar uma maravilhosa massa com bacalhau

Adria ensina como fazer um delicioso Penne com Bacalhau desfiado ao creme de cebolas e vinho branco

O Réveillon é a festa para renovar as energias, agradecer as conquistas alcançadas e, claro, celebrar com os familiares e amigos mais um ano que vem aí. O momento da virada é repleto de superstição, Afinal, quem não quer uma ajudinha para que o próximo ano seja ainda melhor? Pular as sete ondas, usar branco, guardar sementes de romã e uva ou não consumir carne de animais que ciscam para trás são algumas das muitas estratégias adotadas pelos supersticiosos brasileiros.

Pensando nisso, a Adria sugere o preparo do Penne com Bacalhau Desfiado ao Creme de Cebolas e Vinho Branco. Além de trazer um sabor marcante para o prato, o bacalhau está ligado à tradição de prosperidade.

Já a massa fica por conta do Penne Grano Duro, massa premium feita com um tipo de trigo especial que, após o cozimento, deixa a massa naturalmente al dente, ou seja, soltinha e macia, porém resistente à mordida.

Dica do chef: compre bacalhau demolhado e limpo ou deixe de molho coberto com água por no mínimo 12 horas, trocando cerca de 3 vezes a água (dentro da geladeira). Cozinhe em água nova até ficar macio, depois escorra e desfie. É importante que você faça isso para retirar o excesso de sal do peixe.

Aproveite cada momento e feliz ano novo!

Penne com Bacalhau desfiado ao creme de cebolas e vinho branco

Ingredientes:

Molho Branco:
3 colheres (sopa) de margarina (60g)
2 colheres (sopa) de farinha de trigo (20g)
1 e meia xícara (chá) de leite (360ml)
Meia xícara (chá) de creme de leite (120ml)
Sal e Noz-moscada a gosto

Refogado de bacalhau:
6 colheres (sopa) de azeite (90ml)
3 cebolas grandes cortadas em gomos finos (450g)
650g de bacalhau demolhado, limpo, cozido e desfiado
Meia xícara (chá) de vinho branco seco (120ml)
6 colheres (sopa) de azeitona verde picada grosseiramente (90g)
1 pacote de macarrão tipo Penne Adria Grano Duro (500g)

Modo de Preparo:

Molho Branco:
Derreta a margarina e junte a farinha. Cozinhe, mexendo sempre, até obter uma pasta ligeiramente dourada (cerca de 1 minuto). Abaixe o fogo e acrescente o leite aos poucos, mexendo sempre, até dissolver a pasta completamente. Junte o creme de leite e continue o cozimento até começar a encorpar levemente (o molho não deve ficar encorpado). Tempere com sal e noz-moscada. Reserve.

Refogado de bacalhau:
Refogue a cebola no azeite até começar a dourar (cerca de 10 minutos). Junte o bacalhau e refogue demoradamente. Acrescente o vinho e refogue até evaporar. Junte a azeitona e o molho branco. Tempere com sal se necessário. Reserve. Cozinhe o Penne Adria Grano Duro conforme recomendação da embalagem. Escorra a massa e envolva-a no molho bem quente. Sirva em seguida.

penne com bacalhau.jpg

Rendimento: 5 a 6 porções
Tempo de Preparo: 20 minutos
Tempo de Cozimento: 30 minutos
Variação: Substitua o bacalhau por haddock ou salmão.

Fonte: Adria 

Receitas para a festa de fim de ano

Chega a hora de reunir familiares e amigos em volta da mesa para celebrar e agradecer. E as festas de fim de ano são perfeitas para preparar receitas especiais. Para deixas as celebrações ainda mais especiais, a chef Ivy Oliveira, da Cozinha Experimental União, preparou uma seleção especial de receitas. Confira abaixo:

Risoto com Tender

risoto com tender.png

Ingredientes:
1 colher (sopa) de manteiga
Meia cebola pequena picada
1 xícara (chá) de Arroz Culinária Italiana Camil
Meia xícara (chá) de vinho branco seco
Sal a gosto
Meia colher (chá) de açafrão em pó
3 e meia xícaras (chá) de caldo de legumes fervente
1 colher (sopa) de manteiga gelada
2 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
1 xícara (chá) de tender assado cortado em cubos pequenos (130 g)
4 colheres (sopa) de nozes picadas
Meia xícara (chá) de abacaxi fresco cortado em cubos pequenos

Modo de preparo:
Em uma panela, aqueça a manteiga, em fogo médio, refogue a cebola até dourar levemente. Acrescente o Arroz Culinária Italiana Camil. junte o vinho e cozinhe, mexendo de vez em quando, até evaporar o álcool.3- Adicione o sal, o açafrão e o caldo de legumes fervente, aos poucos, mexendo depois de cada adição.Espere até que o caldo seja completamente absorvido antes de adicionar mais caldo.Quando o arroz já estiver cozido, desligue o fogo, acrescente a manteiga gelada e o queijo parmesão e misture. Adicione o tender, as nozes e o abacaxi, e misture delicadamente. Sirva a seguir.

Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 35 minutos

Salada de Lentilha com Damascos e Nozes

salada de lentilha

Ingredientes:
1 xícara (chá) de Lentilha Camil
6 xícaras (chá) de água
1 folha de louro
1 cenoura pequena ralada grossa
1 cebola roxa pequena picada
meia xícara (chá) de nozes picadas
10 damascos secos picados
10 tomates-cereja cortados em quatro
4 colheres (sopa) de azeite de oliva
2 colheres (sopa) de vinagre de vinho branco
sal a gosto
pimenta-do-reino a gosto
1 colher (sopa) de salsinha picada

Modo de preparo:
Em uma panela, coloque a Lentilha Camil, a água e a folha de louro. Cozinhe por 30 minutos ou até os grãos estarem cozidos. Escorra e reserve. Em uma tigela, coloque a Lentilha Camil cozida e escorrida, a cenoura, a cebola, as nozes, os damascos e os tomates e misture. Tempere com o azeite, o vinagre, o sal, a pimenta e a salsinha e misture bem. Sirva a seguir.

Rendimento: 6 porções
Tempo de preparo: 40 minutos

Arroz com Chester

arroz com chester

Ingredientes:
1 colher (sopa) de azeite de oliva
Meia cebola pequena picada
1 xícara (chá) de Arroz Reserva Especial Camil
Meia xícara (chá) de vinho branco seco
1 colher (chá) de sal
1 pitada de açafrão-da-terra em pó
2 xícaras (chá) de água fervente
2 xícaras (chá) de chester assado e desfiado (250 g)
2 colheres (sopa) de amêndoas torradas e grosseiramente picadas
2 colheres (sopa) de uva-passa preta sem sementes
3 damascos secos picados
Meia colher (chá) de tomilho fresco picado

Para regar:
Azeite de oliva

Modo de preparo:
Em uma panela, aqueça o azeite em fogo médio e doure levemente a cebola. Adicione o Arroz Reserva Especial Camil. junte o vinho e cozinhe, mexendo de vez em quando, até evaporar o álcool.Adicione o sal, o açafrão e a água fervente e cozinhe, com a panela parcialmente tampada, por 10 minutos. Abaixe o fogo, tampe a panela e cozinhe por mais 5 minutos ou até secar o líquido. Junte o chester, as amêndoas, a uva-passa, os damascos e o tomilho, e misture delicadamente. Regue com o azeite e sirva a seguir.

Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 30 minutos

Arroz com Champanhe e Nozes

Ingredientes

arroz com champanhe
1 colher (sopa) de manteiga sem sal
1 xícara (chá) de nozes picadas
2 colheres (sopa) de azeite de oliva
Meia cebola média picada
1 e meia xícara (chá) de Arroz Reserva Especial Camil
1 e meia xícara (chá) de champanhe
1 colher (chá) de sal
2 xícaras (chá) de água fervente
Folhas de tomilho fresco a gosto

Modo de preparo:
Em uma panela, em fogo médio adicione a manteiga e doure as nozes rapidamente. Retire da panela e reserve. Na mesma panela, aqueça o azeite em fogo médio e refogue a cebola até dourar levemente. Adicione o Arroz Reserva Camil e refogue por alguns minutos, acrescente o champanhe, o sal e a água fervente. Tampe parcialmente a panela e cozinhe em fogo médio por 10 a 15 minutos ou até o liquido secar e os grãos estarem cozidos. Desligue o fogo, tampe a panela e reserve por 5 minutos. Solte delicadamente o arroz com um garfo e misture as nozes reservada, adicione o tomilho e sirva em seguida.

Rendimento: 6 porções
Tempo de preparo: 25 minutos

Fonte: Camil