Arquivo da categoria: adoção

Petz promove eventos de adoção em 25 endereços neste fim de semana

Com a parceria de 36 ONGs, rede de pet shop realiza encontros em suas lojas para que cães e gatos resgatados das ruas ganhem um novo lar

Nestes sábado (26) e domingo (27), a Petz vai promover eventos de adoção em 26 endereços na capital paulista, ABC, interior, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Brasília. O projeto Adote Petz conta com a parceria de 36 ONGs. Já foram adotados 34.232 cães e gatos desde 2007, quando o projeto foi criado.

Durante os eventos, os pets ficam em um espaço nas lojas onde podem ser vistos, interagir e conquistar uma nova família. Todos são castrados, vacinados e vermifugados. A equipe da ONG responsável orienta e auxilia a tirar as dúvidas sobre os bichinhos e a adoção.

Adoção permanente

A rede também criou espaço permanente de adoção de gatos em algumas unidade, como a da Ricardo Jafet, Imigrantes, Jundiaí e Florianópolis. “É mais uma proposta para potencializar as adoções. Queremos incentivar a posse responsável e uma nova chance para os animais”, explica a veterinária Giulliana Tessari, gerente responsável pelo Adote Petz.

cachorro e gato adocao

Veja onde serão os eventos do fim de semana

São Paulo
Anália Franco (Av. Regente Feijó, 677) – dias 26 e 27, das 12h às 18h
Radial Leste (Av. Alcântara Machado , 3300) – dias 26 e 27, das 13h às 19h
Limão (Av. Otaviano Alves de Lima, 1480) – dias 26 e 27, das 13h30 às 19h30
Alto da Boa Vista (Av. Adolfo Pinheiro, 1600, Santo Amaro) – dias 26 e 27, das 10h às 16h
Jaguaré (Avenida Corifeu de Azevedo Marques, 4529) – dias 26 e 27, das 10h às 16h
Morumbi (Rua Aureliano Guimarães, 201) – dias 26 e 27, das 10h às 16h
Washington Luiz (Av. Washington Luís, 2737, Brooklin) – dias 26 e 27, das 11h às 16h
Pompeia (Av. Francisco Matarazzo, 2000) – dias 26 e 27, das 10h às 16h
Marginal Tietê (Av. Presidente Castelo Branco, 1795) – dias 26 e 27, das 14h às 19h
Bandeirantes (Av. dos Bandeirantes, 2.040) – dias 26 e 27, das 13h às 19h
Ipiranga (Av. Presidente Tancredo Neves, 600) – dias 26 e 27, das 14h às 20h
Mooca (Av. Paes de Barros, 1.654) – dia 26, das 10h às 17h
Tamboré (Alameda Araguaia, 2.179) – dia 26, das 10h às 16h
Itaim (R. Bandeira Paulista, 982) – dia 26, das 10h às 18h
Ricardo Jafet (Av. Dr. Ricardo Jafet, 1.750) – dias 26 e 27, das 10h às 16h
Congonhas (Av. Moreira Guimarães, 631) – dias 26 e 27, das 11h às 16h

São José do Rio Preto
Plaza Avenida (Av. José Munia, 4775) – dia 26, das 13h às 18h

São Bernardo
Pereira Barreto (Rua Thales Dos Santos Freire, 36/40) – dias 26 e 27, 14h às 20h

Santo André
Santo André (Av. Ramiro Colleoni, 355) – dias 26 e 27, das 14h às 20h
Giovanni Pirelli (Rua Giovanni Battista Pirelli, 1645) – dias 26 e 27, das 14h às 20h

São Caetano
Carrefour São Caetano (Avenida do Estado, 1.750) – dia 26, das 12h às 18h

Mogi das Cruzes
Mogi (Av. Francisco Rodrigues Filho, 1550) – dia 26, das 11h30 às 17h

Brasília
Asa Norte (ST STN, Conjunto D, Bloco 2/B, s/n) – dia 26, das 11h às 15h

Rio de Janeiro
Ayrton Senna (Av. Ayrton Senna, 3.437) – dia 26, das 11h às 17h
Barra Américas (Avenida das Américas, 6.571) – dia 26, das 10h às 17h

Porto Alegre
Protásio (Av. Protásio Alves, 4.194) – dia 26, das 13h30 às 18h

Fonte: Petz

 

Anúncios

Está aberta temporada de encontro de cães e eventos de adoção em Curitiba

Encontro da raça Dachshund, feirinha de adoção de cães e gatos e aula de adestramento fazem parte da programação deste fim de semana

Quem vai passar o fim de semana em Curitiba pode desfrutar de uma programação acompanhado de seu pet. O HiperZoo realiza neste sábado (19) a primeira feirinha de adoção de cães e gatos do ano e dá sequência à programação de adestramento coletivo. Já no domingo (20), reinicia a agenda de encontro de raças, eventos que reúnem tutores e amantes de cães para compartilhar histórias.

Se no decorrer do ano as ONGs de proteção animal já enfrentam diversos desafios para resgatar, tratar e sustentar animais desassistidos, durante as férias o problema é ainda maior: cresce o número de animais abandonados e diminui o volume de adoções. Para ajudar a reduzir o problema, além das feirinhas de adoção, o HiperZoo abre espaço para receber doações que serão destinadas às ONGs parceiras.

gatinhos beco da esperança.jpg

É possível doar ração, alimentos úmidos, antipulgas, vermífugos e medicamentos. “Quem não pode adotar um animal resgatado tem a oportunidade de colaborar com itens necessários para a manutenção dos pets nas instituições. Elas também recebem sobras de medicamentos que ainda estão no prazo de validade, e conseguem direcionar para o tratamento de um animal que necessite”, comenta a sócia-proprietária do HiperZoo, Patrícia Maeoka.

Já quem deseja levar um cão ou gato para casa pode participar da feirinha de adoção, que acontece no sábado entre 10h e 16h e é realizada em parceria com o Beco da Esperança. Em 2018, foram realizados 46 eventos, que resultaram na doação de aproximadamente 450 animais. “A responsabilidade social é um dos pilares de nosso negócio. Realizamos diversas ações como forma de colaborar com a sociedade e as feirinhas de adoção são uma de nossas principais atividades”, analisa Patrícia.

Para adotar um pet, o interessado deve ter mais de 21 anos, responder a uma entrevista sobre os motivos de adoção, aceitar receber a visita de um voluntário da ONG e apresentar RG, CPF e comprovante de endereço para assinar o termo de adoção. Para quem deseja ter um gato como animal de estimação, ainda é necessário ter caixa de transporte e telas de proteção nas janelas de casa.

Encontro de raças e educação de cães

cachorro adestramento hiperzoo

Ainda no sábado acontece mais uma aula do programa de adestramento coletivo. Ministrada pelo comportamentalista Rafael Wisneski, da Meu Cão Companheiro, a aula promete ensinar tutores a lidarem com os diferentes comportamentos dos filhotes. As vagas são limitadas a quinze pessoas por turma e, para participar, os interessados devem se inscrever na loja apresentando cupom fiscal de compras.

cachorro dachshund

No domingo (20) a vez é dos simpáticos cães da raça Dachshund, também conhecidos como salsichas, salchichinhas ou Teckel. O encontro acontece das 14h às 17h e promete reunir tutores e apaixonados pela raça. Além da oportunidade de socialização, os animais podem se divertir em um espaço seguro, brincar na piscina de bolinha e cama elástica e ainda ganhar uma foto produzida em estúdio, em parceria com Mayara Moraes Fotografia Pet. Já quem deseja aprender mais sobre a raça pode participar da palestra “Dachshund: curiosidades, doenças da raça e prevenção”, ministrada pelo veterinário Adolfo Sasaki. A entrada é gratuita e a palestra inicia às 16h.

Feirinha de adoção com Beco da Esperança
Quando: sábado, 19 de janeiro, das 10h às 16h

Aula de adestramento com Rafael Wisneski
Quando: sábado, 19 de janeiro, das 17h às 18h – Tema: Especial Filhotes
Entrada: apresentação de cupom fiscal do HiperZoo

Encontro de cães da raça Dachshund
Quando: domingo, 20 de janeiro, das 14h às 17h

Fotobrinde com a fotógrafa profissional Mayara Moraes
Quando: domingo, 20 de janeiro, das 14h às 18h
Vagas: limitadas

Palestra “Dachshund: curiosidades, doenças da raça e prevenção” com Adolfo Sasaki
Quando: domingo, 20 de janeiro, das 16h às 17h
Entrada: gratuita

HiperZoo – Rua Desembargador Westphalen, 3.448 – Curitiba/PR

Adoção de cães na Cobasi de Guarulhos em parceria com ONG Deixe Viver

A partir do sábado, 19 de janeiro, a Cobasi em parceria com a ONG Deixe Viver irá realizar eventos de adoção de cães nas dependências da loja localizada no centro de  Guarulhos (SP).

O evento irá ocorrer um sábado por mês, das 11 às 15 horas, e para adotar um dos animais é necessário ser maior de 18 anos, portar o documento de identidade, passar na entrevista da ONG, ler e assinar o termo de adoção. Todos os animais disponíveis para adoção estão castrados, vacinados e vermifugados.

Esse projeto faz parte das ações de incentivo a adoção da Cobasi que realiza eventos em parceria com instituições de proteção animal em diferentes cidades do Brasil.

cachorro adoção
Evento de adoção de cães
Realização: Cobasi e ONG Deixe Viver
Endereço: Av. Aniello Pratici, 520, Centro, Guarulhos – SP
Data: A partir de 19 de janeiro
Horário: das 11h às 15h

Pesquisa comprova que interação com pets impacta qualidade de vida de idosos

Uma série de pesquisas já mostram que a população mundial está envelhecendo. Fatores como maior expectativa de vida e menor número de nascimentos atestam que a população deve duplicar até 2050. Com essas projeções e o aumento de doenças não transmissíveis e deficiências que acompanham o envelhecimento como, por exemplo, a solidão, fica claro o quão importante é identificar abordagens não farmacológicas e de fácil implementação para maximizar não somente os anos em que vivemos, mas também a saúde e a qualidade de vida. Isso é conhecido hoje como “envelhecimento bem-sucedido” ou “envelhecimento saudável”.

Foi esse cenário e realidade da população que chamaram a atenção dos pesquisadores do Centro de Nutrição e Bem-Estar Animal Waltham, da Mars Petcare, referência mundial em saúde animal e benefícios na interação entre humanos e pets. Nancy Gee, Gerente de Pesquisas de Waltham, acompanhou os impactos reais e positivos da interação entre pets e humanos mais velhos.

“Testemunhei, em primeira mão, a crescente evidência científica de que os animais podem influenciar positivamente os idosos, especialmente aqueles com comprometimento cognitivo ou demência”. Sua pesquisa descobriu que os adultos mais velhos podem se beneficiar ao possuir ou interagir com um cão, gato ou até mesmo com outros animais como cavalos. “Recentemente, fiz parte de uma equipe de pesquisadores que analisou os tipos de pessoas que provavelmente mais se beneficiarão desses tipos de interações com animais de estimação”, destacou ela. Os resultados, até agora, são promissores e extremamente positivos:

homem idoso com gato.jpg

· Tutores de animais de estimação mais velhos são menos propensos a relatar solidão do que os não-tutores.

nice old couple

· Redução dos fatores de risco para doenças cardiovasculares. Idosos com animais também necessitam de menos visitas aos médicos, lidam melhor com eventos estressantes e têm menor probabilidade de usar medicamentos.

idoso cachorro gato pet

· Animais de estimação fazem idosos sentirem-se importantes e estabelecerem uma rotina diária com estrutura e propósito.

Senior Couple Walking Along Coastal Path

· Outros benefícios incluem a redução da depressão, agitação e apatia, além de maior interação social e qualidade de vida.

Um relatório recente da Sociedade de Gerontologia da América, realizado em parceria com a Mars Petcare, destacou algumas áreas emergentes de pesquisas usando novas tecnologias para entender melhor o impacto de animais de estimação em adultos mais velhos. Os pesquisadores estão começando a explorar os efeitos dessa interação em um nível hormonal para entender melhor como as interações positivas com pets afetam os níveis de ocitocina (o “hormônio do amor”) e cortisol (o hormônio do estresse) em animais de estimação e pessoas.

Novos avanços na tecnologia, como rastreadores de atividades portáteis, também estão possibilitando aos cientistas avaliar o papel de um animal de estimação na promoção da atividade física. “Devemos às gerações mais velhas e a nós mesmos, pensando em nosso próprio futuro, continuar examinando essa promissora área de pesquisa e como podemos estruturar as interações com os pets para obter um maior impacto. Eu acredito que os animais podem realmente ser nossos melhores amigos em todas as etapas da vida”.

Fonte: Mars, Incorporated

Evento de adoção de gatos na Cobasi Pompéia em parceria com a Amanimal

A partir do domingo, 13 de janeiro, a Cobasi em parceria com a ONG Amanimal irá realizar um evento de adoção de gatos nas dependências da loja localizada no bairro da Pompéia, em São Paulo.

O evento acontecerá dois domingos por mês, das 12 às 18 horas. Para adotar um dos animais é necessário ser maior de 18 anos, portar o documento de identidade, passar na entrevista da ONG, ler e assinar o termo de adoção. Todos os animais disponíveis para adoção estão castrados, vacinados e vermifugados.

Esse projeto faz parte das ações de incentivo a adoção da Cobasi que realiza eventos em parceria com instituições de proteção animal em diferentes cidades do Brasil.

gato abrigo abandonado mimzy pixabay
Foto: Mimzy/Pixabay

Evento de adoção de gatos
Realização: Cobasi e ONG Amanimal
Local: Cobasi Pompéia
Endereço: Rua Carlos Vicari, 106, Pompéia, São Paulo – SP
Data: a partir de 13 de janeiro
Horário: das 12h às 18h

Fonte: Cobasi

Campanha da Petz incentiva adoção de animais resgatados

O filme “Não importa o quê, ele escuta você, adote um pet” mostra a dedicação dos bichinhos de estimação em qualquer situação

Para estimular a adoção, a Petz lançou a campanha “Não importa o quê, ele escuta você, adote um pet”. São quatro filmes de 30 segundos que mostram a companhia incondicional dos pets em qualquer situação. A ação faz parte do projeto Adote Petz, que incentiva que animais resgatados das ruas ganhem um lar em parceria com 34 ONGs.

Nos meses de novembro, dezembro e janeiro, cai o número de adoção. Muita gente deixa de adotar por causa das festas e viagens de fim de ano. Além disso, aumenta o índice de abandono. Os filmes, realizados pela Ogilvy, são veiculados nas redes sociais e televisão.

“Queremos mostrar que os pets são bons companheiros e quem adota ganha um amigo para todas as horas”, afirma a gerente de marketing da Petz, Cláudia Montini. A Petz intensifica nesta época a campanha de posse responsável, para a conscientização sobre a importância de cuidar de uma vida.

comercial petz.png

Vídeos

Pet Terapia Estacionamento

Pet Terapia Filho do Meio

Petz amplia espaço especial para adoção de gatos

A Petz vai ampliar a adoção permanente de gatinhos em suas lojas. O projeto, que começou na Ricardo Jafet, em São Paulo, já está em funcionamento nas unidades Imigrantes e Florianópolis, em Santa Catarina. Agora será expandido para outros sete endereços: Limão, Guarulhos, São Caetano do Sul, Brasília Épia, Ribeirão Preto, Jundiaí e Center Minas.

Em um espaço envidraçado, com acessórios, brinquedos e alimentação, os felinos podem ser vistos, interagir e conquistar uma nova família. A ação faz parte do Adote Petz, projeto em parceria com 36 ONGs, que incentiva que animais resgatados das ruas ganhem um lar. Desde o início do programa, em 2007, o número total de adoções de cães e gatos já chegou a 34.232.

“O aumento de adoções de gatos tem a ver com fato de eles serem muito adaptados ao estilo de vida atual, onde as pessoas dispõem de pouco espaço, pouco tempo e estão solitárias. Além disso, os felinos são naturalmente limpos e crepusculares, com atividade maior nas primeiras horas do dia e ao anoitecer”, explica a veterinária Giulliana Tessari, gerente técnica e coordenadora do Adote Petz. Segundo dados do IBGE, o Brasil tem 22,1 milhões de felinos e 52,2 milhões de cachorros, mas a população de gatos se multiplica em maior proporção.

Petz adoção gatil 1Petz Gato3Petz adoção gatil 2

Queda de adoções

Os meses de novembro, dezembro e janeiro trazem uma preocupação com a queda de adoção. Muita gente deixa de adotar por causa das festas e viagens de fim de ano. Além disso, aumenta o índice de abandono. A Petz intensifica nesta época a campanha de posse responsável, para a conscientização sobre a importância de cuidar de uma vida. “Não se faz adoção ou compra de animais por impulso, de forma alguma. As pessoas precisam ter consciência de que a vida vai mudar, com gastos, cuidados e tempo disponível”, orienta a veterinária.

Para aumentar o número de ONGs, é preciso que a instituição seja oficializada e tenha toda a documentação necessária. Para 2019, a Petz pretende ter eventos de adoção em todas as suas lojas nos finais de semana. As ONGs interessadas podem entrar em contato pelo e-mail adote@petz.com.br.

Fonte: Petz

Feira de Adoção de Animais e Parada NatAUlina agitam o Parque Shopping

Seguindo o cronograma da campanha “Adote um Amor”, o Parque Shopping Barueri realiza no sábado, dia 22 de dezembro, a Feira Pet, evento que incentiva a adoção de cachorrinhos e gatinhos nesse fim de ano. Organizada em parceria com a ONG Oxy Proteção Animal, a feira de adoção acontece das 11 às 16 horas no piso L1, próximo à loja Miniso e recebe cerca de 20 filhotes, prontinhos para encher sua casa de alegria.

Todos os animais que estarão presentes são previamente vacinados, vermifugados e castrados. Para levar um novo amiguinho para casa, os interessados precisam ter mais de 21 anos de idade e apresentar RG, CPF e comprovante de residência. Além disso, é necessário que o adotante pague a taxa de adoção no valor de R$ 50,00 e assine um termo de responsabilidade, no qual se compromete a dar todo o carinho que merece para ser muito feliz.

E tem mais: quem estiver por lá e quiser desfilar com o seu pet poderá participar da Parada NatAUlina e tirar fotos com o Papai Noel. Se passear na companhia dessas fofuras já é bom, imagina curtir um dia no shopping e praticar o bem.

parada nataulina gde.png

Feira de Adoção de Cães e Gatos e Parada NatAUlina
Data: sábado, 22 de dezembro
Horário: das 11h às 16h
Local: Parque Shopping Barueri Piso L1 – Próximo a Miniso
Endereço: Rua General de Divisão Pedro Rodrigues da Silva, 400 – Nova Aldeinha, Barueri – SP
Entrada franca, taxa de adoção no valor de R$ 50,00 (pagamento em dinheiro).

Presentear com um pet no Natal exige muita responsabilidade

Confira, ainda, alguns cuidados que devem ser tomados com os animais de estimação no período de festas e férias

Na corrida pela escolha dos presentes de Natal, não é raro que cães e gatos se tornem uma opção irresistível. Por mais adorável que seja, ter um pet significa um compromisso de longa data e há quem esqueça que cuidar de um animal exige dedicação, paciência, ensinamentos, tempo para levá-lo para passear, visitas regulares ao Médico-Veterinário e, ainda, gera gastos.

Será que quem vai receber um pet de presente tem tudo isso a oferecer? É preciso pensar duas vezes ao comprar, adotar ou presentear familiares e amigos com pets; eles não são brinquedos e o abandono de animais pós período de festas, infelizmente, não é raro. Segundo dados da ONG Gavaa (@adotegavaa), entre os meses de dezembro e janeiro o abandono de animais aumenta, em média, 60%.

Uma pesquisa conduzida no Brasil pelo Ibope e o Centro de Nutrição e Bem-Estar Animal Waltham, da Mars Petcare, mostrou que os motivos que geram o abandono ou a devolução aos abrigos são inúmeros. Apenas 41% dos tutores afirmam que levariam o animal junto, caso tivessem que se mudar. Outros 14% justificam o abandono alegando motivos facilmente contornáveis, alguns deles como: não ter tempo para cuidar como gostaria; porque o comportamento era inadequado; porque o filho nasceu; porque era muito caro, não ter com quem deixar o pet na hora de viajar etc.

Por isso, antes de comprar ou adotar um pet para presentear alguém é preciso refletir bem sobre o assunto e ficar atento a algumas responsabilidades. Confira 10 dicas do Programa Pedigree Adotar é tudo de bom, que há 10 anos no Brasil tem como objetivo mudar a realidade de cães abandonados por meio da sensibilização, conscientização e mobilização da população para a causa da adoção, do apoio aos abrigos que resgatam e promovem a adoção consciente e da educação da população sobre a posse responsável.

cachorrinho

1) Quanto menor é a casa, menor deve ser o pet. Cachorros grandes, em um ambiente pequeno, podem ter problemas de adaptação.

gatinho preto gato

2) Antes de adotar ou adquirir um animal, importante considerar o tempo médio de vida que é de 12 anos. Pergunte à família se todos estão de acordo, se há recursos necessários para mantê-lo e verifique quem cuidará dele nas férias ou em feriados prolongados. Não faça nada por impulso.

Siberian Husky dog, Ash
Foto: Warren Photographic

3) Pesquise sobre as características do animal e veja se ele é compatível com o seu estilo de vida e perfil.

freepik gatos brincando

4) Caso você já tenha outros pets em casa, apresente o novo morador de forma gradual e fique sempre atento à convivência.

A02JAA Man walking dog

5) Mantenha o animal sempre dentro de casa, jamais solto na rua. E na hora do passeio, leve os cães com uma coleira ou guia.

gato e cachorro filhotes amigos

6) Evite as crias indesejadas. Castre machos e fêmeas. A castração é a única medida definitiva no controle da procriação e não tem contraindicações.

cão e gato comendo ração

7) Cães e gatos precisam de alimentação de qualidade e muita água fresca e limpa.

gato no veterinario pixabay

8) Cuide da saúde física do animal. Forneça abrigo, alimento, vacinas e leve-o regularmente ao Médico-Veterinário. Dê banho, escove e exercite-o.

gato cachorro brinquedo eskimokettu pixabay
Foto: Eskimokettu/Pixabay

9) Zele pela saúde psicológica do pet. Dê atenção, carinho e ambiente adequado a ele.

cachorro e gato

10) O Brasil tem milhões de cães e gatos abandonados. Esqueça o mito característico da adoção: pets adultos se adaptam com facilidade às mudanças.

Vale também ficar atento aos cuidados necessários nas festas e viagens de final de ano

Encontros de família, casa enfeitada, viagens… A chegada do mês de dezembro é esperada por muita gente, mas pode representar um perigo para os pets. Os animais costumam sofrer com fogos de artifício, podem ingerir alimentos inadequados nas festas e, ainda, sentem muito calor nos dias mais quentes. Para que os pets passem bem nesta época do ano, conheça algumas recomendações para garantir o bem-estar e a segurança dos animais de estimação.

IMG_20161217_220652

– Cuidado com os enfeites de Natal, especialmente as luzes das árvores. Eles provocam a curiosidade dos animais, que costumam mastigar e ingerir os objetos. O ideal é evitar decorações que possam se partir, e que ao serem ingeridas provoquem perfurações intestinais.

leftovers-dog cachorro comida

– Não compartilhe a ceia de Natal e Ano Novo, por menor que seja a porção. Parece um carinho, mas nem tudo o que é bom para nós é bom para os pets. Além de uma pequena porção de comida poder ultrapassar as necessidades energéticas diárias dos pets (e ajudar na obesidade), alguns alimentos podem causar alterações gastrintestinais, que podem ser discretas ou graves.

cachorro fogos

– Fuja dos rojões e fogos de artifícios. Muito utilizados nesta época do ano, eles causam terrível sofrimento aos animais. Por terem a audição mais sensível, os cães são os que mais sentem incômodos, que se manifestam através de tremores, latidos, tentativas de fuga e, muitas vezes, eles acabam se machucando. O ideal é não deixar o animal sozinho. Se possível, isole o som e a iluminação para diminuir o estresse.

cachorro-praia-alvimann

– Levar gatos e cães à praia exige cuidados especiais com alguns tipos de parasitas. Informe-se, previamente, com o Médico-Veterinário de sua confiança e lembre-se que em muitas praias a permanência de animais de estimação é proibida.

gato pelo333

– Fique atento ao piso quente, que pode queimar as patas e causar sofrimento aos pets. Também atente ao calor que ele sente quando exposto ao sol, principalmente os gatos e cães de pelos longos. Mantenha sempre água limpa e fresca à disposição e prefira horários mais frescos para os passeios (início do dia e começo da noite).

cachorro no carro - cohdra
Foto: Cohdra/MorgueFile

– Se a viagem for de carro, passeie com o animal antes dele entrar no veículo para que ele faça suas necessidades. O ideal é acostumar o animal com o movimento antes de iniciar o percurso. Não é indicado que o pet seja alimentado antes das viagens e durante o trajeto, já que eles podem ficar enjoados. Nunca deixe-o solto dentro do carro. O recomendado é utilizar caixa de transporte adequada ou, para cães, cinto de segurança próprio. Não permita que o animal coloque a cabeça para fora da janela, pois isso pode causar otite ou machucados em caso de impacto com insetos ou pedras.

Fonte: Mars, Incorporated

Dezembro Verde: campanha contra o abandono de animais

A ação visa conscientizar a população sobre a guarda responsável dos pets, principalmente nos meses de dezembro e janeiro, quando o número de animais abandonados aumenta

Para conscientizar a população sobre a guarda responsável dos pets, diversas cidades brasileiras aderem à campanha ‘Dezembro Verde – Não ao abandono de animais’. A escolha do mês de dezembro foi justamente por ser o período em que o número de abandonos cresce em relação à média anual, principalmente por ser um período de férias, quando muitas famílias viajam e optam por rejeitá-los.

Há ainda outros fatores que motivam o abandono dos companheiros de quatro patas, como ninhadas inesperadas, animais de grande porte para espaços pequenos, alteração do nível econômico ou desemprego do tutor, mudança de endereço, perda de interesse ou comportamento problemático do animal, alergia de algum membro da família, nascimento de um filho, internação ou morte do tutor ou cuidador, entre outros. Estima-se que no Brasil existam cerca de 30 milhões de pets abandonados, sendo 10 milhões de gatos e 20 milhões de cães, o que representa quase 4% dos cães abandonados no mundo.

cachorro de rua abandonado barkpost
BarkPost

A Vetnil, uma das líderes em saúde animal no Brasil, apoia a campanha Dezembro Verde e como parte de suas ações sociais, firmou parceria com a ONG Amalo (Associação Amigos dos Animais de Louveira), na cidade sede da empresa.

“É necessário ter consciência que ao decidir ter um pet, o tutor precisa fornecer alimentação, moradia adequada, bem-estar e saúde ao animal. Os pets que são abandonados não foram criados para sobreviver nas ruas e podem sofrer com a fome, atropelamentos, envenenamentos, maus-tratos e enfrentar inúmeras outras situações adversas. Sabemos, infelizmente, que há ainda muitos casos de abandono no país e o nosso compromisso em contribuir com a ONG Amalo nos coloca como agentes para a minimização do sofrimento destes animais”, afirma Cristiano Sá, diretor de marketing e novos negócios da Vetnil.

O executivo ressalta que o abandono de animais é crime e o infrator pode sofrer penalidades previstas na Lei de Crimes Ambientais (lei federal 9.605/1998), como detenção de três meses a um ano e multa, podendo ser ampliada caso o animal morra.

De acordo com Priscilla Finamore, fundadora da ONG Amalo, desde a abertura da instituição já foram resgatados cerca de 600 animais e direcionados à adoção. Ela conta que havia aberto, em 2013, um pet shop com hotel para hospedar os bichinhos dos amigos nos períodos de férias, mas como a ocupação das vagas eram esporádicas, Priscilla começou a resgatar animais de rua, que precisavam de abrigo ou cuidados.

“Chegou uma época em que percebi que o meu hotel não conseguia mais aceitar hóspedes, então decidi que iria me dedicar a cuidar destes cães e gatos necessitados e criei a ONG Amalo. Na cidade de Louveira, o abandono e os maus-tratos são constantes, com o aumento de animais rejeitados a partir de novembro”, conta.

Em 2018, a ONG resgatou cerca de 200 animais, realizou 47 cirurgias complexas, acompanhou 32 nascimentos, castrou 432 animais e já conseguiu um novo lar para 132 cães e 59 gatos em Louveira e região. “Esta parceria com a Vetnil é de extrema importância, porque nos ajuda a cuidar dos animais. Estamos muito gratos e felizes com esta iniciativa”, complementa Priscilla.

dezembro verde.png

A ONG Amalo é parceira da Petz Jundiaí nos eventos quinzenais de adoção. Confira as próximas datas: 5 e 19 de janeiro de 2019 (sábados), das 10h às 14h, na Av. Antônio Frederico Ozanan, 3003 (junto ao Atacadista Roldão) – Vila de Vito – Jundiaí – SP. Para mais informações sobre o trabalho da ONG e adoção de pets visite o site, clicando aqui.

Fonte: Vetnil