Arquivo da tag: vinho

Espumantes brasileiros ganham medalhas em concurso na França

Ponto Nero leva duas medalhas de ouro no Challenge International du Vin; Famiglia Valduga foi a única empresa brasileira a receber medalhas de ouro na competição

Dois espumantes da marca Ponto Nero — Blanc de Blancs e Rosé de Noir — conquistaram medalha de ouro no concurso Challenge International du Vin, em Bordeaux, a maior competição de vinho da França e uma das mais importantes do mundo. Mais de quatro mil rótulos, provenientes de 37 países, foram avaliados por cerca de 700 degustadores.

O Challenge International du Vin é a mais antiga competição internacional de vinhos e atesta a capacidade, inovação e qualidade dos produtos degustados. O concurso, que é dedicado a todos os apaixonados por vinhos possui a certificação ISO 9001, que garante a confiabilidade e organização técnica do evento.

“Ganhar duas medalhas de ouro em um concurso importante como o Challenge International du Vin, atesta ainda mais a qualidade dos nossos espumantes. É um reconhecimento junto aos especialistas que compõem o júri. Sentimos muito orgulho por essa conquista na França, o berço do Champagne, onde fomos avaliados às cegas pelos maiores experts do setor”, comemora Jones Valduga, diretor da Domno Importadora. Jones reitera ainda que a Famiglia Valduga foi a única empresa brasileira a receber medalhas de ouro na competição.

Sobre os espumantes vencedores:

Ponto-Nero-Brut-Blanc-De-Blancs_316_detalhe.png

Espumante Brut da variedade Chardonnay, o Blanc de Blancs possui notas de abacaxi e frutas tropicais de polpa branca, que dão ao paladar a sensação de frescor e equilíbrio. A bebida possui coloração cristalina com reflexos esverdeados e perlage delicado. O espumante acompanha perfeitamente pratos da culinária japonesa, pescados, frutos do mar, e saladas.

Ponto-Nero-Brut-Rose-De-Noir-Conceptual-Edition_410_detalhe

Já o Rosé de Noir, elaborado em quantidade limitada, é um espumante Brut Rosé 100% Pinot Noir — um presente exclusivo e elegante para o público. A delicadeza do Pinot Noir combinada com os 18 meses de autólise resulta em um espumante incrivelmente complexo, com notas de cereja, pêssego e damasco, envoltas por delicadas nuances de brioche. A elegância também é sentida no paladar, que aliada ao frescor do rosé, confere à bebida uma textura cremosa, proveniente de sua maturação, resultando em um final de boca fresco e frutado. A coloração rosada é acompanhada por um perlage fino e consistente, culminando em uma generosa coroa de espuma.

Os espumantes Ponto Nero Blanc de Blancs e Ponto Nero Rosé de Noir estão disponíveis nas principais lojas especializadas em todo o país ou pelo e-commerce.

abrigitte combina vinho rosé e toranja de lichia

Recém-chegada no Rio de Janeiro, a abrigitte já conquistou os cariocas e prepara expansão para o resto do país. Bebida francesa composta por uma sofisticada combinação de vinho rosé e aroma natural de toranja de lichia, é leve e refrescante, com tonalidade clara e coloração cristalina, perfeita para o consumo com duas pedras de gelo e ótima para drinques.

A abrigitte nasceu no sul da França, desenvolvida na região de Languedoc Roussillon, em Montpellier, uma das áreas mais importantes de vinícolas francesas, em 2013. Já em 2016 desembarcou no Rio para preencher um espaço que faltava nas cartas de vinhos da cidade. abrigitte tem em sua composição 75% de vinho rosé e 25% de aromas naturais extraídos de frutas frescas.

abrigitte

Com fermentação tradicional a frio, seu teor alcoólico é de 8,5% vol. A garrafa transparente de 750 ml traz o selo de qualidade Sud de France. “A leveza é um dos grandes diferenciais de abrigitte. Acreditamos que por conta disso ela venha conquistando tanto os cariocas, pois combina com o clima e lifestyle”, completa Leonardo Pazzini, o sócio carioca da 2gether group, detentora da marca no Brasil e EUA. A empresa ainda é comandada pelos franceses Laetitia Castaldo e Maxime Georges.

Hoje abrigitte já pode ser encontrada em diversos pontos do Rio de Janeiro, como, por exemplo, nos badalados Stuzzi, Yndú Lounge, Vendita e Deli Gil Delicatessen, no Leblon, Montenegro Carnes Especiais, em Ipanema, La Suite, no Joá, Skipper, Leblon e Barra da Tijuca, e em breve nos principais quiosques da Orla Rio. Em Búzios, no Silk Beach Club, Insólito Boutique, Brava Club e Casas Brancas Hotel, entre outros.

Com estilo típico dos rosés do Sul da França, abrigitte completa o paladar equilibrado, leve, com boa acidez e notas frutadas. “Se adéqua facilmente à gastronomia tropical e é perfeitamente harmonizada com peixes, frutos do mar, saladas, grelhados e culinária japonesa”, conta Laetitia, em português, pois escolheu o Rio para morar e já está íntima da língua.

abrigitte_garrafa_Divulgaçao

Para o próximo ano, o plano de negócios da 2gether group é expandir a venda da bebida em outros estados do Brasil e, em seguida, investir no comércio dos Estados Unidos.

Informações: abrigitte

Piselli oferece menu exclusivo para o Dia dos Pais

Durante o dia, quem pedir um Vinho Terrazas Malbec, ganhará um lindo brinde da marca

No dia 13 de agosto, domingo, será celebrado o dia dos Pais e, pensando neste momento ‘pais e filhos’, o restauranteur Juscelino Pereira e o Chef Carlos Vesentini para montar uma sugestão especial para a celebração desta data.

Sendo assim, durante todo o dia, quem optar pelo Piselli Jardins, terá um delicioso Capretto ao Forno – cabrito assado lentamente no forno a lenha, servido com batatas douradas e brócolis (R$ 85,00).

capreto

Já para o Piselli SUD, no Shopping Iguatemi, Vesentini sugere a deliciosa Spalla D’agnello Con Purea di Cece – Paleta de cordeiro, molho do próprio assado, toque de hortelã e purê de grão de bico (R$ 99,00).

spalla

Os pais que, durante o almoço ou jantar, pedirem o vinho Terrazas Malbec, receberão como cortesia meia garrafa para levar para casa.

terrazas-de-los-andes-reserva-malbec-mendoza-argentina-10623228

Piselli Sud – Endereço: Shopping Iguatemi – Av. Brig. Faria Lima, 2232 – Jardim Paulistano, São Paulo
Piselli Jardins Endereço – Rua Padre João Manuel, 1.253, Jardins, São Paulo

 

Fuentes Restaurante presenteará as reservas no Dia dos Pais

Fundado nos anos 1950, o Fuentes Restaurante irá presentear com uma garrafa de vinho todas as reservas que consumirem a especialidade da casa, a tradicional Paella (Valenciana ou Marinheira) no Dia dos Pais.

Localizado no centro de São Paulo, o ambiente extenso e aconchegante com capacidade para até 150 pessoas, é conhecido por seus pratos fartos que reproduz a típica gastronomia e cultura espanhola, uma ótima opção para ir com a família e amigos.

Essa culinária que teve a influência de temperos e iguarias de outros países, possui uma grande variedade de cores e aromas em cada prato, que chamam a atenção dos paladares mais aguçados. Os frutos do mar que também se destacam nas receitas, com diversas opções no cardápio e preparados na hora, servem até quatro pessoas.

vinho fuentes

Fuentes Restaurante – Rua do Seminário, 149 – Centro. As reservas para o almoço de Dia dos Pais (13 de agosto) podem ser realizadas pelo telefone: 11 3228-1680. 

Le Délice oferece caixa com mix de doces e vinho tinto para o Dia dos Pais

A Le Délice Doces Especiais, localizada em Moema, oferece duas opções deliciosas e carinhosas para presentear os pais no dia 13 de agosto, próximo domingo. O destaque é a caixa personalizada com 16 doces sortidos (R$110,00), a escolher, que encanta no visual e agrada mais ainda no sabor.

O mimo leva o nome do pai impresso na tampa, além de uma foto e uma mensagem especial redigida pelo filho na parte interna (detalhe: a encomenda deve ser feita com antecedência, com disponibilidade sob consulta). O resultado é um presente delicado e inesquecível.

chocolatechocolate2

Outra sugestão é a caixa com 14 doces sortidos harmonizados com uma garrafa de vinho chileno Álamo 2015 (375ml), da vinícola Catena Zapata (R$ 180,00). A caixa também pode ser personalizada com o nome do presenteado impresso na tampa. Os sabores podem ser escolhidos dentre uma grande variedade. Entre as sugestões há o vasinho belga praliné crocante; a trufa ao leite belga; o coração rendado belga com Nutella e, ainda, a trufa de framboesa.

chocolate3

Le Délice – Av. Agami, 236, Moema, Zona Sul de São Paulo. Horário de funcionamento: de segunda a sexta, das 10h às 18h; aos sábados, das 9h às 13h – Loja virtual, clique aqui.

 

Dia dos Pais: Pátio Higienópolis tem Festival de Vinhos e muitas opções de presente

Além da decoração de Vic Meirelles em todas as entradas, o shopping programou um Festival de Vinhos entre os dias 9 e 11 de agosto, com mais de 80 rótulos de 16 importadoras. No Festival, poderão ser apreciados vinhos brancos, tintos, rosés e espumantes de todos os continentes (Europa, América Latina, Nova Zelândia, África e América do Norte), cujos preços podem variar de R$ 100,00 a R$ 500,00 a garrafa.

Os ingressos para a degustação custam R$ 100,00 por pessoa, para um único dia – e o valor pode ser utilizado como crédito para a compra dos vinhos escolhidos na Emporium Dinis, onde os ingressos já estão à venda. O vinho é tema também de ações especiais em restaurantes do Pátio Higienópolis (até 13 de agosto), que terão cardápios harmonizados ou promoções especiais com o tema. Entre os confirmados estão Forneria San Paolo, MoDi, Santo Grão e P.F. Chang´s.

Confira algumas sugestões de presentes

Blue Bird Shoes

 

Burberry

Chocolat Du Jour

Ciao Mao

Ferri

H. Stern

Hector Albertazzi

Imaginarium

 

Intimissimi

Lindt

 

Track&Field

 

Vivara

 

Informações: Shopping Pátio Higienópolis

Verd & Co. tem programação semanal com várias promoções

Com o objetivo de desmistificar a ideia de que a alimentação saudável nem sempre é saborosa, o Verd & Co., restaurante curitibano especializado em comida saudável e criativa, não só oferece um cardápio completo com opções que vão desde sucos prensados a frio, a pizzas e hambúrgueres saudáveis, como trabalha também promoções diárias, para quem preza por uma boa alimentação e preço justo.

Foto: Priscilla Fiedler

Agora, de segunda a sábado, o restaurante conta com promoções especiais para seus clientes. No almoço, a casa oferece o “Prato Barateza”, que custa R$ 21,00. A opção leva frango grelhado, arroz, feijão, farofa de banana e ovo estalado no forno. Durante os jantares de segunda-feira, servidos das 18h às 22h30, os pratos são em dobro. Quem pedir um prato personalizado da opção “Monte Sua Refeição” ganha o segundo igual.

Já nas terças-feiras, é dia de combo “Sopa&Sobremesa” no jantar. Duas sopas do menu acompanhadas por duas sobremesas custam R$ 40,00.

Verd&Co

Nas noites de quarta-feira, os amantes de pizzas podem aproveitar uma promoção especial, que dá 50% de desconto na compra da bebida que acompanha o tradicional preparo.

Verd&Co

Nos jantares de quinta, pedindo dois pratos iguais no “Monte Sua Refeição” o segundo sai pela metade do preço. Para fechar a semana de promoções, o happy hour do Verd & Co., tem 20% de desconto em todos os rótulos de cervejas sem glúten e vinhos nas noites de sexta e sábado.

Foto: Priscilla Fiedler

Fotos: Priscilla Fiedler

Verd & Co. – Rua Coronel Dulcídio nº 588, no bairro Batel, e funciona de segunda a sábado, das 11h30 às 23h. Conta com disk entrega

Cinco curiosidades sobre o vinho Reservado

Entenda o conceito da bebida e quais são seus diferenciais

Cada vez mais o vinho faz parte do cotidiano, sendo consumido por pessoas de todas as idades, perfis e em qualquer situação. Vinhos Reservados, como o da Concha y Toro, por serem agradáveis ao paladar, são altamente consumidos pelos brasileiros. Mas por mais que o vinho tenha se popularizado, muitas dúvidas ainda perseguem os consumidores.

Afinal, o vinho chama-se reserva ou reservado? O produto tem alguma uva específica? Para desmistificar o consumo da bebida e entender melhor esses pontos, Paulo Amalfi, gerente de marketing de Reservado Concha y Toro, lista as cinco principais curiosidades do vinho.

1. O vinho Reservado e Reserva são o mesmo produto?

vinho barrica bruno scherer
Foto: Bruno Scherer

São diferentes. O termo “reserva” indica que o vinho passou por um período de envelhecimento. Quando se fala do portfólio Concha y Toro, os reservas passam oito meses em barricas de carvalho. Já o “reservado” não passa por esse envelhecimento. Por conta disso, os vinhos desta nomenclatura possuem caráter mais jovem e frutado. São fáceis de beber em qualquer ocasião.

2. Vinho Reservado tem uva específica?

Grapes and Wine Glasses on Red Background
Foto: FreeFoodPhotos

Para ser um vinho denominado varietal (como é o caso do Reservado Concha y Toro), ele precisa ser feito exclusivamente com uma única variedade de uva. As uvas das cepas Cabernet Sauvignon, Carmenère, Sauvignon Blanc e Merlot são originárias do Valle Central, região de onde saem os melhores vinhos chilenos. Já a uva Malbec é produzida na região de Mendoza, conhecida mundialmente pelos Malbecs que produz. Por último, a uva Zinfandel, que dá origem ao vinho White Zindanfel, é produzida na Califórnia (EUA).

3. Qual é o processo de produção de um vinho Reservado?

uvas-famosas-vinho
As uvas de Reservado são colhidas manualmente e mecanicamente (dependendo da cepa) durante os meses de março a abril, conforme maturação. Após esse processo, as uvas passam pela maceração e são encaminhadas para toneis de aço inoxidável, onde sofrem fermentação de dois a cinco meses, dependendo da uva e condições. Após o processo de fermentação, os vinhos são encaminhados ao processo de envasamento.

4. Por que o vinho Reservado é mais barato?

vinho-tributos-consumo
O vinho Reservado é produzido em larga escala. Por esse motivo, ele garante ganhos no custo de produção das uvas, embalagens e transporte. Possuindo, assim, um preço mais competitivo comparado aos demais produtos.

5. O vinho Reservado possui uma qualidade inferior?

Red wine and viticulture
Foto: FreeFoodPhotos

Não. Os vinhos devem ser comparados com marcas da mesma categoria no mercado. Reservado tem uma ótima relação custo-benefício e é considerado um grande vinho na sua categoria.

concha.jpg

No Brasil, os vinhos Reservado Concha y Toro são encontrados nas maiores redes varejistas do país e, também no e-commerce da marca. Reservado Concha y Toro é a marca de vinhos importados mais vendida no Brasil pelo segundo ano consecutivo, segundo a ABRAS (Associação Brasileira de Supermercados).

 

Vinícola Góes e Agroverde promovem “Um Domingo Bom para Cachorro”

Durante a programação do Festival de Inverno, os cães têm um dia exclusivo

Mais uma vez nosso companheiro terá um espaço exclusivo dentro deste importante evento da Vinícola Góes. No dia 23 de julho, domingo, acontece “Um Domingo Bom para Cachorro”. Neste dia os tutores e pet friendly podem passear com seus pets na sede da vinícola, em São Roque, para desfrutar de uma manhã muito especial.

cachorro vinicola

O evento inicia com super show de cães da Total Alimentos, às 10 horas. Logo após, o complexo turístico Góes torna-se cenário de muitas fotos durante o desfile de cães com seus donos. Além disso, os participantes concorrerão a prêmios nos concursos: o maior e o menor cão, o mais parecido com o dono, o mais fashion e o mais exótico.

cachorros vinicola

O evento é uma parceria da Agroverde, Total Alimentos e Vinícola Góes. Lembrando que o complexo turístico da vinícola tem uma paisagem exuberante, ideal para registro de momentos especiais com seu animal de estimação. Venha participar e desfrutar deste dia mais que especial com seu parceiro favorito.

vinicola goes.jpg

Informações: Facebook

Saiba como harmonizar o vinho com pratos típicos do inverno

Especialista em harmonização, o sommelier Rodrigo Bertin ensina de forma simples como acertar na combinação

Inverno é tempo de ir pra cozinha preparar os pratos quentinhos e típicos dessa estação. E não tem bebida melhor pra combinar do que o vinho. E justamente para te ajudar a harmonizar sem frescura, que o especialista em harmonizações e sommelier Rodrigo Bertin  traz dicas de vinhos que casam perfeitamente com quatro pratos que não podem faltam nos invernos brasileiros.

Pipoca: pipoca, por ser feita em óleo ou manteiga, possui uma leve gordura que deixa nossa boca oleosa. Por isso, necessita um vinho com acidez para “limpar”. Outro elemento presente na pipoca é o sal, assim devemos tomar um certo cuidado, pois ele faz com que os vinhos encorpados fiquem com sensação mais forte na nossa boca. Portanto, a melhor opção seria um vinho mais jovem, com acidez alta e pouco encorpado, como um tinto leve como a pinot noir ou então um branco não muito aromático, como o Chardonnay, por exemplo.

Massas: O que manda nas harmonizações com massas são os molhos, se você se atentar a isso não terá dificuldades. Molhos mais fortes e gordurosos pedem vinhos mais potentes (na maioria dos casos use o tinto), já molhos mais leves e delicados combinam com vinhos igualmente leves (tintos leves ou brancos). Não se esqueça que o molho de tomate contém acidez alta e o vinho ideal neste caso deve também conter acidez equiparada. Por isso opte sempre por um vinho mais jovem de safras mais recentes.

Feijoada: Esse prato é um dos mais difíceis de harmonizar pela complexidade de elementos presente na feijoada, mas é possível sim. Temos o gosto forte do feijão e das carnes, o ácido do vinagrete e da laranja e os acompanhamentos mais básicos como o arroz e a farofa. Para “conversar” bem com tudo isso, utilizamos um espumante brut que se dá muito bem pois limpa a gordura com as borbulhas, equipara a sua acidez com a do prato e não atropela o sabor das bases, pois é bem leve. Tente essa harmonização, pois além de muito saborosa vai ajudar você na digestão do prato.

Fondue: esse é outro prato que muda muito a opção ideal de acordo com a diversidade do fondue. Fundue de queijo contém gordura que precisa de acidez e não combinaria com um vinho de muita potência, pois não é tão pesado. Portanto uma boa dica é o vinho branco mais elaborado (como o Chardonnay) ou um tinto leve (Merlot). Fondue de carne precisa de um tinto mais encorpado (como Cabernet Sauvignon) e se for a carne com caldo de legumes, pode ser um tinto mais leve (Carmenère). Já o Fondue de chocolate não tem erro, basta pegar um vinho também doce, como vinho do porto, espumante moscatel e colheita tardia. Se você for fazer uma sequência de Fondue com os três tipos de uma vez, ou você vai trocando o vinho a cada etapa ou pega um vinho coringa que possa se “adaptar” a todas essas variações como um tinto leve e bem frutado ou um espumante semi seco.