Arquivo da categoria: viagem

Férias & feriados: proteja a saúde do seu pet antes e durante a viagem

Passeios para o litoral demandam ainda mais atenção pelo risco de dirofilariose, conhecida como doença do verme do coração

Quem pretende viajar com o animal de estimação no feriados ou férias  deve ficar atento a alguns cuidados. A começar pela escolha do deslocamento. Em viagens de carro, os bichinhos devem ficar dentro de caixas de transporte e usar o cinto de segurança adaptado. Neste caso, não é apenas a proteção do seu melhor amigo que está em jogo. De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, transportar animais no banco da frente, à esquerda do motorista ou entre os braços e pernas é considerado infração média e pode gerar multa.

Para uma viagem ainda mais confortável e sem estresse, planeje pausas a cada 2 a 3 horas. “Fazer paradas regulares é importante para o animal se hidratar, se movimentar e fazer suas necessidades. Ficar muito tempo sentado e com vontade de urinar, por exemplo, pode ser estressante tanto para cães quanto para gatos”, orienta o veterinário Alexandre Merlo, Gerente Técnico e de Pesquisa Aplicada para Animais de Companhia da Zoetis.

O destino escolhido também é motivo de alerta. Em cidades litorâneas, a combinação entre calor e tempo úmido favorece a proliferação de mosquitos transmissores da dirofilariose, que é uma doença parasitária provocada por vermes que se alojam, principalmente, nas artérias que saem do coração dos cães. As altas temperaturas são ideais para que as fêmeas de algumas espécies dos gêneros Culex e Aedes se reproduzam.

cachorro-praia-alvimann
Foto: Alvimann/Morguefile

Cerca de 20% dos cães das regiões litorâneas da Bahia estão acometidos pela enfermidade, que chega a atingir 60% dos animais no litoral do Rio de Janeiro. Já em Recife, 36,7% dos cães podem estar infectados. Os dados são de uma pesquisa realizada pela Zoetis e conduzida pela veterinária Norma Labarthe, em conjunto com os maiores especialistas sobre o tema no Brasil, incluindo reconhecidas universidades brasileiras.

“Em regiões de clima quente e úmido, a incidência de dirofilariose é maior. Por isso, recomendamos a prevenção, que pode ser feita por meio do ProHeart SR-12, uma injeção com dose única que mantém o animal protegido por 12 meses”, conta Merlo. Com tecnologia inédita no mercado, o produto pode ser incorporado ao calendário anual de prevenção de doenças dos cães a partir dos seis meses de idade.

A dirofilariose pode levar à morte caso não seja tratada. Por essa razão, a prevenção é importante mesmo que o animal não viva em regiões litorâneas.

vacina gatos

Assim como os seres humanos, os animais devem estar com a carteira de vacinação em dia, antes de encarar uma viagem. “Algumas doenças virais, como a parvovirose e a cinomose em cães e a rinotraqueíte e calicivirose em gatos, são de fácil transmissão”, alerta o Gerente Técnico e de Pesquisa Aplicada para Animais de Companhia da Zoetis.

Os tutores também devem ficar atentos ao chamado enjoo do movimento. O mal faz com que o cão vomite e sinta desconforto durante viagens de carro ou avião. “Para estes casos, indicamos o Cerenia. O medicamento evita o incômodo e previne o vômito por até 12 horas”, afirma o veterinário.

Fonte: Zoetis – Atendimento ao consumidor Zoetis – 0800 011 19 19

Anúncios

Dicas para organizar joias na mala de viagem

Viajar é um dos maiores prazeres da vida. Sempre voltamos diferentes, mas antes de apertar os cintos e decolar, temos que organizar tudo, especialmente a mala, para que  nada falte. As joias são quase como roupas para algumas pessoas, e não podem jamais ficar de fora de nenhuma viagem, porém nem sempre sabemos como guardá-las adequadamente sem que sejam danificadas ou perdidas.

Quer saber como arrumá-las antes de preparar a mala? Confira essas 5 dicas da Zarpellon Joias para organizar as joias antes da  viagem.

5-dicas-para-organizar-suas-joias-na-mala-de-viagem.png

Como arrumar a nécessaire antes de uma viagem

Ela pode ser considerada coadjuvante por muitos na hora de arrumar as malas, mas a nécessaire é sim uma aliada importante no quesito organização. Segundo a consultora de Comportamento Profissional e de Etiqueta Social, Maria Inês Borges da Silveira, professora do ISAE – Escola de Negócios, arrumar essa pequena bolsa exige não só objetividade, como autoconhecimento.

Como seu próprio nome diz, nela carregamos o estritamente necessário para determinada ocasião. Prática, ela pode ser arrumada com tudo, desde maquiagens até remédios e produtos de primeiros socorros. “É pratico carregar nela tudo que vamos precisar na viagem, assim ela serve como um auxílio caso necessário”, explica.

Para a especialista, as mulheres geralmente optam por uma ou duas nécessaire. “É legal ter uma básica na bolsa, com produtos básicos e nossa maquiagem diária: base, corretivo, delineador, rímel e batom”. Maria Inês comenta que é interessante levar um estojo de sombras e lembrar, também, de hidratantes e cremes.

“Quando essa nécessaire vai na bolsa de mão, os produtos devem ter no máximo 100ml, respeitando as normas. Acima desse limite, eles podem ser retidos no aeroporto. É bom tomar esse cuidado”, detalha a especialista.

necessaire make

Já as pessoas que gostam de viajar levando demaquilante, óleos, perfumes, quites com pasta de dentes e escova, ela recomenda que eles sejam despachados com a mala. “Todos os produtos devem estar devidamente embalados em sacos plásticos, nunca soltos, mesmo dentro da nécessaire, já que no transporte eles podem vazar ou quebrar e estragar algumas peças de roupas, por isso é sempre bom usar o plástico como proteção”, completa Maria Inês.

Fonte: Maria Inês Borges da Silveira é professora do ISAE – Escola de Negócios e consultora de Comportamento Profissional e de Etiqueta Social

Cinco apps para programar sua viagem do feriadão de 7 de setembro

Kit básico de aplicativos auxilia viajantes a economizar e até monetizar suas viagens

Planejar uma viagem pode não ser tarefa fácil. Comprar passagens, reservar hotéis, procurar por restaurantes, pontos turísticos e lojas com os melhores preços demandam tempo e dinheiro. No entanto, hoje em dia apenas com um celular na mão já é possível tornar a viagem mais tranquila, segura e econômica.

Muitos brasileiros já apostam na tecnologia para facilitar o planejamento de viagens, é o que mostra uma pesquisa da Trip Barometer – que revela que 59% dos turistas brasileiros estão conectados a apps para planejar e/ou reservar uma viagem.

Especialistas indicam um kit básico de aplicativos para que turistas encontrem diversos serviços, como acomodação e alimentação a preços mais acessíveis, e também consigam ganhar uma grana extra durante o passeio – por meio do compartilhamento de bagagens.

mala férias (1)

Confira uma seleção de apps indispensáveis:

Airbnb

A plataforma de busca e locação de imóveis permite que proprietários disponibilizem suas residências ou quartos a turistas que buscam acomodações. O Airbnb conta com mais de 500 mil anúncios e está presente em mais de 35.000 cidades de 192 países diferentes. Essa é a opção perfeita para quem quer fugir dos hotéis tradicionais e economizar uma graninha. Disponível para Android e IOS.

AroundMe

Para quem vai conhecer um lugar novo e deseja saber tudo o que o destino oferece, o app AroundMe é indispensável. O aplicativo permite localizar estabelecimentos próximos em poucos cliques. É possível encontrar  caixas eletrônicos, bares, restaurantes, farmácias, cinema, teatros entre outros. Disponível para Android e IOS.

Bla Bla Car

Para quem precisa se locomover sem gastar muito, o Bla Bla Car é uma boa opção. O app de caronas de longa distância conecta quem procura por uma viagem com quem tem espaço livre no carro, tornando a viagem mais barata e acessível. Disponível para Android e IOS.

Grabr

Para quem vai viajar e deseja ganhar um dinheiro extra durante os dias fora do país, uma dica é utilizar o Grabr – aplicativo de compartilhamento de bagagem. A plataforma permite que viajantes comprem itens no exterior por meio de um programa de recompensas, ou seja, ao trazer produtos dentro do espaço livre de suas bagagens, o usuário recebe uma bonificação, conseguindo uma grana extra para as despesas da viagem – que é combinado entre o viajante e a pessoa que solicitou o produto. Presente em 120 países, incluindo o Brasil, o Grabr possui ao redor do mundo mais de 350 mil usuários entre compradores e viajantes. Disponível para Android e IOS.

celular carro pixabay
Pixabay

Moovit

Ideal para quem quer aproveitar todos os pontos turísticos sem gastar muito. O Moovit permite planejar viagens de transporte público. O app organiza rotas de ônibus, trens e metrô, além de mostrar a tarifa, o tempo de viagem e o horário de linha. Disponível para Android e IOS.

Vexpenses

Se sua viagem for a trabalho, a tecnologia ajuda a economizar tempo e dinheiro e também a organizar a gestão das finanças. O Vexpenses, por exemplo, é um aplicativo que facilita a gestão de reembolsos de viagens e despesas corporativas, já que possibilita o cadastro de gastos e inclusão em relatórios pelo próprio celular. Com a tecnologia, é possível fazer análises, limitar despesas, visualizar de forma rápida o gasto médio dos funcionários e controlar o cartão corporativo. Outra vantagem é aumentar a produtividade – com o uso do app, é possível reduzir em 88% o tempo gasto pela empresa com estas tarefas. O app tem disponibilidade para Android e iOS e pode ser baixado gratuitamente.

Peças essenciais para sua mala de férias

Especialista separou algumas dicas importantes para a hora de viajar

É hora de viajar, afinal, todos nós merecemos alguns dias de descanso, porém, para muitos, uma das tarefas mais difíceis é arrumar a mala, já que não podemos esquecer nada que possa acabar estragando nosso passeio. E para ajudar nessa missão, Maria Inês Borges da Silveira, consultora de Etiqueta Corporativa, selecionou alguns itens que, segundo ela, são essenciais na mala das mulheres. “A primeira coisa a ser feita é ver quantos dias você vai ficar e como vai estar o clima no local, para a partir daí começar a arrumar a mala”, comenta a especialista.

mala férias (3).jpg

Se você vai para um lugar frio:

Leve um casaco prático trench-coat, um cardigã e aquela calça coringa de cor neutra. Se é adepto do jeans, uma ou duas peças, além de camisas e malhas que combinem com os casacos e as calças. Uma bota confortável, sapato fechado estilo mocassim, uma bolsa prática para o dia, cachecol, gorro, calça de veludo ou couro e colete pratico que combinem entre si também facilitam na hora de montar o look. “Não esqueça dos óculos e do protetor solar. Mesmo no frio eles sempre protegem a pele”, lembra Maria Inês.

Se você vai para uma estação de esqui:

mulher esqui hans pixabay
Foto: Hans/Pixabay

Além das peças citas antes, acrescente um casaco Doudone. Ele é muito versátil e despojado. O ideal é usar ele com uma calça sequinha devido ao seu volume. “Caso você tenha materiais para esquiar, não esqueça de levar, principalmente a própria bota”, sugere a especialista. Se não tiver esses equipamentos em casa, muito lugares são especializados em aluguel. “Não encha-se de meias, suéteres e conjuntos de lã. O ideal para esquiar são as peças leves e impermeáveis, próprias para o esporte”, completa.

Se você vai para um lugar quente:

Tecidos leves são indispensáveis. Além disso, alguns itens não podem faltar: chapéu ou viseira, sapatos confortáveis, rasteirinhas e chinelos, sandálias, bolsas de palha e rafia, óculos escuro, protetor, bermuda, camisetas e regatas. Para a noite, encontros em restaurantes, jantares e aniversários, aposte nas pantalonas de seda, camisas ou tops, ou ainda nos vestidos leves. Se o lugar tiver praia ou piscina, não esqueça os biquínis, maios e saída de banho.

No frio ou no calor é bom levar:

Um bom livro, nécessaire com maquiagens e cremes que você goste de usar, secador de cabelo portátil, sombrinha dobrável, lentes de contato (caso use), prendedores de cabelo. “Mesmo na praia, lembre-se de levar um agasalho ou cardigã, jaqueta bomber ou pashmina”, finaliza a especialista.

Fonte: Maria Inês Borges da Silveira, consultora de Etiqueta Corporativa

 

 

Como viajar com o pet sem estresse?

Confira dicas para aproveitar as férias garantindo o bem-estar e conforto dos pets

As férias de julho chegaram e muitas famílias irão viajar. Porém, vários tutores ficam em dúvida sobre qual a melhor forma de preparar os pets para o passeio. Pesquisas indicam que mais de 10% dos cães apresentam desconforto durante longos trajetos de carro. Entre as reações mais comuns estão sintomas como respiração ofegante, salivação excessiva, tremores e vômitos

Ações como manter o animal em local ventilado e fazer pequenas pausas durante o trajeto podem ajudar a minimizar esses incômodos. No dia da viagem, o indicado é fornecer uma alimentação leve e não restringir a água. “As paradas para as necessidades fisiológicas e pequenas caminhadas devem acontecer de duas em duas horas”, explica a médica-veterinária e Gerente de Produtos da Unidade Pets da Ceva Saúde Animal, Priscila Brabec

Outra dica importante é nunca deixar o pet sozinho no carro. “O calor e ambientes quentes ou situações de estresse podem aumentar a temperatura do corporal do cão”, conta Priscila.

cachorro no carro segurança hiperzoo

Acostumar o animal com o carro alguns dias antes da viagem pode fazer toda a diferença e ajudar no controle da ansiedade, agitação e medo. “O ideal é que o tutor leve o cão para passeios de curta distância, assim ele irá se acostumar com o veículo e ficará menos receoso no dia da viagem. Durante o treinamento e transportes, indicamos o uso do Adaptil, um análogo sintético do odor materno canino, que auxilia na adaptação dos cães em situações​ adversa​s do dia a dia, trazendo a sensação de segurança, conforto e bem-estar no ambiente”, afirma a veterinária.

Adaptil auxilia na adaptação dos cães em situações adversas do dia a dia. O tutor pode borrifar o produto na caixa de transporte e no veículo. Alguns minutos após a aplicação, pode começar o treinamento colocando o cão sentado no veículo enquanto ele está desligado. Na sequência, o ideal é recompensar e brincar com o animal para que o carro seja associado a coisas boas. O passo seguinte é incentivá-lo a entrar no carro com o motor em funcionamento, usando novamente recompensas na forma de brinquedos, elogios e petiscos”, explica.

viagem carro cachorro menina.jpg

As sessões de treino devem ser curtas para permitir que o animal se sinta à vontade e se acostume com o ambiente. “O treinamento somado ao uso do Adaptil irá permitir que a viagem se torne confortável para o pet e para todos os membros da família”, finaliza Priscila.

Fonte: Ceva Saúde Animal

Shopping Vila Olímpia e National Geographic oferecem experiência inédita

Por meio de uma ação inédita na América do Sul, o Shopping Vila Olímpia irá presentear seus clientes no Dia dos Namorados com duas viagens inesquecíveis em parceria com o National Geographic Expeditions. Até dia 12 de junho, a cada 300 reais em compras nas lojas do Shopping, os visitantes ganharão um cupom para concorrer a duas experiências exclusivas em Galápagos (Equador) e Ilhas Gregas, e com direito a um acompanhante cada.

Com roteiros desenvolvidos exclusivamente por experientes guias da National Geographic, os contemplados poderão viver uma aventura em Galápagos, navegando entre as ilhas do arquipélago de iate, e visitando os parques naturais criados por Charles Darwin, famosos pela diversidade de fauna e flora. Esse é um roteiro feito para um casal aventureiro que curte exploração e natureza.

A outra opção de viagem serão as Ilhas Gregas onde os ganhadores visitarão as antigas ruínas de Atenas, poderão se hospedar em exuberantes acomodações dentro das famosas grutas de Santorini e ainda navegar e ver um pôr do sol épico no mar. Essa opção foi desenvolvida para casais que querem aproveitar para relaxar e curtir as Ilhas que são separadas por cidades históricas e paisagens naturais.

As notas fiscais poderão ser trocadas no balcão localizado no piso Térreo. E aqueles que fizerem suas trocas entre 15 e 18 horas, ganharão cupons em dobro. O sorteio das viagens acontecerá no dia 13 de junho, às 11 horas, ao lado do balcão. O regulamento completo da promoção pode ser visto no site do shopping.

O Shopping Vila Olímpia ainda oferece várias opções para comemorar o dia 12, seja num clima mais romântico com um jantar em algum dos restaurantes ou se divertindo no cinema, teatro ou boliche.

shopping vila olimpia.jpg

Promoção Dia dos Namorados 2018 Shopping Vila Olímpia
Período de Participação: Até 12 de junho
Sorteio: 1 Viagem com Acompanhante para Galápagos + 1 Viagem com Acompanhante para
Ilhas Gregas (dois contemplados). Trocas entre 15 e 18 horas, ganham cupons em dobro
Local: Shopping Vila Olímpia – Piso Térreo.
Endereço: R. Olimpíadas, 360 – Vila Olímpia, São Paulo
Informações: Shopping Vila Olímpia

 

 

Dicas de viagem para quem tem SII-D

Quer esteja a planejar uma viagem de negócios ou uma escapadela familiar divertida para a praia, viajar sempre envolve um pouco de ansiedade. E se meu voo atrasar e eu perder a conexão? Haverá bons restaurantes a uma curta distância do meu hotel? Mas se você tem síndrome do intestino irritável com diarreia (SII-D), a viagem pode ser tão prejudicial à saúde que você pode se encontrar completamente sem opção e acabar escolhendo passar as férias em algum lugar próximo e não no exterior, ou mesmo em casa, envolvendo passeios de um dia para as atrações locais.

Com um planejamento cuidadoso, no entanto, você ainda pode aproveitar o refúgio dos seus sonhos.

A SII-D é uma hipersensibilidade dos nervos e músculos do intestino que, além da diarreia, pode causar câimbras, gases, inchaço e constipação. Para aqueles que sofrem com isso, todos os aspectos da viagem podem causar problemas.

“Minha ansiedade de viajar vem de todos os ‘e se’, e da sensação de estar presa e de não conseguir chegar facilmente ao banheiro”, diz Zlata Gladunov, de Palm Beach Gardens, Flórida. Ela completa: “Eu nunca sei como meu estômago vai se comportar.”

“A viagem pode ser muito prejudicial para as pessoas com SII por várias razões”, diz Benjamin Lebwohl, gastroenterologista da Columbia University Medical Center, em Nova York. “Em primeiro lugar, o estresse associado a pegar o voo e a chegar ao hotel pode piorar os sintomas. Mas também estar longe do seu lugar habitual de comer e ir ao banheiro pode atrapalhar os intestinos”.

“Os intestinos não gostam de surpresas, e você não apenas está introduzindo novos alimentos, mas pode estar comendo em momentos incomuns, ficando até mais tarde na rua e comendo mais tarde do que o habitual”.

Existem algumas maneiras de controlar seus sintomas quando você viaja:

ipad mapa firmbee pixabay
Foto: FirmBee/Pixabay

1 – Planeje seu voo ou sua rota com sabedoria. Ao reservar seu voo, escolha uma fileira perto do banheiro e verifique se você tem um assento no corredor para não precisar incomodar um vizinho cochilando sempre que se levantar para usá-lo. Arquitete um tempo extra para chegar ao aeroporto cedo o suficiente para usar o banheiro antes de embarcar. Se você estiver dirigindo uma grande distância, use a Internet para mapear onde todas as áreas de descanso estão ao longo do trajeto.

frigobar piacenza hotels group
Foto: Piacenza Hotels Group

2 – Não se deixe levar pela compaixão das máquinas de lanches: escolha um hotel que ofereça uma minigeladeira ou frigobar no quarto. Antes de fazer a reserva, Lebwohl sugere que você veja se há uma mercearia próxima para comprar alimentos que não desencadeiem seus sintomas. “Eu viajo muito a trabalho e às vezes pode ser um desafio encontrar a alimentação que funciona para mim”, diz Judy Morgan, veterinária holística em Woodstown, New Jersey. “Mas eu acho que mesmo em um minimercado à beira da estrada, eu geralmente consigo encontrar alguns pedaços de frutas frescas e alguns ovos cozidos, e se há um restaurante com salada, eu posso fazer uma com alimentos não-processados e não lácteos e sem açúcar, que eu possa comer”, diz ela. Procure sites ou aplicativos que mostrem todas as opções de restaurantes antes de você chegar.

dieta-saudavel

3 – Coma pequenas refeições regulares. Pessoas com SII-D às vezes são tentadas a pular refeições quando estão viajando. É melhor você comer refeições pequenas e saudáveis. Evite alimentos gordurosos e fast food, o que pode desencadear sintomas, diz John Dumot, diretor do Digestive Health Institute, em Cleveland, Ohio.

493ss_getty_rf_wipes
Getty Images

4 – Prepare uma bolsa de emergência para ficar com você. Lebwohl diz que deve ter lanches não perecíveis ricos em fibras, como barras de granola e remédios como Imodium, em uma pequena mala de mão. Você também pode querer separar uma muda extra de roupa íntima e toalhas ou lenços umedecidos. Mesmo que você não precise, apenas saber que os tem pode reduzir o estresse.

homem garrafa de água foto derneuemann pixabay.jpg

5 – Não se esqueça de beber. Mantenha uma garrafa de água com você para se manter hidratado, recomenda Dumot. “Não há evidências de que evitar bebidas garantirá que tenha fezes soltas e, se ficar desidratado, isso pode levar a outros problemas”. Ele diz que você deve preferir a água, já que a carbonatação e os adoçantes artificiais de outras bebidas podem agravar seus sintomas.

iogurte lacfree

6 – Mantenha o café da manhã consistente. Como seus intestinos não gostam de surpresas, pode ser útil começar o dia da mesma maneira que você sempre faz em casa, diz Lebwohl. “Se você come iogurte todas as manhãs em casa, veja se consegue guardar um pouco no frigobar e continue a tomá-lo no café da manhã durante as férias. Seu intestino vai gostar disso”.

cama mulher relaxar
Pixabay

7 – Faça uma pausa para relaxar. Pesquisas mostraram que as técnicas de relaxamento podem ajudar a acalmar a SII-D, diminuindo a resposta ao estresse do corpo. Hipnose usando relaxamento progressivo e, em seguida, desenhando imagens calmantes na mente foi considerada uma das estratégias de relaxamento mais eficazes. Pergunte ao seu médico se não vale a pena encaminhá-lo para um hipnoterapeuta certificado, ou procure em programas de auto-hipnose disponíveis para download em sites idôneos.

dicionario menina pixabay
Pixabay

8 – Aprenda quatro palavras importantes: antes de viajar para qualquer país estrangeiro, certifique-se de aprender a dizer na língua local: “Onde fica o banheiro?” E, como alguns países usam banheiros pagos, lembre-se de levar mais dinheiro consigo.

Fonte: WebMD. Texto avaliado pelo médio David T. Derrer, em 2016

 

Conheça as tradições da Páscoa ao redor do mundo

Assim como a Páscoa não tem uma data fixa, por que não mudar sua comemoração este ano e marcar a ocasião com uma tradição de um país diferente? A Booking.com explora as diferentes maneiras em que a Páscoa é celebrada pelo mundo.

Desde o mais antigo festival de Mardi Gras no mundo às paradas de rua de Sevilha, as árvores decoradas com ovos pintados em Berlim, festividades no Rio, uma corrida de ovos de páscoa na Casa Branca, o “bilby de páscoa” em Sydney e uma rave no Canadá, se não der tempo de comemorar a páscoa de 2018, que tal se programar para, no ano que vem, festejar de uma forma diferente?

Nice, França

Port of Nice

A páscoa é amplamente celebrada pela França, conhecida em francês como Paques. Aventure-se em Nice, onde você poderá conhecer o Mardi Gras mais antigo do mundo, que acontece todos os anos um dia antes da quarta feira de cinzas, cheio de carros alegóricos coloridos, desfiles nas ruas, o famoso show de flores, além de muita música e dança. O festival, que ocorre na “terça feira gorda”, é o momento de comemorar o último dia de comilança antes da Quaresma, que é chamada de Le Carême.

nice 1

Onde se hospedar: depois de celebrar no Mardi Gras mais antigo do mundo, tenha uma hospedagem relaxante no Beautiful apartment by the sea front. Ostenta uma linda vista do mar e uma localização ideal, a uma curta caminhada da Catedral Ortodoxa Russa. Se quiser algo mais moderno, o museu de arte e design (Mamac) está a poucos minutos de carro.

Sevilha, Espanha

Sevilla, Spain

A cidade de Sevilha é lar de uma das maiores comemorações da Páscoa na Espanha. Milhares de pessoas fazem filas nas ruas para assistir as fanfarras, os carros alegóricos coloridos e decorados, além das estátuas barrocas que trazem a história da Páscoa à vida. Sevilha é adorada pelos viajantes franceses, italianos e britânicos, já que foram as principais nacionalidades que reservaram uma viagem para Sevilha no ano passado. Durante sua hospedagem, deguste as deliciosas tapas e absorva a cultura enquanto visita muitos monumentos, já que são as principais recomendações dos viajantes Booking.com. Além disso, os principais tipos de acomodação reservados são hotéis, apartamentos e pousadas.

sevilha

Onde se hospedar: o Boutike Apartments oferece acomodações estilosas e confortáveis no coração de Sevilha, uma bela casa longe de casa. A localização central é ideal para conseguir um ótimo ponto na rua para assistir as festividades da Páscoa. O apartamento possui uma cozinha totalmente equipada, perfeita para se sentir em casa e cozinhar uma refeição deliciosa para amigos e família no fim de semana da Páscoa.

Berlim, Alemanha

Eastereggs on tree

Uma tradição de Páscoa por toda a Alemanha é decorar as árvores com ovos vazios e pintados, uma atividade divertida para toda a família curtir. Os alemães se referem à Páscoa como Ostern e o costume de ferver e pintar ovos data do período anglo-saxão. As principais nacionalidades que reservaram uma viagem para Berlim no ano passado incluem britânicos, italianos e holandeses. Os principais tipos de acomodação reservados são hotéis, hostels e pousadas. as principais recomendações dos viajantes Booking.com são a história, os pontos turísticos e os museus.

berlim 1

Onde se hospedar: localizado no centro de Berlim, o hostel Generator Berlin Mitte é uma opção de acomodação estilosa, mas econômica. Localizada a apenas 500 metros da estação de trem Oranienburger Strasse S-Bahn e do metrô Oranienburger Tor U-Bahn, este é o lugar ideal para explorar tudo que Berlim tem a oferecer. A Praça Alexanderplatz, os pátios históricos de Hackesche Höfe e o portão de Brandemburgo estão todos a uma curta caminhada do hostel.

Rio de Janeiro, Brasil

RIO DE JANEIRO - FEBRUARY 11: Show with decorations on carnival

No Brasil, a Páscoa é celebrada 40 dias após o carnaval, um dos eventos que para o país. O Sambódromo é o lugar escolhido para que os moradores e turistas se reúnam para assistir as escolas de samba, mas pela cidade toda é possível curtir muita música e os blocos nas ruas. Já o feriado da Páscoa é comemorado com muito chocolate e, para as crianças, não pode faltar o coelhinho da Páscoa. Outros lugares do Rio recomendados pelos viajantes da Booking.com são as praias, e as opções mais procuradas de acomodação incluem hotéis, hostels e apartamentos. As principais nacionalidades que reservaram uma viagem para o Rio no ano passado incluem argentinos, chilenos e franceses.

rio de janeiro

Onde se hospedar: o belo Mirasol Copacabana Hotel está localizado na famosa praia de Copacabana, rodeada de bares animados, restaurantes e lojas. Da piscina na cobertura, você pode ter vistas impressionantes do Oceano Atlântico. Os hóspedes podem aproveitar uma bela vista do Cristo Redentor, monumento perfeito para prestar uma homenagem a Jesus Cristo durante este feriado religioso diretamente da varanda do hotel.

Washington, D.C., Estados Unidos

White House, Washington D.C.

Definitivamente uma das celebrações de Páscoa mais famosas dos Estados Unidos é realizada em uma das casas mais proeminentes do país, a Casa Branca. O presidente americano organiza a corrida anual dos ovos de Páscoa no jardim da Casa Branca na segunda feira de Páscoa e acredita-se que essa tradição venha do início do século XIX. Os lugares imperdíveis em Washington, D.C. são os museus, monumentos e o aprendizado de sua rica história, de acordo com os viajantes da Booking.com. Durante sua hospedagem, por que não optar por um hotel, hostel ou apartamento, já que são os principais tipos de acomodação reservados em Washington, D.C. pelos viajantes da Booking.com.

washington2

Onde se hospedar: localizado na Pennsylvania Avenue, a apenas 500 metros da Casa Branca, está o prestigiado Willard InterContinental Washington. Este histórico e luxuoso hotel abriga o procurado Red Door Spa, além de fornecer serviço de limousine e o delicioso Café du Parc, que serve pratos tradicionais franceses.

Sydney, Austrália

Ferris Wheel

Muitas nacionalidades geralmente pensam em imagens de coelhinhos e pintinhos quando pensam na Páscoa. Entretanto, na Austrália, coelhos são considerados pestes. Portanto, a maioria das crianças celebram o “Bilby da Páscoa”, em vez do conhecido “Coelhinho da Páscoa”. Se você estiver em Sydney durante a Páscoa, não deixe de visitar o Show de Páscoa Real de Sydney, na Royal Sydney Opera House. Este show, que dura apenas 2 semanas, é onde as comunidades fazendeiras exibem suas plantações e gado, e é considerado o maior show de Páscoa do país. As principais nacionalidades que reservaram uma viagem para Sydney no ano passado incluem chineses, britânicos e neo-zelandeses. Os principais tipos de acomodações reservados são hotéis, apart-hotéis e hostels. As principais recomendações dos viajantes da Booking.com são os pontos turísticos, portos e compras.

sydney2

Onde se hospedar: ostentando um acesso a uma piscina estreita interna e climatizada, o belo Meriton Suites North Sydney também abriga uma academia, spa e sauna. A Greenwood Plaza está a uma curta caminhada de lá e oferece uma vasta seleção de cafeterias e restaurantes.

Montreal, Canadá

montreal2

Para algo um pouquinho mais moderno, visite Montreal no feriado da Páscoa para uma enorme rave, Bal en Blanc, que acontece todo ano no domingo de Páscoa. Porém, se você quiser algo um pouco mais tranquilo, siga para o Carnaval de Inverno, outra grande festividade de Páscoa no Canadá. Realizada na cidade de Quebec, o carnaval consiste de eventos esportivos, como skate, esqui e pistas de tobogã.

DCIM100GOPROG0046510.

Onde se hospedar: fique no coração de Montreal, no M Montreal Hostel, localizado no lugar ideal para os viajantes que desejam festejar em Bal en Blanc esta Páscoa. Antes da festa, encontre-se com viajantes que têm os mesmos gostos na cozinha compartilhada ou na área de refeições comum, ou comece as celebrações com uma bebida no bar do hostel. A rua Sainte-Catherine, cheia de divertidos bares e restaurantes e a estação de metrô Berri-UQAM, estão a uma curta caminhada de lá, perfeito para explorar a cidade.

Fonte: Booking.com

Saúde alerta sobre vacinação contra febre amarela antes do feriado de Páscoa

Paulistas com viagens programadas para locais de risco ou com vacinação em curso devem tomar se imunizar com dez dias de antecedência

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo alerta as pessoas que ainda não se vacinaram contra febre amarela, mas que pretendem viajar no feriado de Páscoa para locais com recomendação da vacina ou ações de imunização em curso, para que compareçam aos serviços de saúde próximos de suas residências antes de se deslocarem. A finalidade é orientar e proteger a população.

O feriado tem início, oficialmente, na chamada “Sexta-feira Santa”, 30 de março, até o domingo de Páscoa, 1º de abril. Aos viajantes, a orientação é para que tomem a vacina com dez dias de antecedência, tempo necessário para o organismo produzir os anticorpos contra a febre amarela.

Atualmente, 575 dos 645 municípios paulistas têm vacinação em curso (confira clicando aqui). Isso porque as áreas com indicação da vacina foram gradativamente ampliadas, desde o início de 2016, com a intensificação das ações de enfrentamento da febre amarela no Estado pela Secretaria, por meio de monitoramento dos corredores ecológicos, vigilância epidemiológica e vacinação. A orientação também vale para pessoas que se deslocarão para outros locais do país com vacinação recomendada pelo Ministério da Saúde, clique aqui para conferir.

vacina

Atualmente, em conjunto com os municípios, está sendo realizado um monitoramento para identificar os não imunizados durante a campanha de vacinação contra febre amarela, realizada entre 25 e 16 março. Cada Prefeitura desenvolverá a iniciativa que considerar mais apropriada para alcançar essas pessoas. A cidade de São Paulo, por exemplo, decidiu disponibilizar a vacina nas 466 salas de vacinação espalhadas por todo o território da capital, até o final de maio. A vacinação continuará ocorrendo com a dose fracionada e padrão, conforme a indicação para cada pessoa.

Balanço da pasta aponta que neste ano, até o momento, 7,2 milhões de pessoas em todo o Estado foram vacinadas contra a febre amarela. O número é praticamente equivalente às 7,4 milhões de doses aplicadas ao longo de todo o ano de 2017.

Especificamente na campanha, realizada em distritos da capital e em mais 53 cidades, foram vacinadas 5,2 milhões de pessoas, o que representa 56,6% do público-alvo formado por 9,2 milhões de paulistas. Cerca de 96% foram imunizados com a dose fracionada. As localidades abrangidas na campanha foram definidas por critérios epidemiológicos após análises técnicas e de campo feitas pelo CVE (Centro de Vigilância Epidemiológica) e Sucen (Superintendência de Controle de Endemias) em locais de concentração de mata.

Nesse ano, o SUS passou a disponibilizar neste ano a dose fracionada da vacina, conforme diretriz do Ministério da Saúde. O frasco convencionalmente utilizado na rede pública pode ser subdividido em até cinco partes, sendo aplicado assim 0,1 mL da vacina. Estudos evidenciam que a vacina fracionada tem eficácia comprovada de pelo menos oito anos. Estudos em andamento continuarão a avaliar a proteção posterior a esse período. As carteiras de vacinação receberam um selo especial para informar que a dose aplicada foi a fracionada.

febre_amarela_bernardoportella
Foto: Bernardo Portella / Arca Fiocruz

Além disso, está mantido o uso da dose padrão para crianças com idade entre nove meses e dois anos incompletos, pessoas que viajarão para países com exigência da vacina e grávidas residentes em áreas de risco.

Devem consultar o médico sobre a necessidade da vacina os portadores de HIV positivo, pacientes com tratamento quimioterápico concluído, transplantados, hemofílicos ou pessoas com doenças do sangue e de doença falciforme.

Não há indicação de imunização para grávidas que morem em locais sem recomendação para vacina, mulheres amamentando crianças com até 6 meses e imunodeprimidos, como pacientes em tratamento quimioterápico, radioterápico ou com corticoides em doses elevadas (como por exemplo Lúpus e Artrite Reumatoide). Em caso de dúvida, é fundamental consultar o médico.

Fonte: Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo