Arquivo da categoria: outono/inverno

Outono: chef ensina a preparar pratos que são a cara desta estação

Outono chegou e, com ele, algumas frutas, verduras e legumes ganham destaque, como berinjela, brócolis, figo, espinafre, kiwi, uva e maçã. Pensando nisso, a Chef da Unilever, Natália dos Santos, preparou um menu completo, com entrada, prato principal e sobremesa, para aproveitar o Outono. Confira abaixo e anote essas dicas.

Berinjela: Sanduíche de berinjela gratinado

sanduiche beringela

 

Ingredientes
1 pão italiano (filão)
2 colheres (chá) de azeite de oliva
meia cebola cortada em tiras finas
1 tomate grande, sem pele e sem semente, picado
meia berinjela pequena cortada em cubos médios
1 xícara (chá) de maionese Hellmann’s
3 colheres (sopa) de queijo muçarela ralado
1 colher (chá) de cheiro-verde picado

Modo de preparo
Coloque o pão italiano sobre uma tábua, e com o auxílio de uma faca, corte a superfície e aperte o miolo. Preaqueça o forno em temperatura média (180 °C).
Em uma panela média, aqueça o azeite em fogo médio e doure a cebola. Junte o tomate e a berinjela, e refogue por 5 minutos, ou até murcharem. Misture metade da maionese Hellmann’s, retire do fogo e reserve. Passe a maionese Hellmann’s restante por dentro do pão e distribua o recheio. Polvilhe a muçarela e o cheiro-verde na superfície e cubra com papel alumínio. Disponha o pão recheado em uma assadeira e leve ao forno por 10 minutos. Retire o papel e volte ao forno por mais 5 minutos, ou até dourar levemente. Retire do forno e sirva a seguir.

Rendimento: 8 porções
Tempo de preparo: 25 minutos

Brócolis: Salada de quinoa com brócolis

salada de quinoa

 

Ingredientes
2 xícaras (chá) de água fervente
meia xícara (chá) de quinoa vermelha
meia xícara (chá) de suco de laranja
1 cubo de caldo de legumes Knorr Balance
1 xícara (chá) de brócolis-ninja (só os buquês) cozidos
10 tomates-cerejas médios cortados em rodelas
100 gramas de queijo-de-minas frescal light cortado em cubos pequenos
4 colheres (sopa) de azeite de oliva

Modo de preparo
Em uma panela grande, ferva a água e junte a quinoa. Cozinhe em fogo médio por 15 minutos ou até secar todo o líquido. Retire do fogo, tampe a panela e deixe esfriar.
Em uma panela pequena, ferva o suco de laranja e dissolva o cubo de caldo de legumes Knorr Balance. Retire do fogo e tempere a quinoa cozida com metade do caldo. Junte, em uma saladeira, os brócolis, os tomates e o queijo e tempere com o restante do caldo. Junte a quinoa e misture delicadamente.
Regue com o azeite e sirva em seguida.

#DicaDeChef
=A quinoa é encontrada nos supermercados na sessão dos grãos e/ou na de alimentos naturais.
=A quinoa vermelha pode ser substituída pela quinoa real branca.
=Se preferir, substitua o queijo-de-minas frescal por tofu.

Rendimento: 8 porções
Tempo de preparo: 30 minutos

Figo: Risoto ao curry com figo em passa

Risoto_Ao_Curry_Com_Figo_em_Passa170323_165442

Ingredientes
3 colheres (sopa) de Becel sabor manteiga
1 dente de alho amassado
150 gramas de filé de frango cozido e desfiado
1 xícara (chá) de arroz
1 colher (chá) de sal
1 colher (chá) de curry
1 xícara (chá) de vinho branco seco
3 colheres (sopa) água fervente
1 colher (sopa) salsinha picada
5 colheres (sopa) de figo em passa picado

Modo de preparo
Em uma panela aqueça 2 colheres (sopa) da Becel sabor manteiga em fogo médio, refogue o alho e o frango desfiado por 3 minutos. Junte o arroz, o sal, o curry, o vinho e refogue por dois minutos, ou até evaporar o vinho. Adicione 1 xícara (chá) da água fervente e cozinhe, em fogo baixo, até secar. Repita a operação até terminar o líquido e o arroz estar cozido, porém firme. Retire do fogo, acrescente o restante da Becel sabor manteiga, a salsinha e o figo, e misture delicadamente. Sirva a seguir.

#DicadaChef: se preferir substitua o arroz comum por arroz tipo arbóreo.

Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 30 minutos

Espinafre: Almôndegas de ricota com espinafre

almondega de ricota

Ingredientes

Almôndega
500 gramas de ricota fresca amassada
1 maço pequeno de espinafre picado
2 colheres (sopa) de Becel sabor manteiga
2 colheres (sopa) de farinha de trigo

Molho
3 colheres (sopa) de Becel sabor manteiga
1 cebola pequena ralada
6 tomates, sem sementes, cortados em cubos pequenos
1 colher (chá) de sal
2 colheres (chá) de orégano fresco picado

Modo de preparo
Unte um refratário retangular médio (31 x 19 cm) e reserve.
Em uma tigela grande misture a ricota, o espinafre, a Becel sabor manteiga e a farinha de trigo até que fique homogêneo.
Modele no formato de almôndegas e coloque no refratário untado.
Preaqueça o forno em temperatura média (180° C).

Molho
Em uma panela média aqueça a Becel sabor manteiga e doure a cebola.
Junte os tomates e cozinhe por 5 minutos, ou até amolecerem.
Disponha o molho sobre as almôndegas reservadas e leve ao forno por 15 minutos.
Retire do forno, salpique o orégano e sirva em seguida.

Rendimento: 6 porções
Tempo de preparo: 40 minutos

Kiwi: Torta de Kiwi

torta de kiwi

Ingredientes

Massa
3 ovos, gemas e claras separadas
meia xícara (chá) de açúcar
1 xícara (chá) de margarina
1 xícara (chá) de farinha de trigo
2 colheres (chá) de fermento químico
1 colher (chá) de raspas de limão
1 colher (sopa) de suco de limão

Recheio
6 colheres (sopa) de amido de milho Maizena
2 xícaras (chá) de leite
2 gemas
1 xícara (chá) de açúcar
1 colher (chá) de raspas de limão
5 kiwis cortados em fatias

Modo de preparo
Preaqueça o forno em temperatura média (180° C). Unte e enfarinhe uma assadeira redonda média (27 cm de diâmetro). Em uma batedeira, bata as claras em neve. Junte as gemas, uma a uma, batendo sempre. Acrescente o açúcar, a margarina (reservando 2 colheres de sopa), a farinha de trigo, o fermento, as raspas e o suco do limão. Espalhe a massa na assadeira reservada e leve ao forno por 20 minutos, ou até que, espetando um palito, este saia limpo. Em uma panela média, dissolva o amido de milho Maizena no leite, junte as gemas e o açúcar e leve ao fogo médio, mexendo sempre, até engrossar. Retire do fogo, acrescente as raspas de limão, a margarina reservada e misture. Espalhe o recheio sobre a massa assada e distribua as fatias de kiwi. Leve para gelar por 10 minutos.

Rendimento: 12 porções
Tempo de preparo: 40 minutos

Maçã e Uva: Torta de Maçã e Uva

torta de maça e uva

Ingredientes

Massa
1 e meio tablete de margarina culinária (150 g)
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 gema
1 colher (sopa) de açúcar
1 colher (sopa) de água

Recheio
6 colheres (sopa) de amido de milho Maizena
1 xícara (chá) de suco concentrado de uva
1 xícara (chá) de açúcar
1 xícara (chá) de leite
1 colher (chá) de essência de baunilha
1 xícara (chá) de uva-rubi cortada ao meio e sem sementes
meia maçã média, com casca, cortada em fatias

Cobertura
3 colheres (sopa) de amido de milho Maizena
meia xícara (chá) de suco de uva
4 colheres (sopa) de açúcar
meia xícara (chá) de suco de laranja coado

Modo de preparo

Massa
Preaqueça o forno em temperatura média (180° C). Em uma tigela, junte a margarina culinária, a farinha, a gema, o açúcar e a água. Misture delicadamente com a ponta dos dedos até que a massa fique lisa e homogênea. Forre o fundo e a lateral de uma fôrma desmontável pequena (23 cm de diâmetro). Faça furos na massa com um garfo e leve ao forno por 15 minutos ou até dourar. Reserve até esfriar. Faça uma tira grossa de papel alumínio com 24 cm de comprimento por 4 cm de largura e coloque-a em pé no meio da fôrma (apoiando a parte mais comprida e mais estreita no fundo da assadeira), para separar os dois sabores.

Recheio
Em uma panela pequena, dissolva 3 colheres (sopa) de amido de milho Maizena no suco de uva, junte meia xícara (chá) de açúcar e leve ao fogo médio por 3 minutos ou até engrossar, mexendo sempre. Coloque em uma das divisões da fôrma. Reserve.
Em outra panela pequena, dissolva o restante do amido de milho Maizena no leite, junte o restante do açúcar e a baunilha. Leve ao fogo médio por 3 minutos ou até engrossar, mexendo sempre. Coloque na outra divisão da fôrma. Retire o papel-alumínio e leve à geladeira por 30 minutos. Coloque sobre o creme de uva as uvas fatiadas e sobre o creme de baunilha as maçãs. Reserve na geladeira.

Cobertura
Em uma panela pequena, dissolva 1 colher e meia (sopa) de amido de milho Maizena no suco de uva. Junte 2 colheres (sopa) de açúcar e leve ao fogo médio por 1 minuto ou até engrossar, mexendo sempre. Espalhe delicadamente sobre as uvas. Em outra panela pequena, dissolva o restante do amido de milho Maizena no suco de laranja.
Junte o restante do açúcar e leve ao fogo médio por 1 minuto ou até engrossar, mexendo sempre. Espalhe delicadamente sobre as fatias de maçã. Leve à geladeira por 20 minutos ou até o momento de servir.

#DicadaChef
Esta receita é muito versátil, você pode substituir o suco concentrado de uva pelo suco concentrado de sua preferência (manga, tangerina, laranja, goiaba). Substitua também as uvas pela fruta correspondente ao suco concentrado; pode ainda, substituir a maçã por morango, pera, kiwi ou manga.

Rendimento: 10 porções
Tempo de preparo: 2 horas

Confira: benefícios das frutas típicas do outono e uma receita de smoothie

Goiaba, maçã e maracujá estão entre as frutas da estação e rendem muitas receitas nutritivas

Com a chegada do outono, alguns frutos também entram em alta e podem ser a estrela principal de receitas saborosas e funcionais. Segundo Cyntia Maureen, nutricionista e consultora da Superbom, empresa alimentícia especializada na fabricação de produtos saudáveis, frutas como maçã, goiaba e abacate são versáteis e podem ser bem aproveitadas em pratos doces ou salgados.

Abaixo, a profissional elenca outras frutas típicas do outono e sugere uma receita de smoothie de goiaba com banana:

GOIABA

Goiaba: a variedade da fruta vermelha é conhecida pelo doce de goiabada, que harmoniza perfeitamente com queijos e bolos. Entretanto, é possível encontrar ainda em geleias, sucos, molhos e outras sobremesas derivadas da goiaba, que é excelente para auxiliar na redução dos triglicérides e colesterol ruim (LDL), atua na prevenção de câncer e melhora da imunidade.

maionese de abacate california avocado commission
Foto: California Avocado Comission

Abacate: saladas, cremes, vitaminas e sobremesas são algumas opções de receitas para fazer com o abacate. A fruta é rica em gorduras boas e pode contribuir para melhora do sistema circulatório, controle nos níveis de colesterol no sangue e melhora do sono.

maracujá arica farca pixabay

Maracujá: além de produzir efeito calmante no organismo, é fonte de vitaminas do complexo B, que atuam na manutenção da saúde da pele, cabelos e olhos. “Além do suco e do chá, é possível fazer bolos, mousses e coberturas de maracujá. O sabor azedo e a cor amarela da fruta combinam com cremes doces e claros”, sugere.

caquis

Caqui: a profissional indica que a fruta é perfeita para receitas de pavês, mousses e pudins, mas seu consumo in natura permite que sua ação antioxidante no organismo seja amplamente aproveitada.

maçã

Maçã: entre os muitos benefícios da fruta está o fortalecimento da região da garganta, atuando na prevenção e combate de tosses, rouquidão e demais incômodos. “A maçã é um fruto muito acessível, por isso é as opções de pratos são muitas, indo de sucos a tortas, muffins e chips da fruta”, conclui.

Receita Superbom: Smoothie de goiaba com banana

smoothi gioaba

Ingredientes
1 xícara (chá) de suco de goiaba Superbom
Meia xícara (chá) de água filtrada
1 banana gelada
3 pedras de gelo

Modo de preparo
Em um liquidificador, bata bem todos os ingredientes. Sirva gelado.

Rendimento: 2 porções

Tempo de preparo: 10 minutos

Sugestões de produtos

geleia de goiaba

Geleia de Goiaba 100% fruta – Superbom: rica em vitaminas D e E, além dos sais minerais de ferro e cálcio. Sem adição de corantes e aromas artificiais.

suco de maça

Suco de maçã 100% fruta – Superbom: natural, fonte de fibras e vitamina C, sem adição de açúcares e conservantes naturais.

suco maracuja

Suco de Maracujá Frutt’s – Superbom: rico em vitamina C, importante nutriente para o sistema imunológico. Sem conservantes ou corantes artificiais.

chips maçã

Frutt’s Kroc de Maçã – Superbom: chips de maçã 100% natural, sem adição de açúcar e fritura, de baixo teor calórico e rico em minerais como potássio.

Fonte: Superbom

Aproveite março para repensar os hábitos alimentares

A Doctoralia alerta para a importância de uma alimentação saudável e equilibrada o ano todo, mas especialmente no outono, quando o organismo precisa se fortalecer por conta do aumento de doenças respiratórias

Março é o mês ideal para repensar os hábitos alimentares: além de representar a chegada do outono, estação na qual a temperatura fica mais amena e o clima seco, celebra-se o Dia Nacional da Saúde e Nutrição, no dia 31.

“Sabemos que, embora o inverno só comece em 21 de junho, precisamos preparar nosso corpo para essa mudança meses antes de sua chegada, sendo que uma alimentação saudável e equilibrada é uma ótima aliada na prevenção de doenças sazonais, como gripes e resfriados”, comenta Carlos Eduardo Spezin Lopes, Country Manager da Doctoralia no Brasil.

Em 2018, houve aumento das doenças típicas de inverno, conforme levantamento do Ministério da Saúde, o qual identificou mais que o dobro de casos de influenza em relação ao ano anterior: foram 3.558 ocorrências, contra 1.459, em 2017. Segundo a mesma instituição, o período de maior incidência é a temporada de frio, entre abril e outubro, sendo mais intenso em junho.

Sauted mixed vegetables food photography recipe idea
Rawpixel.com

“Ter uma alimentação balanceada, com ingestão frequente de água e prática de atividades físicas, é uma maneira de prevenir essas doenças, pois ajuda a fortalecer o sistema imunológico em caso de contato com os vírus”, comenta a nutricionista Juliana Schrickte Grana, membro da Doctoralia.

Confira a seguir as dicas da especialista para uma dieta variada e rica em nutrientes para fortalecer o organismo e prepará-lo para o inverno:

Turbine o cardápio com alimentos ricos em vitamina C

tangerina pixabay
Pixabay

De acordo com a nutricionista, alimentos com alta concentração de vitamina C são essenciais para a imunidade, pois auxiliam na prevenção de doenças infecciosas do sistema respiratório e favorecem a absorção de ferro, evitando anemia. “Esse antioxidante também ajuda na cicatrização de feridas, na circulação do sangue e no fortalecimento dos fios de cabelo”, explica. Ela recomenda frutas típicas do outono que são ricas na vitamina, como laranja, limão, tangerina, maracujá, caqui e goiaba.

Aproveite a oferta de vegetais da estação

abobrinha
Pixabay

O outono é uma ótima época para abastecer a despensa e a geladeira com alimentos saídos direto da horta, adicionando mais vitaminas e minerais ao cardápio. Juliana indica incrementar as saladas com agrião, espinafre e repolho, e preparar receitas saborosas com abóbora, abobrinha, batata-doce, berinjela, beterraba e chuchu.

Mantenha-se hidratado

abacaxi-pippalou-morguefile

Não se deixe enganar pelas temperaturas amenas: beba bastante água diariamente. É possível também equilibrar com outras bebidas como chás, especialmente de frutas vermelhas e maçã com canela, e sucos naturais de frutas da estação, de preferência sem adoçar. Aposte também em frutas que ajudam a hidratar o organismo, como melancia, morango, pêssego, melão e abacaxi.

Dê preferência a proteínas magras e fibras

castanhas

Nada melhor do que uma sopa quentinha para aquecer e relaxar. “Ao escolher os ingredientes, opte por legumes variados, proteínas magras e grãos integrais, ampliando a diversidade de vitaminas e minerais em uma só refeição”, sugere a nutricionista, que também recomenda vegetais ricos em fibras, que saciam o apetite por mais tempo.

Juliana destaca também a importância de minerais como zinco, magnésio e selênio, presentes em oleaginosas e sementes como castanha-do-pará, amêndoas e chia, pois aumentam a imunidade, evitando gripes e alergias. Por outro lado, ela observa que alimentos gordurosos e calóricos, como carnes, massas e doces, devem ser evitados, uma vez que podem levar a ganho exagerado de peso, assim como ao aumento do colesterol e da glicose.

Fonte: Doctoralia

Cuidados no tempo seco: atenção ao ambiente dos pets é importante

O outono chegou e, por conta do tempo seco, é hora de ficar atento com seu pet. Principalmente tutores de cachorros com focinho achatado (braquicefálicos), como os boxers, pugs, shih-tzus e lhasa apsos. O motivo é que, por conta do formato do crânio, eles têm maior dificuldade para respirar e os olhos também ficam mais expostos ao clima.

cachorro pug

Mas nada disso é motivo para pânico, já que não é difícil cuidar bem do seu animal de estimação. “Nesta época do ano, problemas respiratórios e conjuntivites podem afetar os pets com mais intensidade” – explica o médico-veterinário Marcello Machado, gerente técnico nacional da Total Alimentos.

gato na cama3

Então, como evitar o desconforto? Antes de mais nada, é preciso olhar ao redor: o ambiente deve ter uma temperatura confortável. “No período de clima seco e frio, faça uso de agasalhos e roupinhas, especialmente para os cães. Também vale a pena colocar cobertores no local onde o pet dorme. Lembrando que é fundamental manter os locais limpos e secos, e as roupas e cobertas sempre limpas e livres de poeira”, diz Machado. O excesso de poeira, e de ácaros, pode desencadear alergias e outros males respiratórios.

cachorro roupinha pixabay

Muito se fala da importância da água durante as altas temperaturas, mas ela deve estar disponível o tempo todo, também, no frio. Como em grande parte do Brasil, o tempo frio acontece durante as estações mais secas, não se esqueça de checar a tigela de água, que deve estar bem limpinha.

“Independentemente da temperatura que está fazendo, o esforço físico desidrata o pet, então é muito importante o fornecimento de água durante os passeios, inclusive”, alerta Machado.

gato bebendo agua fonte Icon Home Design
Foto: Icon Home Design

Evite apenas água muito gelada. Nessa época do ano, procurar oferecer água na temperatura ambiente. Como de praxe, qualquer comportamento estranho, de desânimo e falta de apetite, leve o seu cão ao veterinário. Em caso de desidratação, é possível tratar do animal em casa, mas a decisão em relação a qualquer tipo de terapia deve ser estabelecida por um profissional.

veterinaria com cachorro

“Uma desidratação leve pode sim ser tratada em casa, mas a desidratação pode envolver doenças potencialmente perigosas”, diz o veterinário. Afinal de contas, a desidratação é um indício, e não uma enfermidade em si. “É preciso entender o que levou a esse quadro. Alguns sintomas são os vômitos e diarreias. Nesses casos, uma avaliação mais detalhada de um profissional veterinário é muito importante para controlar e curar o animal”, completa.

Fonte: Total Alimentos

Atenção: a partir de abril, não postarei mais sobre animais/natureza/meio ambiente neste espaço, mas, sim, no blog criado apenas para esses temas: Se Meu Pet Falasse, clique no nome e irá para a página automaticamente. Por favor, se gosta de animais, siga-o. Obrigada.

Salvar

Dicas para continuar a rotina de treinos após o verão

Há quem diga que o ano só começa após o carnaval. Depois da maratona de festas, férias, feriados e folias nos bloquinhos, recuperar a rotina fitness pode ser uma tarefa desafiadora.

Dependendo dos exageros, pode ser que alguns quilinhos tenham sido acrescentados na balança. Para quem deseja espantar a preguiça e continuar a rotina de treinos e hábitos saudáveis, o Master Trainer de Strong By Zumba, Giuliano Cangiani, dá algumas dicas:

Xô preguiça!

insonia cama mulher sono cansaço pixabay
“Recomece o quanto antes. Não vale a pena ficar lamentando os dias que não treinou, os quilos que engordou. O importante é o que você vai fazer a partir de hoje”, afirma Giuliano.

Pegue leve

corrida shutterstock
Foto: Shutterstock

Não é porque você já treinava antes da folia e das férias, que você deve voltar do ponto em que parou. É preciso respeitar o seu corpo. Giuliano recomenda “no começo é sempre bom começar mais leve, e a intensidade vai aumentando gradativamente. É possível encontrar aulas nas academias que, em um mesmo exercício, podemos dar diferentes tipos de intensidade: leve, moderada ou intensa”.

Desafie-se

getty_rm_photo_of_woman_running_with_dog
Um novo desafio ou meta, é sempre estimulante para criar uma rotina de treinos. “Aposte em um treino novo, estipule uma meta de mudança no corpo e não desista. Essas atitudes aliadas a uma alimentação saudável, darão resultados”, afirma o Master Trainer.

Treine em grupo

corrida
Se está se sentindo desmotivado e treinar sozinho não está funcionando, aposte em aulas em grupo. Os treinos com esse perfil motivam os praticantes. Giuliano explica: “um aluno se sente desafiado quando vê um colega tendo as mesmas dificuldades, porém conseguindo superar os seus limites”.

Treine com música

shutterstock mulher corrida inverno
Shutterstock

Uma boa playlist pode salvar o seu treino. Estudo publicado recentemente no Internacional Journal of Psychophysiology revela que uma trilha sonora adequada na hora do treino ativa uma parte do cérebro responsável por retardar a fadiga causada pelo exercício intenso. “As músicas de Strong By Zumba® foram desenvolvidas a partir dos movimentos já criados, ou seja, cada mínimo detalhe da aula foi estrategicamente pensando para que o aluno tenha uma boa experiência e bons resultados na prática dessa modalidade. Temos parceria com DJs e produtores como Steve Aoki e Timbaland”, revela Cangiani.

strong by zumba.png

Strong by Zumba não é uma aula de dança, mas sim uma aula de treinamento intervalado de alta intensidade conduzida pela música, que reúne exercícios de peso corporal, condicionamento muscular, cardio e movimentos pliométricos. As sequências foram criadas primeiro e as músicas passaram por um processo de engenharia reversa para acompanhar perfeitamente cada movimento, garantindo um treino exclusivo que ajuda o praticante a ultrapassar seus limites. Com esse novo conceito, que usa a música como principal fator motivacional, é possível queimar mais calorias enquanto tonifica os braços, glúteos, pernas e abdômen. Roupas esportiva e tênis complementam o treino de Strong by Zumba. Os instrutores podem optar por receber músicas exclusivas, materiais de marketing e suporte afiliando-se à SYNC Network, comunidade do Strong by Zumba.

Informações: Strong By Zumba, Facebook e Instagram

Shopping Metrô Itaquera lança campanha Agora que São Elas

Para entrar no clima das coleções de outono-inverno, a cada R$ 300 em compras os clientes ganham um lenço com a cara da estação.

Como parte das comemorações do mês da mulher, o Shopping Metrô Itaquera estreia a temporada de outono-inverno com a promoção Agora que São Elas, válida até o dia 31 de março. A cada R$ 300 em compras, o cliente pode trocar as notas fiscais por um lenço estampado.

O objetivo é exaltar a beleza das mulheres e trazer para o varejo o novo olhar sobre diversos temas, entre eles a reflexão do empoderamento feminino, além da atuação e valorização delas na sociedade.

São três modelos de lenços colecionáveis com estampas e cores da cartela referente a temporada, produzidos exclusivamente para a campanha Agora que São Elas. Esta será uma peça curinga do guarda-roupa para compor os looks da estação.

promocao lencos.png

Campanha Agora que São Elas
Período: até 31 de março
Mecânica: A cada R$ 300 em compras, ganha-se um lenço estampado. Limitado a três lenços por CPF.
Local: Shopping Metrô Itaquera
Endereço: Avenida José Pinheiro Borges, Itaquera

Queda de temperatura: prepare o corpo com estratégias nutricionais

As quedas de temperatura, que se iniciam com a chegada do inverno e se intensificam nos próximos meses, podem comprometer o equilíbrio do organismo, especialmente em relação ao sistema imunológico. Para evitar isso, torna-se necessária a adoção de estratégias que modulem o corpo antes da previsão do tempo mudar. A alimentação é uma forte aliada nesse aspecto, tendo em vista que o aporte adequado de vitaminas, minerais e fitoativos é eficaz no aumento das defesas imunológicas.

viver outonos

Formado por componentes específicos que sofrem influências de nutrientes, o sistema imune depende de um bom funcionamento do intestino, que possui alta associação com a chamada imunidade inata, responsável por defender o corpo contra infecções e resfriados agudos.

sementes-de-abobora-max-straeten
Foto: Max Straeten / Morguefile

Certos nutrientes, especificamente a glutamina, a arginina, os ácidos graxos essenciais e as fibras dietéticas (com destaque às prebióticas) são necessários para o crescimento e função normal das células presentes na mucosa intestinal e, consequentemente, das imunológicas. Para isso, a inclusão de cereais integrais, sementes, oleaginosas e leguminosas é recomendada.

Segundo Karla Maciel, nutricionista consultora da Naiak, os micronutrientes também devem ser ajustados na alimentação destinada aos preparos do corpo para o frio. Dentre eles, pode-se destacar o ferro, zinco, selênio, cobre, vitaminas C, E e D e as do complexo B, especialmente riboflavina (B2), ácido fólico e niacina (B3).

espinafre

Eles atuam como cofatores enzimáticos do sistema antioxidante endógeno, potencializando a ação das principais enzimas com esse papel de reduzir o estresse oxidativo. “É preciso ressaltar, ainda, que o ácido fólico, largamente presente em vegetais verde-escuros, favorece a síntese de glóbulos brancos, essenciais para otimizar a imunidade”, completa.

blueberry mirtilo pixabay
Pixabay

Um grupo de fitoquímicos que merece atenção quando se fala em imunidade são as catequinas e antocianinas, presentes no chá verde e frutas roxas, respectivamente. Estudos clínicos demonstram a capacidade destes compostos em atuar como imunomoduladores e antioxidantes, reduzindo os radicais livres que potencializam o desenvolvimento de doenças.

salmao_com_laranja

Por fim, um nutriente que deve ser listado é o ômega-3. Com alta capacidade em atuar como anti-inflamatório, o seu consumo por meio da alimentação e de suplementos de qualidade, é ideal para minimizar processos inflamatórios decorrentes das mudanças bruscas de temperatura.

Fonte: Karla Maciel – nutricionista consultora da Naiak – CRN 46500

Corello seleciona produtos para apoiar a Fundação Laço Rosa

Ao comprarem modelos de scarpins, clientes automaticamente ajudam na prevenção contra o câncer de mama

scarpins corello

Em apoio ao mês de prevenção contra o câncer de mama, a Corello e a Fundação Laço Rosa promovem até o fim do mês de outubro, uma ação filantrópica em que clientes podem ajudar automaticamente ao efetuarem compras de produtos selecionados.

Parte da renda arrecada ao longo do mês com os produtos “Outubro Power Rosa” vão direto para a instituição, que atende diretamente centros de infusão de quimioterapia através do acolhimento, doação de perucas, programas de empoderamento feminino e ações que chamam a atenção da sociedade para a causa, como o Cristo Redentor iluminado de rosa no Rio de Janeiro.

scarpin corello1

Entre os produtos participantes da ação estão modelos de scarpin nas cores rosa e vermelho, por exemplo. A Corello é uma das marcas que apoia a causa como incentivo à saúde das mulheres brasileiras.

corello

Informações: Corello

Dicas práticas para limpar a casa e prevenir alergias

Com o inverno em curso, a marca Arno reúne dicas para minimizar a presença de impurezas nos ambientes e, assim, evitar crises alérgicas

 

Quem nunca sentiu sensação de nariz entupido, coceira nos olhos, ressecamento das mucosas, garganta seca e tosse irritante? Os principais vilões normalmente são microscópicos e estão sempre por perto, em locais onde nem imaginamos. Mesmo que o ambiente esteja limpo, quem sofre com crises alérgicas precisa estar atento à higienização para evitar contato com microrganismos como ácaros e fungos.

Pensando em minimizar esse impacto, a Arno reúne dicas práticas para ajudar na rotina de limpeza doméstica – um auxílio à prevenção de alergias e doenças respiratórias –, no momento em que lança o primeiro modelo vertical de aspirador de pó: Arno Cyclonic Force Light, portátil, potente e eficiente.

Confira abaixo as dicas da marca

tapete cachorro personal clean

1. Aspire toda a casa de uma a duas vezes por semana. Se tiver pets, devido ao acúmulo de pelos, o uso do aspirador deve ser redobrado. Opte sempre por aspiradores, pois vassouras e espanadores fazem a poeira subir e espalhar-se pelo ar – o que prejudica os alérgicos. Após a aspiração, passe um pano úmido para finalizar a limpeza, tanto nos móveis quanto no chão.

cama lider

2. No quarto, mantenha as roupas de cama sempre limpas. O ideal é trocá-las uma vez por semana. Aproveite essas trocas para aspirar o colchão e deixá-lo ventilar por algumas horas.

travesseiro

3. Se possível, deixe os travesseiros no sol pelo menos uma vez por mês e lave-os a cada seis meses. O mesmo pode ser feito com as almofadas.

janelas abertas
Foto: Emily Beeson/Morguefile

4. Não se esqueça de aspirar os tapetes e tirar o pó das cortinas toda semana.

janela

5. Nos dias mais quentes e ensolarados, abra portas, janelas, guarda-roupas e gavetas para o ar circular. Aproveite essas ocasiões para tirar roupas, tapetes, edredons e cobertores guardados e expor tudo à luz solar, a fim de eliminar o mofo que possa estar presente.

A recomendação da Gerente de Marketing de Non-Food do Groupe SEB, Júlia Castro, é prestar atenção aos lançamentos do mercado de limpeza e distinguir bem as funcionalidades de cada utensílio doméstico. “Ter em casa um bom aspirador de pó é fundamental para facilitar a limpeza do dia a dia. A mais nova linha de aspiradores Arno Cyclonic Force, por exemplo, é eficiente e possui itens que permitem aspirar a poeira inclusive de locais difíceis de atingir, a que nem sempre damos atenção”, revela a executiva.

aspirador arno 1.png

O novo Arno Cyclonic Force Light certamente será um excelente companheiro para as limpezas rápidas do dia a dia porque oferece máxima autonomia e desempenho. É prático, superleve (2,3 kg), portátil e flexível para manobras. Por ser sem fio, possibilita mobilidade e autonomia a quem o manuseia. Tem máxima potência e poderosa bateria de lithium (14,4 V) de alta duração, com independência de até 30 minutos.

Possui a exclusiva tecnologia Cyclonic, com a força de sucção em forma de um ciclone, que potencializa o fluxo de ar e permite aspirar mais e melhor. Conta com duas velocidades, tem carregador de parede, elevada capacidade do reservatório para armazenar até 0,65 L de sujeira e escova com luz de LED que permite enxergar até as menores partículas de sujeira. E, para maior comodidade, pode ser guardado na posição vertical. Preço sugerido: R$ 599,99.

Outras opções de aspiradores Cyclonic Force

Com design moderno, a nova linha da Arno destaca a tecnologia Cyclonic, que potencializa o fluxo de ar para aspirar mais e melhor. Os lançamentos trazem o exclusivo e patenteado acessório Delta, que, em formato triangular, permite a remoção até mesmo da sujeira nos cantos.

cyclonic force

Compacto, forte e com alto poder de sucção, o novo aspirador Arno Cyclonic Force limpa a sujeira até nos cantos mais difíceis da casa. Com 1.400 W de potência, tem capacidade para armazenar até 1,2 L de sujeira. Preço sugerido: R$ 349,99.

force L.png

Já o Arno Cyclonic Force XL atrela alta performance a qualidade. Com potência de 1.400 W, tem capacidade para armazenar até 1,5 L de sujeira. Preço sugerido: R$ 369,99.

Ambos os produtos chegam com kit completo de acessórios, que inclui bocal para aspirar cortinas e estofados, bocal 2 em 1 com escovinha e de uso especial para cantos e frestas, dois tubos prolongadores, uma mangueira de sucção, um enrolador automático de fio (cada modelo possui uma metragem específica) e rodas emborrachadas que não riscam nem mesmo os pisos mais sensíveis.

Informações: Arno  – SAC (11) 2060-9777

 

Médicos-veterinários dão dicas para prevenir a gripe em pets

 

Grandes variações de temperatura e baixa umidade do ar, situações frequentes no outono e também no inverno, fazem com que a incidência de doenças respiratórias em cães aumente nesta época do ano.

Por isso, é importante manter os pets aquecidos e abrigados, especialmente nos dias mais frios, como sugere o médico-veterinário Rodrigo Mainardi, presidente da Comissão Técnica de Clínicos de Pequenos Animais do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo (CRMV-SP). “É interessante manter os animais em áreas cobertas e longe de corredores de vento, para tentar amenizar as mudanças bruscas de temperatura.”

Deixar os cães em lugares fechados, onde não há circulação de ar, ou em locais com grande concentração de animais, como creches, canis e abrigos, também favorece a transmissão de viroses, explica a médica-veterinária Rosangela Gebara, membro da Comissão Técnica do Bem-Estar Animal do CRMV-SP.

“Quase todos os cães são suscetíveis à infecção da gripe canina e a doença tende a se espalhar mais facilmente entre os animais que ficam alojados em um mesmo local” observa a médica-veterinária.

Há dois tipos do vírus Influenza A que causam gripe em cães – o H3N8 e o H3N2. “Esses vírus causam a doença em cães, mas não em seres humanos” enfatiza Rosangela. A gripe canina pode ser transmitida por meio de tosse e espirros de cães infectados e também por cães não infectados que entraram em contato com objetos contaminados.

veterinarian dogs

Sintomas

Mainardi explica que, como na gripe humana, coriza, tosse seca e apatia são os primeiros sintomas observados nos animais gripados. Mas eles também podem apresentar espirros, febre e falta de apetite. “Como muitas doenças graves nos cães também são virais e possuem esses mesmos sinais, assim que o tutor perceber os sintomas é recomendável a visita ao médico-veterinário”, orienta.

Rosangela ressalta que a maioria dos cães melhora após duas ou três semanas. “Dependendo da gravidade dos sintomas e do status imunitário do animal, ou seja, se for um animal muito jovem, idoso, com a imunidade baixa ou com alguma outra doença concomitante, a gripe pode piorar”, diz. Nesse caso, o animal pode ter uma infecção bacteriana secundária e desenvolver uma pneumonia, que pode se agravar e levar o animal à morte se não for tratada.

Cuidados

Se o cão estiver com gripe é importante mantê-lo bem hidratado, disponibilizando água fresca em diversos pontos da casa. A médica-veterinária também recomenda reforçar a alimentação. “Animais gripados necessitam de um maior aporte calórico para enfrentar a infecção, portanto devemos oferecer alimentos mais palatáveis e em maior frequência e quantidade.”

Também é importante evitar ao máximo dar banhos no animal doente. Se for realmente necessário, o mais indicado é dar banhos rápidos, com água morna, lembrando de secar bem o pelo do animal.

Quanto aos passeios, deve-se seguir a rotina do animal, evitando, no entanto, exercícios muito intensos, passeios na chuva ou nas horas do dia em que a temperatura esteja muito baixa. “Os passeios diários, seguindo o ritmo do cão, são benéficos e não devem ser cortados, só se for por recomendação médica-veterinária” diz Rosangela.

cachorro inverno frio

Para Mainardi, os cuidados variam de animal para animal, por isso é importante que o tutor siga as orientações do profissional que acompanha o pet. “Em alguns casos o médico-veterinário pode prescrever anti-inflamatórios e/ou xaropes com anti-histamínicos para melhorar os sintomas da tosse e coriza” esclarece Rosangela.

Roupas, assim como caminhas, casinhas, potes de água e de comida não devem ser compartilhados com outros animais enquanto o cão estiver doente. “Como em toda gripe, a transmissão é fácil e rápida, portanto o isolamento do animal também é recomendado” complementa Mainardi.

Prevenção

Vet dog and injection

Existem vacinas que protegem contra o vírus da parainfluenza canina. Essas vacinas devem ser aplicadas, de forma preventiva, em filhotes a partir das oito semanas de vida e repetidas anualmente, seguindo sempre a recomendação do fabricante e do médico-veterinário. Geralmente são vacinas de aplicação intranasal e que protegem também contra Adenovírus Canino Tipo 2 e Bordetella bronchiseptica, uma bactéria que pode causar bronquite.

“As vacinas só devem ser aplicadas por um médico-veterinário e somente em animais saudáveis. Não se deve vacinar animais enfermos, subnutridos, parasitados ou sob condições de estresse”, alerta a médica-veterinária.

Outras medidas podem contribuir para evitar que o animal fique gripado:

• evitar passeios em dias muito frios;
• não deixar o cão dormir ao relento, protegendo-o de correntes de ar e intempéries;
• colocar cobertores nas casinhas e roupas para mantê-los aquecidos nos dias frios. Os tutores devem priorizar o uso de roupinhas confortáveis e que não restrinjam a movimentação do animal;
• manter o cão bem hidratado;
• oferecer uma quantidade maior de alimentos e que sejam mais agradáveis ao paladar, a fim de manter a imunidade do animal.

Fonte: CRMV-SP