Arquivo da tag: comportamento

Senhor limpeza elenca 11 dicas para começar 2018 com o pé direito

Com o ano novo, a necessidade de renovação também fica ainda mais evidente. Não é de agora que fazer uma faxina especial está entre os mandamentos para iniciar o período renovado. E pensando nisso, o diretor executivo da JAN PRO e fundador da Limpeza com Zelo, Renato Ticoulat, também conhecido como o “senhor limpeza”, dá dicas de como dar um verdadeiro up no seu lar e deixar a casa renovada para 2018. Confira:

limpeza_banheiro_com_limpaza_a_vapor_solucoes_de_limpeza_karcher
Foto: Karcher

1 – Lembre-se que é provável que você não consiga fazer tudo em um único dia, se possível, reserve mais tempo para que a limpeza seja efetiva e você não perca a paciência, é um processo que começa lento e vai acelerando conforme é possível visualizar o resultado! Separe as coisas úteis das que pretende descartar, depois disso é que deve dar início ao processo de organização;

anotar

2 – Divida as tarefas e coloque-as em uma lista, imagine como gostaria que seus pertencem estejam, compare com os ambientes que admira, anote o que precisa fazer separando as atividades. Assim você não esquece nenhum detalhe e pode se preocupar com outras coisas;

mulher limpeza tapete

3 – Comece sempre do ponto mais distante da porta de saída da sujeira, por exemplo, pelos cômodos mais distantes da porta de entrada, geralmente os quartos e banheiros, passando pela sala e cozinha. Sempre varra a sujeira no sentido da saída. Aspiradores são essenciais para tirar a poeira superficial eliminar os ácaros e outros “bichinhos” prejudiciais à saúde humana, tanto em pisos forrados de carpete como nos rígidos (cerâmica, madeira). O aspirador deve ser usado também em sofás, cadeiras, almofadas, cobertores e mantas;

caixa mudança pixabay

4 – Roupas, acessórios e itens de cozinha que você quer se desfazer não precisam ser jogados no lixo, outras pessoas podem utilizar. Separe tudo em sacolas ou caixas e doe para quem precisa;

tok14
Tok&Stok

5 – Gavetas organizadas é um bom começo – facilita muito! Deixe apenas o que realmente utiliza diariamente e os demais itens separados em outros locais de acordo com a necessidade ou utilidade. Lembre-se da máxima: menos é mais;

travesseiro

6 – O seu travesseiro está velhinho? Se a resposta for sim, já está na hora de trocá-lo. Crie uma rotina, a mudança deve acontecer a cada 6 meses. Com o passar do tempo ele acumula micro-organismos que são extremamente nocivos à saúde humana. Outra dica para o dia a dia é não arrumar a cama assim que acorda, durante a noite perdemos mais de 1 litro de água, e o ambiente úmido aumenta a proliferação destas bactérias;

tok_stok___pote_hermetico_1_9l_com_2_dia_de_gula_web_

7- Potes plásticos sem tampa, manchados ou rachados devem ser jogados fora.

_varal_chao_aco_79x42cm_mor

8 – Varal despencando, pano de chão aos trapos, prendedores quebrados, se livre de tudo. Não lave pano de chão com água sanitária ou similares, estes produtos são desinfetantes e não limpadores, corroem o tecido e acabam com sua vida útil. Use em vez de panos de algodão, panos de microfibra, são mais absorventes, bactericidas, e podem ser lavados até 540 vezes, enquanto os de algodão aguentam apenas 11 lavagens. Não acumule o que não tem conserto ou o que você não terá tempo de arrumar;

Beauty products

9 – Aquele batom ou esmalte que você adora, mas está no finalzinho e já passou da data de validade? Remédios pela metade, não guarde. Produtos de beleza e higiene podem causar sérios danos como alergia, micoses e problemas de pele por estarem fora do prazo;

quadros parede

10 – Enfeites, quadros, copos, roupa de cama, se possível renove-os. Um ano novo precisa de itens novos;

limpeza zero

11 – Agora mãos à obra para a faxina. Com tudo organizado está na hora de limpar a casa e se livrar de todo o pó e sujeira acumulada. Começar 2018 com o pé direito não tem preço!

Fonte: Renato Ticoulat é diretor executivo da JAN PRO e fundador da Limpeza com Zelo

 

 

 

Anúncios

Como os brinquedos ajudam no desenvolvimento dos animais

Desenvolvimento físico e intelectual, socialização entre pets e tutor, melhora da atenção e redução de quadros de ansiedade e depressão são benefícios atribuídos aos brinquedos para animais

Você sabe qual é o brinquedo ideal para o seu animal de estimação? As melhores opções são aquelas que levam em conta quem é o pet: seu comportamento, idade, condições de saúde, se convive só ou tem irmãos de pelo e necessidades. Brinquedos e brincadeiras são responsáveis pelo desenvolvimento físico e intelectual, socialização entre animais e o próprio dono, redução de quadros de ansiedade e depressão e melhora da atenção.

Ciente de que a interação com os amigos peludos ultrapassa o simples ato de jogar bolinha e esperar que eles a tragam de volta, o médico veterinário Marco Antonio Chiara Berti e a americana Ila Franco, fundadora da Aila (Aliança Internacional do Animal), ensinam caminhos que levam à diversão inteligente e prazerosa.

Para que servem os brinquedos? A funcionalidade deles vai além do entretenimento. Na parte motora, por exemplo, ajudam no crescimento dos músculos, ossos e na lubrificação das articulações dos filhotes. Quando o assunto é a cognição, os brinquedos têm papel decisivo na evolução intelectual dos animais, assim como acontece com as crianças.

Os bichinhos passam a responder aos estímulos externos e chegam a fazer associações de sons com imagens. Outros benefícios são prevenir e reduzir a depressão, aliviar o estresse, melhorar a atenção e facilitar a socialização do pet com os donos e com outros animais.

Idade e diversão

filhotes cachorro e gato

Os filhotes estão naquela fase divertida de explorar o mundo. Por isso, roem, pulam, correm, rosnam, mordem, atacam as coisas que estão no chão e fazem aquela bagunça que a gente ama.

“Eles precisam de alternativas macias e com sons suaves. Os educativos são perfeitos para os adultos. Idosos se dão bem com os de pelúcia, de tamanho grande e com som suave”, detalha Ila Franco. Ao saberem que alguém brincará com eles todos os dias, os animais tendem a ficar menos ansiosos e, de quebra, abandonam o hábito de roer e destruir objetos dentro de casa, o que é uma maravilha, certo?

Todo cuidado é pouco

cachorro-grama-brincando

Quer evitar que os cães grandes engulam algo que cause uma tragédia? Evite dar brinquedos pequenos a eles. Descarte os ossinhos de galinha, que podem causar intoxicação e levar à morte por asfixia. Os de couro de vaca são extremamente danosos à saúde dos cachorros”, orienta Ila Franco. Pelúcias com enchimento e alternativas moles e com apito dentro também não são recomendadas pelos especialistas, assim como os brinquedos específicos para crianças.

Ginger cat, Benedict, 15 months old, playing with a mouse toy
Warren Photographic

Os felinos não devem receber opções com fitas, bolinhas, penas e enchimento de pelúcia. Também evite os brinquedos feitos com materiais que se quebram facilmente, soltam pedaços pontiagudos e podem machucar ou levar a óbito.

Rodízio

cachorro com brinquedo

Os cachorros, assim como as crianças, enjoam de brincar com os mesmos objetos. Se o seu amigão deixou aquele brinquedo que ele amava de lado, guarde-o e dê um que ele não conhece. Depois de um tempo, ele receberá o objeto que estava guardado como se fosse uma novidade. Vale usar a criatividade e montar distrações com garrafas pet, cordas resistentes e bolas macias, sempre prestando atenção à segurança dessas invenções.

Dê olho no comportamento

Sable-and-white Border Collie Lark, catching a Frisbee
Warren Photographic

Animais com energia acumulada tendem a ficar agitados. Se for o caso do seu pet, ofereça a ele brinquedos que o façam correr e pular. Que tal se exercitar com o amigão jogando bola e disco frisbee? Os peludinhos pacatos adoram entretenimento com pouco esforço físico. “Cães e gatos têm necessidade de explorar os espaços com a boca e com o olfato. Por isso, cheiram e mordem ‘o mundo’ à sua volta”, alerta Berti. Para eles, brincar também está ligado à aprendizagem.

Alimentos de brincar

pet-ball

Transformar a hora das refeições em brincadeira é ótima pedida para o pet. Você pode elaborar um desafio escondendo a comida ou dificultando o acesso a ela (em um espaço de tempo que não deixe o bichinho ansioso ou com fome). Assim, ele tem comida, entretenimento e diminuição da ansiedade, principalmente quando passa boa parte do dia sozinho. Bolas conhecidas como porta-ração têm furos para liberar a comida à medida em que os cães as movimentam são feitas com esse objetivo. Então, adquira um que se encaixe ao perfil do seu amigão e boa diversão.
Brinquedo para dois ou mais

cachorros brinquedo brincando pixabay

Tem mais de um animal em casa? Então, dê um brinquedo para cada um. A atitude não impede que eles brinquem com o mesmo brinquedo, é claro. Outra boa ideia é amarrar brinquedos em pontos fixos separados para que um pet não se aposse do objeto do outro.

Boa ação

Ciente de todos os benefícios que os brinquedos trazem aos animais, que tal presentear os pets que vivem em abrigos? Quando chegam à Aila é de praxe cães e gatos ficarem ansiosos. É aqui que o respeito dos profissionais e o uso de brinquedos ajudam a acalmá-los, criando laços de afeto e confiança.

gato cachorro brinquedo eskimokettu pixabay
Foto: Eskimokettu/Pixabay

“Oferecemos brinquedos que sirvam a propósitos diferentes: carregar, chacoalhar, rolar e confortar. Cada pet acolhido recebe, no mínimo, um tipo dessas quatro alternativas”, explica Ila. Bolas macias de borracha, bichos de pelúcia e os educativos, como os pratos de comer giratório para treinar cães e gatos a comerem mais devagar, são essenciais para os pets da organização.

Fonte: Aila (Aliança Internacional do Animal)

 

 

Como as resoluções de ano novo podem ser materializadas

Um novo ano chegou e com ele as listas de resoluções e promessas. Muitos decidem que vão mudar de emprego, estudar, começar um namoro e uma enumeração infinita de objetivos que, na maioria das vezes acabam não sendo realizados. O coach Daniel Lustig, da consultoria Mind Factory, nos explica porque muitas vezes não cumprimos o que prometemos para nosso próprio desenvolvimento pessoal e dá dicas de como evitar que isso a aconteça em 2018.

“As razões para desistirmos de nossos planos de mudança são as mais variadas, como a falta de organização ou a fuga dos obstáculos, no entanto, na maioria das vezes, nem nos damos a oportunidade de começar e de estarmos dispostos a mudar”, explica Lustig.

“Para ajudar que, em 2018, seja diferente e que as pessoas possam realmente fazer a diferença em sua jornada, basta estar atento a alguns passos que podem ser seguidos na busca de qualquer objetivo, em qualquer área da vida”, alerta o executivo que criou a Mind Factory.

1. Desejo verdadeiro de mudança

O primeiro passo para um ano de realizações é estar realmente disposto a mudar. Ter consciência dos desafios que virão e das coisas que terá que abrir mão. Você já consegue afirmar com toda a certeza que está pronto para as mudanças? Qual o tamanho da sua vontade? Por exemplo, se nos seus planos está o trabalho em uma outra cidade, isso vai demandar uma mudança de casa, afastar-se da família e amigos. Isso é realmente viável para você? Como e onde vai começar a procurar por esse emprego? Se tiver estas respostas, você está preparado para a próxima etapa.

2. Defina quais são suas metas e objetivos

indecisao-mulher-duvida

Em primeiro lugar, é necessário entender a diferença entre uma meta e um objetivo. Por exemplo, quando você decide que no próximo ano vai perder peso e se dedicar a uma vida mais saudável. Este é o seu objetivo, e para alcançá-lo precisa definir alguns passos, como iniciar uma dieta, procurar um nutricionista, entrar para uma academia, etc. Estas serão as suas metas. Esclarecida essa diferença, vai ser de grande ajuda se você colocar no papel quais são os seus objetivos e depois definir para cada um deles quais são as metas. Não pular etapas é um dos segredos para que seus sonhos sejam possíveis de serem realizados.

3. Saiba quais são e planeje seus recursos

Bills in paper nail with hand calculating

O que será necessário para a realização de suas metas? Por exemplo, se você pretende realizar um curso de idiomas ou uma pós-graduação, vai precisar de dinheiro para as mensalidades ou pleitear uma bolsa de estudos. No entanto, é importante destacar que nem sempre se trata de dinheiro. Para mudar de emprego, por exemplo, seus recursos seriam aqueles contatos que poderiam fazer uma indicação ou até mesmo a sua experiência acumulada que vai qualificá-lo para uma possível vaga.

4. Libere: espaço em sua mente e coisas materiais

caixa mudança pixabay.png

Ao iniciar um novo ano é fortemente aconselhável uma avaliação para mapear se você realmente precisa de tudo aquilo que acumula, sejam bens materiais ou ideias e pensamentos. Isso tudo lhe é útil? Isso tudo vai te ajudar ou atrapalhar na realização de suas metas e objetivos. Abra espaço em sua casa e em sua mente para as coisas novas que virão.

5. Esteja preparado para enfrentar os desafios

mulher insonia sono horario de verao

Tenha consciência que uma jornada de realização de suas metas e objetivos virá acompanhadas de obstáculos. Estar preparado para eles é uma grande arma para evitar que você desista. Desafios como o medo, a preguiça ou até mesmo a falta de dinheiro serão enfrentados com mais força quando se está preparado e esperando por eles. Tenha sempre em mente que estar preparado para os desafios não é fazer com que eles desapareçam, e sim ter coragem e disposição para enfrentá-los. O sucesso vem da dedicação, trabalho e muitas e muitas tentativas.

6. Não tenha medo de errar

relogio triste tempo mulher

Não se preocupe em cometer erros, mas sim em corrigi-los. Quando existe um sonho, um objetivo a ser realizado, o processo de erros e acertos se torna algo desafiador e prazeroso, caso contrário caímos em atitudes sem vida e apagadas. Cada um desses passos vai te aproximar da realização de seus sonhos e 2017 será o verdadeiro ano da mudança em sua vida. “Gosto muito de uma citação do cineasta Woody Allen que diz ‘90% do sucesso se baseia em insistir’. Por isso, lembre-se que não desistir facilmente de seus planos já é um grande passo no caminho de suas realizações”, finaliza Daniel Lustig.

Fonte: Mind Factory

Saraiva divulga lista dos livros mais vendidos em 2017

A Saraiva apresenta a lista dos livros mais vendidos de 2017. O levantamento, feito de 1º de janeiro a 15 de dezembro, considerou os títulos comercializados nas mais de 100 lojas físicas da rede e e-commerce, e aponta também o ranking de obras importadas mais vendidas. Confira:

o poder da ação

1º) O Poder da Ação (Gente)
Autor: Paulo Vieira

2º) Minutos de Sabedoria (Vozes Editora)
Autor: Carlos Torres Pastorino

3º) Felipe Neto – A Trajetória de Um Dos Maiores Youtubers do Brasil (Ediouro)
Autor: Felipe Neto

4º) O Homem Mais Inteligente da História (Sextante)
Autor: Augusto Cury

por que fazemos.jpg

5º) Por Que Fazemos o Que Fazemos? (Planeta)
Autor: Mario Sergio Cortella

6º) Uma Breve História da Humanidade – Sapiens (L&PM)
Autor: Yuval Noah Harari

7º) Ansiedade – Como Enfrentar o Mal do Século – A Síndrome do Pensamento Acelerado… (Editora Saraiva)
Autor: Augusto Cury

8º) Origem (Arqueiro)
Autor: Dan Brown

proposito

9º) Propósito (Sextante)
Autor: Sri Prem Baba

10º) O Poder do Hábito – Por Que Fazemos o Que Fazemos na Vida e Nos Negócios (Objetiva)
Autor: Charles Duhigg

 

N.R. Fico triste ao ver que na lista há apenas dois romances e que a maioria é mesmo leitura de autoajuda. 

 

Atrizes usam preto no Globo De Ouro contra o assédio em Hollywood

Ontem à noite (7) foi realizada a cerimônia do Globo de Ouro em Los Angeles, abrindo a época de premiações, que tem seu auge na entrega do Oscar, que este ano será no dia 4 de março.

As celebridades vestiram preto, em apoio ao movimento Time´s Up, contra o assédio em Hollywood. Algumas atrizes, como Meryl Streep e Emma Watson, fizeram questão de irem acompanhadas por ativistas.

Ou seja, mais que premiar a arte, foi uma celebração política. O que é muito louvável, mas no quesito moda, foi uma noite sem surpresas e sem nenhum modelo que provocasse suspiros. Cheguei a ler no Tweeter um comentário que achei engraçado: “O Globo de Ouro deste ano parece o enterro de alguém muito rico”.

Selecionei fotos das mulheres que estão na faixa dos 50 anos, ou chegando lá, como Jennifer Aniston (48), Naomi Campbell (47) e Catherine Zeta-Jones (48). Já Ashley Judd, Debra Messing e Gillian Anderson farão 50 em breve. Aliás, Jennifer Aniston evitou o red carpet, dizem as más línguas, para não ter de cruzar com Angelina Jolie. Na foto, Jennifer está no palco, ao lado da veterana Carol Burnett.

Já Sharon Stone foi acompanhada do filho Roan Bronstein, de 13 anos. A atriz usou um longo assinado pelo estilista brasileiro Vitor Zerbinato. O belo vestido preto foi a escolha da estrela em prol da causa Time’s Up. Em crepe, trabalhado com tiras de cetim dublado costuradas a mão possui recortes triangulares e detalhes em tule na parte do busto, o vestido custa R$ 6.260,00 e está disponível sob encomenda.

Confira as imagens:

 

Todas as fotos GettyImages. Exceto a última, com Jennifer Aniston e Carol Burnett que é da AP-Associeted Press. 

DOGTV: primeiro canal desenvolvido especialmente para cães

Com programação exclusiva criada a partir de estudos científicos, canal estreou na SKY em outubro; Discovery também distribuirá o canal em outros países da América Latina

Existem mais de 600 milhões de cães de estimação no mundo, cerca de 52 milhões no Brasil, e o crescimento exponencial do mercado pet acompanha uma mudança relevante na relação entre humanos e animais: os donos nunca foram tão conscientes sobre os cuidados que contribuem para a saúde e bem-estar dos cães.

Alinhada aos novos hábitos, a Discovery Networks traz para o Brasil DOGTV – primeiro canal dedicado aos cães e desenvolvido especialmente para eles. DOGTV já está disponível para os assinantes da SKY, NET e Claro. Na Vivo TV a entrada está prevista para este início de ano. A Discovery distribuirá ainda o canal nos demais países da América Latina. O canal é oferecido à la carte, com contratação avulsa por R$ 19,90 mensais.

O canal DOGTV foi desenvolvido ao longo de três anos com o objetivo de relaxar e entreter os cachorros que ficam sozinhos em casa, espectadores com necessidades e interesses particulares. A análise de 68 estudos acadêmicos e o trabalho de quatro especialistas em comportamento canino orientaram o desenvolvimento do conteúdo exclusivo do canal, que traz cores, temas e escalas tonais – visuais e sonoras – atraentes para os cães. A sonoridade foi criada a partir de timbres, frequências e volumes agradáveis para os animais, e os elementos visuais respeitam as características fisiológicas próprias da visão canina.

dog tv.jpg

Música instrumental, balbucio de bebês, risadas infantis, paisagens naturais e outros cães em momentos de alegria e calma são algumas das sequências e temáticas componentes da programação, que conta com mais de dois mil títulos divididos em três gêneros: relaxamento, estímulo e exposição (situações do dia a dia). O canal conta até mesmo com uma equipe de compositores e instrumentistas, que criam as trilhas sonoras da programação de acordo com os princípios estudados.

“A DOGTV está orgulhosa de trabalhar com a Discovery para ampliar nossa oferta global, trazendo conteúdo estimulante e relaxante para os lares dos cachorros amados, em um dos países mais pet friendly do mundo”, disse Gilad Neumann, CEO da DOGTV.

“Estamos animados em unir forças com a Discovery para trazer a DOGTV a milhões de cachorros no Brasil”, disse Ron Levi, fundador e Chief Content Officer. “A grandiosidade do mercado pet no Brasil é empolgante, ficamos impressionados em ver como os brasileiros amam seus cachorros. Temos certeza que a DOGTV será uma ferramenta para proverem mais conforto e companhia para seus animais quando estão fora de casa”.

“A Discovery inova mais uma vez, trazendo ao Brasil um conteúdo presente em algumas das maiores plataformas do mundo, desenvolvido com todo o rigor científico, para ser parte da relação especial que as pessoas têm com seus animais”, disse Alessandra Pontes, VP de Afiliadas da Discovery Networks Brasil.

Sucesso global, o canal está disponível para mais de cinquenta milhões de assinantes em 12 países. Entre eles estão os Estados Unidos – onde é distribuído por duas das principais operadoras: Comcast e Directv – Coreia do Sul, Japão, Alemanha, Reino Unido, França e Portugal.

Os dados sobre o mercado pet no Brasil chamam a atenção para a realidade local: cerca de 44% dos lares têm um cachorro de estimação; por aqui há mais cães que crianças. O percentual de donos que afirmam que os cães são membros da família supera os 30%, e 29% os consideram as crianças da casa. Isso faz do Brasil o terceiro mercado pet do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e do Reino Unido, movimentando cerca de 20,7 bilhões de reais ao ano.

Os números ajudam a explicar a mudança nas relações entre humanos e seus cães. A saúde e bem-estar dos animais passou a ser uma preocupação de donos. Uma das descobertas relativamente recentes é a ansiedade extrema que a maioria dos cães desenvolve quando deixados sozinhos na casa, a chamada “síndrome da separação”.

A função da DOGTV é amenizar esse medo e a ansiedade, evitando comportamentos destrutivos. A Universidade Tufts, de Massachusetts, realizou um estudo comparativo entre canais de TV convencionais e a DOGTV, com base nas reações e preferências dos cães. A pesquisa foi conduzida em 38 apartamentos de Los Angeles e Nova York, com cães deixados sozinhos por seis horas e expostos a diferentes programas. Os resultados mostram que os cães assistiram à DOGTV mais do que qualquer outro canal, e que os programas de relaxamento da DOGTV foram eficientes para 70% da amostra.

A programação da DOGTV é recomendada pela The Humane Society of the United States e usa métodos aprovados pela American Veterinary Medical Association e pela American Society for the Prevention of Cruelty to Animals.

 

Enriquecimento ambiental e alimento adequado no controle de peso dos gatos

Alimento adequado, na quantidade certa, além do manejo ambiental ideal são fatores fundamentais para o controle do peso dos gatos

Controlar o peso dos gatos é uma tarefa difícil nos dias de hoje. Sair cada dia mais cedo de casa, voltar mais tarde e ter pouco tempo para se dedicar aos animais de estimação são exemplos da rotina dos tutores, que acabam deixando os gatos sozinhos a maior parte do tempo.

“Se deixarmos, os gatos passam a maior parte do tempo dormindo, podendo dormir até 19 horas por dia. Estimulá-los com diferentes tipos de brinquedos, como bolinhas com guizo, varinhas com penas, arranhadores, além de oferecer locais como esconderijos e prateleiras, é fundamental para incentivar a atividade física” afirma médica veterinária Sandra Nogueira, da Hill’s Pet Nutrition.

gato-pretinho

Existem dois tipos de enriquecimento ambiental: vertical e estrutural. O vertical estimula a habilidade natural dos felinos de pular, saltar e escalar podendo ser feito através de prateleiras, arranhadores, escadas ou até mesmo deixando objetos no alto para estimular a curiosidade, pois sabemos que os gatos são animais curiosos e que adoram uma novidade.

Blue-tortoiseshell Cornish Rex cat, Faberge, reaching for a toy
Warren Photographic

O enriquecimento estrutural pode ser feito por meio da colocação de esconderijos, caminhas, brinquedos, arranhadores e até mesmo caixas de papelão. Brinquedos como, bolinhas com guizo, de papel, de plástico, de diferentes cores e tamanhos também são exemplos de enriquecimentos estruturais e colaboram para aguçar o lado caçador dos felinos. O ideal é misturar os dois tipos de enriquecimento deixando o ambiente mais interessante.

O proprietário deverá ser encorajado a conhecer o estilo e preferências do gato e saber quais são os brinquedos/estratégias para incentivar a atividade física do seu animal.

Para garantir o controle de peso dos gatos somente exercícios não é suficiente. Um alimento adequado para a fase ou estilo de vida também é importante. Segundo Sandra, “garantir que os gatos recebam o alimento adequado, na quantidade ideal, recomendada pelo médico-veterinário ou pelo guia de alimentação na embalagem é fundamental para a saúde dos animais”.

Muitos tutores optam por deixar o alimento durante o dia todo a disposição, o que é correto para os felinos, porém, o alimento deverá ser oferecido na quantidade indicada. Sandra afirma que “muitos deixam o comedouro cheio de alimento não se atentando à quantidade oferecida”.

gato_obeso_2016718113740

Gatos com sobrepeso são comumente vistos nas clínicas veterinárias, portanto é papel do proprietário controlar o peso do seu animal juntamente com o Médico-Veterinário. Segundo Sandra um “alimento adequado, na quantidade correta e o estímulo da atividade física com o enriquecimento ambiental é suficiente para controlar o peso dos gatos”.

Fonte: Hill’s Pets Nutrition

Joinville ganha primeiro parque para cães

A área de lazer da Expoville ganhou o primeiro parque para cães da cidade catarinense de Joinville: o Parcão DalPet. Com cerca de 350m² de área para cães e espaço para ampliação, o local funcionará diariamente das 8 às 19 horas com entrada gratuita a todos os visitantes da Expoville .

O Parcão conta com brinquedos, lixeiras, bebedouros e bancos para os responsáveis descansarem enquanto os animais se divertem. Os brinquedos foram projetados para que os animais de estimação possam se divertir e praticar exercícios, em gangorras, rampas, obstáculos com distância e salto com pneus. Possui ainda área para exposição de produtos para animais e outros eventos do gênero.

expoville

“Nosso objetivo é proporcionar um atrativo aos visitantes da Expoville junto aos seus animais de estimação. Além disso, os brinquedos incentivam à prática de exercícios que contribuem para a qualidade de vida dos cães além da socialização com outros animais”, explica o idealizador do projeto e engenheiro da Expoville Carlos Gayoso de Oliveira.

“Nós da DalPet trabalhamos para oferecer bem-estar aos animais. O Parcão é mais uma grande realização que atende às famílias que amam seus animais de estimação”, complementa o presidente da DalPet Otílio Dalçóquio.

Regras de convivência do ‘Parcão’

-O local é destinado exclusivamente para cachorros dóceis que saibam conviver com outros animais.
-Cães que possam apresentar o mínimo de risco devem usar focinheiras.
-Não será permitida a entrada de cadelas no cio.
-É necessário recolher as fezes do animal e manter o espaço limpo e organizado.
-Os animais devem ser acompanhados e monitorados pelo dono ou responsável.
-O proprietário é o responsável por todos os atos do animal e danos que possa causar.

expoville 5expoville 6expoville 7expoville 8expoville 9expoville 10expoville 11expoville4

Serviço
O que: Parcão DalPet
Onde: Área de Lazer da Expoville
Endereço: R. XV de Novembro, nº 4315 – Joinville, SC
Horário de funcionamento: diariamente das 8 às 19 horas
Quanto: Entrada gratuita aos visitantes da Expoville 

Férias com o pet? Saiba o que fazer com seu animal de estimação

Conheça dicas e cuidados importantes para quem quer levar seu pet junto ou deixá-lo na cidade

As férias chegaram e, além de organizar a viagem, é preciso decidir o que fazer com os pets. Dá para levá-los? Ou é melhor deixá-lo sob cuidados de outras pessoas? É importante que os tutores tenham consciência que é necessário se programar e pensar se o pet será parte dos planos ou não. Nada de deixar seu cão ou seu gato para trás.

Inclusive, uma pesquisa inédita realizada no Brasil pelo Ibope e o Centro de Nutrição e Bem-Estar Animal Waltham revelou que o fato de não ter com quem deixar o pet ao viajar é uma das principais justificativas apontadas para uma pessoa não ter um animal de estimação. Mesmo assim, o número de animais abandonados no Brasil é alto, cerca de 30 milhões segundo a OMS, e tende a aumentar no período de férias.

Prova disso, é o índice de abandono que cresce em torno de 30% entre dezembro e fevereiro, segundo dados das ONGs que fazem parte do Programa Pedigree Adotar é Tudo de Bom. As ONGs, que chegam a ficar no limite da capacidade, recebem cerca de 30 pedidos a mais de resgate por mês, enquanto normalmente, em média, costumam receber 15 chamados.

Por isso, é fundamental analisar os prós e os contras de levar o animal junto na viagem. Pense bem no destino, no meio de transporte, nas atividades e na duração da viagem. Para ajudar, algumas dicas para quem pretende viajar com seu pet:

cachorro praia alvimann
Foto: Alvimann/MorgueFile

· Levar gatos e cães à praia exige cuidados especiais com alguns tipos de parasitas. Informe-se previamente com o médico-veterinário de sua confiança e lembre-se que em muitas praias a permanência de animais de estimação é proibida.

cachorro pata coxim pixabay
Pixabay

· Fique atento ao piso quente que pode queimar as patas e causar sofrimento aos animais. Também atente ao calor que ele sente quando exposto ao sol, principalmente os gatos e cães de pelos longos. Os animais também sofrem com o sol forte.

gato-bebendo-agua
Foto: FoodfurLife

· Mantenha sempre água limpa e fresca à disposição.

cachorro carro
· Se a viagem for de carro, passeie com o animal antes de ele entrar no veículo para que ele faça suas necessidades. O ideal é acostumar o animal com o movimento antes de iniciar o percurso. Não é indicado que o animal seja alimentado antes das viagens e durante o trajeto, já que eles podem ficar enjoados. Nunca deixe o pet solto dentro do carro. O recomendado é utilizar caixa de transporte adequada ou, para cães, cinto de segurança próprio. Não permita que o animal coloque a cabeça para fora da janela, pois isso pode causar otite ou machucados em caso de impacto com insetos ou pedras.

cachorro e gato brincando
Warren Photographic

· Importante que se altere o mínimo possível a rotina do animal (horários de alimentação, passeios e brincadeiras por exemplo).

blablacar-plaquinha-de-identificacao-e1467057538181
· Vale lembrar que o pet deve estar devidamente identificado com plaquinha na coleira ou microchip, além de estar em dia com vermifugação, vacinações, anti-pulgas/carrapatos.

Se a opção for por deixar o animal de estimação em casa, também é necessário uma série de cuidados essenciais como:

petstyle
Petstyle

· Não deixar o animal sozinho durante o período em que estiver ausente.               Disponibilizar alimento e água não garantirá que ele estará bem durante a ausência dos tutores. O simples fato de ele estar sozinho em casa já gera um grande estresse para o animal, que sentirá falta da rotina da família, da presença física das pessoas, das brincadeiras e carinho.

cat sitter
· O recomendado é buscar um serviço profissional especializado, dentre eles hoteizinhos que estejam prontos para recebê-lo ou, então, pet-sitters que visitem a residência diariamente e amenizem a ausência da família, além de zelar pelos cuidados de saúde e bem-estar do animal.

hotel toriba pet friendly
· Importante que seja realizada uma pesquisa criteriosa e uma visita no local (no caso de hotéis), além de um período de adaptação com o animal antes de ele ficar sob os cuidados profissionais contratados.

Fonte: Pedigree

 

As flores certas para os capricornianos

Ler o horóscopo é um hábito muito comum entre os brasileiros. Há quem não saia de casa sem conferir o que os astros preveem para o dia que se inicia. Independentemente do perfil, é impossível negar que as flores estão presentes no cotidiano de todos e que são capazes de mudar o humor dos mais céticos dos seres.

Pensando nisso, a Nova Flor traz um guia para os nascidos sob o signo de Capricórnio, ressaltando suas características e flores que mais combinam com esses indivíduos. Algumas características do signo: sua forma de amor é calculada, ou seja, nem mais e nem menos. E isso demonstra a sua maior qualidade: a de amar a todos na medida certa. Controle é a sua palavra de ordem, então tenha certeza que, enquanto o capricorniano estiver nesse barco, ele não vira. Pertencentes ao elemento Terra, são seres totalmente ligados ao trabalho, focados e com grandes ideias.

flores capricornio.png

Na Nova Flor, o buquê do signo de Capricórnio é composto por rosas, astromélias, lírios e lisianthus. Valor: R$ 179,80